Subscribe: gayfield
http://gayfield.blogspot.com/feeds/posts/default
Added By: Feedage Forager Feedage Grade B rated
Language:
Tags:
ano  anos  arco íris  das  dos  entre    luís  mais  muito  nos  não  obra  pela  porto arco  porto  ser  sua  título 
Rate this Feed
Rate this feedRate this feedRate this feedRate this feedRate this feed
Rate this feed 1 starRate this feed 2 starRate this feed 3 starRate this feed 4 starRate this feed 5 star

Comments (0)

Feed Details and Statistics Feed Statistics
Preview: gayfield

gayfield



desde 1986



Updated: 2016-09-08T05:33:19.232+01:00

 



game OVER

2012-06-27T22:32:45.410+01:00








idaho 2012

2012-05-17T00:01:00.156+01:00




inquérito

2012-05-15T03:34:31.313+01:00


Temos um amigo que está a realizar uma dissertação de Mestrado em Psicologia, sobre a relação entre a aceitação parental da homossexualidade e o desenvolvimento da personalidade, para a qual necessita de recolher o maior número possível de respostas a um inquérito. A causa e o amigo são meritórios, por isso: se forem maiores de idade, homossexuais ou bissexuais, e estiverem disponíveis para participar, sigam esta ligação (mais informações in loco). Escusado será dizer que o questionário é anónimo, que nós já participámos e que a vossa colaboração será muito agradecida.



25

2012-05-01T23:58:14.266+01:00





sexta-feira

2012-04-06T20:19:43.694+01:00

(image)



formação de voluntári@s

2012-03-30T14:35:49.436+01:00

(image) A primeira formação (gratuita) de voluntári@s do projeto Porto Arco-Íris, da ILGA Portugal, está agendada para este fim-de-semana, 31 de março e 1 de abril (no Porto, claro)! Para informações, participação, voluntariado, basta enviar um e-mail para porto@ilga-portugal.pt ou usar os contactos disponíveis pela ligação do título... Quem vai?!



the queen

2012-03-23T01:21:02.905+00:00

(image)



ser homossexual em portugal

2012-03-17T10:33:44.431+00:00

Com a 1ª Feira do Livro LGBT do Porto a terminar hoje, parece-me oportuno lembrar um dos livros de referência no desenvolvimento da minha própria personalidade: o fabuloso ensaio de Guilherme de Melo, publicado em 1982 como primeiro volume da coleção Cadernos de Reportagem (da Relógio d'Água), com o título «Ser Homossexual Em Portugal».Descobri esta pequena maravilha durante a minha visita a Paris, no início dos anos 80, na noite em que me emprestaram um quarto universitário que estava temporariamente vago. Se não me engano era um quarto com três camas e junto a uma delas estava este pequeno livro. Sozinho, à noite, comecei a lê-lo:- Tás a vê-lo? É aquele acolá. O da camisa com aqueles barcos desenhados... Não achas que o gajo é camone?Assim que começou, a leitura só terminou no fim, já pela noite dentro. Nas escassas 60 páginas tinha aprendido imenso sobre questões que se levantavam a um jovem com muitas dúvidas e que não eram abertamente (nem às escondidas, sequer) apresentadas e debatidas no meu distante país. O autor resumiu eficazmente todos esses temas a apenas catorze capítulos:-O engate- Ser (ou não) maricas- Uma falsa abertura- O papel da família- Quem educa quem?- Ser jovem - aqui e agora- O "terceiro sexo": sim - ou não?- O homossexualismo feminino- A linguagem dos números- O homossexualismo tem aumentado- Um falso conceito- Dos "bons" e dos "maus" malandros- As vozes no vento, e- O homossexual um marginal?De forma simples, mas eficaz, Guilherme de Melo apresentava a sua visão pessoal e jornalística do que era ser homossexual num país que fizera uma revolução há menos de dez anos e se esquecera deliberadamente (sim, deliberadamente!) desta libertação. Tudo é visto e dissecado de forma objetiva e clara, como aqui, neste depoimento:- Para mim, ser mulher é uma coisa; ser homem, outra. Antes de ser homossexual, sou homem. (...) Porque o homossexualismo é o amor entre dois homens. Ou, no campo feminino, entre duas mulheres. Não é um sentir-se homem e outro a fingir de mulher. Isto para mim é muito importante.O indivíduo que assim me fala tem trinta e dois anos e é caixa num banco.«Ser Homossexual Em Portugal» marcou uma viragem na minha própria consciência. Ajudou-me a perceber quem eu era, numa altura em que teria pouco mais de vinte anos. Quase trinta anos depois este continua a ser um livro de referência na minha vida. Tenho pena que já não se encontre disponível no mercado, nem tão pouco na nossa feira do livro, que abre hoje de novo no Centro Comercial Bombarda (Rua de Miguel Bombarda, no Porto) a partir das 12h e encerra às 20h. Antes disso, haverá pelas 14h um workshop de ilustração com Sandra Luís e às 18h uma apresentação com a escritora Marisa Medeiros. Eu estarei lá!=[...]



feira do livro lgbt no porto

2012-03-05T01:05:19.102+00:00

(image)
(image)



coimbra, 24 de junho

2012-02-07T16:26:04.788+00:00

(image) Bilhetes já em pré-venda, e à venda no sábado, dia 11 de fevereiro, a partir das 10h00.



formação de voluntários

2012-02-03T20:32:06.724+00:00

(image) Nos próximos dias 11 e 12 de fevereiro, a Porto Arco-Íris realiza a sua 1ª Formação de Voluntários. Trata-se de mais um passo importante na criação de uma dinâmica associativa LGBT no Porto. Como ex-formandos e atuais voluntários da ILGA, eu e o Luís não podemos deixar de recomendar a tod@s os interessad@s que se inscrevam e participem! Clicar na imagem e na ligação do título para mais informações.



novas vos trago

2012-01-25T12:21:09.989+00:00

(image) Vêm aí novidades importantes da Google: nem mais, nem menos, do que uma revisão global e profunda das suas condições de utilização e de gestão dos dados recolhidos dos utilizadores, com vista à unificação da forma como cada um acede a cada serviço disponibilizado pela Google - "Google Me" à vista?...
À vista parece-nos que nada tem que possa implicar perdas de privacidade, mas é bem melhor estar atento e medir cada ponto do novo regulamento, que vai valer já a partir de 29 de fevereiro. Alma Whitten, responsável pela privacidade, produto e engenharia da Google, explica tudo muito melhor no blogue da empresa (ligação no título) mas, para quem preferir uma explicação breve, há um pequeno filme animado que tenta sossegar os mais inquietos.

src="http://www.youtube.com/embed/KGghlPmebCY?rel=0" allowfullscreen="" frameborder="0" height="278" width="489">

Qu'esta coisa da privacidade ainda tem muito que se lhe diga!...



bowie, the prettiest star

2012-01-08T13:36:12.819+00:00

(image) Tal como no título da sua canção doa anos 70, aos 65 anos, que hoje se completam, David Bowie continua a ser the prettiest star para muitos de nós. Parabéns, senhor Bowie! Muito obrigado por tantos anos e momentos bons, inesquecíveis. Do amado mestre, esperamos por mais!



em dia de reis, uma festa de rainhas

2012-01-03T20:26:11.515+00:00

(image) O Porto Arco-Íris convida-nos a festejar o Dia de Reis com uma Festa das Rainhas, na próxima sexta-feira, dia 6 de janeiro. O local escolhido é o emblemático Café Lusitano, na rua de José Falcão, e a noite contará com a animação preparada por Marisa, What DJ e Rodrigo Affreixo. O Porto Arco-Íris não se poupa a esforços para que comecemos 2012 em grande e, para isso, até disponibiliza uma coroa oficial para usar com orgulho no real evento (para descarregar e montar a dita, clicar na imagem do cartaz). Vemo-nos por lá?...



adeus, 2011

2012-01-01T13:01:25.184+00:00

Perante a acção desanimadora de Passos Scrooge Coelho, o ano de 2011 chegou ao fim. Nem tudo foram cortes, porém; muitas pessoas e obras contribuíram para fazer deste mais um ano repleto de momentos para recordar.Olhando para trás, eu faço a homenagem a Steve Jobs (na imagem) elegendo-o figura do ano; impressionado pela expressão delirante a que tem assistido na televisão, o Luís escolheu o povo norte-coreano homenageando essas vítimas de fanatismos obscurantistas e da opressão exercida pelos seus líderes.Também sobre pessoas que já partiram foram feitos os nossos filmes preferidos do ano: Pina Bausch no «Pina», de Wim Wenders, e Allen Ginsberg no «Howl», de Rob Epstein e Jeffrey Friedman.As quatro óperas de Wagner que compõem a «Ring Saga», numa nova produção da Casa da Música, foram o espectáculo que eu preferi; o Luís vibrou com o concerto «Unknown Pleasures» de Peter Hook (ex-Joy Division), que também teve lugar na sala maior da Casa da Música, muito embora o ano nos tenha atraído para ver outros espectáculos fantásticos, como o de Philip Glass a solo no piano, Nina Hagen de regresso ao Porto, ou o da Companhia Nacional de Bailado com o excelente «Du Don De Soi».Na nossa casa e nas nossas deslocações, a maior parte da música que preencheu o ano foi escolhida de entre os muitos discos que já existiam na nossa discoteca mas, mesmo assim, destacamos dois: «The King Of Limbs» dos Radiohead (o meu preferido) e «Pourquoi Battait Mon Coeur» de Alex Beaupain (o preferido do Luís).Numa coisa estivemos de acordo: o DVD «Inni», dos Sigur Rós, numa das suas edições especiais super-elaboradas (este com um duplo CD, um blu-ray, fotografias dos músicos em papel fotográfico, um pin, um pedaço de um dos fatos usados pelos músicos no concerto, etc) foi a nossa escolha no formato de vídeo digital.Embora muitas escolhas pudessem ser feitas, todas mais que justificadas, das nossas deambulações pela internet ficaram-nos duas preferências: o dezanove.pt (na minha primeira escolha, partilhada pelo Luís e por muita gente certamente) e lagodilot.tumblr.com (que o Luís descobriu e considerou de excepcional interesse e bom gosto).No campo das leituras elegemos duas obras de um mesmo autor: «The Stranger's Child» (Gonçalo) e «A Biblioteca Da Piscina» (Luís), ambas de Alan Hollinghurst.Em termos de compras, concordámos que a Chocolataria Equador (e o seus chocolates) foi a nossa experiência mais doce.Já a viagem de verão a Vejer de la Frontera (na Andaluzia), com todos os momentos e encontros entre a partida e a chegada, se destaca entre os momentos bons do ano, que se recordarão por muitos mais.Os projectos para 2012 resumem-se a um só: sair da crise! Por isso mesmo desejamos a todos vós um novo ano criativo, produtivo, divertido e feliz. Não será mau se assim for para todos nós... Feliz Ano Novo!=[...]



feliz (pai) natal

2011-12-24T00:00:00.770+00:00

De nós, para todos vós,
um feliz pai (ou mãe) Natal!



réplica

2011-12-15T08:28:37.488+00:00

(image) Diz-se que isto está tudo muito "Mao", mas a nós parece-nos mais o contrário. Será apenas impressão nossa?...



fotograma

2011-12-13T00:10:10.258+00:00

(image) Nasceu há 44 anos. Não o realizador Kôji Wakamatsu, autor do fotograma acima, mas o meu marido. Ao primeiro segundo do dia que começa hoje assinalá-lo-emos. A princípio, só a dois. Sem excessivas comemorações, para além daquelas que um coração apaixonado consegue proporcionar e outro receber. O dia deverá passar de forma não muito invulgar, mas tentaremos fazer com que tenha os seus momentos especiais, mais do que uma vez. À noite, possivelmente, teremos então a tradicional comemoração de aniversário com os parentes mais próximos.
Nos dias seguintes surgirá por certo a oportunidade de voltar a Kôji Wakamatsu e aos filmes que a caixa de DVDs contém: «Sex Jack - Sistema Violado» (1970), «Vai, Vai Virgem Pela Segunda Vez» (1969), «Os Segredos Atrás Das Paredes» (1965), «O Embrião Caça Em Segredo» (1966) e «O Êxtase Dos Anjos» (1972). Estes 370 minutos de bom cinema japonês serão seguramente melhores na companhia certa. Muito abraçadinhos e bem quentinhos, no conforto do nosso sofá! Espero que gostes da ideia :)*

src="http://www.youtube.com/embed/s3foTfZvGJY?rel=0" allowfullscreen="" frameborder="0" height="278" width="489">



amigos

2011-12-11T17:06:41.881+00:00

(image) Os artistas Michael Elmgreen (Dinamarca, 1961) e Ingar Dragset (Noruega, 1969) trabalham juntos desde 1995. Habitualmente, a sua obra incide sobre as estruturas sócio-culturais do mundo contemporâneo, com particular incidência na sexualidade. Particularmente notada, a série «Powerless Structures» tomava como pretexto a forma cúbica e a cor branca, vulgarizadas nos espaços museológicos, para criar uma série de esculturas vagamente irónicas, inspiradas na estética minimalista. Eles também assinaram a obra conhecida como Monumento Aos Homossexuais Perseguidos Pelos Nazis, em Berlim, um bloco de betão com quatro metros de altura, onde se pode ver por uma pequena janela a imagem de duas pessoas do mesmo sexo a beijarem-se.
Também já expuseram em alguns dos mais consagrados espaços abertos às artes dos nossos dias, nomeadamente na londrina Serpentine Gallery, na Tate Modern e na Bienal de Veneza. A imagem mostrada acima (que evidencia a sua aberta atitude queer) tem por título «Amigos» e esteve exposta nos primeiros meses deste ano na galeria Helga de Alvear, em Madrid.



ken russell (1927-2011)

2011-11-28T23:10:51.544+00:00

(image) Morreu hoje Henry Kenneth Alfred Russell, o realizador britânico mais conhecido por Ken Russell. Nasceu em Southampton, em 1927, onde estudou até iniciar carreira na marinha mercante. Esteve na Royal Air Force, por algum tempo. Em 1957 casou-se com a designer Shirley Ann Kingdon, que ele viria a considerar uma das maiores influências na sua obra. De 1959 a 1970 esteve na BBC, realizando inúmeros filmes documentais sobre temas de arte, entre eles «Song Of Summer» que o próprio Russell considerou a sua obra-prima. Em 1969 realiza a sua primeira longa-metragem, «Women In Love», adaptada livremente da obra de D.H. Lawrence com o mesmo título. Seguiram-se imensos filmes notados pela sua liberdade criativa e por uma atitude provocatória do estabelecido. Em 1975 assinou «Lisztomania» (o meu preferido, inspirado na obra de Liszt e de Wagner):

src="http://www.youtube.com/embed/HWOWLXHAUhc?rel=0" allowfullscreen="" frameborder="0" height="361" width="489">

Em 1986 deu a sua assinatura a «Gothic» (o preferido do Gonçalo, que relata a noite em que foi criado Frankenstein):

src="http://www.youtube.com/embed/c2hl5Ee5_1E?rel=0" allowfullscreen="" frameborder="0" height="361" width="489">

Outros títulos terão sido talvez ainda mais famosos, como «Women In Love» (1969), «Tommy» (a célebre ópera-rock de The Who, também de 1975) ou «The Lair Of The White Worm» (1988). Uma vez que a sua obra foi muito além do cinema, Ken Russell merece uma atenção especial que cabe a cada um dedicar-lhe. Para além dessa atenção, nós deixamos-lhe ainda a nossa mútua homenagem.



mariza

2011-11-26T14:49:17.795+00:00

(image) Estou a ver (neste momento) a Mariza numa entrevista ao programa Alta Definição, da SIC. Sem palavras! Alguns dizem mal dela, mas eu acho-a (sobretudo como pessoa) fantástica!



"children’s book explaining homosexuality"

2011-11-24T12:49:26.640+00:00

Em local menos esperado (para pessoas crescidas e sem preconceitos, a ligação à fonte está no título) encontrei as imagens deste "children’s book explaining homosexuality", que não pude deixar de partilhar, à espera que se propaguem:=[...]



voluntári@s portuenses

2011-11-18T12:53:50.612+00:00

(image) Hoje, dia 18 de Novembro, o Porto Arco-Íris, o novo projeto da ILGA Portugal dirigido à região norte, inicia uma campanha de divulgação e angariação de voluntári@s. A brigada do Porto Arco-Íris irá distribuir preservativos e flyers pelos bares LGBT e LGBT friendly da cidade do Porto. Para te juntares aos voluntári@s envia um e-mail para porto@ilga-portugal.pt ou liga para o número 927567666.



874,38 euros

2011-11-16T11:55:46.519+00:00

(image) O salário médio português subiu, segundo o Diário de Notícias de hoje (página 33, também online – ver acima no título), para 874,38 euros: "um trabalhador da construção ganhava, em média, 874,38 euros em Julho, o que representa uma subida homóloga de 1%, segundo um inquérito do Ministério da Solidariedade e Segurança Social."
O mesmo diário acrescenta ainda que "os salários variam entre os 2021,36 euros do engenheiro civil e os 648,68 euros do servente da construção civil."
E tu quanto ganhas, afinal?!...