Subscribe: PRAMELHOR
http://pramelhor.blogspot.com/feeds/posts/default
Added By: Feedage Forager Feedage Grade C rated
Language:
Tags:
ainda  até  bem  coração  das  depois  estava  fazer  foi      mais  minha  muito  nos  não  operação  pela  ter  ver 
Rate this Feed
Rate this feedRate this feedRate this feedRate this feedRate this feed
Rate this feed 1 starRate this feed 2 starRate this feed 3 starRate this feed 4 starRate this feed 5 star

Comments (0)

Feed Details and Statistics Feed Statistics
Preview: PRAMELHOR

PRAMELHOR





Updated: 2017-07-16T15:53:38.195+01:00

 



Das obras para uma horta

2013-06-15T20:55:55.145+01:00

Obras em casa, mudança provisória de residência e um pequeno espaço por cultivar. Daí uma espécie de horta. Aqui está o antes:      Após a plantação a 23.Maio,2013:   E em breve o crescimento.



Caetano Veloso

2012-03-19T11:18:25.907+00:00

[foto de Ricardo Jorge Fidalgo, emprestada do Flickr] No Coliseu, no concerto do Caetano Veloso, à minha frente, uma família, digamos que tradicional. Pai e Mãe na casa dos 60 anos. O filho e a respetivas mulher, um casal aí pelos 30 anos. Abanaram o capacete, cantaram, mas nem se tocaram. Ele esteve a escrever um longo sms, mas que nunca vi ser enviado. Ela com um Iphone a entrar e a sair



E se o Mundo fosse diferente....

2012-03-19T11:20:30.227+00:00

Participei recentemente num grupo de trabalho, com vista à preparação de um discussão sobre: E se o Mundo fosse diferente...., para o movimento Metanoia, em Lisboa. Em baixo está disponível um vídeo que elaborei com fotografias minhas a partir da discussão que o grupo de preparação fez sobre este tema.



A Islândia, os aviões e as férias

2010-04-18T22:32:50.226+01:00

Um vulcão na Islândia causa mais perdas económicas que o 11 de Setembro. Os aviões não descolam. Os nosso PR e os políticos e empresários que o acompanham, habituados a andarem de executiva nos aviões, com muitas mordomias e a sensação de estatuto especial de corrida, vêm-se gregos para chegar a Portugal de carro e autocarro, como os demais mortais, e sem classe executiva (e sem milhas para



Exposição de borla

2010-04-18T22:58:28.603+01:00

Quando aparece algo de borla é de aproveitar e se for bom, melhor.Em Sintra, no Museu de Arte Moderna, a exposição do World Press Cartoon 2010.Depois, uma ida aos travesseiros na Periquita e temos uma tarde em grande!



A tragédia na Madeira

2010-02-25T01:14:58.356+00:00

Se a tragédia do passado sábado na Madeira tivesse acontecido no Algarve, será que Cavaco Silva demorava 4 dias até lá ir apoiar a população ?



A falta de Luz

2010-02-22T09:39:22.735+00:00

Como dizia o sr. Maximiano (*),“isto da falta de luz dá um bocadinho de tristeza. Deixa a gente aborrecida, sem nada que fazer. Até a alegria se abalou”.É por tudo isto, que trabalhar na EDP é um constante desafio, qualquer que seja a intempérie que nos apareça.(*) Expresso, 31.Dez.09, pág 14



Natal de 2009

2009-12-24T14:36:54.572+00:00

A partir de um texto de Anselmo Borges e uma fotografia tirada em Guerreiros do Rio.



Mensagens sempre actuais

2009-12-20T23:36:32.737+00:00

Há mensagens que pela sua actualiade originalidade e qualidade merecem que eu partilhe com quem até aqui ler estes textos.Veio de um colega, grande amante das coisas boas da vida.GiottoHá muitos anos, muito antes do aparecimento da televisão, do computador e do telemóvel, deu-se um acontecimento, de tal forma mediático, que ainda hoje, rivaliza com as super-notícias que pululam pelos jornais das



Passaram 3 meses [9]

2009-11-14T00:01:00.885+00:00

Ao fim de 3 meses depois da Operação já me é possível fazer uma balanço do que foi acontecendo.O Coração trabalha bem, todos os dias, e o mais incrível, é que trabalha mesmo quando eu estou a dormir. Claro que não é nada de novo. Quase toda a gente vive assim. Mas, como eu tinha uma insuficiência cardíaca, é importante salientar que o trabalho de reparação foi bem feito.Os ossos é que demoram



A Recuperação [8]

2009-09-29T19:49:05.574+01:00

E depois desta operação ao coração, foi cerca de um mês e meio para recuperar. Primeiro em Odivelas e depois em Santa Cruz, onde o mar, o Sol e o pouco calor, ajudaram muito nesta recuperação.Muitos medicamentos para tomar, e o regresso aos poucos à actividade fisíca.Uma das coisas a controlar, é a velocidade de coagulação do sangue. Para isso, preciso de fazer regularmente uma recolha de sangue,



Encontrar Deus [7]

2009-09-29T18:53:28.059+01:00

Passados 5 dias da operação, saí do Hospital e fui para casa recuperar.À saída encontrei Deus ! Calma, não penssem que lá pelo facto de ter feito uma recauchutagem ao coração já passei a ver e a falar como a Alexandra Solnado... Enquanto estive inconsciente, quando me iam mexendo no interior, não me lembro de ter tido qualquer contacto com o além. Mas de facto, à saída, simplesmente num Audi



Uma questão de Sorte [6]

2009-09-22T23:14:48.776+01:00

Uma das vantagens de estar numa enfermaria é poder ver televisão. E se os meus companheiros não estiverem muito interessados até posso escolher o canal. Foi o caso. E assim o melhor é escolher a RTP1, em vez das desgraças da TVI e os escândalos da SIC. Pelo menos é o que me ocorre dizer sobre os lomgos programas da manhã e das tardes.Por esses dias houve a tragédia da Praia Maria Luísa, em



Nos intermédios [5]

2009-09-16T16:06:23.790+01:00

Antes de chegar a uma normal enfermaria, passei 1 dia nos Cuidados Intermédios. Aqui a aparelhagem de controle é menor, e estamos a meio caminho para a saída.Continuam os apitos, mas chegou a comida, e finalmente a hipótese de beber pequenas quantidades de água. Que alívio, finalmente! Afinal passou tão pouco tempo, mas a falta de líquidos, pela boca, é desesperante.Claro que estava a ser



O regresso [4]

2009-09-16T15:50:58.590+01:00

Da minha passagem pela UCI recordo poucas coisas. É a vantagem de estar mais para lá do que para cá. Fiquei por lá 20 h.Tinham-me avisado de que iria acordar entubado. Mas afinal havia ainda um outro tubo, que entrava pelo nariz, uma sonda naso-gástrica, que creio que serve para retirar algum entulho que se possa acumular no estomâgo, e que possa estar a estorvar. Além deste ainda tinha dois



A Operação [3]

2009-09-16T15:04:38.465+01:00

Acordei bem e preparado para o grande dia da operação [14 de Agosto de 2009]. A família veio fazer as despedidas e avaliar o meu estado de espírito. Ao sair do quarto, com aquela touca que se via na foto, já eu estava mais para lá e disse algumas coisas de que não me lembro nada. Parece que falei num isqueiro e na hipótese de em caso de não voltar, que fizessem a minha cremação e de colocar as



A Preparação [2]

2009-09-04T22:05:09.667+01:00

À tarde, depois de me ter sido atribuída uma cama, vesti a roupa de doente. Sim porque isto nos hospitais, tal como já referi nas histórias passadas no Hospital Pulido Valente, há fardas para tudo. E o doente é aquele que veste um pijama. A anestesista e mais tarde um médico vieram explicar-me o que se iria passar no dia da operação. Uma das curiosidades foi o de saber que iria acordar na Unidade



A história do Acto, vista pelo próprio [1]

2009-08-23T19:37:06.194+01:00

Comecei pelos exames médicos. Obtida a papelada adequada fui para a recolha de sangue para análises. Retirei a senha e vi que tinha 17 números à minha frente. Ainda sem jornal para ler, fui ver como era o ambiente na sala de espera. E aqui entra em cena um Voluntário, que olha para a minha papelada, e vendo que eu sendo um pré-operatório, me diz o balcão onde me devia dirigir, porque era



Novo Boletim Clínico

2009-08-23T08:37:37.541+01:00

A operação foi feita na manhã de 6ª feira, 14 de Agosto.Depois da passagem pela Unidade de Cuidados Intensivos, Cuidados intermédios e pela enfermaria, regressei a casa na 4ª feira, 19 de Agosto, onde me encontro em franca recuperação.Muito obrigado pelos incentivos, pelas orações e pelas preocupações manifestadas. Agora é ir andando devagarinho e em breve já devo estar operacional.



A saga parte II

2009-08-23T08:45:09.438+01:00

Resolveram desentubar o Tozé, o que na minha opinião, poderia ter demorado mais um bocadinho, porque até estava a saber bem não ouvir as boquinhas do costume. Para cúmulo, no dia a seguir, tiraram o resto dos tubos e agora ele anda por aí, tipo superherói com um coração novo, por isso aconselho precaução nas redondezas do hospital de Sta. Cruz.No entanto, ainda não consegue correr, por isso



4 Comentários

2009-08-23T08:44:21.711+01:00

Pra melhor, assim está bem está bem. Pois é, a recauchutagem foi um sucesso, ao que parece a válvula estava bastante estragada e tiveram mesmo que substituir por uma mecânica.Como sempre, o Tozé estava muito bem disposto como podem ver pela fotografia, exigiu até um fecho eclair daqueles todos xpto com duplo zip, jantes de ligas leve e luzes neon.A única coisa que o aboreceu foi não poder ter o



A Operação

2009-08-14T13:00:02.400+01:00

A esta hora já devo ter um coração recauchutado.Não se vão ver os efeitos para já. Primeiro é preciso que todo o equipamento volte a trabalhar como deve ser. Depois os pontos que seguram o fecho éclair têm de fechar bem, para não entrar frio. Porque ter um coração frio não deve ser grande coisa.Depois ainda vou ter de aprender a viver com o motor novo e fazer a rodagem.Em breve teremos aqui mais



Testes Médicos

2009-08-13T12:41:30.627+01:00

Deu entrada esta manhã, no Hospital de Santa Cruz, em Carnaxide, um jovem com quase 54 anos, para fazer os habituais testes médicos, com vista ao reforço da equipa para a próxima época.Para evitar a confusão habitual com a imprensa, entrou pela porta dos fundos,..., mas afinal por falta de coordenação do seu agente com os meios de comunicação social, não havia nenhuma equipa de reportagem da SIC



Finalmente,,,, a operação

2009-08-05T14:28:59.211+01:00

Finalmente vai começar a minha recauchutagem ao coração, estando a Operação marcada para 14 de Agosto.2009.



Redondo, Ruas Floridas

2009-08-05T16:00:59.954+01:00

Fomos ao Redondo ver as Ruas Floridas.Muito bonito, boa companhia e boa gastronomia.Atenção, o que está nas fotos é feito (tudo) em papel. Temos de regressar, lá para Novembro para uma caminhada na Serra d'Ossa.