Subscribe: CARICAS DO BIRA
http://caricasdobira.blogspot.com/feeds/posts/default
Added By: Feedage Forager Feedage Grade B rated
Language:
Tags:
bira dantas  bira  das  dos  ele  este  foi  mais  nos  não  pelo  quadrinhos  revista  seu  sua  vetillo  wilde   
Rate this Feed
Rate this feedRate this feedRate this feedRate this feedRate this feed
Rate this feed 1 starRate this feed 2 starRate this feed 3 starRate this feed 4 starRate this feed 5 star

Comments (0)

Feed Details and Statistics Feed Statistics
Preview: CARICAS DO BIRA

CARICAS DO BIRA



Passo-a-passos de caricaturas. Caricatures' making of. Caricaturas "de passitos".



Updated: 2017-09-24T04:24:24.279-07:00

 



UMA HORA DE BATE-PAPO ENTRE TITÃS

2017-04-12T13:33:15.621-07:00

Entre Eduardo Vetillo http://vetillobrothers.blogspot.com/ Wilde Portela http://blogdochet.blogspot.com/ e Bira Dantas http://chargesbira.blogspot.com Caro leitor, você imagina o que acontece quando duas lendas vivas da HQ brasileira se encontram na internet? Vetillo e Wilde, parceiros de Chet, um dos ícones dos Quadrinhos de Farwest no Brasil, não se falavam há 20 anos. Este digitador que lhes fala presenciou uma verdadeira epopéia com dois Gigantes. De um lado (em Olinda), um mestre das letras e da narrativa quadrinhística. De outro (em Campinas/SP) , um mestre do traço no bico-de-pena, das pinceladas aquareladas, dos desenhos enquadrados. No meio, um reles mortal com mania de vislumbrar sonhos. Um Ulisses, tentando achar o caminho de casa, perdido no oceano, maravilhado com Gigantes Olímpicos, monstros e sereias. Como cantou Gil, o genial ex-ministro da Cultura (um dos melhores que já tivemos) "fazendo uma jangada de gigabytes, pra navegar nas ondas deste infomar, aproveitando a vazante da infomaré". εξασφαλιστεί ότι οι θεοί για εμάς. (Que os Deuses velem por nós) Bira: Oi, Wilde, estamos aqui. Edu: O Wilde foi o melhor roteirista com quem trabalhei! Wilde: Caramba! Bira e Edu: Caramba dizemos nós! Wilde: Mas com o Vetillo nos desenhos, era fogo. Adorava ver aqueles traços nervosos e com um movimento incrível. O Vetillo tinha um estilo bem pessoal. Bira: Vixi, to vendo que essa conversa a três vai parar no site Bigorna. Edu: E o relançamento do Chet, como foi isso, quem fez? Wilde: Foi uma editora do Paraná. Edu: Puxa, quantos anos de janela, que bom que os Quadrinhos estão voltando. Wilde: Rapaz, que prazer enorme. Dia desses minha irmã, que foi casada com Ota, falou de você e comentamos seus desenhos... Bira: Eita, diabo, danou-se! Edu: A Su? Wilde: Não, a Fátima. Mas falando do Chet, era aquele lance, quando eu pegava a revista que vinha com o traço do Vetillo, eu lia tudo com calma, degustando cada quadro e aí, eis que vejo o cara do lado do amigo Bira. Edu: Eu achava muito bacanas roteiros com três acontecimentos simultâneos, que acabavam com um desfecho único. Wilde: Pois é, dica de noveleiro. Uma trama e três paralelas. Sabe, gosto de escrever assim... Às vezes fico numa situação complicada, pois não gosto de escrever sinopse. E, gozado que o Vetillo seguia, direitinho, as tomadas de cena que eu descrevia. Era arretado! Bira: É, estou aqui de bagrinho em aquário de tubarão. Só fera! Wilde: Você também é fera, Bira! Jovem fera, desenha minha cara pra eu botar no Facebook e no Orkut! Bira: Demorou. Faço amanhã! Wilde: Eba! Edu: Wilde, ainda quero desenhar mais HQs com roteiros teus. Bira: Opa, senti de novo a parceria no ar! Wilde: Amarra o endereço do Vetillo, pois to levando a sério a nova-velha parceria Wilde-Vetillo. Pra mim será uma das grandes honras. Além de bater aquele sentimento, né? Será uma história épica, clássica. Edu: Bem no estilo Wilde. Wilde: E também o Ota adora o Vetillo. Bira: Falando em épico, o Vetillo acabou de entregar a Ilíada em quadrinhos pra editora Cortez. Tudo a ver com o momento de vocês! E quanto ao meu velho amigo Watson Portela? Wilde: Tá na Bat-caverna. Nas Paralelas. Virou entidade, lenda! Bira: Como assim, não sai mais de casa? Onde ele está morando? Ele está publicando HQ? Wilde: Na casa de meus pais, no Recife, escondidão mesmo. Desenhou várias HQs. Estão lacradas na gaveta. Bira: Puxa vida, gosto tanto dele, conheci Watson no Encontro de Quadrinhos em Araxá. Ele via minhas charges e queria por tudo que eu desenhasse Ficção. Eu dizia que nunca ia desenhar espaçonaves e roupas alienígenas como ele, com aquele detalhamento, luz e sombras, hachuras maravilhosas. Wilde: Vetillo, você tem os Chets que desenhou? Edu: Só o #1 com capa do Ofeliano. Wilde: Eu tenho três, o #1, um especial e um que você desenhou uma história de caravana quando a turma comia até rato pra sobreviver. Edu: Raridades! Toma conta direitinho e me manda cópias de tudo. Bira: Rato ou pre[...]






BLUESMAN CLARENCE GATEMOUTH BROWN

2016-11-07T09:36:39.798-08:00

(image)



CARTUNISTA ARIONAURO

2016-10-13T10:31:39.581-07:00

(image)



OCTAVIO E SERGIO CARIELLO

2016-10-13T10:30:43.235-07:00

(image)






O GIBI QUE NÃO ACONTECEU

2015-06-16T12:14:23.717-07:00

EM DEFESA DA SANTA IFIGENIAOu “O Golpe de Kassab para criar um Mega Projeto Imobiliário no Centro de Sampa”. Este Gibi foi encomendado pelo ex-deputado Adriano Diogo, em 2011, mas parou nos estudos e pré-roteiro. Pra quem quiser saber mais sobre projeto imobiliário, clique aqui: https://pt.wikipedia.org/wiki/Projeto_Nova_Luz Roteiro e desenhos meus. Página 3: Título: Santa Ifigenia vai abaixo? Quadro 1- Narrador: Estou tomando um capuccino com minha mulher quando o celular toca. É o deputado Adriano Diogo. O assunto eu tinha visto superficialmente na TV. Adriano: Bira, preciso que você faça um gibi-denúncia dessa barbaridade do Kassab. Bira: Adriano, eu ouvi a notícia na TV, que não explicou quase nada. Falou de desapropriação da Santa Ifigênia, revitalização do Centro. Alguns comerciantes protestando... Ontem, a vereadora Juliana Cardoso me falou de um golpe do prefeito nos moradores e comerciantes, que estão se mobilizando contra a demolição desta área. Disse que já fizeram uma audiência pública, e que o prefeito quer atropelar todo mundo. Quadro 2 - Adriano: Isso mesmo. O patrimônio histórico está sendo dilapidado. São 200 mil empregos diretos e indiretos que o Kassabão quer detonar. A Imprensa não esclarece nada. Falam que é por causa da Cracolândia. Uma cortina de fumaça para esconder o interesse financeiro no lance. Por isso queremos fazer Quadrinhos no estilo “Notas sobre Gaza” do Joe Sacco. Conhece? Quadro 3 – Narrador: Sim, eu conhecia o trabalho deste notável quadrinhista norte-americano. Ele visitou áreas devastadas pela Guerra como Gaza, na Palestina e Gorazde, na Bósnia. Entrevistou as vítimas e publicou essas reportagens em forma de Quadrinhos. Ganhou o Prêmio Pulitzer de jornalismo. Quadro 4 – Adriano: Então vem pra cá, Bira. Vou te colocar em contato com o pessoal que eu conheço: comerciantes honestos, moradores que batalham pela sobrevivência. O Kassab e o Bicudinho querem demolir 45 quarteirões. Vão pagar mixaria pelas indenizações e vender para grandes empresas, num mega evento imobiliário. Página 4: Quadro 1 - Narrador: Dias depois, chego em São Paulo. O viaduto amarelo que foi construído na Inglaterra, desmontado e trazido de navio para cá, desponta imponente. Quadro 2 - Narrador: As ruas que circundam o viaduto Santa Ifigênia são um cartão postal do Centrão. Entre o Bom Retiro e a Estação da Luz, centenas de pessoas carregam caixas e mais caixas em carrinhos de mão. Vendedores apregoam seus produtos. É o fervilhar do comércio. O contato entre os comerciantes e quem precisa de equipamentos. O som novo. A TV último tipo. A guitarra ou microfone. E tudo a preço mais em conta do que nos shoppings... Quadro 3 - Narrador: Chego na loja de eletrônicos do Nouri, libanês que mora há muitas décadas no Brasil. Lá estão Adriano (com o livro do Joe Sacco nas mãos),o comerciante Joseph –diretor como Nouri, da Câmara de Dirigentes Lojistas- e Edno, editor de jornal da região. Quadro 4 - Adriano: É isso aqui que o Kassab quer fazer: transformar a Santa Ifigênia numa praça de Guerra. Demolir tudo. Este é o Bira, pessoal. Ele fez vários gibis pras minhas campanhas. Nouri: Prazer, Bira. Antes de mais nada, a gente quer te levar pra conhecer as histórias desta rua através do povo que vive aqui. Tem gente que está aqui há mais de 70, 80 anos. Gente que veio de outros países, trabalhou com afinco e ajudou a construir a riqueza desta cidade maravilhosa que é São Paulo. Edno: Podemos publicar estes Quadrinhos no meu jornal. O importante é esclarecer tudo. Mostrar a grande sacanagem que está por trás destes mega-empresários com as garras afiadas para atacar esta parte do Centro. Joseph: As pessoas estão desinformadas quanto a este projeto do Kassab. Acreditam que ele quer melhorar a cidade. Que vai revitalizar o Centro e acabar com a Cracolândia. N[...]



BANDE-DESSINÉES SUR BRÉSIL

2013-10-07T21:17:27.016-07:00

Je remercie les organisateurs de cet évènement en Algérie, déjà la sixième édition! Je vous remercie de m'inviter de connaître les BDs africaines et de parler du marché des bandes dessinées au Brésil. Au Brésil nous avons beaucoup de magazines de bandes dessinées, qui sont vendus à plus de 35.000 kiosques partout dans le pays, 1.500 librairies, et directement aux écoles. BANDE-DESSINÉES POUR ENFANTS 1- Mauricio de Souza http://www.monica.com.br/mauricio-site Editora Panini http://www.assinepanini.com.br/ Son bureau est le leader dans ce champs. Il publie 10 magazines par mois, en plus des "romans graphiques", des numéros spéciaux, y inclus des versions en anglais et en espagnol: • Monica • Cascao • Cebolinha • Magali • Ronaldinho Gaucho • Chico Bento • Neymar Jr • Turma da Monica Jovem (mangá) • Chico Bento (mangá) 2- Disney publie 7 magazines par mois: • Ze Carioca • Tio Patinhas • Mickey • Donald • Pateta • Minnie • Big • Batman (BD animation TV) • Superman (BD animation TV) • Liga da Justica (BD animation TV) • Jovens Titans (BD animation TV) Editora Abril http://www.assine.abril.com.br 3- Pixel Media: • Luluzinha • Bolinha • Brazinha • Popeye • Gasparzinho • Riquinho 4- Editora Americas: • Turma do Arrepio • Tataribu http://www.editoraasamericas.com.br/ SUPER HÉROS (Marvel, DC & Wildstorm) 1- Editora Panini (20 magazines) • Homem Aranha • Os Novos Vingadores • Wolverine • X-Men • Homem de Ferro • Ultimate Marvel • X-Men Extra • Universo Marvel • Vertigo • Superman • Batman • Lanterna Verde • Liga da Justiça • A Sombra do Batman • Universo DC • Defensores 2- Pixel Media • 100 Bullets • Authority • Corto Maltese • Astro City 3- HQ Maniacs • Walking Dead • X-0 Manowar • Juiz Dredd ADOLESCENTS• Turma da Monica Mangá • Luluzinha Manga • Didi e Lili Mangá • MAD (édition brésilienne) avec cartoonists: Alves, Eduardo Damasceno, Camaleão, Luis Felipe Garrocho, Amorim, Baraldi, Bira Dantas, Danilo Dias, Marcatti, Alves, Fernando Santos et beaucoup d'autres. http://www.madmania.com.br WESTERN (Mythos) http://www.mythoseditora.com.br • Tex • Tex Gold • Tex colors • Magico Vento • Zagor • Julia Kendall, criminologa. MANGÁ et MANHWA • Naruto • Black Bird • Zone 00 • Trinity Blood • Fairy Tail • Dorothea • Astral Project • 100% Strrawberry • Aflame Inferno • A Noiva do Deus da Água • Angry • Ark Angels • Chonchu • Dangu • Gui • Model • O Mensageiro de Banya • Planet Blood • Priest • Ragnarök • Tarot Café • Kil-Dong • Warcraft: The Sunwell Trilogy • The Breaker DES BANDE-DESSINÉES ET DES ILLUSTRATIONS D'ÉDITORIAL Nous avons plus de 200 journaux de grande circulation au Brésil: http://www.jornaisdobrasil.com/ Publient la plupart des bandes dessinées et des illustrations d'éditorial dans le pays. • Turma do Xaxado • Tatu-man (Armadillo-man) • Turma da Monica • Garfield • Beetle Bailey • Hagar • Peanuts • Calvin & Hobbes • Chiclete com Banana • Piratas do Tietê • Niquel Náusea • So Dando Gizada PUBLICATIONS COLLECTIVES http://www.editoravirgo.com.br Mario Mastrotti (Virgo publisher) publie chaque année un livre de bandes dessinées par une association de dessinateurs. Chaque artiste paye les frais et vend directement à ses fans. DES BANDE-DESSINÉES LITTÉRAIRES Vilacha, Marcatti, Cesar Lobo, Lilo Parra, Fabio Moon, Gabriel Ba, Bira Dantas, Jo Fevereiro, Fido Nesti, Caco Galhardo, Seabra, Will, Shiko, Mario Cau, Lelis... C'est un champ qui s'est agrandi pendant les 6 derniers ans, but qui existe depuis 1940. Devir, Escala Educacional, Peiropolis, HQM, Nacional sont quelques uns des éditeurs. ROMANS GRAPHIQUES Des éditeurs comme Devir, Cia das Letras, Zarabatana, Panini[...]



CARTUCHO, ENCONTRO DOS CARTUNISTAS GAÚCHOS, DÉCIMA EDIÇÃO

2013-09-12T05:49:15.438-07:00

(image) Para maiores informações, vídeos e fotos, acesse o site: http://cartuchosantamaria.wordpress.com
Tenho 50 anos, sou cartunista, quadrinhista e ilustrador desde 1979, há uns 34 anos, creio eu. Gaitista há 14. E foi com minha gaita de boca que fiz um bocado de barulho nas terras gaúchas de Santa Maria, em setembro de 2011. Senti-me muito honrado pelo convite dos organizadores do Cartucho (Encontro dos Cartunistas Gaúchos), e do Máucio em especial. Eu, um paulistano que de gaúcho só tenho o "baita ego". Conheci Porto Alegre em 2009, no evento Caminho do Livro. Lá debati os Quadrinhos Literários com o amigo Rodrigo Rosa e lancei meus D.Quixote e O Ateneu (este com roteiro do saudoso Ronaldo Antonelli). Para nosso prazer, o Rio Grande do Sul lançou nomes como Santiago, Edgar Vasques, LFV -entre muitos outros- neste Movimento da História em Quadrinhos Brasileira.
Mas conhecer Santa Maria foi como entrar no coração desta república sulista, farroupilha, aguerrida e sofrida, com tragédias como a recente na Boate Kiss... Conhecer Santa Maria foi entrar no coração desses cartunistas fantásticos que de tão míticos, fazem história Brasil a fora. Conhecer o homenageado Byrata foi algo além da imaginação. Virei até o embaixador do Xiru na Associação dos Quadrinhistas e Caricaturistas SP, AQC, ACB, Worney, Gualberto e coreanos. Tarefa fácil, haja visto que fui com a cara deste herói dos campos gaúchos, na primeira olhada de esgueio.
Aventura, regionalismos, ficção, ação, dinossauros, peonices, comilança e muito chimarrão, que ninguém é de ferro. Byrata, um mestre do desenho, do roteiro, do humor e falas gauchescas, que tanto agarrei a curtir. O Cartucho foi responsável pelo meu reencontro com amigos de traço: Bier, Eugenio Neves, Wagner Passos, Santiago, Hals, Alisson. E me fez conhecer Máucio, Greice, Henrique, Joel Giruá, Ricardo Freitas, André Macedo, Gilmar Fraga, Geraldo Passofundo, Pomba Claudia, Rafael Correa, Paulo Chagas e tanta gente boa...
Este evento de Santa Maria junta-se a outro grande (o "Cheia de Graça", Salão de Humor) para transbordar pelo Brasil o que os gaúchos têm de melhor: Orgulho de sua terra, de sua cultura. Combatividade na hora de lutar por cada espaço. Arte, que têm de sobra. E principalmente, muito humor.
E eu sigo falando dessa turma, que a moda dos Gauleses, briga de puxar facão, mas está sempre de bem com a vida. Penso até que o Máucio lembra bem o Asterix. Obelix seria o Bier, pelo tamanho e preferência pelos javalis. Inteiros.
Parabéns ao Cartucho, por todos estes anos de luta pela Cultura regional e nacional!



DIA DO QUADRINHO NACIONAL SERÁ COMEMORADO ESTE SÁBADO NO MEMORIAL DA AMÉRICA LATINA, EM SÃO PAULO

2013-01-30T11:23:38.140-08:00

(image) Esperamos todos os premiados no dia 02 de fevereiro de 2013, no Memorial da América Latina, em São Paulo, a partir das 14h00. Auditório da Biblioteca do Memorial da América Latina
Av. Auro Soares de Moura Andrade, 664, Barra Funda, São Paulo - SP (Próximo ao metrô Barra-Funda)

PREMIADOS:
Desenhista: Danilo Beyruth
Roteirista: Petra Leão
Cartunista: Jean Galvão
Lançamento: "O Astronauta, Magnetar" (Panini)
Lançamento independente: "Last RPG Fantasy"
Prêmio Jayme Cortez: Gibicon Curitiba
Fanzine: Quadrante Sul (RS)
Mestres: Marcos Maldonado, Júlio Emílio Braz, Jô Fevereiro.

PROGRAMAÇÃO
13h30 - Abertura do espaço "Banca da Comix" e Exposição "Trapalhões Estudio Ely Barbosa".
14h00 - Abertura da solenidade com João Batista de Andrade (Presidente do Memorial) e Gonçalo Jr (Gerente de Comunicação do Memorial).
14h30 - Mesa redonda "Os Quadrinhos dos Trapalhões no Estudio Ely Barbosa" com Otávio Barbosa, Eduardo Vetillo, Bira Dantas, Alexandre Silva e Cidão Norberto.
16h00 - Novidades nos Quadrinhos
16h30 - Inicio da Premiação
18h00 - Confraternização geral na Lanchonete do Memorial.
ENTRADA FRANCA
REPERCUSSÃO NA WEBhttp://www.universohq.com/quadrinhos/2013/n14012013_09.cfm http://petraleao.wordpress.com/2013/01/14/29o-premio-angelo-agostini/



HOMENAGEM AOS DESENHISTAS DO GIBI "OS TRAPALHÕES" DO ESTÚDIO ELY BARBOSA

2013-03-28T06:36:05.735-07:00

OS TRAPALHÕES NOS ANOS ELY BARBOSADe 1976 a 1987, o Gibi dos Trapalhões foi publicado pela Editora Bloch. Criado pelo Mestre Edmundo Rodrigues (cartunista, caricaturista e quadrinhista que adaptou em Quadrinhos "Jerônimo, o heroi do Sertão" e criou dezenas de personagens), ele editou o Gibi dos Trapalhões de 1976 a 79 e -pelo sucesso dos gibis de Super-heróis da Marvel e crescente demanda- contratou vários profissionais pra produzir o gibi. Em 1979, Ely Barbosa apresentou um novo projeto a Bloch Editores, recriando totalmente os personagens (a partir de Model Sheets de Carlos Carcamo) e seguindo um caminho diverso ao do programa de TV (que era a marca da produção quadrinhística até então). Ely, criador de inúmeros personagens como Cacá e sua Turma, Gordo, Patrícia, Os Amendoins, Zé Apostador -entre outros- tinha uma equipe de artistas fixos e free-lancers, capazes de produzir o gibi mensal, além dos almanaques e revistas especiais. Esse período foi marcante na vida de muitos quadrinhistas: o chileno Carlos Cárcamo (irmão do ilustrador e caricaturista Gonzalo), os brasileiros -já veteranos- Eduardo Vetillo, Bonini, Joel França, Watson Portela, João Batista Queiroz, Sergio Lima, Carlos Migliorin, Pontes, Kimura e -os então novatos- Bira Dantas, Cidão e Arthur Garcia. Mas foram muitos outros artistas do traço, do nanquim, das cores e das letras que fizeram essa história. Mingo e Vetillo nas capas; Sérgio Valezin, Genival Souza, Flávio da Costa Pinheiro, Ricardo Martins, Orlando S. Costa nos roteiros; letras e arte-final de Marcos Maldonado, Waldemar Watanabe, Wanderley Feliciano, João Andrade, Waldir Odorisso, Otávio Barbosa (filho de Ely); cores de Déborah Maluf, Alexandre Silva e Yara Raphael e coordenação de Theresa Rodrigues e Eliete R. Barbosa (respectivamente, esposa e filha do Ely). O que mais chamava atenção nesta época eram os roteiros non-sense-anárquicos e os estilos diferentes de cada desenhista. Apesar de seguirmos o "model sheet" do "chileno" Cárcamo, o Ely não tentava uniformizar os estilos. Assim, durante uma década, muita gente boa se esbaldou pelos Quadrinhos que saíam daquele estúdio, da avenida Indianópolis... TRAPAS NA WEBPara quem quiser ter mais informações sobre este período da produção quadrinhística brasileira, acesse: http://www.bigorna.net/index.php?secao=birazine&id=1173761595 http://chester.me/archives/2007/05/bira_dantas_e_o.html http://www.universohq.com/quadrinhos/2009/trapalhoes.cfm AGRADECIMENTOSEsses Quadrinhos não seriam possíveis sem a ajuda de Alexandre Silva (cores), Cidão Norberto (desenhos das páginas 03 a 17) e os vários artistas que emprestaram seus Quadros "perdidos no tempo" para ilustrar essas páginas. Detalhe: eu não escrevi os diálogos da página que se refere ao meu trabalho (rs)! Boa diversão: [...]



EDU SCHLOESSER É O CARA!

2012-10-16T06:48:48.639-07:00

Eduardo Schloesser. Esse nome te diz alguma coisa? Pra mim, diz muita! Desenhista meticuloso, arte-finalista esmerado, aquarelista dedicado. Temos muito em comum. O Edu nasceu em Sampa, viveu no Rio, mudou para o Nordeste. Meus pais vieram do nordeste, de terras potiguares (RN), me tiveram em Sampa e me levaram com 2 anos para o Rio. Lá cresci vendo desenhos nos programas do Capitão Asa e Capitão Furacão; vendo seriados como Bonanza, Lone Ranger, Túnel do Tempo, National Kid, Agente 86; lendo Quadrinhos no Globinho: Asterix, Príncipe Valente, Tarzan, Mandrake, Flash Gordon, Tereré, Turma da Mônica, Disney, Turma do Pererê, Capitão Eco, Mafalda... Tenho certeza que a infância do Edu também foi assim. Um garoto rodeado de arte por todos os lados.Poderia falar das outras influências clássicas que ele teve: Botticelli, Ingres, Degas, Manet, Doré, Eisner, Colan, Frazetta, Manara, Serpiere, Adams, Falk, Hogarth, Wrightson... mas vou me ater ao impacto que sua arte causa em mim e em outros quadrinhistas de nossa geração -sim, nasci em 1963, um ano depois do Edu- como o Laudo, outro grande artista e amigo. Conheci o seu trabalho na edição da Via Lettera do "Zé Gatão" e de cara pensei: esse cara sabe contar uma história. Pra mim, isso é primordial numa HQ. O segundo lance mais importante é a representação gráfica do conteúdo dessa narrativa. E fiquei boquiaberto com seu estilo refinado de desenho, de nanquim e de sombreado. Zé Gatão é "o bicho"! Já falei que o Edu é o Richard Corben brasileiro: mesma entrega na narrativa gráfica, mesma paixão no desenho, mesmo conhecimento na anatomia, mesma queda pelo underground. Na verdade é muito mais. Ele é capaz de traduzir todo esse seu conhecimento -adquirido depois de décadas de afinco nos estudos- em método de ensino.Essa capacidade o torna diferenciado em nosso meio. Esse seu jeito de socializar a informação o coloca no panteão dos grandes educadores. Somos todos autodidatas e esse nosso aprendizado foi feito "na raça". Hoje você, que tem este livro em mãos, pode se considerar um felizardo. Caras como Schloesser fizeram o caminho das pedras, e descalços! SEUS LIVROS Como muitos sabem, dou aula de cartum, charge e caricatura na Pandora Escola de Arte. Sempre compro livros e revistas didáticas para usar em sala de aula. Qual não foi minha surpresa, ao comprar o novo livro "Aprenda a desenhar" (editora Geek) do Eduardo Schloesser (que sempre admirei pelo alto nível artístico) nas bancas? Uma homenagem a mim! Que surpresa! E ser comparado ao Loredano, um dos mais criativos e arrojados caricaturistas que já tivemos. Uau!!!!!!! O máximo foi ter sido tudo secreto. Ou seja, se eu não tivesse comprado o livro, jamais saberia disso. Valeu, Edu! Foi um presentão! EDU MANDA RECADOhttp://eduardoschloesser.blogspot.com.br/2012/04/grande-bira-dantas.html"Tive a honra e o prazer de encontrar o grande caricaturista Bira Dantas faz um pá de ano quando ainda morava em São Paulo, pra falar a verdade já estava de mudança (de novo) para Brasília. Foi na noite da pizza, ou pizzada como chamavam, não sei se este evento (parecia um evento, pelo menos) ainda acontece. O dono do lugar, fã de desenhos, hqs e caricaturas, promovia no seu estabelecimento (ficava próximo da Av. Paulista) uma noite onde vários profissionais, fanzineiros e entusiastas da nona arte, comiam pizza de graça, desenhavam num imenso mural e trocavam idéias. Nesta noite esbarrei por lá com o Marcatti, Junião, Fabio Moon (ou seria o Gabriel Bá?) Maringoni, Gual e Dani, Jotapê Martins, Cariello e muitos outros, afinal o lugar estava lotado. Revi velhos amigos e travei contato com outros tantos. Entre eles o Bira, que eu já conhecia pelas suas caricaturas. Alguns podem até pen[...]



O DIA EM QUE CONHECI (E DESENHEI) JOHN HAMMOND

2012-06-17T17:56:21.251-07:00

Ele veio tocar no Brasil, em Sampa, Bourbon Street. Não lembro o ano. Fui la' com minha mulher, Claudia. Eu tinha levado uma pasta cheia de caricaturas de Bluesmen (que foram pras paredes do Estudio do Carriero, na Expo Blueseiros -parte do Festival Autorock de Campinas- organizado pelo Daniel Ete). Pensei em mostrar pro John Hammond, mas esqueci na casa da sogra, dona Dirce! A Clau me fez voltar la' e pegar a pasta (valeu, super-gata)! O show foi sensacional, puro Blues do Mississipi, de raiz mesmo! Voz, gaita e violão slide, como eu gosto. Fiz uma caricatura dele. No meio do show, coloquei em cima do banquinho. Ele voltou do intervalo, viu a caricatura e sorriu. No fim do show fui pedir um autografo dele no CD e dei mais uma caricatura, e ele disse: - You are the man! Dai' mostrei a pasta, quando ele abriu, deu de cara com minha caricatura do Robert Johnson, os olhos dele brilharam. E a mulher dele: - He loves Robert! Ele virou cada pagina cuidadosamente, olhando cada antigo, musico, cantor ou cantora de Blues. Admirado, perguntava: - Do you know his sound? Ele não imaginava que na America do Sul, Brasil, São Paulo, tivesse um louco que ouvisse e conhecesse as mesmas raridades que ele. Eu disse que queria publicar aquele material em formato livro, mas queria apoio dele. - I can talk about your work to everyone I know in the Blues scene. (image)
JOHN P. HAMMONDhttp://en.wikipedia.org/wiki/John_P._Hammond Nasceu em 1942, em New York. Filho do produtor musical John Henry Hammond. Tambem e' chamado de John Hammond Jr. E' descendente de Cornelius Vanderbilt. Tocou com feras como Jimi Hendrix, Eric Clapton, The Hawks (The Band), Dr. John e Duane Allman. Toca National Reso-Phonic Guitars e canta num estilo "barrelhouse". Desde 1962, quando debutou na Vanguard Records, gravou 34 albuns. Em 1990 mudou para Point Blank Records. Ganhou um Grammy Award e foi indicado pra varios. Em 1970 fez a trilha do filme Little Big Man, com Dustin Hoffman.
A MUSICA DE JOHN HAMMONDhttp://www.myspace.com/johnhammondblues http://www.youtube.com/watch?v=GFRvlUmRdA0 http://www.wirz.de/music/hammofrm.htm
O PAI DE JOHN HAMMONDhttp://www.100anosdemusica.com.br/jazz_johnhammond.htm Critico e produtor de discos de Jazz, descobriu nomes como Billie Holliday, Count Basie e Bob Dylan.



TONY DE ZUÑIGA, RIP

2012-05-14T13:42:37.124-07:00

Tony foi um dos nomes (junto com Alex Nino, Nestor Redondo, Ernie Chan, Rudy Florese e tantos outros) que me chamou atenção quando lia as revistas da Ebal nos anos 70. Fiz minhas homenagens em forma de caricatura que foram publicadas pelo Quadrinhista Gerry Alanguilan no seu site e no Komikero. Uma grande honra para quem adorava seu desenho e arte-final. http://gerry.alanguilan.com/archives/1841 UNIVERSO HQ: "Morre Tony DeZuñiga, cocriador de Jonah Hex"Por Samir Naliato
(11-05-2012) "Faleceu na madrugada de hoje, dia 11 de maio, o quadrinhista filipino Tony DeZuñiga. Ele estava internado em estado grave depois de ter sofrido um derrame no mês passado, o que causou uma série de complicações em seu estado de saúde. Tony DeZuñiga nasceu em 1941, e foi o primeiro artista das Filipinas a trabalhar na indústria de quadrinhos norte-americana. Seus trabalhos mais conhecidos foram feitos para a DC Comics, na qual cocriou os personagens Jonah Hex (com John Albano) e Orquídea Negra (com Sheldon Mayer). Ele começou sua carreira aos 16 anos, como letrista da revista semanal Liwayway, e foi trabalhando lá que conheceu Albano. Em 1962, mudou-se para os Estados Unidos para estudar design gráfico na cidade de Nova York, e quando voltou para as Filipinas trabalhou com publicidade e começou a ilustrar quadrinhos no país. No final da década de 1960, voltou para Nova York e estreou no mercado dos comics arte-finalizando o lápis de Ric Estrada para a revista Girl's Love Stories, da DC. Sua estreia como desenhista aconteceu com uma história de terror, em House of Mystery #188, em 1970. A criação de Jonah Hex foi em 1972, para a revista All-Star Western #10. No ano seguinte, em Adventure Comics #428, estreou sua outra criação, a Orquídea Negra. Seu talento ocasionou uma invasão de artistas filipinos nos quadrinhos norte-americanos durante a década de 1970. Ele também trabalhou para a Marvel, na qual desenhou personagens como X-Men, Homem-Aranha, Thor, Homem de Ferro, Conan e até uma história baseada em Star Wars. Foram 18 anos trabalhando para as duas grandes editoras dos Estados Unidos. Mais tarde, ele entrou para o mercado de videogames, fazendo design visual para jogos da Sega durante uma década. O último trabalho dele com Jonah Hex foi para a graphic novel Jonah Hex: No Way Back, lançada em 2010 para coincidir com a estreia do filme do personagem." http://universohq.com/quadrinhos/2012/n11052012_06.cfm



VIREI MESTRE DO QUADRINHO NACIONAL

2012-01-17T04:27:12.448-08:00

Ha' um ano, no Instituto Cervantes eu colocava esta medalha Angelo Agostini no meu mestre Eduardo Vetillo. Não imaginava que este ano, seria um dos homenageados com a mesma medalha.Quero agradecer a todos que votaram em mim como Mestre. Foi uma grande surpresa ver a votação que recebi e uma grande honra entrar para este Panteão de (como meu mestre Eduardo Vetillo falou no ano passado) desbravadores do Quadrinho brasileiro. E estar ao lado de amigos (com longa estrada nos Quadrinhos) como Fernando Gonsales, Lourenço Mutarelli e Moacir Torres e' uma honra tripla!Fiquei mesmo muito contente em receber esta honraria. Eu não fiz campanha. Quem fez, fez sem eu saber de nada! E agradeço pela consideração.Sei que trabalhar e viver de Quadrinhos, no Brasil, não e' facil.Mas tambem sei que NUNCA vivemos tempos tão propicios a Nona Arte como agora.Dedico este premio a minha mulher e minha filha: Claudia e Thais tem acompanhado, incentivado e ate' ajudado (apagaram boa parte do lapis das paginas de meu D.Quixote e Thais pintou minhas tiras do Tatu-man por alguns meses)Dedico este premio tambem ao Vetillo, de quem fui assistente no fim dos anos 70. Um valente batalhador das HQs, que emprestou sua arte a estudios como Ely Barbosa e Abril (com o outro mestre Primaggio Mantovi na liderança), montou seu proprio estudio para produzir o gibi do Chaves. E, em epocas de vacas magras, dedicou-se as ilustrações de livros, sempre pensando em voltar ao mercado dos Quadrinhos. E, ao voltar, desenha incansavelmente as historias maravilhosas de Zumbi, Maria Quiteria, Tiradentes, A Ilha do Tesouro, O Guarani, A Iliada e muito mais que vem no futuro.Valeu Claudia, Thais e Edu!CRITICASTem gente que critica a Premiação por causa das campanhas na internet. Dizem que isso pode causar distorções a ponto de um quadrinhista desconhecido (ou que publicou pouco) ganhar, apenas pelo fato de ter muitos amigos. E' um risco...Tinha gente que criticava o AA porque varios ganhadores se repetiam (como o Baraldi e o Fanzine QI). Em reunião, a AQC mudou a regra e a partir do ano passado, temos o maximo de 3 premiações por pessoa (por categoria), lembrando que Mestre so' ganha uma vez (assim, não adianta votar de novo em Mauricio de Souza, Ziraldo, Vetillo, Emir Ribeiro, Shimamoto, pois eles ja' ganharam, ja' são Mestres).Vejam, esta Votação e' a unica que aceita votos dos leitores de Quadrinhos. Isso e' um ponto BEM positivo, pois aceita o voto popular.Pedir voto e’ um direito de quem quer. E’ chato, pois quem pede, espera que a outra pessoa deixe de votar em quem gostaria, para votar por amizade. Tem gente que manda ate’ cedula preenchida pra lista de amigos. Isso eu acho mau…Tem a Campanha que avisa que tal revista (ou quadrinhista) esta’ no pareo. E que o leitor pode entrar no Blog da AQC, ver a lista e escolher em quem votar.Isso eu acho bom. A AQC disponibiliza lista (indicativa) de lançamentos e mestres. Pedimos ajuda de todo mundo para enviar o titulo do gibi que fez, comprou ou leu. Isso eu acho legal porque a pessoa entra no Blog, olha a lista e tem de se interessar em votar.Tem a campanha de quem foi no lançamento de um Zine ou revista, gostou e quer fazer propaganda. Foi o que aconteceu com o Lucas da Feira da Vila de Sant'ana (Bahia) ano passado. Todo o grupo que participou do projeto fez campanha. A revista era muito boa e popular, os alunos dos quadrinhistas votaram em peso. A revista ganhou. E muita gente veio a conhecer depois do premio…Eu ja’ fiz Campanha no ano passado. Para o Edu Vetillo e pro Dag Lemos como Mestres.http://www.fotolog.com.br/art3_xpresion/79124344O Vetillo (classico quadrinhista dos Trapalhões, Hanna-Barbera, Chet,[...]



AMANHA, REUNIAO DA AQC, AS 14h00

2012-01-13T18:58:43.966-08:00

(image)
Em função da quantidade de votos ter praticamente dobrado em relação ao ano passado, adiamos a apuração para amanhã. Foi uma surpresa a enxurrada de votos enviados nas ultimas horas da penultima sexta-feira.
Isso demonstra o apoio dos profissionais (alem da correria de ultima hora) e leitores ao premio e a este evento, que todo ano homenageia o Quadrinho brasileiro.
Agradecemos a participação de todos e reiteramos o convite para a NOVA reunião da AQC-ESP para ajudarem na apuração dos votos do 28° Angelo Agostini e preparação do evento.

A reunião será na Biblioteca Monteiro Lobato
Rua General Jardim, 485, próximo ao metrô República
Dia 14/01/2012, sábado, a partir das 14h.
Participe e ajude a produzir a grande festa do quadrinho nacional!

(image)

PARCERIA COM O CERVANTES
(image)
Festa de entrega do 28º Prêmio Angelo Agostini
Dia 4 de fevereiro de 2012
A partir das 13h00
Instituto Cervantes de São Paulo
Av. Paulista, 2439
(quase esquina com Consolação)
Metrô Consolaçao

Queremos agradecer mais uma vez a Laís Côrtes, da secretaria Cultural do Instituto Cervantes pelo apoio e por ceder o espaço do Instituto ao nosso evento. Quem esteve no ano passado na premiação, pode comprovar a otima recepção que tivemos, alem da facilidade de acesso e proximidade entre as pessoas (este foi o comentario que Paulo Ramos fez no ultimo sabado) o que propiciou muito mais integração e papo entre todo mundo.
Dentre as atividades do dia, a AQC fara' um Debate sobre a Lei dos 20% de Quadrinho Nacional, assunto que e' da mais alta importancia para os quadrinhistas e seus leitores, obviamente.
O debate sera' mediado pelo jornalista Jota Silvestre, que deu mais um passo no bate-papo em sua coluna "Papo de Quadrinho" no site da "Revista O Grito":
http://revistaogrito.com/papodequadrinho/2011/12/16/a-nova-lei-dos-quadrinhos-na-opiniao-dos-profissionais/
A coluna teve quase 260 comentarios pro' e contra e foi um marco no historico de discussões que o assunto ja' teve.
Paulo Ramos, editor do Blog dos Quadrinhos ja' havia produzido um artigo, a partir de alerta do desenhista Rafael Grampa', que rendeu perto de 100 comentarios.



JOHN CELARDO MORREU

2012-01-11T05:14:06.673-08:00

Soube da triste noticia atraves do Ota. Na minha opinião, John Celardo, Russ Manning e Bob Lubbers foram os ótimos (e classicos) sucessores a desenhar as aventuras do Rei das Selvas, depois de Hal Foster e Burne Hogarth. Conheci seu traço firme e hachurado, na decada de 70, pela saudosa editora Ebal, que publicou Tarzan em suas series Lança de Prata e de Ouro. Apesar de alguns criticos acharem seu desenho duro, eu o achava dinamico, extremamente bem feito e detalhado. E com arte-final primorosa e otimo uso do claro-escuro.Bob Lubbers (que nasceu em 1922) fez parte do estúdio de All Capp, criador de Lil´Abner (Ferdinando Buscapé), Saint, Camilla, Big Ben Bolt, entre outros. A informação que tive de pessoas que cuidavam do site dele nos EUA é que há anos ele não dava notícias.WAPhttp://wap.dead-celeb.com/index.php/categories/1-latest/2283-john-celardo"Died January 6, 2012. Born December 27, 1918.American comic strip and comic book artist, best known for illustrating the Tarzan comic strip.Celardo grew up on Staten Island and continued to live there most of his life. After a childhood in Mariners Harbor, he graduated from Port Richmond High School. Serving with the Army during World War II, he was assigned to duty in the European theater, where he rose to the rank of captain. Returning to Staten Island after WWII, he lived in Castleton Corners and eventually settled in Graniteville.In addition to art study with the Federal School's correspondence course, his extensive art training was at New York's Art Students League, the School of Industrial Arts and the School of Visual Arts. He began his professional career doing sports cartoons for Street & Smith and then began drawing for comic books, including a job at the Eisner-Iger shop. During the 1940s, he was a major contributor to the Fiction House line. Over decades, he did work for a variety of publishers: American Comics Group, DC Comics, Gold Key, Quality, Standard. St. John and Whitman.In the early 1950s, he succeeded Bob Lubbers as illustrator of the Tarzan comic strip. He began the Tarzan daily strip on January 18, 1954 and the Sunday strip on February 28, 1954, eventually drawing a total of 4350 daily strips and 724 Sunday strips. He continued on Tarzan until Russ Manning took it over in the 1960s. He then succeeded Joe Kubert on Tales of the Green Beret and worked on Buz Sawyer in the 1980s.During the 1960s, he also did artwork for Topps Chewing Gum, including a comic strip on their Land of the Giants card series."MONDO INFORMAZIONEhttp://it.paperblog.com/morto-john-celardo-il-fumettista-che-invento-tarzan-807018/"Morto John Celardo, il fumettista che inventò TarzanLa settimana scorsa all’età di 93 anni si è spento il fumettista John Celardo, disegnò le strisce a fumetti di Tarzan dal 1954 al ’67.Nato da una famiglia di immigrati italiani, studiò alla New York School of Industrial Arts.La sua produzione di strisce (oltre 4.000, dalla numero 4.507 alla n. 8.856) e di tavole (oltre 700, dalla n. 1.199 alla n. 1.922) durò fino alla fine del 1967."ERB SITEhttp://www.erbzine.com/magLAMBIEKhttp://lambiek.net/artists/c/celardo_john.htmJohn Celardo(b. 27/12/1918, d.06/01/2012 USA)John Celardo is an American artist, writer and editor, born on Staten Island, New York. He got his art studies at the Arts Students League and the New York School of Industrial Arts. He started his professional career contributing sports cartoons to Street and Smith publications in 1937. He soon turned to comics, and went to the Eisner-Iger studios.There, he did 'Dollman', 'Wonder Boy', 'Uncle Sam', 'Paul Bunyan', 'Espionage', 'Hercules', 'Old Wi[...]



FOTOS DO FIQ EM BH

2011-12-30T11:18:13.775-08:00

Minhas fotos mostram um pouco da cidade de Belo Horizonte.My pics show a little of Belo Horizonte city beauty.Minhas caricaturas dos convidados do FIQ.FIQ invited caricatures.O belo visual da janela do Othon HotelThe nice scene from Othon Hotel window.Os presentes que recebi. O livro "Xiru e os Dinossauros" (do meu amigo gaucho Byrata) foi presente para Sophie, da Komacon.The gifts I've received. I gifted Sophie (Komacon) with Comics Book "Xiru and the dinossaurs", from my gaucho friend Byrata.Hyung Min Woo, grande desenhista de Manhwa (Priest) que finalmente conheci (em carne, osso, nanquim e kimchi). Grande cara!I finnaly met (in flesh, bone, nankim and kimchi) Hyung Min Woo, great Manhwaka Priest. Great guy!Os quadrinhistas comandados por Daniel Esteves, depois da partida de futebol. Eu cheguei tarde...The Comics creators with Daniel Esteves as leader, after the football game. I was late!A populacão de BH participa em peso do evento.Belo Horizonte citizens strong participation on the event.Artes para a Graffiti especial para o FIQSpecial arts for Graffit FIQ specialErica Awano (DBride Noiva Do Dragão) que conheci na perua que nos levou (a mim e Flavio Luiz, de O Cabra):[...]



FESTAS DE FIM DE ANO...

2011-12-28T13:36:58.530-08:00

MEUS PRESENTES DE NATALMaravilhosos presentes de Claudia (minha parceira de cama, mesa, banho e quadrinhos), minha filha Thais, dona Dirce (minha sogra), dona Lurdinha (minha mãe) e da FNAC Campinas (Monica e Ivete) que pagaram minha sessão de caricaturas na Festa do Associado, com os livros que escolhi! E não foram so' Quadrinhos, teve DVDs e calcas tambem! Claudia, Dirce e eu!LANCAMENTO DA CARTILHA EM QUADRINHOS MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL(CPAT Campinas - Fotos de Claudia Carezzato)PORTAL DA PREFEITURA DE CAMPINAShttp://www.campinas.sp.gov.br/noticias-integra.php?id=10580(Texto de Maria do Carmo Pagani - Fotos de Carlos Bassan)"A Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Renda, via Casa do Empreendedor, lançou nesta quarta-feira, dia 21 de dezembro, a cartilha Por que Devo Me Formalizar?, voltada para orientar e estímular trabalhadores informais e/ou autônomos, sobre as vantagens da adesão ao programa Microempreendedor Individual (MEI), lançado pelo governo federal em meados de 2009.Ilustrada no formato quadrinhos, a cartilha, de maneira didática, divertida e em linguagem simples, explica as vantagens e os benefícios trazidos pela formalização, além de esclarecimentos sobre quem pode aderir ao MEI e os passos necessários para a formalização. Informa também sobre os tributos que o microempreendedor individual passa a arcar a partir da adesão.Durante o lançamento, a secretária municipal de Trabalho e Renda, Maristela Braga, lembrou que Campinas acumula, desde agosto de 2009 quando foi criado, pelo governo federal, o Portal do Empreendedor, 13.171 formalizações. Isso faz com que a cidade, segundo dados do Ministério do Desenvolvimento Econômico, Social e Comércio Exterior, ocupe o primeiro posto entre não capitais no ranking nacional da formalização e o segundo no Estado de São Paulo, atrás apenas da capital.A ideia da cartilha, segundo a secretária é antiga. E, agora concretizada, pode contribuir para que este número se amplie. “A cartilha em conjunto com os mutirões de formalização realizados pela secretaria, certamente contribuirão ainda mais para a concretização de meta da cidade: de que todos se formalizem”, disse.Também durante o lançamento da cartilha, ilustrada pelo cartunista Ubiratan Dantas, o antigo secretário de Trabalho e Renda, que ocupa atualmente a Pasta de Serviços Públicos, Sebastião Arcanjo, destacou a importância dos mutirões e falou de sua satisfação em ver a evolução do município quando se trata da formalização. Como Arcanjo, a presidente do Sindicato dos Microempreendedores Individuais de Ponto Fixo, Maria José Massaioli, lembrou da importância dos mutirões para a formalização de sua categoria, na qual cerca de 90% já aderiram ao MEI. “Somos uma categoria composta por mulheres, em boa parte. E a formalização nos trás também, entre outros, o benefício do auxílio maternidade”, apontou."[...]



CÉDULA 28º PRÊMIO ANGELO AGOSTINI 2011 AQC-ESP

2011-12-26T10:48:45.652-08:00

Preencha a cédula e envie para nosso endereço: AQC-ESP/ Worney Almeida de Souza Caixa Postal 675 SP (SP) cep 01031-970 ou para o endereço eletrônico: aqc.waz@gmail.com  O prazo é até 06 de janeiro de 2012.  Vote na categoria de Mestres do Quadrinho Nacional em TRÊS nomes e nas outras categorias vote em DOIS nomes, indicando 1 e 2 lugares.Participe e prestigie o quadrinho nacional e seus artistas!MELHOR DESENHISTA DE 2011:1º.........................................2º.........................................    MELHOR ROTEIRISTA DE 2011:1º.........................................2º.........................................                                                  MELHOR CARTUNISTA DE 2011:1º.........................................2º.........................................MELHOR LANÇAMENTO DE 2011:1º.........................................2º......................................... MELHOR LANÇAMENTO INDEPENDENTE DE 2011:1º.........................................2º.........................................MELHOR FANZINE DE 2011:1º.........................................2º.........................................            PRÊMIO JAYME CORTEZ :1º.........................................2º.........................................                 MESTRES DO QUADRINHO NACIONAL:1º.................................................................2º.................................................................3º...................................................................4º ..................................................................                                                   LISTA DE LANÇAMENTOS - 2011 (Prêmio Angelo Agostini)(AVISO: ESTA LISTA FUNCIONA PURA E SIMPLESMENTE COMO REFERÊNCIA, mesmo titulos não relacionados aqui podem ser votados)-Nessa lista você encontrará o nome do lançamento e entre parênteses o nome da editora ou do editor independente. A lista está colocada de maneira aleatória, sem preferência ou favorecimento. Caso você conheça algum outro lançamento que não esteja relacionado, vote nele, indicando a editora ou o autor. A lista abaixo vale para as categorias: Melhor Lançamento e Melhor Lançamento Independente.-(ATUALIZAÇÃO)"A ILIADA EM QUADRINHOS" - Walter e Eduardo Vetillo"ARIOSTO - A EVOLUÇÃO NATURAL DO CONQUISTADOR" - João Belo Junior Secretaria de Cultura do Estado do Ceará"CARCARÁ" - Aloísio de Castro (Qualidade em Quadrinhos Editora)"O vendedor de esqueletos" - Bruno Rodrigues e João Henrique Belo "Produto" de Rafael Química"Bátima" de André Valente"Não fui eu" de André Valente "SOS" do Felipe Nunes'Bolhas', do Pedro Cobiaco'Felicidade é uma arma quente' de Jopa Moraes'Palestina', 'Comic Cow' e 'Saidêra 2' do Denis Mello.Primeira Edição: Volume I e II, de Odyr Bernardi'Duo.tone' e 'Valente para Sempre', de Vitor Cafaggi.'Achados e Perdidos', de Eduardo D[...]



LANCAMENTO DA PICLES NA COMIX

2011-12-08T06:55:58.759-08:00

HQ, ALEM DOS BALOES"Nosso programa foi homenageado com o Troféu Bigorna na categoria “Grande Contribuição à HQ Nacional”.Nesta edição mostramos como foi o evento de lançamento da revista “Picles #1”, organizada e produzida pela AQC-ESP (Associação de Quadrinhistas e Caricaturistas do Estado de São Paulo). O evento aconteceu na Comix, uma das patrocinadoras da revista, ao lado de nosso programa e da Editora Laços e contou com a presença de vários autores e convidados. Entrevistamos o Worney, produtor e editor desta edição, o Jorge, responsável pela Comix, além de vários artistas participantes.Veiculamos mais uma animação do "Tulípio", personagem desenvolvido por Eduardo Rodrigues e Paulo Stocker. Mostramos e comentamos um recente lançamento da editora Nemo, o livro “Corto Maltese, A Juventude”, álbum todo colorido de Hugo Pratt.Para acessar o HQ, além dos balões é só digitar e entrar nos endereçoshttp://www.hqalemdosbaloes.comhttp://www.tvtatuape.com.br/hq/hq.html(caso o link não funcione, é só digitar o endereço em seu navegador).Estamos também no facebook, é só procurar por “HQ além dos balões”. Confira também o quadro HQ, além dos balões no programa Mask, também no facebook.Muito obrigado e um grande abraço"Fábio SalesFOTOS DO BIRABira Dantas:"Um grande prazer fazer parte desta Associacão e de projetos como o da Revista Picles, que resgatam o papel histórico da revista de Humor. Muito importante reocupar esta lacuna, preenchida brilhantemente como revistas como a "ilustrada" (Angelo Agostini), "Tico-tico", "Careta", "Cometa Humor" (AQC) e a recente "Bundas" do Ziraldo. Parabens ao Worney pela idéia e iniciativa de contatar os anunciantes e ao Fernando que cuidou da diagramacão!Como eu escrevi em um dos autografos, e' uma honra dupla estar numa revista organizada pelo amigo Worney e estrelada pela presidenta Dilma (dizem ate' que ela ja' recebeu seu exemplar da revista Picles). Todos sabem, fiz campanha (charges, caricaturas e postagens em Blogs e Flogs), sofri com a baixaria na campanha e me alegrei em ver sua vitoria e a recuperação da economia e da auto-estima dos brasileiros com dois governos Lula e um (otimo) começo de governo Dilma! E' um honra fazer charges a favor de governos que se preocupem com o bem-estar da população. Ja' os anteriores...No lancamento, ainda tive o prazer de encontrar amigos como Fernando dos Santos, Flavio Luiz, Douglas Fernandes, Eder Santos, Morettini, Ohi, William Martins, Jorge e a equipe da Comix, Will, Raphael Fernandes, o deputado estadual Adriano Diogo, Denis Libanio (meu irmão e assessor do Vaccarezza), Juliano Oliveira, Vasqs, Marcos Venceslau, Mozart Benedito, Daniel Esteves e os amigos da Web TV "HQ, além dos balões."FOTOS DO JULIANO"Aconteceu na última quinta-feira , 1º de dezembro, na Comix, o lançamento da tão esperada edição da revista Picles. Estiveram presentes no evento de lançamento organizadores, artistas e convidados. Entre os que deram o ar da graça: Worney (organizador e editor), Raphael Fernandes (editor da revista MAD), Will, que chegou voando como Sideralman, o bardo Bira Dantas e sua gaita mágica, Fernando e os seus ursinhos estapafúrdios, Vasqs, Marcos Venceslau acompanhado dos piratas apareceram para brindar o evento junto de Flavio Luiz, Douglas Fernandes, Eder Santos, Morettini, Ohi, William Martins. Sacis e kaaporas se manifestaram para celebrar essa iniciativa tupiniquim.A Picles “Dilma, um caso e amor” é uma iniciativa da AQC-ESP [...]



MINHAS CHARGES DILMISTAS NA REVISTA PICLES DA AQC

2011-12-01T06:53:03.860-08:00

Um grande prazer fazer parte desta Associacão e de projetos como o da Revista Picles, que resgatam o papel histórico da revista de Humor. Muito importante reocupar esta lacuna, preenchida brilhantemente como revistas como a "ilustrada" (Angelo Agostini), "Tico-tico", "Careta", "Cometa Humor" (AQC) e a recente "Bundas" do Ziraldo. Parabens ao Worney pela idéia e iniciativa de contatar os anunciantes e ao Fernando que cuidou da diagramacão!Alem disso, como todos sabem, me alegro em ver a recuperação da economia e da auto-estima dos brasileiros com dois governo Lula e um (otimo) começo de governo Dilma! E' um honra fazer charges a favor de governos que se preocupem com o bem-estar da população. Ja' os anteriores...Lançamento da revista PICLES #01 na Comix com a presença dos autores.Dia 01/12/2011Quinta-feiraA partir das 18:30hLivraria Comix BookTelefone: 3088-9116Alameda Jaú, 1998Próximo ao metrô PaulistaA “Picles” # 01 é uma mostra do melhor do humor nacional, abrindo um novo espaço para os autores tupiniquins e trazendo para os leitores muitos motivos para rir e se divertir com a nossa realidade política e social.Os artistas que participam dessa edição são os seguintes: Alisson Affonso, Antônio Amâncio, Bira Dantas, Bruno Aziz, Douglas Fernandes, Eder Santos, Eduardo Simch, Fabiano Carriero, Fabrício Manohead, Fernandes, Fernando dos Santos, Flávio Luiz, Fred Ozanan, Nei Lima, Ohi, Renato Stegun, Rice Araújo, Ronaldo Cunha, Santiago, Sergio Morettini, Siqueira, William MR, Xalberto e Zilson Costa.Mais informações:http://aqcsp.blogspot.com[...]



MINHA CARICATURA DE DON MANUEL GARCIA FERRE NO ANIMATE

2011-11-25T16:10:12.317-08:00

Depois de participar, a convite de Carlos Carella, da homenagem a este grande mestre-criador de Historietas da Argentina.
(image)
"Hola amigos dibujantes y seguidores de la obra de Don Manuel García Ferré que han participado del "TRULALA MUSEUM VIRTUAL".
Les escribe Carlos Carella, quien llevó adelante la idea del Museo en homenaje a los 80 años de Don Manuel.
El motivo de este e-mail es para contarles que el señor Adrián Paglini encargado del espacio homenaje a Don Manuel García Ferré que se llevará acabo en "ANIMATE2011" me ha pedido de poder exhibir una selección de dibujos del Museo.
Le pedí al señor Adrián que me enviara un texto explicando de que se trata la muestra, que en negrita les transcribo:

"Básicamente la invitación es para compartir un espacio de homenaje a Don Manuel García Ferré, junto a muchos artistas que realizaron sus versiones de sus queridos personajes, no solo ilustradores sino también escultores.
La muestra ocupará alrededor de 40mts de largo, donde se irán exhibiendo las ilustraciones en formato A3 y papel ilustración montado y producido por una importante imprenta.
La misma se realizará en la reconocida expo Animate (la más grande de Argentina) durante los días 7 al 11 de diciembre. El día miércoles 7 a las 18hs nos visitará Don Manuel, con quien recorreremos la muestra, nos sacaremos fotos y firmara algunos autógrafos, todo esto con entrada libre y gratuita para que todos puedan disfrutar del espacio. El resto de los días la entrada tendrá un valor de $25, vale aclarar que nuestra muestra no recibe porcentaje alguno de dicho importe, que solo es cobrado por los organizadores.
El predio esta ubicado en San Martin, provincia de Buenos Aires, a metros de la Autopista Gran Paz.
Copio link del predio
http://www.centromiguelete.com
Vale aclarar que este evento se viene realizando desde hace varios años y que la concurrencia es mayor a las 25mil personas".
Hasta aquí el texto del señor Adrián Paglini y debajo de este renglón encontrarán el listado de dibujantes selecionados por Adrián para participar del homenaje:

Rubén Hernández
Walter Fornero
Leandro Duger
Néstor Taylor
Omar Acosta
Esteban Tolj
Daniel Omar Perez
Andrés Alvez
Atilio Millán
Nik
Lucero, Gustavo
BIRA DANTAS
Oswal
Hugo Casaglia
Daniel Omar Perez
Teresita De Angelis
Jorge de los Ríos
Santiago Dufour
Javier Rovella
Diego Greco
Hugo Casaglia
Flopez
Nando
Claudio Kappel

Les pido su respuesta a la brevedad para poder enviar las ilustaciones de quienes deseen participar del evento. Cualquier duda ó consulta estoy a su disposición.
En lo personal, espero algún día poder exhibir los 100 trabajos del "TRULALA MUSEUM VIRTUAL" en reconocimiento a Don Manuel y a todas las personas que han participado del mismo.
Les envio un gran abrazo a todos!!!
Carlos Carella
http://trulalamuseum.blogspot.com



EXPO BLUSEIROS NO CARRIERO ESTUDIO - CAMPINAS SP

2011-11-22T04:58:50.410-08:00

03/12 – Sábado17:00h – Exposição de caricaturas:“ Bluseiros” - De Fabiano Carriero e Bira Dantas.Show com: Dokery Duo – Campinas/SPLocal: Carriero Estúdio – Av. Barão de Itapura, 2043 – Guanabarahttp://carrieroart.blogspot.com/(Entrada franca)ALGUNS BLUE-CARICATURADOSFurry Lewishttp://pt.wikipedia.org/wiki/Furry_LewisOrigem: Wikipédia, a enciclopédia livre."(Walter E.) "Furry" Lewis (6 de Março de 1893 - 14 de Setembro de 1981) foi um guitarrista de blues natural de Memphis, Tennessee. Furry Lewis foi um dos primeiros músicos da velha guarda dos blues da década de 1920 a ser redescoberto pelo movimento revivalista folk e blues nos anos 60, levando-o a ver a sua carreira reaberta e valorizada.O estilo blues de Furry é típico dos "Escritores de Canções" que operavam na zona de Memphis na década de 1920. Para estes autores o valor da canção está na história que é contada, havendo uma tendência destes intérpretes para suportar as suas palavras com hipnóticas e repetitivas sucessões de acordes com subtis prolongamentos do som dos mesmos. Furry Lewis gravou muitos sucessos no final da década de 1920 inclusive "Kassie Jones", Billy Lyons & Stack-O-Lee e Judge Harsh Blues (mais tarde chamada de Good morning judge).Furry não ficou rico com o seu trabalho. Em 1962, contudo, suas canções foram regravadas pelo folclorista George Mitchell e sua sorte começou a mudar. A canção de Joni Mitchell, Furry Sings the Blues em seu álbum Hejira, é sobre Lewis e a música de Memphis que ele vivenciou no início dos anos 70. Antes dele morrer em 1981, Furry abriu por duas vezes a apresentação dos Rolling Stones, tocou no show Tonight de Johnny Carson e teve uam participação no filme de Burt Reynolds, uma justa homenagem para este grande músico de Blues."ERIC CLAPTONDIZZIE GILLESPIE(Cheraw, 21 de outubro de 1917 — Englewood, 6 de janeiro de 1993) foi um trompetista, líder de orquestra, cantor e compositor de jazz, sendo, a par de Charlie Parker, uma das maiores figuras no desenvolvimento do movimento bebop no jazz moderno.Nascido na Carolina do Sul, Dizzy era um instrumentista virtuoso e um improvisador dotado. A juntar às suas capacidades instrumentais, os seus óculos, a sua forma de cantar e tocar (com as bochechas extremamente inchadas), o seu trompete recurvo e a sua personalidade alegre faziam dele uma pessoa especial, dando um aspecto humano àquilo que muitos, incluindo alguns dos seus criadores, classificavam como música assustadora.Em relação à forma de tocar, Gillespie construiu a sua interpretação a partir do estilo "saxofónico" de Roy Eldridge indo depois muito além deste. As suas marcas pessoais eram o seu trompete (com a campânula inclinada 45º em vez de ser a direito) e as suas bochechas inchadas (tradicionalmente os trompetistas são ensinados a não fazer “bochechas”).Para além do seu trabalho com Parker, Dizzy Gillespie conduziu pequenos agrupamentos e big bands e aparecia frequentemente como solista com a Norman Granz's Jazz at the Philharmonic. No início da sua carreira tocou com Cab Calloway, que o despediu por tocar “música chinesa”, a lendária big band de Billy Eckstine deu a estas harmonias atípicas uma melhor cobertura.Nos anos 1940, Gillespie liderou o movimento da música afro-cubana, trazendo elementos latinos e africanos para o jazz, e até para a música pop, em particular a salsa. Das suas numerosas composições destaca[...]



TATU-MAN NO FIQ, EM BH

2011-12-05T06:59:29.489-08:00

Festival Internacional de Quadrinhos de Belo Horizonte.Tenho 48 anos, sou cartunista, quadrinhista e ilustrador há 30 anos. Gaitista há 11.http://caricasdobira.blogspot.com/2010/07/tatu-man-no-correio-popular-no-graphiq.htmlCriei o Tatu-man para o jornal Correio Popular, de Campinas, cidade onde moro.No inicio, tive ajuda da Thaís Araujo, minha filha de 11 anos.Ela me ajudou com os scans, tratamento digital e pintura das tiras. Tem muito bom gosto gráfico e um talento artístico avançado para sua idade. Ela recebia 10% do meu pagamento, mas reclamou que eu era muito chato e acabou pedindo as contas..."Tatu Man" era pra ser "Homem-Tatu", mas a Thaís sugeriu um nome mais super-herói.Ele é um anti-herói brazuca, medroso, ensimesmado, meio complexado... destes que a gente encontra pelas esquinas e até dentro de casa (rs).Seus inimigos são "Reflexu's", "Anta", "Cachorro do Mato", "Onça" e "Caboclo". Meu personagem estreou em 25/07/10, na seção de Quadrinhos deste jornal de Campinas, ao lado de Tubino (Tannus Jr), Peanuts (Schulz), Xaxado (Cedraz), Hagar (Dik Browne) eRecruta Zero (Mort Walker).Segundo o jornalista Djota Carvalho:http://www.mundohq.com.br/site/detalhes.php?tipo=3&id=69"Dasi Podideos foi criado em 2008 e, como todo bom tatu, mal nasceu e já correu para o escuro. Neste caso, o da gaveta do cartunista Bira Dantas, que o criou em um lampejo, mas resolveu deixar a ideia amadurecer um pouco. “Sempre tive um gosto por anti-heróis, por heróis azarados. Personagens mais à margem, como o Pena das Selvas, o Overman e o Kick-Ass, que só vim a conhecer mais recentemente, me cativam. Aliás, acho que o Tatuman tem bastante da linha do Kick-Ass”, diz Bira, lembrando que, claro, as aventuras de seu personagem seguem mais a linha do bom-humor.Apesar da simpatia pelo filho recém-nascido, o autor só deixou que ele saísse do buraco, ou melhor, da gaveta, em 2010. “Recebi um convite do Correio Popular de Campinas para publicar uma tira diária. Eles queriam uma proposta que agradasse a toda família e, quando apresentei o personagem, eles gostaram”, relembra Bira. Tatuman fez sua estréia nas páginas do jornal em 25 de julho de 2010. Em tempo, Dasi Podideos , nome do alterego do herói, é a designação científica para o animal tatu."Tenho publicado tambem no jornal Graphiq (do Mario Latino), que se dedica de forma incrível à publicação de tiras e de matérias sobre HQ.http://www.graphiqbrasil.com/php/main.phpPubliquei também no Tiras de Letras.http://tirasdeletra.zip.netJa' fiz alguns "cross-overs" com TEX (italiano), Eternauta (argentino), Toupeira (EUA), Jeca-tatu, Xiru e outros personagens gauchos.Tatu-man foi tema do Fan Art Mania:http://www.fanartmania.com.br/tag/tatumanCom TEXhttp://texwillerblog.com/wordpress/?p=26575Com Eternautahttp://revistaogrito.com/papodequadrinho/2011/06/11/o-dia-em-que-el-eternauta-encontrou-o-tatu-man/Foi para o Festival de Quadrinhos de Angouleme (Franca)http://chargesbira.blogspot.com/2011/02/anti-heroi-das-tiras-vai-pro-festival.htmlE ate' participou do Cartucho (Encontro de Cartunistas Gauchos em Santa Maria)http://byrata.blogspot.com/2011/11/bira-dantas-e-as-tiras-do-tatuman.html[...]