Subscribe: Comentários do blog CHAVES
http://blogs.sapo.pt/commentsrss.bml?blog=chaves
Added By: Feedage Forager Feedage Grade A rated
Language: Spanish
Tags:
blog  chaves portugal  chaves  comentário  era  mais  manuel alípio  manuel  não  pois  rodrigues sá  rodrigues  sempre   
Rate this Feed
Rate this feedRate this feedRate this feedRate this feedRate this feed
Rate this feed 1 starRate this feed 2 starRate this feed 3 starRate this feed 4 starRate this feed 5 star

Comments (0)

Feed Details and Statistics Feed Statistics
Preview: Comentários do blog CHAVES

Comentários do blog CHAVES



CHAVES - SAPO Blogs



Last Build Date: Wed, 21 Feb 2018 00:19:55 GMT

 



Comentário a O Barroso aqui tão perto - Morgade

Wed, 21 Feb 2018 00:19:55 GMT

Olá Miguel, desde já obrigado pelo seu comentário. Pois penso que tem toda a razão, esqueci associar a construção da aldeia nova de Criande ao crescimento da população, de facto estava a construção começou a partir de 1940 e estava previsto construirem-se 31 casas. Penso que não foram todas construídas, pois pela minha contagem no terreno construiram-se 27, mas mesmo assim a um casal por habitação mais os filhos, pelo menos seriam mais 100 habitantes e as contas, assim, começam a bater certo. Quanto ao não publicar fotos da Aldeia Nova de Morgade ou Criande, eu disse-o no post, que ficavam reservadas para uma abordagem conjunta e mais cimpleta com todas as aldeias novas do Barroso, que embora na documentação que encontrei apenas se refiram 5 aldeias (Chã, S.Mateus, Vidoeiro, Casais de Montalegre e Morgade/Criande), eu penso que são 6, com a aldeia do Alto Fontão. Como ainda tenho muita documentação sobre este assunto para estudar, ficará para o fim desta série de aldeias do Barroso de Montalegre. Mais uma vez, obrigado pela achega, pois vem esclarecer as dúvidas quanto ao crescimento da população entre 1940 e 1960. Agora só falta a explicação para a descida a pique a partir de 1960. Cumprimentos e obrigado.



Comentário a Calvão - Chaves - Portugal

Tue, 20 Feb 2018 21:33:42 GMT

Olá,
Nascida e criada ate aos 12 anos em calvao. Calvao tem muito mais para descobrir. Pertence ao mistico transmotano e rico em lendas e feiticarias. Tem lugares belissimos. ( posso fornecer fotos tiradas por mim). O melhor esta por descobrir.
Gostei muito do artigo



Comentário a Cidade de Chaves - O tempo das coisas

Tue, 20 Feb 2018 16:58:43 GMT

Caro FR,
Como sempre a "velha ponte" nas sua fotos rejuvenesce.
Mais uma "roubada" para o meu arquivo...Abç,
AB




Comentário a O Barroso aqui tão perto - Morgade

Tue, 20 Feb 2018 14:30:58 GMT

Penso que o aumento de população de Morgade se deve ao plano da Junta de Colonização Interna que instalou numerosas famílias vindas de outros pontos do País. Não publicou fotos das casas padrão que foram construídas em Morgade, e que também foram construídas em Aldeia Nova e nos casais da Veiga em Montalegre.



Comentário a Flavienses Ilustres - Comendador Brenha da Fontoura

Tue, 20 Feb 2018 01:51:24 GMT

Renata, sou neta de Abilio Brenha
da Fontoura. Só hoje encontrei este site sobre o Vovó, estava conversando sobre ele com minha mãe e resolvi procurar informações. Moramos em São Paulo.



Comentário a Loivos - Chaves - Portugal

Sat, 17 Feb 2018 16:11:26 GMT

Desde já obrigado pela sua achega. Para lhe ser sincero eu aprendi a chamar-lhe ferrolho, era assim que lhe chamavam na aldeia do meu pai, tanto a estes de madeira como aos de ferro, mas hoje por uma questão de coerência, ou não, com o léxico-glossário transmontano publicado há anos neste blog, de autoria de Herculano Pombo, eu utilizei o termo aí registado. Pode dar uma vista de olhos aqui: http://chaves.blogs.sapo.pt/725566.html
Coerência com o léxico-glossário mas não com o blog, pois em tempos eu tive aqui a “Semana do Cravelho” em que apresentei várias versões do mesmo, principalmente as mais curiosas. Lembro que por essa altura surgiu essa discussão e desfilaram por aqui alguns nomes dados a essa geringonça, um bocadinho conforme a região de Trás-os-Montes ou mesmo as diferentes aldeias onde já então se mencionou o caravelho, o cravelho, o gravelho, o garavelho e ainda aparecia outro termo que agora não recordo. A bem dizer, cá para nós, até estão todos incorretamente grafados, pois como sabe por cá não pronunciamos o “v”, assim e para sermos ainda mais coerentes, deverimos escrever conforme pronunciamos: carabelho, crabelho, grabelho e garabelho…
Para finalizar, “achegue” sempre que o entender, pois já sabe que é sempre bem recebido nesta casa, além de as suas achegas serem sempre mais valias para este blog.
Um forte abraço.



Comentário a Loivos - Chaves - Portugal

Sat, 17 Feb 2018 14:10:29 GMT

Caro Fernando,
Embora afastado dos comentários não me tenho afastado da leitura.
Para "os meus lados" usamos "caravelho ou cravelho"". Garavelho é outra coisa.
Isto não é crítica mas apenas uma achega.
Abraço, AB



Comentário a Rua das Longras - Pormenores

Fri, 16 Feb 2018 18:35:18 GMT

Como eu entendo as palavras do nosso amigo Fernando Ribeiro. Tamb+em eu lamento a morte desta rua!!



Comentário a Mairos - Chaves - Portugal

Mon, 12 Feb 2018 16:16:24 GMT

Aliás, o nome Domingos do Peto é familiar? Esse era o nome do marido de uma irmã do meu tataravô, Manuel Alípio Rodrigues de Sá.



Comentário a Mairos - Chaves - Portugal

Sun, 11 Feb 2018 20:36:49 GMT

Olá, meu nome é Celina Cavalcante Falck-Cook, sou filha da neta de um rapaz que era filho de um Manuel Alípio Rodrigues de Sá. Estou achando que é da família do Rodrigues Sá de que falou. Ele e o irmão Alípio Xavier e um primo, Manuel Ignácio, foram para o Brasil. Manuel Ignácio é filho de Francisco Xavier Rodrigues de Sá. Mas não sei o nome do pai do Manuel Alípio. Por uma nota de falecimento dá para deduzir que Manuel Alípio e Manuel Ignácio eram primos, mas não há menção do nome do irmão do Francisco. Então, imagino que sejam parentes do tal Rodrigues de Sá da Escola, mas não tenho certeza. Só sei que eram todos eles Rodrigues de Sá e emigraram para Petrópolis, no Brasil. Tem alguma ideia de quem seria o antepassado deles? Talvez o próprio Rodrigues Sá Domingos?
meu email é celinacook@hotmail.com se tiver alguma informação. Tenha um ótimo dia!



Comentário a Histórias de Inverno

Sun, 11 Feb 2018 04:03:19 GMT

Obrigado pelo seu comentário e por ter gostado. Vanos a isso do texto/fotografia. Fico à espera do próximo.



Comentário a Histórias de Inverno

Sat, 10 Feb 2018 23:23:40 GMT

Grata, caro Fernando Ribeiro, pela divulgação do meu texto. Textos meus e fotos suas hão-de fazer mais vezes companhia uns aos outros. Adoro esta foto! Acho que ficou muito bonito. Um abraço amigo e admirador do seu trabalho!
Soledade Martinho Costa



Comentário a Discursos Sobre a Cidade

Thu, 08 Feb 2018 14:24:54 GMT

Hoje, oito de Fevereiro de 2018, 14h e 10m., acaba de passar na Estação de Televisão "PORTO CANAL", - Programa «MUNDO LOCAL» - uma reportagem acerca deste lugar do "CASAL" - DORNELAS - BOTICAS, com a presença do casal apresentado neste Post(al) do Blogue "CHAVES", e a do presidente da Junta de Freguesia.

Cá para mim, a coincidência não é estranha à existência e actividade deste Blogue.

.....-

Luís da Granginha



Comentário a Rua do Poço - Chaves - Portugal

Thu, 08 Feb 2018 12:22:53 GMT

Vivi no número 52 durante alguns anos.Foaram anos inesquecíveis de uma adolescência louca e cheia de felicidade.Foi por isso que escolhi a cidade de Chaves para viver,apesar de ser Barroso de nascença.



Comentário a o Lugar dos Padres Vicentinos

Wed, 07 Feb 2018 01:27:30 GMT

Obrigado pelo comentário e informação. Não sabia, desconhecia a sua origem alemã e que era um fugido de guerra, sei que ficou para todo o sempre registado na minha memória, principalmente esses dois pormenores que menciono no post, o das missas breves e o de costumar estar sentado na esquina do muro, numa pedra, junto à entrada para a quinta que existe do lado direito antes de chegar à igreja, e dos rebuçados que sempre tinha para me dar à minha passagem.



Comentário a o Lugar dos Padres Vicentinos

Tue, 06 Feb 2018 22:26:59 GMT

Fernando,o Sr. padre velhote de que falas aquife chamava-se P. Lang. Era ale mao.Figiumda segued a grande Guerrero Era muito divertido.



Comentário a O Barroso aqui tão perto... Pedrário

Tue, 30 Jan 2018 00:36:55 GMT

FELIZ por me dar a conhecer terra Natal de minha mãe
António Amaral



Comentário a Blog Chaves atingiu os 3.000.000 de visitas!

Tue, 23 Jan 2018 19:09:23 GMT

Parabéns pelo grande esforço e dedicação que motivaram 3.000.000 de visitantes. Um abraço Alentejano.



Comentário a Blog Chaves atingiu os 3.000.000 de visitas!

Tue, 23 Jan 2018 18:33:34 GMT

É obra uma grande obra! 3 000 000 é um número lindo. Um grande abraço de parabens!!!!



Comentário a Blog Chaves atingiu os 3.000.000 de visitas!

Tue, 23 Jan 2018 07:55:48 GMT

Parabéns! Forte Abraço.