Subscribe: Esperança Portista: os jovens do FC Porto
http://esperancaportista.blogspot.com/feeds/posts/default
Added By: Feedage Forager Feedage Grade B rated
Language:
Tags:
campeonato nacional  campeonato  castro  dos  equipa  formação  futebol  jogo  juniores  nacional  não  pedro  porto  série 
Rate this Feed
Rate this feedRate this feedRate this feedRate this feedRate this feed
Rate this feed 1 starRate this feed 2 starRate this feed 3 starRate this feed 4 starRate this feed 5 star

Comments (0)

Feed Details and Statistics Feed Statistics
Preview: Esperança Portista: os jovens do FC Porto

Esperança Portista: os jovens do FC Porto



FC Porto B, jovens emprestados, juniores, juvenis e selecções nacionais.



Updated: 2013-05-30T00:05:47.531+01:00

 



FELIZ NATAL

2007-12-21T15:59:17.305+00:00

(image)



FC Porto sub-19 na Malásia -- plantel junior

2007-08-09T17:36:33.917+01:00

Apesar de continuar sem chance de escrever regularmente, o bichinho roeu e aqui estou para um regresso episódico.
A equipa junior do FC Porto joga na Malásio o "The Champions Youth Cup". Penso que vale a pena acompanhar no site do torneio.

Mas o que me levou a escrever foi o tesouro escondido: O plantel junior completo com fotografias. Algo que o site oficial nunca coloca (aliás, para este ano ainda nem sequer estão os nomes).

Um abraço a todos!



A MEMÓRIA

2007-05-30T11:00:55.296+01:00

(image)



Um clube com a história grandiosa que o FC PORTO tem, só é realmente GRANDE se também tiver MEMÓRIA.

Depois de ter visto a emocionante homenagem, muito justamente prestada aos HERÓIS de VIENA 87, fiquei ainda mais convencido - o FC PORTO tem, de facto, MEMÓRIA!

No que á formação diz respeito, dei comigo a pensar no significado e na relevancia que essa homenagem poderia ter para os jovens jogadores que actualmente envergam a camisola do FC PORTO.

Passaram 20 anos, o que para a totalidade dos actuais atletas da formação do nosso clube, é mais tempo do que tem a sua própria vida.

Quem, como eles persegue o sonho de um dia vir a ser jogador profissional de futebol, quem sabe, até uma "estrela", pode e deve reconhecer que o seu clube , não esquece os seus "heróis" .

Daí que o que se passou no Estádio do Dragão, seja um claro incentivo para continuarem a correr atrás do seu sonho.

Um dia, ainda serão lembrados, pelo seu esforço e pela sua dedicação .
A homenagem no site do FCP



Vejam isto

2007-05-03T00:16:12.489+01:00

"Se me tivessem dito que um dia eu me deslocaria ao centro de estagio do FC Porto, em Olival, e que esse seria num feriado, e me faria acompanhar pela minha família, e que o meu cunhado pagaria 5,00€ por cada bilhete, para assistir a um jogo de futebol entre os Juniores do FC Porto e do Boavista, que seria num dia invernoso, eu só poderia dizer que essa pessoa não estava boa da “carola”. Mas enfim já que ali estava aproveitei para registar estas imagens."
Antonio Ferreira 05.02.07 - 5:11 pm

http://videos.sapo.pt/oPwBZ9ocNYDLjVQsLHtF #
Data: 01/05/07
Duração: 00:04:30

Publicado no Porto em formação




2007-05-01T21:46:51.914+01:00

(image)

Juniores A
FC PORTO 5 - 1 Boavista

(Tiago Silva, 2 , Rui Pedro, 2 e Edson)

Campeonato Nacional de Juniores A, no Centro de Treinos e Formação Desportiva PortoGaia, a partir das 16 horas.



Resultados

2007-04-29T19:18:08.184+01:00

PADROENSE 0 - 0 FC PORTO



Resultados

2007-04-29T22:42:39.368+01:00

(image)
Sub-13 (Campeonato Distrital 1ª Divisão – 2ª fase – Série 1)
F.C. Porto-Boavista, 2-2
Sub-13 (Campeonato Distrital 2ª Divisão – 2ª fase – Série 1)
F.C. Porto-Progresso, 2-0
Sub-13 (Campeonato Distrital 2ª Divisão – 2ª fase – Série 2)
Ermesinde-F.C. Porto, 3-1
Sub-11 (Campeonato Distrital – Fase Final – Série 1)
Boavista-F.C. Porto, 1-2
Sub-11 (Campeonato Distrital Futebol de 7 – Fase Final – Série 4)
Amarante-F.C. Porto, 1-4
Sub-11 (Campeonato Distrital Futebol de 7 – Fase Final – Série 1)
Paredes-F.C. Porto, 0-10
in site oficial do FCP



Agenda

2007-04-27T10:07:42.808+01:00

Campeonato Nacional de Juniores B (Juvenis)
Sub-17 e Sub-16
PADROENSE vs FC PORTO
dia 29/04/07, 11 h no Estádio do PADROENSE
Publicado no Porto em Formação



Resultados

2007-04-26T22:15:39.964+01:00

Sub-19 (Campeonato Nacional de Juniores)F.C. Porto-Penafiel, 1-0 (Golo de Roberto)"Desperdício de golos na 2.ª parteO F. C. Porto ganhou ao Penafiel, por 1-0, numa partida equilibrada, em que os dragões, a jogar sem alguns dos habituais titulares, foram superiores e mais eficazes na frente, embora o adversário tenha dado uma boa réplica, construindo algumas jogadas perigosas. Na primeira parte as equipas dividiram as oportunidades, tendo os portistas marcado o único golo aos 31 m, por Roberto, que concluiu uma jogada pela direita de Monteiro. Na segunda metade, e com a entrada de Castro, o meio-campo e ataque portistas ganharam mais vigor e assitiu-se a um desperdiçar de oportunidades de golo.Local Centro de estágio do Olival, em Gaia Árbitro António Rodrigues (Aveiro)FC Porto:Leonardo, Tiago Moreira, André Pinto, Bura, Hugo, Edson (Castro, 46), Monteiro, Miguel Ângelo (Graça, 62), Roberto, Fredson, Nikola. TreinadorIlídio ValePenafiel: Márcio, André, Penela (Sérgio, 78), Rogério (Paulo, 68), Hélder, Rafael, Alex, Reinaldo, Tiago (Miguel, 68), Tito. TreinadorDuarte Bruno IIAo intervalo 1-0 Golos Roberto (31) Cartão amarelo Sérgio (83) "Susana Silva in JN"Na Zona 2, o F. C. Porto continua firme no primeiro lugar, após ter goleado o Micalenese (5-1), e precisa de somar mais quatro pontos nos restantes dois jogos se quiser disputar o título nacional. O Guimarães derrotou o Padroense (4-3) e manteve a segunda posição a três pontos dos dragões. "Sub-17 (Campeonato Nacional de Juvenis, Segunda Fase)FC PORTO 5-1 U Micaelense"Abrindo o activo, logo no começo, os portistas foram construindo o resultado, mercê de um futebol rápido e incisivo, que não deixou margem de manobra aos insulares que, ao intrervalo perdiam por 5-0. No entanto, com o segundo tempo, os dragões não só abrandaram o ritmo, como foram menos eficientes a finalizar, permitindo assim aos açoreanos reduzir a desvantagem. Boa arbitragem.Jogo no Centro de Estágios de Olivel. Árbitro Carlos Taveira (Aveiro).F. C. Porto: Ruca; Vieira, Vítor, Pedro Rodrigues e Seixas; Ramon (Miguel, 41), Figueiredo (Vítor Alves, 66) e Joni; Caetano (Matos, 57), Fillipi e Alex. Treinador João Carlos Costa.Micaelense: André; Marco, Barroso, Pedro Leite e Diogo Medeiros; Saraiva (Martim, 78), Sandro (Nuninho, 76) e Xexas; Ricardo Correia, Ortiz (Drula, 63) e Luís Lima. Treinador Luís Andrade.Ao intervalo 5-0. Marcadores Alex (6), Figueiredo (15 e 78), Fillipi (21), Caetano (30) e Luís Lima (49)."Santos Pereira in JNSub-16Guimarães 4-3 PADROENSE"O Vitória derrotou o Padroense, por 4-3, num jogo electrizante. Numa partida equilibrada, ganhou a equipa que melhor aproveitou as ocasiões criadas.Jogo no Complexo Desportivo do Vitória, em Guimarães. Árbitro Pedro Mesquita (Vila Real). Cartões amarelos: Diogo (47), Zé Pedro (76), Ricardo (79) e Dias (80).Guimarães: Pizarro, Ricardo, Vítor, Hugo, Gonçalo, Cristiano, Rafael, Dinis (Dias, 61), Lucas, Gaspar (Fausto, 54) e Diogo Lamelas (Carlos, 80+3). Treinador Luiz Felipe.Padroense: Bruno, Paulinho, Branco, Novais, Zé Pedro, Luís Paulo, Griné (Rui Santos, 74), Dias, Abel (Serginho, 50), Claro (Mortágua, 63) e Diogo. Treinador Rui Gomes.Ao intervalo 2-2. Marcadores Lucas (4), Rafael (32, 72 e 73), Zé Pedro (37) e Claro (39 e 58)." Victor Jorge Oliveira in JNSub-15 (Campeonato Nacional de Iniciados)F.C. Porto-Nacional, 0-0Publicado no Porto em Formação[...]



Resultados

2007-04-16T20:46:15.443+01:00

Sub-19FC PORTO 4 - 0 Guimarães (Campeonato Nacional da Primeira Divisão) (Castro, Tiago Silva, Roberto e Ukra)Local Centro de Estágios do Olival, em GaiaÁrbitro Jorge Saramago (Aveiro)FCP: Ventura, Tiago Moreira, Morais, Bura, Hugo, Edson, Ukra, Castro (Miguel Ângelo, 71)Roberto(Nikola, 63), Fredson, Tiago Silva (Graça, 81), Treinador Ilídio ValeGuimarães: Cajó, Oliveira (Pinto, 77), Micael, Rui, Capucho, Dinis (João Ribeiro, 55)Feliz, Peta, Ismael, Neves (João Pinto, 55), João Aurélio, Treinador Rogério RodriguesAo intervalo 2-0 Golos Castro (33), Tiago Silva (38), Roberto (53) e Ukra (60)in JN"Os jovens dragões receberam e venceram o Vitória de Guimarães, reforçando o comando na Zona Norte, com 66 pontos, mas 15 do que o Candal, surpreendente 2.º classificado.ZONA NORTE: Rio Ave - Infesta, 3-0 União Leiria - Feirense, 4-1 Vizela - União Coimbra, 2-0 Candal - Boavista, 0-0 Sporting Braga - Penafiel, 3-1 Académica - Varzim, 2-1 FC Porto - Vitória Guimarães, 4-0 Folga: Leixões Guia: FC Porto lidera, com 66 pontos, seguido de Candal (51), Vitória de Guimarães (50) e Boavista (50). "in o Record"Castro abre via para a goleadaA vitória do F. C. Porto sobre o Guimarães, por 4-0, não sofre contestação, pois os dragões foram sempre superiores. O primeiro sinal de perigo foi dado pelos vimaranenses, mas os azuis e brancos, que jogaram com os atletas menos utilizados, rápido assumiram o controlo de jogo. O primeiro tento foi marcado por Castro, aos 33 m, após lance pela direita, tendo Tiago Silva dilatado a vantagem cinco minutos depois. No reatamento, os portistas continuaram a pressionar, criaram vários lances de perigo, tendo Roberto (53 m) e Ukra (60m) feito o gosto ao pé. Boa arbitragem."Susana Silva in JNSub-17 e Sub-16FCP 1 - 0 PADROENSEF. C. Porto: Ruca; Coutinho, Vieira, Pedro Rodrigues e Seixas; Ramon, Figueiredo (Matos, 66) e Joni; Fernando (Caetano, 52), Miguel (Alex, 41) e Josué. Treinador João Carlos Costa.Padroense: Bruno; Paulinho, Branco, Novais e Zé Pedro; Luís Paulo, Dias (Mortágua, 59) e Cardoso; Rui (Jefferson, 70), Diogo e Claro (Serginho, 64). Treiandor Rui Gomes."...os «dragões» tiveram bastantes dificuldades para se desenvencilharem do Padroense – clube com o qual têm um protocolo de formação. "in o Norte Desportivo "O F. C.Porto bateu o Padroense, por 1-0, numa excelente partida de futebol, muito disputada e equilibrada, marcada pelo mau trabalho do trio de arbitragem. Após uma primeira parte em que os visitantes dominaram, no segundo tempo os dragões subiram de rendimento e dividiram as oportunidades. Aos 73m, em claro fora-de-jogo, Matos adiantou-se à defensiva e, isolado frente a Bruno, marcou o único tento. Aos 77m, Serginho, com a mão, introduziu a bola na baliza dos portistas, mas o golo foi bem anulado. Para além do lance do golo e do exagero disciplinar, o árbitro esteve mal na expulsão de Zé Pedro, pois este não tocou em Caetano.Jogo no Centro de Estágio do Olival, em Gaia. Árbitro Rui Tavares (Coimbra). Cartões amarelos: Joni (13), Zé Pedro (17 e 68), Branco (54), Figueiredo (55), Matos (73), Diogo (75), Vieira (76), Ruca (88), Josué (90).Ao intervalo 0-0. Marcador Matos (73)."Susana Silva in JNSub-15Beira Mar 1 - 4 FC PORTO"Num jogo bem disputado, o Beira-Mar marcou primeiro e ao longo do quase toda a partida, ofereceu boa réplica aos dragões, sem dúvida, a melhor equipa, mas que somente nos derradeiros minutos descansaram, quando marcaram dois golos de rajada. Depois de uma primeira parte em que os visitantes estiveram melhor, a reacção aveirense da segunda parte podia ter-lhes permitido alcançar o empate em dois lances quase consecutivos, mas a falta de concentração dos avançados foi aproveitada pela defesa adversária para afastar a bola da zona de perigo. Em síntese, a vitór[...]




2007-03-26T17:47:10.493+01:00

Luís Castro "O objectivo é formar jogadores à Porto" TOMAZ ANDRADE Depois de uma carreira pouco brilhante como jogador, Luís Castro enveredou pela carreira de treinador, passando a ser mais conhecido com o trabalho desenvolvido no Penafiel. Há cinco meses foi convidado para dirigir a formação do FC Porto e os primeiros reflexos começam a aparecer. A subida de Castro ao plantel principal do FC Porto pode ser já entendida como resultado da reestruturação da formação do clube?Acho que é a continuação de um processo. Mas hoje em dia, da forma como o futebol está e é encarado, está-se a dar um pouco mais de visibilidade a todos os que saem da formação. É um olhar diferente sobre o fenómeno. Talvez porque se fala mais de jogadores que saíram há pouco das equipas de base, sendo o Sporting o exemplo maior?Talvez. A Selecção Nacional de Sub-19 tem entre sete e oito jogadores do FC Porto, o que quer dizer que a formação do clube tem sido feita com qualidade. Tenho de dizer que procuro dar um cunho pessoal ao processo de formação. É uma realidade que os jogadores do FC Porto são uma presença assídua nas selecções e estavam até aqui num processo diferente daquele que é encarado por outros clubes, que os fazem subir de forma directa para a equipa A. O FC Porto tinha outro caminho, que era o de pegar nos jogadores em fase de transição e colocá-los noutros clubes, e vamos continuar a fazê-lo, de maneira a que atinjam um estado de maturação. Temos jogadores no Leiria, Portimonense, Académica, Tourizense, em diferentes níveis para atingirem determinados estados de maturação. É caro formar um jogador em Portugal?É um esforço muito grande. Não sei quantificar em números, mas é caríssimo, embora fique claramente mais em conta do que ir contratar a outro lado. Ao formarmos, fazemo-lo com a nossa identidade, cultura, com aquilo que entendemos que deve ser um jogador à Porto. É esse jogador que queremos formar. O que é um jogador à Porto?Será sempre um jogador agressivo, com uma ambição muito grande, bem posicionado em campo, com transições fortes, bem dotado tecnicamente e com grande espírito de sacrifício. "Trabalhámos nas posições deficitárias" Há uma articulação entre a formação e a equipa principal no sentido de ser trabalhado um determinado modelo de jogo?É nossa intenção dotar os jogadores com uma cultura própria para fazer face a todos os sistemas tácticos. Era muito redutor preparar um jogador para um único sistema. Não faz sentido. O fundamental é que seja portador de todos os princípios de jogo necessários à inserção em qualquer modelo. E os jogadores do FC Porto estão preparados para isso. Será que se pode falar de um laboratório na formação tendo em conta as necessidades da equipa principal?Podemos e vai-se fazer. Sabemos que Portugal está deficitário em defesas-esquerdos, pontas-de-lança. Há um gabinete no FC Porto que é fundamental em todo este processo e que tem sido um grande apoio para a formação, que é o gabinete de prospecção e observação, que tem detectado valores para esses lugares que no futuro achamos que servirão o FC Porto. O clube tem um gabinete pedagógico. Como funciona?Há jogadores que manifestam problemas, desde o foro emocional a frustrações, e têm acompanhamento. Esse gabinete é formado por um director pedagógico, três psicólogos e um assistente social. Problemas escolares, de isolamento e que são detectados pelos treinadores são direccionados para esse gabinete, que funciona muito bem. Quais são os jogadores da formação que estão mais perto de subirem ao plantel principal?Há jogadores que estão a trabalhar na equipa principal [Ventura e Castro] e isso são claros sinais dessa proximidade. Mas nem todos vão subir[...]




2007-03-26T17:44:25.316+01:00

Castro: promovido à semana faz horas extra nos juniores TOMAZ ANDRADE Esta reportagem talvez seja o primeiro reflexo da subida de Castro ao plantel principal do FC Porto. Há pouco mais de uma semana, o médio era praticamente desconhecido para os adeptos portistas e é bem provável que pouca coisa tenha mudado desde aí, mas a partir do momento em que Jesualdo Ferreira, em sintonia com Luís Castro, o director técnico da formação do clube, decidiu incluí-lo no plantel principal dos campeões nacionais, a perspectiva do anonimato começou a inverter a tendência. Os olhos concentraram-se ontem na camisola 8 do FC Porto no jogo de Juniores A, com o Leixões, numa prova inequívoca de destaque. Resultado da partida: o FC Porto ganhou por 3-0, mantendo-se confortavelmente na liderança. A página oficial do clube na internet refere que Castro é médio-defensivo. Ontem jogou como médio interior, sobre a direita, mostrando argumentos claros de uma qualidade insuspeita. Quase a completar 19 anos, a primeira coisa que salta à vista em Castro é a condição física. Não por ser alto, mas por somar quilómetros como se de metros se tratasse, não dando sinais de desgaste. Bem ao estilo do ídolo: Maniche. Essa postura permite-lhe um bom posicionamento em campo, detalhe crucial no jogo defensivo da equipa, sem lhe anular a capacidade de aparecer em zonas de ataque. Depois, vem a parte melhor: quase todo o jogo passa pelos seus pés, seja com passes simples e de transição rápida ou através de passes longos. Optou, em doses idênticas, pelas duas coisas, o que só o favorece. Último pequeno grande detalhe: Castro tem um pontapé forte e ontem aplicou-o uma vez, com um remate de fora da área que o guarda-redes leixonense segurou a custo. Promete. Como jogou o FC Porto Liberdade para actuar em todos os sistemas O FC Porto recebeu o Leixões no mini-estádio do Olival armado num 4-3-3, que é a base táctica preferida de Jesualdo Ferreira. No entanto, não há uma indicação superior acerca do modelo táctico a adoptar nos escalões de formação, neste caso, nos Juniores A. A ideia é que os jogadores de base do FC Porto consigam jogar em todos os estilos de jogo, porque é essa a tendência do futebol moderno. Veja-se o que aconteceu com o Chelsea no Dragão, quando Mourinho começou em 4-4-2, passou para o 4-3-3 e voltou ao esquema inicial. Ontem os juniores portistas jogaram com uma defesa clássica de quatro unidades, um médio-defensivo (Fabinho), dois médios interiores (Castro e Rui Pedro), e um tridente ofensivo. Mais valores à espreita TOMAZ ANDRADE O jogo de ontem dos Juniores A não mostrou apenas Castro. Há muitos jogadores com qualidade e em breve Jesualdo poderá contar com mais valores, naquilo que é uma aposta clara na formação. Luís Castro, ex-treinador do Penafiel, é o rosto coordenador de toda a estratégia dos escalões de base, fazendo a ponte entre as várias equipas e o plantel principal. Os resultados começam a surgir. Por muito dinheiro que custe, a ideia essencial é formar jogadores à Porto, que será um misto de agressividade q.b., bom posicionamento em campo, com transições fortes de jogo e um espírito de sacrifício grande. Com estes condimentos o futuro estará assegurado. Claro que a ideia nem sempre resulta na prática e carece de muito trabalho, mas pelo que se viu ontem o caminho está a ser percorrido. Ventura é um guarda-redes seguro e Bura um central alto que deve ser explorado. Rui Pedro é um dez cheio de técnica e apetite pelos golos, e Candeias um extremo-direito que desequilibra. Ventura Classe e segurança Ventura é um guarda-redes que começou a treinar com o plantel principal do FC Porto há cerca de um mês, embora jogue aos fins-de-semana pelos ju[...]




2007-03-26T17:41:18.293+01:00

Publicado na BOLA. !!! POLÍTICA DOS DRAGõES NO FUTEBOL JUVENIL ESTÁ BEM DEFINIDA Preferência pela qualidade Por NUNO VIEIRA e RUI AMORIM A equipa B dos dragões deu as últimas corridas no início do Verão do ano passado, mas o ponto final nesse projecto não significou que o FC Porto tenha deixado de apostar nas suas promessas. O que se deu foi uma mudança na política de gestão dos jovens activos. Luís Castro foi contratado para supervisionar todo o futebol juvenil e esta semana foi dada mais uma prova de que o sector continua bem vivo. A promoção de Castro ao plantel principal, depois de Hugo Ventura ter recebido a mesma notícia, só pode deixar os dragões com boas esperanças no futuro. A aposta, agora, é na qualidade, depois de vários anos a explorar quantitativamente o viveiro de talentos que evoluía nas Antas e, mais tarde, no Centro de Treinos do Olival. Pelos relvados dos dragões passaram inúmeros futebolistas, que foram sendo observados pelos diferentes técnicos do futebol juvenil. Após a triagem, eram seleccionados os jogadores a quem eram reconhecidas capacidades para integrar o plantel. Por isso, ficavam vinculados ao clube, esperando oportunidade para mostrar o seu valor na formação principal. Mudança de rumo Nos últimos anos, a sempre delicada transição dos atletas que passavam de juniores a seniores era assegurada pela equipa B, onde rodavam potenciais reforços para a equipa principal. Anderson também andou por lá, mas a cumprir a fase de adaptação a Portugal e ao clube que acaba de o contratar aos brasileiros do Grémio de Porto Alegre. Com o final da época, foi determinada a mudança de política no futebol juvenil. Aloísio Alves saiu do clube com o fecho de portas da equipa B, Ilídio Vale passou de coordenador do futebol juvenil para o cargo de treinador de juniores e para a chefia de todo o departamento foi contratado Luís Castro, um técnico a quem são atribuídas capacidades para desenvolver um trabalho para dar bons frutos. O novo director técnico definiu prioridades e apresentou um projecto que encaixou como uma luva nos planos da SAD. Muitos juniores que terminaram contrato deixaram o FC Porto, mas os alvos de maior interesse ficaram ligados aos dragões, sendo contratados outros valores emergentes em clubes vizinhos e/ou concorrentes. Hugo Venturafoi o primeiro A aposta tem sido bem sucedida e do acompanhamento atento dos responsáveis do futebol dos dragões já saíram conclusões. Hugo Ventura, guarda-redes internacional, foi chamado a alguns treinos da equipa principal e seria, no início deste ano, integrado no plantel, passando a treinar-se com os craques à segunda, terça e quarta-feira, deixando a quinta e a sexta-feira para a preparação junto com os juniores, por quem continua a jogar. A vez de Castro Esta semana, o FC Porto deu a conhecer outra novidade. André Castro, um médio também internacional por Portugal, viu ser-lhe reconhecida qualidade para passar a integrar o quadro principal de futebolistas dos dragões, colocando-se imediatamente ao dispor de Jesualdo Ferreira.há mais nomes na relação de jovens craques da casa que prometem vir a dar que falar... Dragões em lista de espera Ventura, Castro... e não se esgota aqui a relação de dragõezinhos que se preparam para a emancipação. Na escola do FC Porto há outros nomes em lista de espera para dar o salto e agarrar a oportunidade.Partindo da defesa para o ataque, os responsáveis azuis e brancos seguem com atenção a evolução de Bura, um central senhor de um remate potente e com bom jogo aéreo. Hugo Monteiro é um lateral-esquerdo de grande entrega e que disfarça com facilidade o facto de não ser c[...]



FC Porto procura craques em todo o país

2007-02-20T00:12:34.553+00:00

O Jogo noticía que o FC Porto aproveitou o interregno competitivo do Carnaval para testar uma série de "candidatos a craques" detectados um pouco por todo o país. Saúda-se a iniciativa e faço votos que esta “rede” de prospecção se expanda, se afine e se repita!

Aproximadamente 150 jovens com idades entre os 10 e os 14 anos mostram-se de hoje até quarta-feira aos responsáveis pela formação no FC Porto. Centena e meia de miúdos em exame, a querer mostrar que Vítor Baía pode ser igualado, que as fintas de Quaresma podem ser melhoradas, que os cortes atempados de Pepe podem ainda ser mais rápidos, que os arranques estonteantes de Anderson também se por cá fazem, que as aberturas de Lucho a régua e esquadro ou o sentido de oportunidade de Lisandro vêm do berço. Os olheiros do FC Porto andaram pelo país inteiro a observar futuros craques e escolheram aquele número em diversos clubes. Depois, pediram autorização às agremiações a que os jovens estão ligados e trouxeram-nos para o Olival. Agora é mostrar habilidade, aptidões, carácter, e o futuro poderá passar pelos dragões. Seja como for, nenhum deles esquecerá a experiência e mesmo os que não ficarem lembrarão para sempre que era tão bons e prometiam tanto que um dia treinaram no FC Porto.



Selecções

2007-02-01T09:05:34.786+00:00

Os atletas Alexandre Freitas (FC PORTO) , Pedro Branco, Ricardo Dias e Ricardo Cardoso (Padroense), foram convocados para o estágio de preparação da selecção nacional Sub-16, com vista ao Torneio Internacional de Santarém onde participarão, também as selecções da Bélgica, Eslovénia e Holanda.
Ruca e Figueiredo, estarão presentes no estágio de preparação da selecção nacional Sub-17, que antecede a participação no Torneio Internacional do Algarve, onde estarão presentes, ainda, as selecções da Inglaterra, Alemanha e França.



As transferências de inverno

2007-01-14T18:25:09.036+00:00

O norte desportivo confirma a contratação da dupla cabo-verdiana que esteve à experiência na equipa júnior do FC Porto. Fredson estriou-se este fim-de-semana no empate a um no terreno do Boavista, por seu lado, Édson “Carr” padece de uma lesão. Neste mesmo jogo, Tiago Silva (ex-Candal) também efectuou a sua estreia com a camisola azul e branca.

Para a equipa juvenil chegou o avançado Açoreano Vítor Silva “Vitinha” (ex-S. Clara).




Jovens Dragões à conquista dos Algarves

2006-12-27T20:21:38.420+00:00

Ele há lá coisas! E de uma assentada três jovens talentos do FC Porto rumam ao Algarve para crescerem entre os laranjais, as praias e as tórridas noites da região mais a sul de Portugal continental.

Do Tourizense parte a dupla de centrais, aí colocada no início da época, sob os auspícios de Drulovic. O servo-português, ou se preferirem o luso-sérvio, não se aguentou muito tempo nessa amálgama chamada Tourizense (semi-satélite academista e semi-satélite portista…por si só um fenómeno aeroespacial curioso) e na reabertura do mercado o FC Porto lá coloca os seus centrais na liga de honra. Finalmente! A origem é a mesma, o destino final também (Algarve), mas para representar clubes diferentes. O luso-canadiano Steve Vitória ruma ao Olhanense e o João Pedro ao Portimonense, naturalmente, ambos por empréstimo até ao final da época. Ora, na segunda volta do campeonato há um clássico algarvio a cheirar a Dragão.

Assim, em Touriz só sobra o médio ofensivo Zéquinha. Deixo a sugestão: já que se vai pescar em Penafiel um jovem brasileiro de 18 anos de graça Diego (que quebre o enguiço!), bem se pode ajudar os penafidelenses e lá colocar o Zéquinha.

Mas não acabam aqui as novidades algarvias, pois ao Portimonense também pode chegar por empréstimo o médio defensivo Nuno Coelho. No entanto, João Bartolomeu (sagaz como sempre!) parece condicionar a saída do jogador emprestado à U. Leiria de Domingos Paciência à entrada de Marco Soares, que actualmente está emprestado pelo clube do lis ao…Olhanense. Uma verdadeira algaraviada!

Não é só neste caso que João Bartolomeu mostra tino, pois ao crescente número de clubes que desejam Bruno Vale debaixo dos seus postes, principalmente os que esbracejam debaixo ou perto da linha de água, o presidente Leiriense responde com um absoluto não. Ou alguém acredita que Bartolomeu irá deixar enfraquecer o seu plantel para reforçar os seus concorrentes directos?

A única hipótese que me parece mais realista é o Standard de Liége (esses já não fazem mossa ao U. Leiria), mas apanhar o “comboio a meio” e ter pela frente um bom guarda-redes belga com traquejo de Calcio Italiano não me parece um cenário mais soalheiro do que aquele que Bruno Vale tem em Leiria.




Movimentações de pontas-de-lança na equipa júnior.

2006-12-23T18:22:23.106+00:00

Tiago Silva (19 anos, ex-Candal) é o novo ponta-de-lança do FC Porto. Depois de duas tentativas frustradas de representar o seu clube do coração (uma delas ainda nesta pré-época), finalmente convenceu os responsáveis portistas do seu valor, isto após nove golos em oito jogos pelo clube Gaiense.
Em sentido contrário, segue Marcelo por empréstimo até ao final da temporada. O internacional S-17 contratado ao Beira-Mar terá, assim, hipótese de demonstrar as suas capacidades.
Finalmente, e também por empréstimo, Tiago Cintra volta ao “seu” Leixões.
Estas informações foram retiradas do jornal Norte Desportivo.



Futebol de Formação

2006-12-04T10:58:32.400+00:00

Resultados
Sub-19
Zona Norte: Vitória Guimarães 0 - 2 FC Porto
Classificação: FC Porto lidera, com 28 pontos, seguido do Boavista, com 26 pontos.
"O F. C. Porto foi ao terreno do Guimarães vencer, por 2-0, num jogo em justificou a conquista dos três pontos. Após uma primeira parte sem golos, a substituição operada ao intervalo acabou por ser fulcral para a vitória, dado que Roberto apontou o primeiro golo e esteve na origem da grande penalidade que resultou no segundo golo dos dragões.
Jogo no Complexo Desportivo do Vitória, em Guimarães. Árbitro Nuno Roque (Coimbra). Cartões amarelos: Roberto (77) e Toninho (77).
Guimarães Cajó, Toninho, Zé (Micael, 78), Rui Abreu, Capucho, Dinis, Feliz, João Pinto, Rabiola, Tiago (Peta, 31/João Ribeiro 72) e João Aurélio. Treinador Rogério Rodrigues.
F. C. Porto: Ventura, Tiago Moreira, André Pinto, Bura, André Santos, Fábio, Monteiro, (Roberto, 45), Castro, Ukra (Graça, 72), Rui Pedro (Hugo, 78) e Candeias. Treinador Ilídio Vale.
Ao intervalo 0-0. Marcadores Roberto (49) e Rui Pedro (71 gp)"
in JN
Sub-17
Campeonato Nacional Juvenis (Série B)11ª Jornada
Sanjoanense 1 - 2 F.C. Porto,
Jogo no Centro de Formação Desportiva, em S. João da Madeira. Árbitro Rui Tavares (Braga). Cartão amarelo: Vítor (27), António (53) e Ricardo (80). Cartão vermelho: João (69).
Sanjoanense Diogo; Fredy (Pedro Lopes, 72), Tiago José, João Couto e António; Rui Correia, Lobo e Ruben; Bruno Santos, Daniel (Pedro Gomes, 68) e Rogério. Treinador Paulinho.
F. C. Porto: Ruca; Coutinho, Vítor (Ricardo, 41), Seixas e João; Ramon, Figueiredo e Joni; Tiago (Matos, 54), Miguel (Pedro, 72) e Josué. Treinador João Carlos. Ao intervalo 0-0. Marcadores Bruno Santos (60) e Matos (67 e 70).
Sub-16
Campeonato Nacional de Juvenis (Série A)11ª Jornada
Vizela 1 - 3 Padroense
Padroense: Bruno, Paulo Sérgio (Reuss), José Pedro, Eduardo Fontes, Pedro Branco , Mortágua , Luis Paulo, Jeffreson (Cardoso), André Claro, Sérgio Carneiro (Abel) e Rui Caetano.
Suplentes não utilizados: Fernando Paulo (GR), Novais, João Ricardo, Diogo Jerónimo
Golos: Caetano, José Pedro e Claro
Sub-15
Campeonato Nacional de Iniciados (Série B)12ª Jornada
F.C. Porto 5-0 Freamunde,
Sub-14
Campeonato Distrital de Iniciados
Arcozelo 1-4 F.C. Porto,
Sub-13
Campeonato Distrital de Infantis – II Divisão
Alfenense 0-7 F.C. Porto, (Série 3)
Gondomar 0-9 F.C. Porto, (Série 4)
Sub-11
Campeonato Distrital de Escolas
Futebol de onze
Varzim 0-5 F.C. Porto,
Futebol de Sete
F.C. Porto 6-0 Leverense, (Série 1)
F.C. Porto 12-0 Leixões, (Série 2)
in site oficial do FC PORTO
publicado em simultâneo no Porto em Formação



FUTEBOL Formação: Resultados

2006-11-27T17:07:57.426+00:00

(image)
(image)








Juniores venceram na Anadia
A equipa de Juniores do F.C. Porto, isenta de competição durante este fim-de-semana devido ao caso Gil Vicente, deslocou-se este sábado ao complexo desportiva da Anadia, onde venceu a equipa sénior local por 0-1.
O golo dos azuis e brancos neste desafio foi apontado por Candeias.

Sub-17
Campeonato Nacional de Juvenis (Série B) 10ª Jornada
F.C. Porto-Boavista, 3-2 (Ramon [11m], auto-golo [25m], Josué [50m])
"Triunfo sofrido do F. C. Porto, perante o Boavista, que discutiu o resultado até ao final.Jogo no Centro de Treinos do Olival, em Gaia. Árbitro Gaspar Fernandes (Braga).F. C. Porto Ruca; Coutinho, Rodrigues, João e Vítor (Seixas, 66); Ramon (Ricardo, 79), Figueiredo (Miguel, 55), Joni e Tiago; Alex e Josué. Boavista Hugo; Tiago Pessoa, João, Fábio Costa e Pedro (Teixeira, 41); Pushka, Bruno (Wilson, 61), Ivo (Fábio, 68) e Rui; Djibril e Nuninho. Treinador Amarante. Ao intervalo 2-2. Marcadores Ramon (12), Bruno (14), Josué (26 e 49) e Djibril (38)". (in JN)

Sub-16
Campeonato Nacional (Série A)
Padroense, Rio Ave, 5-1
Padroense: Bruno, Paulo Sérgio, José Pedro, Eduardo Fontes, Pedro Branco (Reuss), João Ricardo (Ricardo Dias), Luis Paulo, Filipe Espincho, Diogo Jerónimo, Rui Santos (Sérgio Carneiro) e Rui Caetano.
Suplentes não utilizados: Fernando Paulo (GR), Novais, Miguel Griné e Claro

Sub-15
Campeonato Nacional de Iniciados (Série B) 11ª jornada
F.C. Porto-Feirense, 4-0
FC PORTO:Rafael (G.R); Davide; Hugo; Diogo; Xavier; Amorim; Gradissimo; Sérgio; Flávio; Pipo; Tiago
Jogaram ainda: Voluntário e Telmo
Golos: Pipo 2, Flávio 1, Diogo 1

Sub-14
Campeonato Distrital de Iniciados
F.C. Porto-Salgueiros, 1-0

Sub-11
Campeonato Distrital de Infantis
F.C. Porto-Vilanovense, 13-0
II Divisão do Campeonato Distrital de Infantis (Série 3)
F.C. Porto-Gondim, 9-0

Escolas
Campeonato Distrital de Futebol de Onze
F.C. Porto-Ramaldense, 8-0
Campeonato Distrital de Futebol de Sete
Freamunde-F.C. Porto, 1-7
Bairro Falcão-F.C. Porto, 3-2
in site oficial do FC PORTO
publicado em simultâneo no Porto em Formação



Dois Cabo-Verdianos prestam provas no FC Porto

2006-11-18T12:48:00.653+00:00

No Verão passado o Boavista FC, no âmbito das comemorações do seu 103º aniversário e como memorial a António Oliveira "Queiró" (sempre ligado a esse clube como coordenador do futebol formação e treinador dos juniores), organizou o torneio internacional cidade do Porto. Este torneio contou com a participação das equipas S-19 do Boavista FC, FC Porto, Batuque FC e GD Palmeira (ambas de Cabo-Verde), tendo sido ganho pela equipa júnior do FC Porto.
Segundo o semanário Cabo-Verdiano A Semana (ver abaixo), dois jogadores do Batuque FC captaram as atenções do FC Porto, tendo sido convidados a treinarem à experiência junto da equipa júnior.

Crioulos em teste no FC Porto.
Carr e Fredson, jogadores que integram a equipa juvenil do Batuque de São Vicente, devem seguir esta terça-feira, 10, para Portugal a fim de efectuar teste nos juniores do FC Porto.
A notícia é avançada pela agência cabo-verdiana Inforpress que revela que os dois jogadores, ambos centro-campistas, foram os que mais se destacaram na digressão que o Batuque efectuou, em Agosto, à região Norte de Portugal. Daí o interesse do FC do Porto na contratação dos mesmos.
Carr e Fredson terão conquistado os portistas que encetaram de imediato os contactos para a sua contratação. E, segundo a Inforpress, eles aguardavam apenas a conclusão dos trâmites burocráticos para seguirem viagem para o Porto, o que acontece já esta terça-feira.



FC Porto no torneio Bebec

2006-11-18T12:26:47.100+00:00

Comitiva portista em Maputo (fonte: site oficial do FC Porto)

Aproveitando a deslocação a Pretória da comitiva portista, composta por Castro Neves, responsável pelas Filiais e Delegações do F.C. Porto, Júlio Marques e pelo ex-atleta Paulinho Santos, foi solicitada também a presença destes representantes do emblema azul e branco em Maputo, cidade em que recentemente abriu uma delegação dos Dragões.

O programa desta viagem à capital moçambicana inclui para 22 de Novembro, às 12h00, a escritura pública da Casa do F.C. Porto de Maputo, em que estará Carlos Sousa, ministro da Juventude e Desporto do governo de Moçambique e um almoço com entidades oficiais locais. Durante a tarde, a comitiva azul e branca vai assistir ao Torneio Bebec de sub-13/14, que se realiza no Estádio 1º de Maio. Para a noite está marcado um jantar para cerca de 150 adeptos portistas.

A 23 de Novembro, a anteceder o regresso ao Porto via Joanesburgo, está gendada uma incursão pela cidade, com paragem na escola portuguesa de Maputo.

O torneio Bebec é o principal torneio de futebol jovem em Moçambique que reúne jovens de diferentes partes do país. É um torneio anual, no qual, o futebol moçambicano descobre os jovens talentos que despontam por entre o inocente futebol de pé descalço. Neste torneio já se destacaram vários jovens talentos como o Daúde "Rivaldo" Massude transferido para a academia do Manchester United e actualmente no SLB.
Apesar de esta presença no Bebec parecer ser esporádica, é importante que o FC Porto comece a se envolver nestes torneios nos PALOP, pois são uma fonte inesgotável de bons investimentos.



Seleção nacional sub-16

2006-11-14T13:51:35.673+00:00

Recordo, aqui, a participação da selecção nacional sub-16 no Torneio Val de Marne, recorrendo as apreciações que o selecionador nacional Paulo Sousa foi fazendo ao site da FPF“Pretendemos com o trabalho efectuado hoje e ao longo desta semana que a equipa cumpra aquilo que pretendemos para este primeiro jogo”, explicou o Técnico Nacional que orientará o primeiro jogo destes jogadores numa Selecção Nacional.“Por aquilo que me foi dado observar, a nossa Selecção é a única que ainda não efectuou qualquer jogo [a Itália iniciou o trabalho com os atletas nos Sub-14 e a França efectuou dois jogos de preparação para este Torneio], pelo que pretendemos formar uma equipa que funcione como tal com uma identidade própria, capaz de ombrear com as restantes equipas. Os jogadores, pelo que nos foi dado observar, têm qualidades e conhecem os princípios de jogo graças ao trabalho efectuado pelos treinadores dos clubes a que pertencem e estamos a tentar criar um grupo forte enquanto Selecção. É esse o objectivo que pretendemos ir cumprindo e, para já, este Torneio é bastante importante, pois só em competição internacional podemos comparar o valor dos nossos atletas em relação aos das outras selecções e ir crescendo enquanto equipa. Estamos a trabalhar para que consigamos, tão rapidamente quanto possível, criar uma equipa com uma identidade própria”Em relação ao primeiro encontro que esta equipa realizará amanhã diante da Suíça, Paulo Sousa espera que “seja um bom primeiro teste para esta equipa e que ela evidencie o que já adquiriu, para que possamos trabalhar os aspectos menos positivos que possa evidenciar. Só em competição poderemos avaliar o que de melhor e pior possa ter esta equipa. Queremos potenciar ao máximo esta equipa de uma forma muito geral, para que possamos a curto prazo trabalhar alguns aspectos mais específicos. Queremos que esta equipa domine os quatro grandes princípios de jogo [princípios ofensivos e defensivos e as transições defesa/ataque e ataque/defesa] para que no futuro possamos potenciar esta equipa. Queremos construir esta equipa neste escalão com tranquilidade, para que, na próxima época, possam ter legítimas aspirações para lutar por um lugar entre os finalistas do Campeonato da Europa de Sub-17”, concluiu o Técnico Nacional.31.10.06 - Sub-16: Suíça vence (3-1)“A Suíça apresentou uma equipa muito madura, quer individualmente quer colectivamente, muito forte no primeiro passe e na recepção. Conseguiram, com simplicidade, nos movimentos de um contra dois e nas triangulações uma larga vantagem sobre os nossos jogadores que mostraram muita vontade e garra, mas que perderam muitas vezes em termos posicionais, indo muitas vezes, como se diz na gíria, à queima e cometendo alguns erros básicos que vamos tentar corrigir nos próximos jogos”. “Os dois golos helvéticos aconteceram graças às boas triangulações e á forma como efectuaram as transições para o ataque. A forma como jogam ao primeiro toque e o aproveitamento que tiveram de alguns erros da nossa parte explicam como chegaram ao golo”,“Durante a segunda parte corrigimos algumas situações e com as alterações efectuadas na equipa conseguimos equilibrar e chegar com perigo ao último terço do campo. Acabámos por concretizar um golo – numa jogada em que recuperámos depressa a bola e saímos bem em profundidade – e criar outras oportunidades que a serem concluídas co[...]



Juniores entre os AA's

2006-11-14T09:52:22.083+00:00

(image)



"Ajudar à festa
Seis juniores entre os craques
Devido à falta de mão-de-obra, Jesualdo Ferreira viu-se obrigado a recorrer à equipa dos juniores tendo chamado cinco elementos para o treino de ontem. Rui Pedro (avançado), André Monteiro (extremo), Castro (médio), Hugo (lateral) e Hugo Ventura (guarda-redes) tiveram assim a hipótese de se mostrarem ao técnico principal e reclamar por futuras oportunidades."
in jornal o JOGO



Fim de semana

2006-11-13T15:45:44.776+00:00

Sub-19 Campeonato Nacional de Juniores – 1ª Divisão, Zona Norte (11ª Jornada)
Leixões 1 - 0 F.C. Porto

Sub-17 Campeonato Nacional de Juvenis – Série B (8ª Jornada)
F.C. Porto 14 - 0 Cinfães - (Tiago [4], Josué [4], Joni [2], Figueiredo [2], João e Vítor)
Série B: FC Porto - Cinfães, 14-0 Boavista - Feirense, 2-2 Sanjoanense - Naval 1.º Maio, 1-0 Pasteleira - Os Repesenses, 7-0 Académica de Coimbra - Leixões, 0-0 Folga: União de Coimbra Guia: FC Porto com 19 pontos.

Sub-16 Campeonato Nacional de Juvenis - Série A (8ª Jornada)
Padroense 4 - 0 Cachão - Abel [2], Rui Santos[2]
Série A: Padroense - Cachão, 4-0 Desp. Cerveira - Famalicão, 1-1 Os Limianos - Sporting Braga, 1-6 Varzim - Vizela, 2-0 Penafiel - Rio Ave, 5-1 AD Flaviense - Vitória Guimarães, 0-2 Guia: Sporting de Braga com 20 pontos, Guimarães e Padroense 17 .

Sub-15 Campeonato Nacional de Iniciados – Série B (9ª Jornada)
F.C. Porto 2 - 0 Leixões
F.C.PORTO: Rafael(G.R) , David, Hugo, Diogo, Xavier, Amorim, Sérgio, Gradíssimo, Flávio, Pipo, Tiago
Jogaram ainda- João José e Telmo
Golos: Flávio e Pipo

Campeonato Distrital Iniciados – 1ª Divisão
F.C. Porto 7 - 0 Varzim