Subscribe: Cosmic Men
http://cosmicmen.blogspot.com/feeds/posts/default
Added By: Feedage Forager Feedage Grade B rated
Language:
Tags:
amor  assim  dor  emoções  está  faz  isso  mais  mesmo  muito  nos  não  outros  ser  são  temos  vida  você 
Rate this Feed
Rate this feedRate this feedRate this feedRate this feedRate this feed
Rate this feed 1 starRate this feed 2 starRate this feed 3 starRate this feed 4 starRate this feed 5 star

Comments (0)

Feed Details and Statistics Feed Statistics
Preview: Cosmic Men

CAMINHAR ACOMPANHADO...





Updated: 2018-03-06T05:31:38.909+00:00

 



Objectivo de vida - Mensagem do pápa Francisco.

2014-04-10T12:15:22.030+01:00

"Não chores pelo que perdeste, luta pelo que tens. Não chores pelo que está morto, luta por aquilo que nasceu em ti. Não chores por quem te abandonou, luta por quem está contigo. Não chores por quem te odeia, luta por quem te quer. Não chores pelo teu passado, luta pelo teu presente. Não chores pelo teu sofrimento, luta pela tua felicidade. Com as coisas que nos vão acontecendo vamos aprendendo que nada é impossível de solucionar, apenas siga adiante."

Mensagem do papa Francisco, realmente este homem tem uma grande sabedoria e preenche os corações das pessoas.



Dor

2014-03-27T16:34:44.518+00:00

A dor faz parte do dia a dia do homem desde a própria história do homem. Não falamos aqui apenas na dor física, mas de todo e qualquer tipo de dor, a física é apenas uma das suas formas, mas existe ainda a dor psicológica e a fé a dor espiritual.
A dor em qualquer uma das suas acepções serve como principal bloqueio ao nosso normal desenvolver do dia a dia, de que se possa seguir em frente e até mesmo evoluir.
A dor obviamente está associada à capacidade de sofrimento de cada um, mas ninguém conseguirá sofrer por tempo indeterminado e na solidão por muito forte que seja o indivíduo e por muito capacidade de sofrimento que se tenha.
Aquele ou aquela que tente aguentar a dor sozinho apenas conseguirá chegar a um ponto de frustração elevado que bloqueia o caminho para a felicidade. Com isso a dor aumenta e com ela o sofrimento.
Cabe-nos a nós como primeiro passo reconhecer a dor e as suas causas, ao ser consciente disso devemos apoiar-nos na família, nos amigos (aqueles que realmente o São) e em conjunto lutar por ultrapassar essa dor, criando mecanismos de auto-ajuda e de ajuda dos outros, este processo releva ainda vários factores importantes, são eles a confiança, no próprio e nos outros, a lealdade, a fidelidade, e claro está no Amor.
Ultrapassar a dor pressupõe ultrapassar o passado, passar a receber o futuro que a cada segundo se converte em presente. Como é óbvio o passado faz parte da vida de cada um, mas deve apenas servir como guia para não cometer erros repetidamente, algo em que o homem é perito, pois o homem é o único ser capaz de tropeçar duas vezes na mesma pedra, sobretudo quando vive no passado e não utiliza esse passado para não cair de novo nos mesmos erros. Mas o que é que nos prende de tal forma que nos prende tanto a esses factos do passado? Podem ser diversas coisas, pode ser a própria cultura em que se está inserido que não ensina a ver para além, mas com a globalização temos visto que muito lentamente esse aspecto vai mudando, nem sempre para melhor, mas sempre muda algo, depois temos vários aspectos das próprias pessoas, e em regra o que mais se destaca para voltar a repetir erros que provocam sofrimento e dor diversas vezes é o "orgulho", imensas pessoas têm esse problema, o orgulho é um bloqueio tremendamente forte ao desenvolvimento humano e à felicidade, e um desencadeante de dor, não só no próprio individuo mas também nos outros com quem se relaciona.
Quantas vezes uma pessoa não faz algo porque o seu orgulho faz com que não queira parecer fraco, quantas vezes não se desiste de lutar por algo por orgulho, deixando em nós marcas profundas e causando uma Dor que esmaga qualquer um. Há quem defenda que isso faz parte do amor próprio, mas não é de todo assim, o amor próprio é gostar e acreditar em nós mesmos, lutar por aquilo que queremos, perseguir aqueles que amamos e dar o máximo se sentimos que podemos perder essas pessoas, é correr atrás delas se sentimos que elas são um pilar da nossa vida e que podem sair dela, por sua vez o orgulho não tem nenhuma carga positiva, bloqueia o próprio amor próprio pois ninguém que goste de si mesmo prefere o sofrimento em vez da felicidade. 
Assim é inegável a necessidade de viver o presente em vez do passado, de ir atrás do que se quer mostrando a fortaleza e a coragem da vontade de ser feliz em vez de por orgulho aceitar a dor por pensar que determinados actos são uma fraqueza. Lutar por aquilo que se pretende, dentro dos limites da dignidade de cada um e dos outros, nunca é nem será uma fraqueza, mas sim um grande ponto de progresso no caminho da felicidade e um grande passo no combate a dor.



AMAR

2014-03-27T15:21:55.896+00:00

"Gostar não basta. . .
É necessário Amar... gostar é morno, é mais ou menos, Amar significa envolver- se, apaixonadamente. Amar significa que é uma questão de vida ou morte. O AMOR significa intensidade, totalidade."

Sinceramente é isto mesmo que eu penso.



Sonho ou realidade

2014-02-23T19:56:39.352+00:00

A emoção embarga-me a alma
O tacto da minha pele está intensificado
O olfacto apurado faz-me perder a calma
A cabeça pede frieza mas o coração está do seu lado.

A luta começou e o desejo parece mais forte.
É necessária coragem para domar o indomável,
A cabeça diz que não é sorte
Mas sim uma entrega pura e fiável.

É necessário acreditar que pode ser possível
Abrir os olhos e ver que se está a acordado,
Não é um sonho impossível
Mas sim a realidade de ser amado.




Energia

2014-02-02T17:38:50.713+00:00

Nós enquanto pessoas vivemos em torno a energias. Temos energias internas e energias externas. Como internas aquelas que são nossas, que de alguma maneira controlamos ou pelo menos temos a noção do que está por detrás delas, depois como externas temos todas que nos são transmitidas pelos outros com quem convivemos no dia-a-dia, pelos acontecimentos profissionais, sociais e de lazer, ou até os que nos são transmitidos pela própria natureza.Nas energias internas temos a energia física, a que sentimos dia a dia e que mais rapidamente nos apercebemos do seu estado, se estamos cansados, se estamos com muita vitalidade, se a nossa motricidade está mais lenta ou mais rápida, tudo isso está relacionado com a energia física, mas depois temos a energia psicológica, esta está sobretudo ligada ao nosso Eu interior, à capacidade do nosso cérebro trabalhar mais ou menos, mais depressa ou mais lentamente, e esta energia psicológica influencia claramente a energia física, pois se psicologicamente as nossas energias estão em baixo ou reduzidas o nosso próprio corpo não responde da mesma maneira, o animo existente faz com que nos sintamos sem forças, no entanto se o nosso nível psicológico estiver alto sem duvida o nosso organismo e mesmo em situações de stress físico responde de maneiras muitas vezes inexplicáveis pela própria ciência. Isto não vem de hoje, e já na Roma Antiga tinham a noção de “Mente Sã em corpo São” pois tinham plena consciência que tudo está interligado.No entanto Homem não é um ser que viva isolado, que viva por si só, o Homem é um ser que vive em sociedade, relaciona-se com outros seres da sua espécie, ou seja com outros Homens, e com tudo o que o rodeia e ligado a natureza e sua envolvente. Com isto as suas energias internas são constantemente bombardeadas com energias externas, a que geralmente chamamos estímulos, e estes fazem-nos reagir (ou não, que apesar de tudo não reagir também ode ser entendido como uma reacção) e nos afectam de imensas maneiras. Se alguém nos transmite energias que consideremos negativas vão-nos influenciar negativamente tanto no comportamento com essa pessoa como até mesmo com todas as outras. No entanto se alguém nos transmitir energias positivas isso vai-se reflectir também em nós, cria-nos um bem-estar psicológico e pelo mesmo motivo físico, e são estes os estímulos e as energias que realmente devemos dar valor.Em regra, o homem tende a valorizar as energias negativas, quer porque o afectam negativamente quer porque a dor tende a ficar mais marcada na memória, mas seria importante para todos nós enquanto pessoas, enquanto sociedade, inverter isso e passarmos a valorizar muito mais as energias e os estímulos positivos, pois daí retiramos os amigos (os verdadeiros amigos), os nossos amores, as nossas paixões e que no fundo nos dão razão a nossa existência por mais fugazes que sejam. Por vezes as energias negativas criam-nos frustrações, situações limite em que agimos irreflectidamente e nos prejudicamos a nós próprios e a terceiros, sendo que essas energias negativas são fruto de sonhos irrealizados ou não concretizados, do querer e não poder. No entanto a volta de tudo de existem também as energias positivas, com isso devemos pegar e pensar se não será melhor deixar as energias negativas e aproveitar essas positivas com as quais vivemos melhor, com mais qualidade de vida, com mais alegria, com mais garra e atitude. Evidentemente que essa deve ser a atitude, se não podemos concretizar um “sonho” acordemos desse e partamos para outro, a vida é constante movimento, com esse movimento nós podemos utilizar a nossa mente para nos focalizarmos no que temos de bom na vida, nas energias positivas que temos, das nossas vantagens competitivas (aplicando aqui um pouco de termos económicos) e transformar a nossa vida real numa vida de sonho, mas o nosso “sonho real”. É preciso ter assente que [...]



Explosão de sentimentos

2014-01-28T19:30:00.246+00:00

Apesar de diversos artigos que tenho em trabalho, hoje não escrevo bem um artigo, hoje escrevo mais sentimentos. Estou farto de pensar, de ter a cabeça a trabalhar a uma velocidade de cruzeiro, farto de tentar entender coisas que não são fáceis de entender, farto de tentar fazer entender coisas que estão a vista, mas que o coração com a emoção esconde da razão. Estou farto de me lembrar do que os outros não se lembram. Os sentimentos são complexos, misturam-se com a razão e nublam-nos a visão, fazem-nos esquecer o que já sentimos, fazem-nos viver nas sombras no negativo das memórias, em vez de nos trazer a felicidade pela beleza dos bons sentimentos passados. 
Estou farto de parecer adormecido quando na realidade tenho um leão dentro cheio de vontade de rugir e abafar todos os males. Estou farto de estar em terra a perto de quem não se interessa em vez de voar nas asas de uma águia capaz de me levar ao céu livre e apaixonante. 
Sinto o meu coração latir com força mas com receio de perder o que tanto trabalho deu conquistar, ou será que foi ele o conquistado? Uma dúvida que nem a razão sabe responder. 
Quero o sol, quero explodir de emoção, ver olhos a brilhar com os raios solares que entram pelos olhos e aquecem o coração, que aquecem a alma e nos mostram o caminho da Felicidade que anula a dor e o sofrimento. 
Peço a razão que me deixe ser livre, que não me prenda as sensações e as emoções do coração. Será que ela me escuta? Não sei. Amo a vida, amo os meus pais, amo a minha mulher e a minha lindíssima filha. No fundo todos os sentimentos fazem-me parecer perdido, mas na realidade apenas estou adormecido.



ABRIR O CORAÇÃO – AMAR VS PAIXÃO

2014-01-25T13:34:25.725+00:00

Hoje em dia vivemos numa sociedade que complica em demasia as relações, por um lado porque as pessoas relacionam-se mais com o trabalho e com a vida profissional que com as próprias famílias e/ou relações sentimentais, por outro porque as tecnologias têm roubado o olhos nos olhos que é tão importante na hora de comunicar e de abrir o coração, sendo essa uma das premissas indispensáveis do amor, e por essa razão também das relações.Ninguém pode amar outro se não for capaz de lhe abrir o coração, dizer o que sente e o que pensa para que a outra pessoa faça o mesmo. Uma relação baseada apenas na atracção e no desejo, aqui falo claramente numa relação amorosa de casal, tenderá ao fracasso se o casal não aprender a comunicar, a abrir o coração e se não forem puros, leais, francos um com o outro.Obviamente que numa relação forte deste tipo tudo nasce com a conjugação de atração, desejo, uma certa adoração, o ritmo coração e a vontade de estar sempre com a pessoa elevados, que numa definição básica se define por paixão, que é a forma em que todos os sentimentos que envolvem o amor estão bem latentes, estão a flor da pele. Mas Amar é só isto? É só estas emoções? Estes instintos e desejos? Claramente não, amar é muito mais, e só nos iremos aperceber disso quando uma relação for duradoura, tiver passado por muitas etapas, umas muito boas outras mais negativas, em que como é natural a paixão esmorece, fica como adormecida e sentimos que não temos essa paixão. Será isso o fim? Novamente a resposta é não, com o passar do tempo a relação se seguiu o seu rumo natural consolidou-se, o amor está lá mas transformou-se, sentimos que queremos muito aquela pessoa à nossa beira, temos uma confiança e sentimentos de lealdade e fidelidade para com essa pessoa enorme, para além da cumplicidade e temos projetos de vida em comum, isso é o AMOR. Isso acontece as duas pessoas exatamente ao mesmo tempo? Pode acontecer mas não tem que ser assim, cada um tem os ritmos e as suas emoções bem como maneiras muito próprias de as viver, e por isso uma das pessoas pode ter deixado de sentir aquela paixão naquele momento e a outra ainda manter esse sentimento. Com isso quer-se dizer que um ama mais que o outro, ou que um é mais leal que o outro? Obviamente que não, o Amor não se mede, sente-se e se uma pessoa ama outra deve aceitar a maneira como a sente, não tem que sentir que não merece a outra porque a outra a ama de maneira diferente (que pode parecer maior) nada disso, deve sim amar, assumir que ama e lutar para que esse amor seja forte e duradouro. E como ficamos com a paixão? A paixão por diversos motivos, profissionais, acontecimentos da vida que mexem com o nosso psicológico, imensas coisas, pode esmorecer, pode adormecer, mas a qualquer momento se houver vontade pode ser trabalhada e voltar, mas aí não cabe a apenas um só, é um caminho que o casal deve percorrer junto e encontrar esses momentos de paixão, e digo momentos porque podem de novo adormecer, mas se encontrarmos o caminho uma vez, poderemos voltar a encontrar as vezes que entendermos, porque no fundo a Paixão faz parte do AMOR e não o contrário.Maneiras de reavivar a paixão, de magnificar esses momentos de amor, são sem duvida o lutar por isso, mas sem complicar, o procurar aproveitar cada momento junto, procurar fazer atividades que realizem os dois, o passear de mão dada, o sair com amigos para tomar um café, nos momentos em casa ser o mais natural nas suas atividades diárias, o olhar para a outra pessoa com carinho e ao mesmo tempo mostrar que se gosta dela, por vezes uma olhar maroto (que faço o outro sentir-se desejado) ajuda. Fazer pequenas surpresas com regularidade, um pequeno-almoço na cama, um jantar com luz de velas (mesmo que haja filhos, eles vão adorar também), ouvir um pouco de musica os dois, conversar sobre ba[...]



Felicidade, ambição e evolução

2014-01-19T15:04:13.238+00:00

Felicidade é um conceito subjetivo, quase anárquico pois não obedece a qualquer regra já que cada pessoa tem a sua própria definição de felicidade. Pode mesmo ser ambíguo, a felicidade de uns pode ser infelicidade para outros. No entanto a história do homem desde que é conhecido como ser racional está definida como uma história de busca incessante da Felicidade. Todo Homem quer ser feliz e os seus objetivos de vida são marcados com o intuito de o conseguir.Mas o que é que nos faz querer encontrar a Felicidade? Na realidade tudo se resume a ambição de cada pessoa. E que é isso da ambição? No fundo trata-se do desejo forte por conseguir obter fortuna, glória, fama ou tudo aquilo que não se tenha até ao momento. Em regra diz-se que as pessoas com fortes ambições são trabalhadoras, lutadoras, quase guerreiras e que em casos extremos não olham a meios para atingir os seus fins.O homem como ser que se encontra na face da terra há milhares de anos, sempre foi movido pela ambição, e foi essa ambição que fez o homem e as sociedades e culturas fossem evoluindo, assim podemos dizer que a evolução é fruto da ambição. Nos últimos milénios a evolução do homem foi sem dúvida explosiva, culturas como a egípcia, chinesa, grega, romana e algumas mais introduziram pilares que fizeram as civilizações evoluírem até ao que somos hoje. Mas porque é que o homem tinha a necessidade de criar novas teorias e bens, porque tinha necessidade de evoluir, isso faz parte da ambição de ser feliz, de encontrar o bem-estar de se sentir realizado em todas as feições da sua vida.Quer isto dizer que quanto mais ambicioso se for mais feliz se será ou se atingirá a felicidade de uma maneira mais rápida? A resposta é de todo negativa. A ambição é positiva para crescer, para querer algo mais e evoluir, mas não é garantia para obter a felicidade, muito menos se a ambição for desmesurada, a prova está que ao longo da historia a grande parte das civilizações que referi anteriormente foram desmembradas e dizimadas pela ambição interna, em que os seus próprios membros na anciã de poder deixaram de pensar na felicidade como ato comunitário mas sim como egoísta procurando o seu EU alimentando invejas e traindo os seus pares.Por outro lado a mesma ambição desmesurada nos dias de hoje faz com que as sociedades se esqueçam que vivem em sociedade e dos princípios e valores do querer e viver pelos outros, trabalha-se em nome do sucesso, vive-se em correria e azafamas por forma a ter cada vez mais bens materiais, trabalha-se de sol a sol, e não valorizamos as pessoas, e sobretudo as famílias, muitas vezes a tal ambição faz com que nem sequer se queira ter família, não estou aqui a querer julgar isso, nem fazer qualquer julgamento de juízo mas a constatar que isto é fruto da ambição. Já ouvi por diversas vezes pessoas dizerem que têm sucesso profissional, têm imensos bens materiais de imenso valor e que alguns nem sonham poder vir a ter e ao fim dizerem que mesmo assim não conseguem ser felizes. Ainda assim a sua ambição dita-lhes que se conseguirem algo mais irão encontrar a felicidade que não têm.É este apego desmesurado que corrói a nossa sociedade, cada vez temos mais coisas, mais dinheiro (apesar de hoje em dia e sobretudo no caso de Portugal vivermos épocas especialmente difíceis por culpa de (des)governantes que temos e tivemos) e ainda assim nunca estamos satisfeitos. A felicidade não está na quantidade de coisas que temos, nem no estatuto ou poder que obtivemos mas sim no valor que atribuímos as coisas e sobretudo a VIDA. Lembro-me da história de um “velhinho” que no seu leito de morte e rodeado pela sua família, esposa, filhos e netos dizia:“- Não fiqueis tristes por eu partir, durante 40 anos trabalhei para o mesmo patrão, a fazer a mesma coisa, dia após dia, após is[...]



Emoções

2014-01-15T19:14:33.493+00:00

Emoções, todos as sentimos, todos as vivemos, ainda que cada um à sua maneira, pois varia consoante o temperamento, a personalidade e até a motivação de cada pessoa. As emoções são as que nos levam a rir, chorar, comer, abraçar, correr e saltar, enfim são as que nos impulsionam no dia-a-dia, mas ao mesmo tempo todas as nossas acções e ou estímulos exteriores fazem com que se gerem em nós novas emoções, demonstrando assim que as emoções e as acções estão interligadas e existem em ciclo, uns dependem dos outros assim como uns influenciam os outros.No campo das relações interpessoais as emoções têm um papel preponderante, são as emoções que nos dão uma perspectiva sobre as pessoas, numa primeira fase serão as emoções intuitivas, em que a intuição joga um papel fundamental nos primeiros contactos, no entanto as sensações que vamos obtendo conforme vamos conhecendo as pessoas e relacionando-nos com elas convertem as emoções em emoções cognitivas, e na realidade estas serão muito mais validas que as emoções intuitivas, obviamente teremos amigos e pessoas que desde o primeiro momento gostamos ou não apenas pela nossa intuição e assim se manterá, mas também muitas vezes com o conviver e dia a dia as emoções cognitivas mostram-nos perspectivas diferentes das pessoas ou então e, se calhar em muitos casos,  mais importante realçam e aumentam as primeiras emoções.Durante a o desenvolver das relações todos os dias (para não dizer a todas as horas, ou mesmo a todos os segundos) vão-se vivendo emoções cada vez mais fortes, e essas emoções são as que fazem querer ter as outras pessoas perto de nós. Quando estamos perante um verdadeiro amigo sentimos confiança, confiança nessa pessoa mas também em nós, sentimos que podemos partilhar e que essa pessoa faz parte da tua vida porque quer, porque sente as mesmas emoções, e não porque espera algo em troca, não se faz algo à espera de gratidão, mas porque vamos ajudar alguém que é importante para nós e só por si as emoções sentidas nisso são tremendamente gratificantes. Isso é sem duvida a verdadeira amizade, saber que podes contar com o Amigo apenas pelo amor-amigo (peço desculpa pela utilização deste termo utilizado, por uma pessoa que me inspirou, num seu artigo). No entanto as emoções mais fortes são as vividas em dois tipos de relações, uma e a primeira e que se dá a nascença é a relação paterno-filial, em que Pais e Filhos têm laços que os unirão para o resto da vida (ou assim deveria ser partindo do suposto que todos são humanos e com sentimentos humanos), o primeiro colo que um pai/mãe dá aos seus filhos é indescritivelmente um momento cheio de emoções e que ninguém poderá roubar ou destruir, e desde aí ao longo da vida nessa relação serão vividas emoções que levarão ao desenvolvimento social dessas pessoas de uma forma madura, não só aos filhos mas também aos pais, pois apesar de os pais terem que ensinar muito aos filhos os pais também aprendem muito com os filhos. O outro tipo de relação em que são vivenciadas emoções muito fortes são as relações de casal, para alguns podem ser fortes num primeiro instante para outros será ao longo do desenvolvimento da relação, com isto não quer dizer que uma seja mais intensa que outra, apenas que se inicia de maneira diferente. Essas emoções fortes vividas num casal são sem dúvida as que fazem com que esse casal queira ter projectos em conjunto, desenvolver uma vida juntos e caminhar de mãos dadas. A emoção mais forte entre um casal sem dúvida é a paixão, e essa não se pode fingir, sente-se, vive-se e não é uma forma diferente de amar, é sim uma parte do Amor. Com o tempo as relações vão crescendo evoluindo, e algumas emoções transformam-se, mas é uma transformação evoluti[...]



Caminhar em frente

2014-01-13T12:09:00.219+00:00

    Há já muito tempo que não escrevo por aqui, por razões que agora não interessam desliguei-me um pouco da escrita, do valor de colocar os meus pensamentos no papel (ainda que seja neste papel digital).    A vida é dura, disso ninguém duvida, para uns porque ganham pouco dinheiro, outros porque ganham muito mas querem ganhar mais, outros porque não ganham nenhum, outros porque não têm o que outros têm e muitos, mesmo muitos porque não têm nada. A questão verdadeira está no não ter nada, será que há mesmo alguém que não tenha rigorosamente nada? Duvido, todos nós desde que nascemos vamos adquirindo experiências de vida, numa primeira fase cognitiva vamos aprendendo por observação, vemos algo e repetimos para fazer igual, mais tarde numa fase de desenvolvimento superior fazemos por tentativa-erro, ou seja fazemos algo por forma a fazer sem erro, e se erramos fazemos de outra forma para não voltar a dar o mesmo erro até que a coisa fique direitinha. Todo este conjunto de aprendizagens são experiências de vida, e isso ninguém nos pode tirar, e assim sendo não podemos dizer que não temos nada, temos experiências que nos podem ajudar a desenvolver  e que nos pode ajudar a ultrapassar certos bloqueios.    Como poderemos fazer para ultrapassar isso, é simples (ou não tanto) devemos CAMINHAR EM FRENTE. O passado apenas nos serve para não cometer erros que cometemos anteriormente, ou seja para evidenciarmos as nossas experiências de forma a seguir em frente.    Contudo as experiências não servem de nada se não as relacionarmos com as relações pessoais, ou seja para que as nossas experiências e conhecimentos sirvam de algo devemos trabalhar para que sirvam para alguém, em sociedade é assim que deve funcionar, mas não devemos ceder as experiências à espera de receber nada em troca, pelo menos não a curto prazo, mas sim para evoluir e obter novos conhecimentos que os relacionamentos nos trazem. Mas como poderemos fazer ver a alguém que as nossas experiências são validas, que servem para algo e que podem ajudar os outros?? Aí entra um factor muito importante em nós próprios, a nossa Auto-Estima e amor-próprio, temos que ter esses valores em níveis medianamente elevados para poder mostrar convicção na defesa dos nossos ideais e ideias. A auto-estima e o amor-próprio funcionam como um motor que desenvolve toda a nossa actividade e que nos faz evoluir de maneira sustentável. E esse motor depende sobre tudo de nós mesmos, se nós não quisermos e lutarmos por esse motor trabalhar ninguém por si só o fará. Aqui pode-se aplicar o Ama a vida mas primeiro ama-te a ti mesmo" mas sem qualquer tipo de egocentrismo.    Contudo existem sempre momentos na vida que a auto-estima e o amor-próprio serão abalados, uns mais cedo, outro mais tarde mas sempre existirá esse momento e por vezes em vários momentos, e aqui cabe aos amigos e sobretudo aos que amamos um papel fundamental, esse papel tem a ver com a atenção prestada, prestar atenção a alguém, escuta-la, sentir com esse alguém as suas dificuldades, o simples pensar nesse alguém e comunicar-lhe isso é o combustível que alimenta esse motor que é a auto-estima e amor-próprio. Quando se diz prestar atenção não é concentrar-nos em alguém, isso poderia ser obsessivo, mas sim pensar e fazer com que esse alguém se sinta querido, desejado (em qualquer forma de desejo, companheirismo, amizade, amor de casal, qualquer) e sobretudo admirado.No fundo a auto-estima é o motor da vida e o Amor é o combustível que o alimenta, e isto é assim desde criança até ao fim da vida.    Fica patente assim que é importante seguir em frente e Caminhar em frente, para isso faz falta fazê-lo com auto-estima e para isso que exist[...]



Noitada pesada...

2010-09-14T17:29:48.040+01:00

allowFullScreen='true' webkitallowfullscreen='true' mozallowfullscreen='true' width='320' height='266' src='https://www.blogger.com/video.g?token=AD6v5dysIdVxMrml7GzoRq4xb72Y7BxypDkloRQDad9qA2wHtRH1WuId3lcTE-d7SsQCgKhSl2OXBlhnPds' class='b-hbp-video b-uploaded' FRAMEBORDER='0' />
Esta deve mesmo ter sido uma noitada pesada... LOL



Padres!!!

2010-09-14T17:27:08.551+01:00

A barriga do padre crescia cada vez mais. Descartada a hipótese de cirrose, os médicos concluíram por uma cirurgia exploratória, já que não viam razão para aquilo. A cirurgia mostrou que era mera acumulação de líquidos e o problema foi sanado.

Estudantes resolveram intervir e quando o padre estava a acordar da recuperação pós-cirúrgica colocaram-lhe um bebé nos seus braços. O padre, espantado, perguntou o que era aquilo e os rapazes disseram que era o que ele tinha na barriga.

Passado o espanto e tomado de ternura, o padre abraçou a criança e não quis mais se separar dela. Como se tratava de um filho de mãe solteira que morrera durante o parto, os rapazes envidaram todos os esforços para
que o padre ficasse com a criança.

Os anos passaram e a criança transformou-se num homem que se formou em medicina. Um dia o padre, já velhinho e sentindo que estava chegando sua hora de partir, chamou o rapaz e disse:

"- Meu filho! Tenho o maior segredo do mundo pra te contar, mas tenho medo que fiques chocado".

O rapaz, que já havia intuído de que se tratava, disse compreensivo:
"- Já sei. Adivinhei há muito tempo. O senhor vai dizer-me que é meu pai".

"-Não, eu sou tua mãe! Teu pai é o bispo de Leiria".



Fazer uma mulher feliz...

2009-04-14T12:09:34.756+01:00

Aos rapazes, para que vejam como são injustos com as mulheres e comecem a fazer a mulher da sua vida feliz. Ás meninas para que vejam como são tão pouco exigentes.FAZER UMA MULHER FELIZ É MUITO FÁCIL!!!!!!!!Não sei por que ninguém entende as mulheres...Fazer uma mulher feliz é muito fácil. Só é necessário ser:01) Amigo02) Companheiro03) Amante04) Irmão05) Pai06) Chefe07) Educador08) Cozinheiro09) Mecânico10) Canalizador11) Decorador de Interiores12) Estilista13) Electricista14) Sexólogo15) Ginecologista16) Psicólogo17) Psiquiatra18) Terapeuta19) Audaz20) Simpático21) Desportista22) Carinhoso23) Atento24) Cavalheiro25) Inteligente26) Imaginativo27) Criativo28) Doce29) Forte30) Compreensivo31) Tolerante32) Prudente33) Ambicioso34) Capaz35) Valente36) Decidido37) Confiável38) Respeitador39) Apaixonado40) Sensível41) RICOE é muito importante ainda, não esquecer as datas: Aniversário, noivado, casamento, menstruação, data do primeiro beijo.E também: Aniversário da tia, irmão ou irmã mais querida, dos avós, da melhor amiga e do gato.Como ganhar pontos com uma mulher: Veja como ganhar e perder pontos com uma mulher!!!1) Tarefas simples:- Você faz a cama (+1)- Você deixa a tampa da sanita levantada (-5)- Você troca o papel higiénico que acabou (+2)- Você vai ao mercado só para comprar papel higiénico (+5)- Há chuva (+8)- Mas volta com cerveja (-15)- Você levanta de noite, pois ela ouviu um barulho estranho (0)- Você levanta de noite, mas o barulho não foi nada (0)- Você levanta de noite e o barulho era de um rato (+5)- Você mata o rato (+10)2) Social:- Você fica ao lado dela durante a festa inteira (0)- Você vai beber para o lado dos amigos (-2)- Entre os amigos está uma mulher chamada Joaninha (-4)- Joaninha é loira e magra (-16)- Joaninha conhece-o (-180)3) O aniversário dela...- Você leva-a a jantar fora (0)- Leva-a a jantar fora e não é o restaurante de sempre (+1)- É o restaurante de sempre (-2)- É uma taberna (-3)- É uma taberna e a TV está a mostrar futebol (-10)4) Passeios com amigos:- Você sai com um amigo (-5)- O amigo é solteiro (-14)- O amigo tem imensas namoradas (-27)- O amigo guia um descapotável (-180)- A Joaninha vai com voçês!!! (-500)5) Uma noite fora:- Você leva-a para ir ao cinema (+2)- Para ver um filme que ela gosta (+4)- Para ver um filme que ela gosta e você detesta (+6)- Você leva-a para ver um filme que você gosta (-2)- O filme chama-se ´O massacre da serra elétrica III´ (-13)- Você mentiu e disse que seria um filme francês de amor (-135)- À saída do cinema você encontra a Joaninha e ela faz "aquela" cena:"Queriiiiiiiidooooo, há quanto tempo!!!" (-750)6) Grandes questões:- Ela pergunta ´Eu estou gorda?´ (-1) (pois é, nessa você perde um ponto de qualquer forma!)- Você diz que não (-10)- Você pensa antes de responder (-35)- Você diz que gosta dela mesmo que ela esteja gorda (-280)- Você faz comentários a respeito do corpo da Joaninha (-450)7) Comunicação (ela quer contar-lhe algo):- Você ouve com uma expressão atenta (0)- Você ouve por mais que 30 minutos (+5)- Ouve por mais que 30 minutos sem olhar para a TV (+10)- Ela percebe que você está a dormir de olhos abertos (-320)- Você balbucia o nome da sua amiga Joaninha, enquanto está a dormir de olhos abertos (-1.000.000 + divórcio + pensão para o resto da vida)Você agora já percebeu que agradar uma mulher não é tarefa tão difícil assim não é? Basta um pouco de boa vontade...AAHHH!! E Não ter uma amiga chamada Joaninha, ou qualquer outra INHA, assim como Fafa, Lia, Ma, Katy, Lucy, Paty, etc...E nunca, mas nunca falar ao telefone mais de 30 segundos com uma mulher, que não a sua, mesmo que seja por trabalho...Pode não ser facil, m[...]



Uma batalha eterna...

2008-01-25T14:21:09.217+00:00




Aniversário

2008-02-07T13:10:49.843+00:00

Hoje alguem faz anos...e não é só o Eusébio da Silva Ferreira... ;)



Politiquices...

2007-05-21T14:19:03.614+01:00

Bom pessoal, vamos fazer o que diz o nosso primeiro, e trabahemos todos para um país mais pobre... Isto é o cumulo... Mas definitivamente as duvidas desaparecerem, ele é mesmo engenheiro...LOL



Historias da carochinha...

2006-08-29T22:03:31.040+01:00

Vivemos num país de estupidez, o povo fica todo contente com as historias da carochinha que a nossa comunicação social está constantemente a contar em vez de aportarem coisas novas a cultura nacional.
Como pode ser que um caso de futebol seja abertura nos noticiários informativos de praticamente toda comunicação social, ou que quanod não é futbol a abeertura seja o Irão, o Iraque, Israel, Palestina, etc... No nosso país há tanta coisa boa, há tanto pequeno inventor, tantos bons cientistas, investigadores, algumas empresas competitivas, bons alunos, jovens empreendedores, etc... Será que este não merecem ser abertura de noticiários?Não daria isso uma perspectiva mais positiva da vida neste país? Mas claro só os casos tristes do país e do mundo é que facturam (e que culpa é de quem vê, deixassem de ver e ouvir nessas horas)? Eu fico fulo com isto.

Vou até ao espaço,
Cosmic



Desencontros da vida...

2006-08-24T17:13:25.506+01:00

Ola amigos, sei que ha já muito tempo que não apareço por aqui, mas a vida tem destas coisas, uns dias porque não se pode, outros até mesmo porque não se quer, não vale a pena estar com desculpas, muitas vezes e mesmo porque não se quer, não apetece estara escrever simplesmente porque a vida já nos dá muito que pensar e que fazer e assim temos que optar por alguns caminhos que provocam desencontros.

Confesso que muitas vezes me pergunto se que novidades haverá por aqui, se algue alterou o seu estilo na blogesfera, se alguem descobriu algo novo, e sobretudo se todos andam bem, mas mesmo assim durante algum tempo decidi que a minha presença não sendo essencial na blogesfera (também não foi para isso que criei o blog) deveria fazer uma pausa, reformular todo o meu pensamento e tal como a minha vida, que desde já tem mudado gradualmente para melhor e por isso urgia a necessidade de ter um pouco de tempo só para mim, sem ter que escrever, fazer ou seja la o que for (também nunca ninguem nos obrigou, mas na blogesfera as vezes temos esse sentimento de obrigação) para depois do trabalho me dedicar a mim, só a mim, mesmo que isso incluisse não fazer nada.
Bom já passou algum tempo e hoje decidi voltar, pelo menos por hoje, e vamos levar um dia de cada vez, e aos poucos quiça voltar, mas gostava que fosse de maneira difenrete, gostava que quem me visitasse lançasse assuntos, desabafasse e daí criar um sentimento de familia de bloguista que só alguns poderiamos ter (claro está que este alguns não é limitativo, pois seria para quem quisesse) podendo assim uns ajudar os outros. Tipo um Forum do desabafo. Mas vamos indo e vamos vendo se isso acontece.
Vou até ao espaço,
Cosmic.



Problemas tecnicos

2006-05-27T12:24:34.363+01:00

Olá amigos da blogesfera, por duas razões tenho estado totalmente ausente, uma é por ser um mês muito atarefedo profissionalmente, a outra e talvez a principal, é que não consigo publicar os meus posts...nem sequer sem se este vai ficar publicado...

Se por acaso conseguir isto marca o meu regresso... lol, como se alguem tivesse saudades... ;)

Cosmic



A Vida

2006-05-27T12:23:48.433+01:00

A vida e extremamente curta e demasiado importante pra ser, simplesmente, saboreada d vez em qd e tocada de qualquer jeito...



Ditados - Nova proposta

2006-04-12T11:13:46.173+01:00

Ha um ditado popular que dis: " Mais vale só que mal acompanhado". Bem depois de muito pensar sobre o assunto, e de no inicio concordar com esta filosofia popular, cheguei a conclusão que não é bem assim, quando estamos acompanhados (bem ou mal) sempre estamos ocupados, tanto a rir e felizes como a tentar defender-nos, mas ao menos não estamos sozinhos a pensar em me... sem jeito que nos atiram para o abismo e muitas vezes destroem-nos por dentro, por isso gostaria reformular este ditado para: Mais vale mal acompanhado que na me...

Vou até ao espaço,
Cosmic



Frase do dia

2006-04-06T10:17:41.566+01:00

(image)
"Os emblemas mais grandes são sempre beneficiados"

Petit, jogador do glorioso e grande orador do futebol português...


Cosmic



Amar é...

2006-04-06T10:08:17.410+01:00

...viver,
dar vida,
criar vida,
e por vezes sofrer até morrer.

Cosmic



Amar - Reflexão

2006-04-03T21:21:56.616+01:00

Amar é pôr a nossa felicidade nas mãos de outra pessoa...

Cosmic



Visão Americana do Mundo

2006-03-31T19:16:27.800+01:00

(image)


Vou até ao espaço,
Cosmic