Subscribe: Pensamento Livre
http://carolinefurtado900.blogspot.com/feeds/posts/default
Added By: Feedage Forager Feedage Grade B rated
Language:
Tags:
agora  amor  aqui  está  foi  isso  mais  mesmo  meu  meus  minha  não  pra  sei  sem  ser  sua  vida  você 
Rate this Feed
Rate this feedRate this feedRate this feedRate this feedRate this feed
Rate this feed 1 starRate this feed 2 starRate this feed 3 starRate this feed 4 starRate this feed 5 star

Comments (0)

Feed Details and Statistics Feed Statistics
Preview: Pensamento Livre

Pensamento Livre



O pensamento é o ensaio da ação. (Sigmund Freud)



Updated: 2017-07-18T11:49:13.335-03:00

 



Dica da Semana #1: Diário de uma Paixão

2012-01-16T22:17:19.713-02:00

Criei está coluna com o intuito de toda semana trazer alguma dica de algo que eu goste.Quem já leu Nicholas Sparks sabe o quanto as histórias deste autor podem emocionar. Neste livro, o autor traz a tona um tema que está tão banalizado: o amor. Sim, eu acredito no amor, mas ainda existem muitas pessoas feridas por conta disso.Allison Nelson, menina da cidade, rica, vinda de uma família extremamente tradicional onde vão passar as férias numa cidadezinha do interior, Nova Berna. Em meio a uma cidade tão pequena conhece Noah Calhoun, um jovem simples e atencioso. Desde então encontros inusitados acontecem, Noah se apaixona a primeira vista pela menina doce e delicada, e faz de tudo para chamar sua atenção. Allie acaba por se apaixonar por Noah, e os dois vivem uma ardente paixão, durante todo o verão. Compartilhando juras de amor eternas, mas o final do verão está próximo...A mãe de Allie uma mulher muito conversadora e tradicional com sua família, busca o melhor para sua filha e faz de tudo para acabar com este amor de verão. O romance acaba por ali, a vida segue. Noah serve o exercito durante a guerra e compra a propriedade tão desejada. Allie cursa a faculdade de artes plásticas e torna-se noiva de Lon, um grande executivo da época.Catorze anos se passaram. Allie e Noah se se reencontram na antiga propriedade comprada por ele. Mas nada é simples, cada qual com sua vida, mas o que permanecida entre os dois era o amor. Nicholas Sparks nos trás um final totalmente inusitado e emocionante!  Enfim, resumi boa parte do livro sem spoilers. Bom, tenho para dizer que o livro é BOM, mas eu AMEI o filme. É muito RARO eu gostar mais do filme do que da própria obra do autor, mas pelo fato de ser o primeiro livro (escrito e publicado) do autor a linguagem está fraca, e no filme acabam colocando partes na história que se encaixaram perfeitamente sem alterar a ideia original.Sparks é um grande autor, gosto muito de suas obras, e Diário de uma Paixão é uma obra emocionante, porém fraca pela escrita que o autor nos proporciona. Quem gosta de livros de romance – assim como eu - recomendo para aqueles dias chuvosos que precisamos de uma leitura para relaxar.Beijos,Caroline Farias.[...]



Dia do Leitor

2012-01-07T23:41:01.234-02:00

“O Brasil não produz livros “demais”, o Brasil produz leitores de menos”. (fonte

Frase instigante, não? É assim que queremos repassar conhecimento para as gerações futuras? Quando será que o Brasil vai criar leitores assíduos para modificar a cultura? É uma sessão de perguntas que passam pela minha cabeça todos os dias. Quando será que vão investir na leitura do Brasil?

É muito triste saber que na próxima geração não se sabe ao certo o que o teu filho tem a esperar. É difícil lidar com esse assunto sem ao menos sentir tristeza. Sim, tristeza! É um fator de extrema importância que vai se sobrecarregar no futuro. Porque o Brasil não investe em qualidade na cultura? Será que tá sendo mais fácil fazer caixa dois e roubar todo o dinheiro do país?

Sei que estou parecendo um sociólogo, ou até um professor de história, mas é um assunto que não dá pra deixar passar. Eu, Caroline, como LEITORA ASSIDUA, não posso deixar de pensar no assunto e ficar indignada. Realmente só penso nas gerações futuras. O que vão ser? E quando aparecer aquela lista de livros obrigatórios da federal? É assim que o Brasil realmente quer que sejamos filhos da faculdade federal? Com preguiça de ler? E o incentivo na cultura? É muita indignação!

Resolvi abordar o assunto aqui no blog pelo fator de que a maioria dos blogueiros gosta de ler. Talvez não seja tão compulsivo como eu, que gasta horrores de dinheiro em livros, mas não há maior prazer para mim do que a leitura, e também ver pessoas praticando o mesmo ato. Assim como eu peguei o gosto pela leitura com a minha mãe, espero poder incentivar as próximas gerações de minha família a seguir o mesmo ato. Não somente no Brasil, mas em qualquer lugar o ato de incentivar a cultura é de extrema importância!

DIA 7 DE JANEIRO – DIA DO LEITOR. 
Parabéns para você leitor, que de alguma forma colabora com a cultura, seja com livros, jornais ou revistas, apenas leia!

Beijos,
Caroline Farias.



Estou viva!

2012-01-07T22:44:46.435-02:00


É eu sei que eu não dou as caras desde JUNHO/2011, e que os meus textos estavam extremamente odiosos, devido ao grande número de tristeza e a minha crise existencial de adolescente. Mas, eu senti saudades do blog, e muita! A ponto de estar aqui na maior cara de pau escrevendo neste pequeno espaço que eu posso dizer que é meu “cantinho”.

Todos esses últimos textos (leia-se: vou deletar) realmente me fizeram fugir daqui. Motivo? Precisava pensar colocar as coisas em ordem! E no final? Deu tudo certo! Sim, expulsei o desnecessário e agora tô aqui com vontade de escrever de novo.

Confesso que preferi ficar longe da escrita, passei por um trecho esse ano que me fez perder momentaneamente o que eu tinha de melhor: os meus sonhos, mas não se preocupem eles já estão novamente no seu devido lugar. Minha escrita não é lá grande coisa, é apenas um refúgio, mas eu gosto dela, me sinto bem. Durante este período afastada, apenas escrevi resenhas de livros (sou totalmente COMPULSIVA por livros) na minha página do Skoob e em alguns blogs.

Acho que finalmente vou conseguir voltar à ativa com o blog, mas não prometo estar aqui todas as semanas. Não sei sobre o que vou escrever... Sobre livros? Textos? Contos? Por ora, vai ser o que der na telha. Espero que vocês compreendam toda essa minha loucura! 

Feliz Ano Novo!
Beijos,
Caroline Farias.



7 Comentários

2011-06-23T13:20:00.185-03:00

Sou tudo. Sou música. Sou essência. Sou o que você vê. Sou inconstante. Sou insana. Sou tudo o que você não pode enxergar a olhos atentos. Você nunca descobrirá...

Caroline Farias



O mundo da voltas...

2011-05-26T19:49:21.664-03:00

A vida de certo modo parece brincar com nós mesmos e pregar peças enormes, mas sabemos que isso não é verdade. Se o mundo e a vida parecem conspirar e pregar peças, a culpa é de nós mesmos.

Não sabemos ao certo lidar com a vida. Aos poucos nos moldamos e criamos barreiras para nos proteger, conhecemos pessoas, nos apaixonamos, constituímos família, sofremos etc. Conhecemos pessoas legais, pessoas que vamos confiar e aprender coisas. Essas pessoas muitas vezes podem se moldar a sua capacidade de viver, ou querem fazer você viver a vida dela. Nem sempre vamos nos adaptar e conseguir viver isso de forma tranquila e racional. 

Ultimamente minha vida deu muitas voltas, nos meus últimos textos andei indecisa, confusa, estava sofrendo por um amor, depois as portas do mundo se abriram pra mim e se fecharam novamente. Mas dessa vez, levantei sozinha e abri com força total. Aprendi que posso ser feliz vivendo ao meu modo, sendo a Caroline. Não preciso criar fantasias e viver aventuras absurdas, o tempo pode mostrar que essa Carol que está aqui, ninguém muda.

Quase perdi pessoas que amo, por meras besteiras, por acreditar e pensar loucuras, por ter raiva de quem não devia. A culpa foi minha, me deixei levar tão leva como a brisa e acabei ganhando uma surra. E hoje digo que aprendi a ser eu, estou vivendo a vida que escolhi, nada mais que isso. Sofri demais e perdi demais, agora apenas penso na minha vida, nas minhas escolhas, de certa forma isso pode ser até egoísmo, mas isso acontece quando sofremos por pessoas e nada ganhamos. Agora aprendi a ser feliz e encarar a vida do meu modo!



Mulheres

2011-05-15T13:48:01.018-03:00

A mulher vem lutando há anos pelo seu papel na sociedade, mesmo vivendo em uma sociedade paternalista, preconceituosa e discriminatória.Desde ao longo da história a mulher sempre foi tratada como um objeto, sendo domesticada para servir de forma como o homem quisesse. Assim começou na época colonial, o pai escolhendo o casamento para filha. A filha passando a infância e adolescência toda aprendendo prendas domésticas, a fazer enxovais e a respeitar o homem, para servir dele como seu objeto. A responsabilidade dos filhos sempre foi dela, caso algo acontecesse era culpa da mulher. É certo, isso?Ao longo dos anos a mulher vem com raça e coragem tentando mostrar qual o seu verdadeiro valor. Mesmo a sociedade sendo preconceituosa e mesmo estando em pleno século XXI, muitos homens ainda acham que lugar de mulher é na beira de fogão esquentando a barriga. O trabalho na sociedade se tornou algo somente dos homens, sempre deles, os empregos com cargos mais altos, salários mais altos sempre do homem. Por que isso? A mulher sempre mereceu ser tratada de forma racional, assim como qualquer homem, mas o preconceito cegava os olhos da sociedade. Tendo um preconceito a mais para aquele ser humano chamado: mulher. Será que ela precisa ser tratada da mesma forma que os homens? Claro que precisa!Foi a partir da Revolução Francesa em 1789 que a mulher começou a ganhar papel na sociedade, com a Queda da Bastilha e o terceiro estado no poder, uma nova sociedade, regras e leis, fizeram da mulher um papel diferente. A mulher na sociedade atual tem lutado para mostrar nossa raça. Uma luta difícil, com muitas dificuldades e preconceitos. Um caminho árduo, porem de muita satisfação. Hoje em dia vemos mulheres com cargos altos em empresas, mulheres na política. Como a nossa presidenta Dilma, quem diria que uma mulher iria ser presidenta do Brasil? Foram as mulheres que conquistaram seu espaço na sociedade. Porque se não fossem nós carregarmos uma criança, batalharmos todos os dias e ainda carregar um preconceito em nossas costas, a sociedade ainda seria paternalista.Felizmente, muitas mulheres já aderiram à nova política, a nossa sociedade de conquistar nosso espaço e lutar pela mesma igualdade.(*texto para o trabalho de Geografia, sobre a mulher na sociedade atual)[...]



Meu anjo;

2011-03-05T13:59:57.022-03:00

Perdi. Perdi um anjo, um amor, um protetor, um guerreiro, um amigo... Dói demais, como dói perder você! Pensei que as nossas vidas seriam marcadas pelo amor, mas não foi possível. Não me importo com o que está por vir, sei que você não é o amor da minha vida, mas me importo com você. Eu quero é você. Por que insistem em nos afastar? Por que esse imenso vazio entre nós? Conheço a tua dor, o teu sofrimento. Meu anjo, como dói sentir isso, meu corpo dói de sofrimento, dói porque é um martilho ficar sem você, saber que estamos sendo afastados por causa do destino.Preciso de você, anjo. Preciso saber onde está e o que está fazendo... Queria escutar a tua voz, nem que seja pra dizer: “Não podemos ficar juntos...”. Nunca lhe culparei por nada que aconteceu, nunca vai ser culpa nossa e nem de ninguém, apenas do destino. Não te amei o suficiente, deveria ter me dedicado mais, expressado o quanto eu amo você. Sei que em breve o amor da minha vida está para chegar, mas nunca vou deixar de te amar, porque você é meu anjo, meu amigo, meu protetor e o cara que eu queria estar. Não pense que é porque não vamos ficar juntos que o amor acaba. Nunca, meu guerreiro, você sempre permanecerá na minha memória viva. Impossível esquecer você, do quanto me fez bem. Já te disse que é um anjo? Sim, um anjo. Aquele que me disse: “O que vai ser de mim se você partir?” Você me salvou da morte, quanto o meu corpo entrou em momento insano e não quis mais nada com a vida, a morte era a melhor escolha. Mas não, você estava lá e me mostrou que tinha pessoas precisando de mim, mostrou o quanto posso fazer falta. Lembra quantas vezes brigamos por ciúmes? Nenhuma dessas brigas resulta no tamanho da dor que sinto. “Gatinha” dói demais lembra você me chamando assim, dizendo que eu era apenas uma criança e que te dava tanto orgulho. Por que a dor permanece? Não queria que você sentisse a minha dor, mas está sendo impossível lutar contra ela. Não consigo mais esconder o quanto eu penso em você, o quanto eu fico vendo a sua foto e lembrando você falando de nós dois juntos. Só precisava dos teus carinhos, sentir você uma única vez.Tenho uma certeza: nós ainda vamos ficar juntos novamente. Não importa quanto tempo custar, anjo, mas nós ainda ficaremos juntos. Desculpa por não te amar o suficiente e até mesmo não demonstrar como queria. Só queria te fazer feliz e não consegui, causei dor a nós dois. Mesmo assim, obrigada por me fazer feliz, por sonhar e me mostrar como é amar alguém, por mais que isso cause dor, você me ensinou a amar e a respeitar quem amamos!Guerreiro, eu te amo.Queria que você soubesse que adoro o jeito que você sorriQuero te abraçar bem forte e levar sua dor pra bem longeEu guardo a sua fotografia, e eu sei que ela me faz bemQuero te abraçar bem forte e roubar sua dor  Broken - Evanescence e Seether [...]



I need you!

2010-10-25T21:09:34.117-02:00

(image)

Eu não sei se você realmente surgiu algum dia, ou é apenas uma fantasia da minha mente, mas eu sinto um aperto no meu peito, uma saudade forte, não sei como explicar. Dói, é tudo que consigo dizer, meu peito dói, eu queria que a minha fantasia fosse uma realidade, queria ver você todos os dias ao meu lado. Como tudo que eu sonho, uma pessoa como você. Será que você é tão lindo quanto os meus sonhos? Quero dizer, lindo de espírito, a sua beleza é o de menos agora. Eu queria saber como é seu toque, o seu beijo, o seu jeito de ser, é tudo como eu sonho?

Eu fico pensando, eu criei você na minha mente, como forma de me isolar do mundo, e agora me apaixono pela minha própria fantasia. Eu te amo, pode te fazer real? Você acha que eu posso encontrar alguém como você? Eu não posso dizer que você é perfeito, mas foi feito para mim, ninguém é perfeito nessa vida, mas eu queria ter o teu gosto nesse momento. Por favor, não quer ser real? Preciso de você! Faça um esforço, viva para mim. Nem por um dia? Só para ficar a cena em nossas mentes, mas você é parte da minha mente. Eu te peço novamente, se torne real!

*é fictício
Olhe as estrelas
Veja como elas brilham para você ♪

Yellow - Coldplay




São apenas pensamentos; [2]

2010-10-21T22:42:52.752-02:00

(image)
Eu devia ter deixando de ser cega, e ter gastado menos suspiros com você. E agora de que adiantou tudo isso? Um abalo? Eu falei que não iria me abalar mais, mas eu sou fraca. Eu aprendo com os meus erros, e acabei de ver que você foi um deles, a partir de agora, você passa a ser apenas mais um dos que passaram por aqui, nada mais, além disso. Estou te esnobando? Sim, e daí? Você não fez o mesmo comigo? Pois então, cresça! Esse é o único conselho que posso te dar. Larga a infantilidade, e aprenda a reconhecer o que faça. Tem vergonha de reconhecer o que fez? Falta de caráter! É isso, você não presta!
Não sabe a raiva que se acumulou no meu peito, tenho vontade olha na tua cara e te contar detalhe por detalhe do que se passou naquele dia, mas do que adiantaria? Como eu disse, é passado, você é apenas um passado, nada mais. Não quero mais me abalar, e definitivamente, suma!






São apenas pensamentos;

2010-10-20T23:52:58.048-02:00

(image)
Será que vários suspiros durante o dia, me ajudam em alguma coisa? Sinceramente, eu não sei. Eu não gosto de pensar nisso, muito menos cogitar a idéia que você possa estar passando como filme na minha mente. Eu não quero isso, nunca vou admitir. Não insista! Não quero saber, não me abalo mais. Já falei pra você que quero ser livre, sou um pássaro, apenas quero voar, e já você? Eu não sei de nada. Quero mais, quero ser mais, me superar além dos meus limites, longe de qualquer coisa que possa me abalar. Estou to dizendo em todos os sentidos, principalmente emocional.
Por incrível que pareça, eu vejo flashes daquele momento, foi conturbado, rápido e talvez muito bom, pra muitas vezes eu me pegar pensando. É chato, não quero isso! Eu sei que é mais uma das minhas bobagens emocionais que possam me atrapalhar um pouco, mas eu vou fazer o que? Sinceramente? Quero que você suma, de preferência pra bem longe. Viu o jeito que me deixa? É assim, mas já falei, não vou me abalar por você.

Assim que você encontrar o seu lugar
Guarde embaixo do solo suas mágoas
E deixe secar as velhas lágrimas sem dó
Só o tempo desfaz suas marcas ♪






Precipício; parte 2

2010-09-27T09:55:33.140-03:00

Olho desesperadamente para aquela mulher de branco, que pode se dizer que é uma enfermeira, me apronto a abrir a porta e fugir, sinto que ela tenta correr atrás de mim, mas caí no meio do caminho, com o tropeço que deu na porta. Eu continuo a correr, para tão longe que não sabia nem onde estava indo. Sei que ia continuar correndo aonde meus pés me levassem. Parei quando minhas pernas cansaram. Recuperei o fôlego, e percebi que se desse mais alguns passos eu estava à beira de um precipício, isso mesmo, um precipício. Cheguei mais perto, faltavam exatamente três passos para eu me jogar daquele lugar. Abri os braços e pude sentir a sensação de liberdade, o vento queria me levar para trás, mas eu era mais forte que ele. Consegui ficar erguida, continuei ali com os braços abertos durante alguns minutos. Baixei os braços, pensei na minha vida que estava tão tumultuada, não queria mais sofrimento, não queria meus pais sofrendo novamente por outra filha com a mesma doença. Dei um passo à frente. Pensei alguns minutos. Prometi para mim mesma que não iria morrer naquela cama e não vou mesmo. Dei mais um passo. Agora estava diante da minha morte, mas o desespero não chegou ao meu corpo, nem o medo, eu estava normal. Eu estava decidida. Pensei por alguns minutos. Dei meu ultimo passo, onde senti meu corpo caindo como uma pluma e o vento batendo forte. Fui caindo aos poucos, me senti um passarinho livre que acabará de se soltar e morrer.
Algumas horas depois, meus pais foram me visitar e a mesma enfermeira que viu fugir, entregou o bilhete que deixei a eles, aonde dizia:
“Mamãe e Papai,
Desculpe, mas não posso agüentar a agonia de ficar aqui morrendo aos poucos, sei que vou causar sofrimento a vocês, pois aonde vou, também sofrerei. Mas preciso encontrar a minha irmã, ela precisa de mim, e eu preciso dela.
Desculpa por todo o sofrimento.
Eu amo vocês, Lidia.”

Senti alguém segurando levemente minha mão e tamanho foi meu susto ao olhar pro lado e ver o rosto lindo, sorridente e saudável da minha amada irmã.

P.S.: Gostaram?
Beijinhos ;*



Precipício; parte 1

2010-09-21T11:09:29.361-03:00

Os últimos cinco meses foi os piores que presenciei em minha vida toda. Tudo anda uma grande bagunça, não só em minha vida, mas em meu coração também. Meus sentimentos eles estão fugindo de mim, eu sei disso, acho que eles não me querem fazer sofrer, mal eles sabem, que eu já estou sofrendo.Há cinco meses, minha irmã morreu em uma cama de hospital, em fase terminal da sua doença. Eu perdi a minha irmã, a minha companheira, a amiga de todas as horas. Sofri, e sofri duplamente por ver meus pais chorando e pedindo para minha irmã voltar, mas como ela iria voltar? Tudo isso acontecendo, minha vida estava uma bagunça. Certos pensamentos me consomem diariamente. Eu quero estar ao lado da minha irmã, não interessa o lugar, não estou conseguindo suportar ficar sem ela aqui, ainda vejo o sofrimento dos meus pais, e acabo sofrendo mais.Agora estou em uma cama de hospital. Algumas semanas após a morte da minha irmã descobriram que eu também tenho a mesma doença dela. Só que agora é tarde demais, estou em fase terminal também, mas não vou morrer encima desta cama, nem pensar. Também não vou ficar esperando os dias passarem lentamente para eu ir me acabando aos poucos e ninguém achar a cura para está maldita doença. Não! Está tomada a minha decisão.Sento na cama lentamente, desço colocando os meus pés no piso frio. Escrevo um pequeno bilhete e deixo encima da mesinha ao lado da cama. Dirijo-me a porta com pequenos passos. Abro a porta e vejo se a alguém no corredor, no momento não havia ninguém, sai e fechei a porta. Caminhei até os fundos do hospital, eu sabia onde era a saída, pois passei meses com a minha irmã aqui, então aproveitei para explorar, ótima idéia que tive na época. Cheguei à porta dos fundos, quando estou prestes a abrir, ouço alguém falar comigo:- Pensa que está fazendo o que aí? – diz uma voz feminina muito ríspida diante de mim.Continua...(é ficção!) P.S.: Querem a continuação?Postagem de nº 100 \ôBeijos ;*[...]



Diários do Vampiro - O Despertar

2010-09-13T12:00:02.155-03:00

(image) Elena a aluna mais popular da pequena cidade de Fell's Crurch. Sempre consegue o quer, todos os garotos. Mora com a tia Judith e a irmã Margaret, após a morte dos pais.
Um novo aluno chega a escola, mas não um aluno qualquer, ele tinha seu mistério, era sedutor. Logo balançou o coração de Elena num amor incondicional. Stefan Salvatore.
Mas muitos mistérios o rodeiam, o principal, ele é um vampiro. Vive nas noites escuras. Stefan se apaixona por Elena, assim como ela por ele, numa fração de tempo mínimo. Onde o perigo e o desejo é o principal foco. Elena é desejada por Damon, o irmão e inimigo mortal de Stefan.
Perigo, mistério e amor, é o que rodeiam este livro.

E concerteza, eu não tenho nada contra Crepúsculo, já li os livros, mas a minha opinião vai mudando conforme a cada livro de vampiro que eu leio. O Despertar, por exemplo, ele me chamou atenção, pois o amor de Elena e Stefan não é tão fantasioso. É algo mais corpo a corpo, pois ainda penso que Crepúsculo ficou muito clichê com Diários do Vampiro.
E outra, eu to bem atrasada pra ler o livro, mas o importante é ler.

Gente, tirei 4º lugar no projeto Palavras Mil! Fiquei muito feliz!
Com o texto: Dois anjos.

(image) Beijo ;*



4º lugar; Dois anjos

2010-09-13T12:00:45.838-03:00

Foto retirada do We♥It- Vamos Matheus! – dizia Anne com um sorriso nos lábios. – Acabamos de entrar de férias, nada pode nos impedir.Anne era namorada de Matheus há cinco anos. Sempre faziam planos para viajar, mas o dinheiro nunca sobrava, e muito menos o tempo. Agora que estavam de férias da faculdade, nada melhor do que pegar o carro e cair na estrada, mas Matheus não queria.-Anne, o que acha de ficarmos por aqui mesmo nas férias? – dizia Matheus sem entusiasmo.- Para fazer o que Matheus? Vamos sair sem rumo, por aí, como se fôssemos livres, sem compromissos, apenas com o carro e o amor que temos um pelo outro. – disse Anne, com um sorriso contagiante nos lábios.- Mas... – gaguejou Matheus.- Nada de “mas”! Vamos amor, nós merecemos isso – agora Anne estava encostada na janela olhando a rua.- Ok, certo! Você sempre me convence! – disse segurando o rosto dela com as mãos e dando um beijo rápido em seus lábios.O entusiasmo de Anne foi tanto, que naquele mesmo instante começou a arrumar as malas.Na manhã seguinte, bem cedo, acordou Matheus com uma boa xícara de café e um sorriso de levantar o astral de qualquer um. Anne parecia mesmo uma criança que estava prestes a ganhar um presente que sempre sonhou. Matheus se levantou com um pressentimento ruim, mas nada comentou com Anne, apenas tomou o café que ela tinha lhe preparado carinhosamente, e seguiram pra uma viagem sem rumo. Em algumas horas na estrada, os dois riam como duas crianças felizes. Anne sentou em cima do banco de trás do carro que era um Corvette conversível que Matt considerava seu segundo tesouro. O primeiro era Anne, claro. Ela abriu os braços e sentia o vento bater em sua face, ela podia sentir a liberdade. Matheus agora estava feliz ao ver que essa viagem fazia tão bem à sua amada, o sorriso em seus lábios era contagiante, como o de uma criança em dia de festa. Porém ele ainda sentia aquela sensação estranha em seu peito e preferiu desabafar com Anne.- Anne, obrigada por essa viagem, você tinha razão, foi bom nós termos vindo! – disse Matheus não tirando os olhos da estrada. – Mas estou com uma sensação estranha.- Que sensação Matt? – disse Anne, um pouco assustada.- Não sei, mas algo que meu coração quer me avisar. Meu amor, preste atenção, se algo acontecer não esqueça que eu te amo muito, e fique bem, pois sempre vamos estar unidos. – disse sorrindo à Anne que agora tinha uma expressão de preocupação.- Mas nada vai acontecer! – disse Anne, ainda preocupada com o que Matt sentia e se aconchegando no banco da frente. Pegou uma câmera digital nas mãos e ficou olhando as fotos que ela e Matt tiraram antes de pegarem a estrada.Ela olhou para o céu, e viu que já estava começando a escurecer. Olhou para frente e viu um caminhão que corria em alta velocidade saindo de sua pista e vindo em direção ao carro de Matt, que se distraiu por alguns segundos ao olhar pra sua amada.- Matt! – gritou Anne. Essa foi sua última lembrança de Matheus.Anne ficou com ferimentos graves e foi levada para o hospital. Sua mãe foi visitá-la após alguns dias, quando ela acordou do coma. A mãe estava com uma foto em suas mãos. Lembrou-se que quando socorreram a filha uma câmera estava nas mãos dela. Sua mãe ficou com a câmera e alguns outros pertences que lhe foram entregue pela equipe de resgate. Ela viu as fotos, sabia que seria um bom presente dar à Anne sua última foto com Matt.-Minha querida, como está se sentindo? Ficamos preocupados! - disse a mãe.-Estou louca pra falar com Matt e pedir desculpas por ter insistido tanto nessa viagem, mãe - Anne falava ainda com um pouco de dificuldade.A mãe, sem jeito, entregou a foto à An[...]



A nossa chuva

2010-08-23T10:57:27.424-03:00

(image) Foto retirada do site Tumblr

Lembro-me deste dia, nós dois correndo na chuva, como se estivéssemos fugindo, mas esse não foi o motivo pelo qual corremos na chuva, não precisamos de motivos para isso, basta sentirmos vontade.

Saímos em meio à chuva em uma tarde de sábado, sem motivos, sem preocupações, sem hora para voltar, você pegou a minha cintura e me rodopiou, me senti uma adolescente brincando, você foi se aproximando e falou para mim em meio de um sorriso:
- Está linda brincando na chuva.

Sorri e voltei a brincar, Rafael era o meu melhor amigo de infância, sempre fomos muito agarrados, o sentimento de amizade era muito forte. Muitas vezes senti o meu coração disparar quando ele me olhava, ou até mesmo me elogiava, levava aquilo como uma brincadeira do meu coração, não podia sentir tudo isso pelo meu melhor amigo. O tempo foi passando, o coração cada vez mais acelerado, Rafael sempre chegando mais perto e me arrancando suspiros, mas nunca acreditei no que sentia.

Neste mesmo dia em meio há chuva, corri e pulei no seu colo e nós sorrimos juntos como dois bobos felizes. Foi então que ele se aproximou e me falou:
- Você não percebe? – e fico olhando em meus olhos.

- O que? – me fiz de boba, não queria acreditar nesse momento.
- Que eu gosto de você, que você nesses anos todos desde a nossa infância até agora, é a pessoa que tem carregado meu coração e protegido ele contra sofrimentos, magoas e qualquer coisa que me fizesse mal. Você Raquel, é a pessoa que eu amo que eu me dedico. Você nunca percebeu?

Em meio a tantas palavras, comecei a acreditar no momento e falei:
- Sim, eu passei a perceber de uns tempos pra cá, quando meu coração começou a dar sinais, você faz meu coração dispara, me arranca suspiros, e me deixa boba até por um olhar. Você não sabe, mas também tem carregado meu coração e protegido contra o mal, o fazendo feliz mesmo sem saber. Por muito tempo quis esconder esse sentimento do meu coração, mas agora vejo que é impossível, tenho que te falar que você é a pessoa que eu amo.

Aproximei-me de Rafael chegando perto do seu corpo e ele me beijou como nenhum outro alguém fez, foi como uma explosão de fogos foi à química em nossos corpos, mais do que nunca neste instante eu tenho cada vez mais certeza da decisão que meu coração tomou.
E com toda a chuva continuamos a brincar e rodopiar que nem duas crianças felizes.

Quando se aprende a amar, o mundo passa a ser seu ♪

Pauta Palavras Mil

P.S.: Gente, gostaram? *-* Amanhã o blog faz 1 ano de vida! \õ





Carta a um amor distante

2010-08-18T23:57:58.529-03:00

(image) Querido amor,

Como as nossas vidas se encontram sem mais nem menos, é incrível não é? Pode até ser estranho tudo isso, mas é a pura verdade e realidade, já nos conhecemos há dois anos e nesses dois anos temos tantas histórias pra contar, tantas idas e vindas, até namorados já fomos não é mesmo? Pois é, acho que as nossas recaídas e desejos comprovam isso. O desejo fala mais alto que nós dois, sim, todas as vezes que nos encontramos escondidos só para olhar nos olhos um do outro, ou até mesmo para dizer um oi, mas aquele beijo nunca faltava.

Hoje, descobrimos, melhor, hoje não, há tempos viemos escondendo o amor, por medo de perde a amizade, por insegurança de nunca esse amor dar certo. Toda a amizade que tínhamos há que construímos há dois anos, serviu pra unir nossos corações, a nossa
química. E neste meio tempo, esse sentimento ficou cada vez mais forte virou amor, amor de verdade, aquele que une a energia de dois corpos.

Esse sentimento mudou a minha rotina, os meus pensamentos, a pessoa que eu sou, me fez ver que a vida não é tão injusta quanto parece, esse sentimento me alimenta.

As nossas histórias que não serão esquecidas, um dia vão ser lembradas por um de nós dois, e vamos ter mais certeza que há escolha certa era sentirmos o mesmo sentimento um pelo outro, a razão é você, eu vejo isso, eu sinto, eu sei!

Eu sei que se você estiver do meu lado, tudo vai fazer sentido. Mas acabamos nós afastando por insegurança, por medo de nunca dar certo, mas mesmo assim obrigada por todos os momentos, todas as histórias, e por todo sentimento que sinto.

Pode não ser nessa vida, mas você ainda vai ser meu!

Carinhosamente,

De um amor distante.


Pauta Bloínquês



Mudança (parte 2)

2010-08-16T19:13:24.677-03:00

(image) Laura ao acordar numa manhã ensolarada, ao se levantar olha para a mesa de cabeceira onde vê um pedaço de papel dobrado, aonde dizia:

“Bom dia meu amor!
Vim até aqui lhe trazer esta carta para dizer que está tudo bem comigo, que estou em ótimas condições, mas a saudade que sinto de você me corroí por dentro, por isso venho te ver todos os dias, fico do teu lado o dia todo, a cada passo seu eu estou aqui para te proteger.
Ah, já ia esquecendo, eu te perdôo sim, você sabe que eu amava aquele apartamento, mas o melhor pra você é o melhor pra mim também, saibas que te apoio em tudo. E nunca se esqueças que tem quase um anjo te protegendo minha pequena. Percebi que anda tendo tonturas, enjôos e mal estar, bom era pra você descobrir daqui a algum tempo, mas eu vim aqui diretamente para te contar isso por está carta, um fruto do nosso amor está começando a se gerar no teu ventre, isso mesmo, nós vamos ter um filho. Eu fui embora, mas deixei na terra uma parte do meu amor por você, que a partir de agora vai começar a crescer, cuide dele, se cuide também. Quero que fique bem, pois, você pra mim é tudo. Sempre se lembre da nossa frase “seremos um só ser, eu e você e ninguém mais”.
Amo-te! Do seu Arthur.”


Após terminar de ler a carta, lagrimas vem aos olhos de Laura, onde coloca a mão em sua barriga e sorri dizendo “agora somos três, sempre unidos mesmo com a distância”.

P.S.: Oi gente, gostaram? Fiquei com medo de posta pensando que não estava bom o suficiente.
Pra quem não leu a parte um, é essa aqui
Mudança.

Beijinhos ;*



Mudança

2010-08-05T17:41:35.241-03:00

(image) Este lugar me faz ter náuseas, faz eu não ter vontade de viver, me faz não liberta a minha vontade que eu tenho de continuar. Neste exato momento estou arrumando a mudança, isso mesmo, mudança, mas estou aqui falando sozinha, sozinha não, com você, eu sinto sua presença aqui comigo, é como se estivéssemos lado a lado conversando, você com a sua paciência para me escuta e eu sempre aqui contando tudo o que se passa. E agora estou a conversar com você, sei que pode me escuta, ou melhor, sei que está aqui do meu lado, me arrepio só de saber que você, meu amor, está aqui vendo minha pessoa arrumar as caixas e sair da nossa casa, promete que me perdoa? Sei o quanto amava este apartamento, mas não posso continuar aqui sem você, sem a sua presença, você é a razão da minha felicidade. Sei que vai me perdoar, você foi pra um lugar melhor que eu, a vida tirou você do meu caminho, não sei por qual motivo, ainda me pergunto isso, mas espero que tenha sido um motivo justo, pois a vida está me fazendo sangrar, sofrer, perder a razão de tudo.

Sei que se está do meu lado neste momento, não vai me deixar perder as esperanças de viver, sei o quanto se preocupa comigo, sei que mesmo de longe nunca vai esquece-se da tua pequena, é tua pequena, como você mesmo me chamava, a tua Laura. Sim, sempre serei a tua pequena Laura, aquela que estava com você para tudo, sei o quanto eu e você éramos unidos, éramos não, somos. Mesmo em outro plano vou continuar a sentir tua presença do meu lado, pois você vai me guiar, vai ser meu anjo lindo.

Agora estou aqui na porta pronta para sair, passo o último olhar no nosso apartamento, vem lágrimas aos meus olhos, sinto você me abraçando, consigo sentir a tua presença, parece que você está falando em meu ouvido “Minha pequena Laura”. Antes de sair repito as últimas palavras que te disse antes de partir “Seremos um só, eu e você e ninguém mais”.

xoxo, Carol ;*



Voltei!

2010-08-02T19:52:06.926-03:00

Oi pessoas que talvez lembrem de mim!
Me desculpam pelo sumiço? Será que ainda lembram deste blog? Eu, sempre com o meu drama.
E aí gente como foi as férias?
As minhas foi tão...tão...paradas, mas fiz alguma coisa, tipo: cortei o meu cabelo. Não sei se vocês sabem, mas eu tinha o cabelo até o meio das costas, era o senhor cabelo, daí resolvi corta porque estava dando muito trabalho.
Olha como fico:(image) (eu não fico legal em fotos, ok?)
Depois eu resolvi pinta, mas foi só uma mecha vermelha.(image) Bom, depois eu fiquei em casa, achei uma serie nerd pra ver, The Big Bang Theory, fiquei completamente apaixonada, vi as 3 temporadas em uma semana. Alguém já viu essa serie?
E agora voltei a ser Gossip Girl, já visitei alguns blogs e vi que tem alguns que olham, eu adoro!
E agora é se concentra porque volto as aulas e muitas provas, semana que vem vou postar em dias diferentes, porque, bom vocês sabem, tenho que estuda e muito!
Quinta-feira eu volto com os meus textos normalmente. E outra, agora vocês podem ver mais textos meus aqui: Recanto das Letras.

Xoxo, até quinta!



A ligação

2010-07-12T10:53:13.011-03:00

(image) Acordei como um dia qualquer, me espreguicei, abri a janela e fiquei a mirar o sol nascer, mas a minha expressão de olhar o sol nascer era de preocupação. Por que ele não ligou ontem? E nem há três dias atrás? Fiquei ali por horas e horas, quando o ponteiro do relógio bateu 9 horas o telefone tocou, me levantei e fui atender.
Aquela voz não me era estranha e logo a reconheci.
- Onde você esteve? Ficou há três dias sem ligar por quê?
- É... é...
- Mais uma de suas desculpas esfarrapadas, achas que não me preocupo com você? Como você me some há três dias sem dar notícias?
- Mas eu...
- Não tem, mas eu... Não vê que eu fico aflita, preocupada. Você nem a mínimo retorna meus telefonemas, meus e-mails muito menos. Não tem como um relacionamento ir pra frente assim, se quer terminar então me fale, não sou mulher de ficar aturando esse tipo de coisa, e eu já tenho idade suficiente e não preciso ficar agüentando as suas desculpas sem nexo.
- Mas...
- Chega com seus, “mas” e desculpas esfarrapadas, agora que vai falar sou eu! É sempre assim, some três dias e volta com uma desculpa e eu bem idiota te aceito de volta, porque será que eu faço isso? É meu caro, eu ainda te amo e muito, mas não tem condições de nosso relacionamento ir pra frente assim.
- Você não pode fazer isso com nós dois! – sua voz estava tremula
- Posso e devo, é o que vou fazer! Acha que não cansa tudo isso? Não sabe que feri meus sentimentos assim? É não sabe, tu nunca sabe, só sabe dar desculpas muitas esfarrapadas, e eu te aceita de volta. Pra minha chega! Não quero mais sofrer!
- Eu te amo... – escuto um breve choro muito baixinho
- Eu também te amo e muito! Meu coração dói de fazer isso, mas é a minha decisão nesse momento!
- Não quero isso pra gente!
- Mas eu quero, é necessário pra mim, você não está me valorizando da forma como te valorizo! Não tenho mais o que falar pra ti. Acaba por aqui! Suas coisas eu empacoto e mando depois.
Um longo silêncio ficou em nossa ligação.
- Adeus! – disse eu.
Desligo o telefone...

P.S.: Um pouco revoltado né?! Tenho esse conto a muito tempo, mas decidi postar ele hoje aqui.
Bom gente, eu vo ficar sem postar por uma semana pra mais, to em época de provas e depois vem as férias né... Então, até! E boas férias pra vocês!
Não esqueçam daqui!

Beijão



Pearl Jam - Jeremy

2010-07-08T18:12:49.896-03:00

Pessoas da minha vida! *-*
Adorei os comentários sobre o meme, ele é bem interessante, até pra vocês me conhecerem melhor.
Bom, estou sem ideias para postar, então, trouxe uma música que coloquei no meu trabalho sobre os movimentos de contracultura.

(object) (embed)

Espero que gostem!
Beijos :*



Meme

2010-07-05T18:31:48.578-03:00

No Se é Pra Falar de ... fui indicada para um meme bem interessante. *-*Eu sou assim;Me fez rir, feliz;Me entristece;Pecado;Vício;Literatura;Cinema;Recordações;Sou eu.Passo o meme para os blogs:A menina dos olhos de mel;Café e Cookies;Desabafos de uma filha única;Faz de Conta;Mpb;Beijos :*[...]



Soneto de Fidelidade

2010-07-01T19:30:31.366-03:00

(image)
De tudo ao meu amor serei atento
Antes, e com tal zelo, e sempre, e tanto
Que mesmo em face do maior encanto
Dele se encante mais meu pensamento.

Quero vivê-lo em cada vão momento
E em seu louvor hei de espalhar meu canto
E rir meu riso e derramar meu pranto
Ao seu pesar ou seu contentamento

E assim, quando mais tarde me procure
Quem sabe a morte, angústia de quem vive
Quem sabe a solidão, fim de quem ama

Eu possa me dizer do amor (que tive):
Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure.

Vinicius de Moraes

;*



Vingança

2010-06-25T22:09:42.635-03:00

(image) Hoje realmente vi que você não presta, não entende o que se passa aqui dentro, não consegue enxerga o sentimento que eu sinto, mas consegue enxerga o ódio que sinto por você? Consegue? Isso foi uma pergunta, responda! Eu sei que sabe, não é a toa que estou gastando minhas palavras com você, e, nem pense em virar as costas para a minha pessoa, se não se arrependera perdidamente de ter feito isso, você não me conhece mesmo, não sabe que eu posso me vingar? Não acredita em minhas palavras? O que? Então veremos, espere logo sua vingança aparecerá e você vai se arrepender de não ter acreditado em minhas palavras, agora, suma da minha vida e não volte a dirigir a palavra a minha pessoa porque cada vez que olho para sua estúpida face tenho mais raiva de você!

P.S.: Postagem atrasada, desculpa gente. E, mais um mini conto.
Beijo :*



Volte!

2010-06-21T23:01:46.843-03:00

(image) A janela do meu quarto é em frente ao jardim da casa. Naquela mesma janela todos os dias, eu via você entra pelo portão, olhar para mim e abri um sorriso que iluminava meus dias.
Há tempos fico nesta mesma janela, esperando você entra pelo mesmo portão e dar aquele sorriso, os dias ficam escuros sem você, sem brilho, eu fico sem rumo, onde está você? Porque não me liga? Aqui faz muito frio e eu sem você do meu lado.
Sei que é um absurdo eu estar aqui falando sozinha e tentando entende o motivo da sua ida sem volta. Cadê todo o amor que sentia? Sumiu do nada? E eu como fico? Espero que volte para mim, e possamos juntos continuar o nosso caminho.
Você não sabe a dor que me causa com esse sumiço todo, é uma dor que me mata aos poucos e me deixa fraca, sem à mínima vontade para fazer o que tanto amo, tocar piano. Sabes que fico lá a tocar todos os dias, hoje me encontro afastada, tão longe. Quando chego ao menos perto do meu amor, sinto que meus braços se repuxam para trás e volto para a janela, essa fraqueza esta me angustiando, os dias ficam cinza sem você.
Volte e amenize a dor que sinto!

P.S.: A inspiração estava meio revoltada com um pouco de tristeza, rs!
Beeijo :*