Subscribe: The New Black Is...
http://newblackis.blogspot.com/feeds/posts/default
Added By: Feedage Forager Feedage Grade B rated
Language:
Tags:
até  bem  capri  das  dia  dias  dos  este  foi  foram      mais  meu  minha  não  ser  também  viagem 
Rate this Feed
Rate this feedRate this feedRate this feedRate this feedRate this feed
Rate this feed 1 starRate this feed 2 starRate this feed 3 starRate this feed 4 starRate this feed 5 star

Comments (0)

Feed Details and Statistics Feed Statistics
Preview: The New Black Is...

The New Black Is...





Updated: 2017-10-16T19:39:08.609+01:00

 



Cala Luna

2016-10-01T16:04:28.029+01:00


Os meus dias na Sardenha permitiram-me conhecer praias fabulosas. Cala Luna, na região da Arbatax, foi uma das melhores descobertas. Para aceder a esta praia é preciso fazer um passeio de barco de cerca de 30 min, ou então, uma bela caminhada a pé. Eu optei pelo barco. Mais relaxante!

O bilhete de barco custa à volta de 12 euros, mas vale cada cêntimo. A praia é de sonho e pouco 'povoada', o que permite descontrair e retemperar energias em pleno sossego. A água... Meu Deus! É de uma qualidade ímpar: tépida e transparente. Ah! E sem ondas, tal como se quer.








Sardinia! Oh Sardinia!

2016-09-23T14:32:50.059+01:00


This summer I spent my vacation in Sardinia. It was 10 fabulous days full of sun and sea baths, and also good food. I really don't know how I didn't get more weight!

These photos were taken in Cagliari, the main town of Sardinia, where I stayed two magnificent days. Most of the time I stayed in Porto Cervo, the heart of Costa Smeralda. The hotel was a two minutes walk to the beach of Piccolo Pevero.

You can see more photos of my days in Sardinia in my Instagram account.








Weekend details

2016-04-16T13:33:42.584+01:00


Porque os sábados querem-se adocicados. Diz-se que o açúcar é um 'veneno lento', mas sabe tão bem... Para prazeres, não direi iguais, mas de intenção semelhante, os morangos parecem-se uma boa alternativa. Dão alegria a estes dias primaveris cinzentos, na esperança que o sol chegue e traga mais cor. O meu perfume de eleição do momento: Miu Miu!



On my bedside table

2016-04-10T17:51:54.175+01:00


É durante o fim de semana que tenho mais tempo para dedicar à leitura e na minha mesa de cabeceira tenho '3 amigos' de peso para devorar.

- As Coisas que os Homens Me Explicam, da autora Rebecca Solnit, editado em Portugal pela Quetzal

- Lobo Solitário, da autora Jodi Picoult, editado em Portugal pela Bertrand

- História de Quem Vai e de Quem Fica, o 3º volume da Amiga Genial, da autora Elena Ferrante, editado em Portugal pela Relógio de Água

Três livros bem diferentes!

E vocês, o que estão a ler? Qual é aquele 'ingrediente' fundamental que um livro tem de ter para vos prender a atenção?



The charming Brugge

2016-04-09T18:54:00.043+01:00

A minha mais recente escapadinha foi à romântica Brugge, na Bélgica, uma viagem que esteve em risco de ser cancelada. Os atentados em Bruxelas aconteceram a 22 de março e a minha viagem estava marcada para dia 26. Os voos para Bruxelas foram todos cancelados até dia 29 e o meu voo só acabou por acontecer por ter sido desviado para um aeroporto muito mais distante. Mas contratempos à parte, a viagem aconteceu e ainda bem, pois valeu realmente a pena.Brugge é linda. Pequenina, mas realmente encantadora. O seu centro histórico é património da UNESCO e percebe-se bem porquê. As fotos que partilho são bem elucidativas do motivo. Em Brugge respira-se história, respira-se passado, respira-se um ambiente medieval caracterizado pelas construções góticas. Brugge foi em tempos uma das principais metrópoles de comércio da Europa.Foram dois dias magníficos na cidade.Deixo algumas dicas de onde comer e beber na cidade:- Café Vlissinghe - Perfeito para beber cerveja e comer qualquer coisa leve. Têm cerveja artesanal de marca própria. Existe há mais de 500 anos. É uma referência na cidade.- Poules Moules - Foi-me recomendado por um belga e que dica maravilhosa!! É o melhor sítio para comer mexilhões, um dos pratos mais icónicos da Bélgica. Nota 10!- The Chocolate Line - É considerado por muitos a melhor casa de chocolates de Brugge. Eu, claro, passei por lá e não resisti em provar e em comprar para trazer para Lisboa.Hat: Blanco / Knit sweater: Mango / Trousers: H&M / Sneakers: Adidas[...]



Violets are blue

2016-02-11T00:02:53.058+00:00


Não há poema que eu me lembre melhor pela altura do São Valentim e que debitávamos vezes sem conta nas aulas de inglês do que "roses are red, violets are blue"... E perto de assinalar-se esta data que tanto alegra os apaixonados, nada melhor do que recordar esta épica quadra vestindo-me a rigor para a ocasião.

Se com um vestidinho preto eu nunca me comprometo, com um vestidinho azul também não e nem preciso das violetas!


Vestido: Primark | Sapatos: Mango



A bit of leather

2016-01-31T18:42:36.718+00:00

This is what I am used to wear in my everyday life. Practical and comfortable clothes, but with an eye on trends without being a fashion victim. There is nothing worst that someone that is a 'prisioner' of fashion. We should play with trends and adapt the ultimate collections to our style.It is 15º degrees today in Lisbon. Comparing with other european capitals, like Amsterdam (7º) or Prague (4º), it is warmer. But in these days I love to wear knit clothing, like my pullover, and also a leather piece: trousers or bomber jacket. In my opinion, they go well with almost everything, even with a classical style when it is used with high heeled shoes or a blazer....É assim que eu costumo vestir-me no meu dia a dia. Com roupas práticas e confortáveis, mas sempre com um olho nas tendências sem ser uma 'fashion victim'. Não há nada pior do que se ser 'prisioneiras' da moda. Devemos brincar com as tendências e adaptar as mais recentes coleções ao nosso estilo.Hoje estão 15º graus em Lisboa. Em comparação com outras cidades europeias, como Amesterdão (7º) ou Praga (4º), está muito mais agradável. Mas nestes dias eu adoro vestir peças de malha, como o pullover que tenho vestido, e também uma peça de cabedal: calças ou 'bomber jacket'. Na minha opinião, ficam bem com quase tudo, até mesmo com um estilo mais clássico quando combinado com saltos altos ou com um blazer.Tousers: H&M | Boots: Bershka | Coat: Stradivarius | Pullover: Mango | Hat: Next[...]



Stripes day

2015-12-12T18:00:18.160+00:00

Tenho tentado que o minimalismo entre na minha vida. Cores neutras, materiais suaves e delicados, peças mais simples, mas com personalidade... Mas tem sido difícil. Continuo a sentir-me seduzida por padrões, sobretudo riscas e flores, que já foram uma das minhas grandes paixões.Adorava olhar para o meu guarda-fatos e vê-lo mais uniforme, praticamente homogéneo. Mas não é isso que acontece. Às vezes até sinto que lhe falta alguma coerência.Há um livro que tem sido muito falado nos últimos tempos: "Arrume a Sua Casa, Arrume a Sua Vida", da autora Marie Kondo. De forma muito resumida o livro aconselha a deitarmos tudo fora o que não precisamos ou que não nos faz felizes. Admito que começo a sentir-me tentada em que Marie Kondo se torne a minha nova "melhor amiga". Há momentos em que tenho vontade de livrar-me de tudo, mas depois... "Ah, até gosto disto", "Até gosto daquilo"... e o guarda-fatos mantém aquela variedade de tons, padrões e texturas. Há quem diga que às vezes mais vale não contrariar o que faz parte da nossa natureza e se calhar é isso mesmo, as riscas deverão fazer parte da minha vida.Se olhar em relance para o meu guarda-fatos, constato que tenho pelo menos 3 pares de calças às riscas. É mau? Não! Gosto! Sabe-me bem!Assim, não resisti em vestir um dos meus pares de calças às riscas preferido e sair com elas num dia frio de outono. Um bomber de cabedal e uns saltos altos compuseram o visual.Shoes: Zara / Trousers: Mango / Coat: Miss Selfridge / Necklace: Mango / Shirt: Zara[...]



Autumn moments

2015-11-22T03:09:37.542+00:00

Os entendidos em moda dizem que "de vestidinho preto nunca me comprometo", mas tenho cá para mim que com um sobretudo camel também não. Este casaco foi a minha grande aquisição deste outono. Assim que o vi na H&M o sentimento foi mais ou menos qualquer coisa assim: "Tem de ser meu". E assim foi! Foi e é meu!O sobretudo comprido é também uma das fortes tendências da estação. Dries Van Noten, Calvin Klein e até a mítica casa Chanel apresentaram nas suas propostas o The Floor-Dusted Coat. Liso ou estampado, neutro ou colorido, com pelo ou em fazenda... qualquer uma das hipóteses é válida. O que conta é ter um exemplar. E posso dizer-vos com toda a certeza que adquirir um casaco destes não é um mau investimento, porque nunca será daquelas peças que ficam no armário eternamente à espera do momento certo para usar. Um sobretudo é um aliado-chave. Dá para vestir para ir trabalhar, para ir jantar fora com as amigas ou com o namorado, para um passeio descontraído...Gosto muito de misturar uma peça mais clássica com outras mais sporty, como é o caso do look destas fotos. E vocês?My look:Coat: H&M / Trousers: Zara / Sneakers: Adidas Superstar / Knit sweater: Pull & Bear / Necklace and earrings: Parfois[...]



Tere Tallinn!

2015-11-21T13:07:27.398+00:00

Foi uma paixão assolapada, daquelas bem intensas como de um adolescente, que eu senti por Tallinn, a capital da Estónia. Se existe no mundo um sítio que poderia servir de cenário a uma daquelas histórias de contos de fada, seria com certeza aqui. A atmosfera pitoresca, quase com um toque medieval, invade-nos a cada passo pelas ruas calcetadas. Cada pedra parecia emitir o som de uma cítara tal é a magia e o encanto desta cidade.Tallinn foi o segundo ponto do roteiro de nove dias pelos países do Báltico. Após cerca de três horas de viagem num ferry boat desde Helsínquia e de uma noite bem dormida num hostel local, eis que parti à aventura do mais setentrional dos três países Bálticos. Ainda bem que a Estónia é um dos queridos membros da União Europeia desde 2004, pois facilitou em muito poder chegar até aqui com facilidade. Já São Petersburgo, que também estava no roteiro, teve de ser deixado para outras núpcias.Aqui pude regalar-me com um dos mais deliciosos pratos de toda a viagem: uma tarte quentinha de veado e javali, acompanhada por uma cerveja artesanal. Tudo isto desfrutado numa das mais medievais tabernas, o III Draakon.Querem saber uma curiosidade? Encontrei um português a trabalhar num dos restaurantes da cidade, com quem tive a oportunidade de trocar dois dedos de conversa. Realmente, os portugueses têm no sangue alma de viajante.My look:Coat: Guess | Bag: River Island | Skirt: Stradivarius | Sweater: Pull & Bear | Shoes: Adidas Superstar | Scarf: Springfield[...]



Kiitos Finland!

2015-11-01T23:43:22.677+00:00

Nunca senti tanto frio na vida como na Finlândia. Poderia começar este post de uma outra forma, a falar de Sibelius ou dos monumentos de Helsínquia, mas foi mesmo o frio que me deixou literalmente boquiaberta. Fiz esta viagem ao norte da Europa em maio - desculpem só agora publicar as fotos - é certo que é um mês em que o calor ainda não abona, mas se em maio senti um frio que se entranhava na pele, imagino como será em janeiro?!Estive dois dias na capital finlandesa numa viagem que teve por intuito percorrer os países do Mar Báltico. Não sabia bem o que esperar de Helsínquia, pois desde Portugal não se ouve falar muito daquela cidade, talvez por isso a curiosidade fosse maior. A organização da cidade é fantástica, super limpa, mas também super cara! Uma sopa do dia numa casa de sopas custa 9 € e não estamos a falar de um menu. Trata-se apenas de sopa + pão + água. Mas é uma senhora sopa. Devido ao frio a comida é também de certa forma encorpada e é super comum encontrar sopa de queijo ou de salmão.A Fortaleza de Suonmenlinna foi um dos locais que mais adorei ter conhecido, tem paisagens dignas de A Guerra dos Tronos. O monumento a ao compositor Sibelius ou a capela Kamppi também merecem uma visita, sendo que esta última convida à meditação devido a ser a capela do silêncio. A capela está numa praça relativamente movimentada e não se ouve absolutamente nada no seu interior.Kiitos (obrigada) Finlândia por esta experiência enriquecedora.[...]



Trick-or-treat

2015-10-29T19:19:51.937+00:00


O dia mais assustador do ano está aí a chegar - BUUUU! - e a nossa casa também pode entrar no espírito, mais não seja por uma graça. Afinal: "trick-or-treat?".

Em miúda vivia o dia da forma mais portuguesa possível. Com os meus amiguinhos íamos de porta em porta pedir o Pão-por-Deus e era super divertido. Cantávamos a nossa lengalenga e trazíamos um saco cheio de coisas boas: frutos secos, entre os quais nozes e castanhas, bolinhos, fruta, sumos... era uma verdadeira alegria.

E vocês como festejavam ou festejam o vosso dia?

SUGESTÕES DE DECORAÇÃO LÁ PARA CASA:
1- Escultura com bruxa, da Novica
2 - Decoração de mesa, da Kohl's
3 - Vela decorativa, da Crate & Barrel 
4 - Sticker de Halloween, da Zazzle
5 - Almofadas decorativas, da Zulily
6 - Caldeirão decorativo, da Target



Goodbye Capri

2015-10-06T23:52:29.820+01:00


Este é o último post sobre os dias passados em Capri. Foram somente dois dias, mas foram tão bem aproveitados e relaxantes, que deu a sensação de terem sido muitos mais. Aquele azul intenso vai ficar gravado para sempre na minha memória.

No centro de Capri encontra-se um dos mais icónicos hotéis da ilha, o Gand Hotel Quisisana. É a partir dali que começa uma das mais luxuosas ruas, a Via Camerelle. Cada loja é mais luxuosa que a anterior. É uma Avenida da Liberdade em miniatura. Com os termómetros ainda altíssimos, nas montras já se viam as coleções outono/inverno. Uma das mais queridas lojas de Capri é a das sandálias Canfora. Jackie O. popularizou-as ao calçar vários modelos daquela prestigiada casa. Eu fiquei-me mesmo pelos meus igualmente confortáveis Agilis Barcelona, que foram os meus aliados nestas férias.

Depois foi tempo de rumar novamente a Nápoles e ir em direção a Roma.






Hat: H&M | Shirt: Mango | Shoes: Agilis Barcelona | Shorts: Lefties



In the (charming) navy

2015-10-06T18:09:05.948+01:00

Navegar pelas águas de Capri é um passeio que vale realmente a pena. Tendo a ilha cerca de 10 km2, em menos de duas horas é possível dar a volta aquele pequeno paraíso. Mas este é um passeio que deve ser feito com calma para que se possa desfrutar de toda a beleza da ilha e desfrutar de um bom momento de relaxe. Quem procura Capri como destino de férias não o procura para andar a correr de um lado para o outro. Procura este destino pelo Dolce Far Niente italiano.Jackie O., Maria Callas, Brigitte Bardot e Audrey Hepburn foram algumas das mais ilustres visitantes de Capri. Ainda nos tempos atuais são muitas as celebridades que procuram este refúgio para passar férias, porém não me cruzei com nenhuma pessoa famosa, mas alguns restaurantes exibem fotos das celebridades que já jantaram nos seus espaços. Até encontrei a do Cristiano Ronaldo, mas também de Charlotte Casiraghi, Roman Abramovich, Naomi Watts, Pierce Brosnan... a lista é extensa!Num dos jantares encontrei uma estudante australiana que estava a viajar por Itália durante 6 semanas e visitar Capri era ponto obrigatório. Foi uma conversa maravilhosa de quem abdicou de um semestre na universidade para viajar sozinha, ter tempo para si e desfrutar da vida. Achei até bastante inspiradora aquela decisão. Madeleine. Assim se chamava ela. Uma simpatia.[Um último post de Capri vem aí][...]



Postcards from Capri

2015-10-06T00:08:42.542+01:00



Lo Scoglio Delle Sirene é uma das praias com uma das paisagens mais bonitas de Capri. Dali avistam-se ao fundo as rochas Faraglioni. Simplesmente magnífico. Esta praia fica em Marina Piccola, do outro lado da ilha de quem chega de ferry, pois os barcos atracam em Marina Grande.

O sol põe-se cedo do lado de Marina Grande, então a maior parte das pessoas que procuram relaxar e apanhar um pouco de sol optam pelo lado de Marina Piccola. Estas fotos foram tiradas ao entardecer, já quase com o sol a por-se, e a água continuava morna. Apesar disso, o meu fiel amigo chapéu esteve sempre comigo. Proteger-me o mais que posso, evitar insolações ou até mesmo queimaduras solares é sempre uma preocupação que tenho presente.

Do centro de Capri até Marina Piccola a caminhada a pé demora uns 15 minutos. O percurso é sempre a descer. Já para regressar... bem... a coisa fica um bocadinho custosa, mas faz-se. Uns 20/25 minutos a caminhar devagar. Mas há bus e táxis para quem quiser.

[Mais um post sobre Capri virá a caminho]





Capri! Oh Capri!

2015-10-06T00:09:58.824+01:00

1 hora e 20 minutos é o tempo que separa Nápoles da ilha de Capri, numa relaxante viagem de ferry boat. Para trás vai-se deixando a bonita paisagem de Nápoles com o vulcão Vesúvio em seu pano de fundo para encontrarmos um pequeno refúgio de 10 km2 cheio de encanto. Aquela pequenina ilha que se vai vendo ao longe vai ganhando forma, glamour e requinte à medida que nos vamos aproximando e percebendo que iates povoam as águas de Capri.Se Capri já é bonito ao longe, é ainda mais bonito de perto.Foi em Marina Grande que pus os pés em terra firme. Os edifícios todos coloridos, as esplanadas povoadas, as inúmeras embarcações de recreio a sair e a chegar dos passeios à volta da ilha... simplesmente fantástico o primeiro impacto. Impressão essa que se adensa quando passeamos por Capri, descobrimos as suas pequenas praias de pedra e percorremos as suas ruelas pitorescas.A água é morna e o calor é imenso desde logo cedo. Às 9:00 da manhã já estão pessoas na praia e no mar a nadar. A comida é fantástica e recomendo o peixe ou o marisco fresco, simplesmente deliciosos.Capri! Oh Capri![Mais um post a caminho sobre Capri][...]



A paradise called Capri

2015-10-06T00:10:31.313+01:00



Capri... Um pequeno paraíso no Mediterrâneo. Próximo post a caminho!



My dear Naples

2015-10-06T00:11:12.294+01:00



"Gosto de Nápoles. É a única cidade oriental, tirando Istambul, que geograficamente fica na Europa. E não tem complexos", in O Francoatirador Paciente, de Arturo Pérez-Reverte

Este livro foi o meu companheiro de viagem a Nápoles e à Costa Amalfitana. Um livro que entra no mundo da arte de rua e do graffiti. Parte da história passa-se em Nápoles e a descrição do ambiente é verdadeiramente fiel à realidade. "Ruas saturadas de barulho, de trânsito e de gente, onde um semáforo vermelho ou um sinal de proibição são simples sugestões". Nápoles é uma cidade muito particular e não é para todos os gostos, é preciso vir de mente e espírito aberto para se entrar na atmosfera. As ruas estão todas cheias de graffiti e de certa maneira sujas, o calor é imenso e o trânsito caótico - passadeiras? O que é isso? - e a própria maneira de falar é diferente, têm um dialeto próprio, o que dificulta a compreensão.

Foi com o cenário da Igreja Gesù Nuovo que tirei estas fotos, um monumento que faz lembrar a Casa dos Bicos, em Lisboa, onde está sedeada a Fundação José Saramago.

E, claro, em Nápoles tinha de provar a verdadeira pizza italiana. Afinal, Nápoles é a terra-mãe das pizzas!

Macacão: Zara | Ténis: Adidas | Chapéu: H&M | Carteira: Bimba y Lola





My days in Positano

2015-10-04T00:38:51.881+01:00

Desde o ano passado que visitar a Costa Amalfitana constava na minha lista de desejos. No verão de 2014 acabou por não ser possível, outros projetos se impunham como prioritários, mas em junho deste ano o meu mais-que-tudo tratou que este desejo pudesse ver a luz do dia. Comprou os bilhetes de avião e fez-me esta surpresa. Por um triz quase não ia sendo possível realizá-la. No pico do verão fiquei subitamente doente, o que me levou a ser hospitalizada e a estar várias semanas em recuperação, mas com o devido acompanhamento médico e todas as recomendações seguidas totalmente à risca recuperei e foi possível realizar a viagem. Porém, durante a viagem todas as precauções foram tomadas para evitar uma recaída. Esta viagem acabou por ser um bonito presente após um período bastante duro. Acho que posso mesmo dizê-lo que foi uma viagem merecida, para tentar "limpar" a cabeça de preocupações e de um estado de tensão inerente à condição física que acabava de viver.A viagem começou por Roma, seguiu-se Nápoles, Costa Amalfitana, Pompeia e por fim a ilha de Capri, com regresso a Roma para apanhar o avião.Foram 3 dias magníficos na Costa Amalfitana. Dias de puro relaxe, descontração, sem pressas, onde desfrutar da vida era o mais importante. Nestes 3 dias pude viver um estado de comunhão com a natureza e as paisagens idílicas da riviera napolitana. Tempo que foi dedicado a mim, a celebrar a vida e o amor. Foi sem dúvida uma das viagens mais românticas que já fiz. Positano é uma verdadeira ode ao amor com as suas montanhas e casinhas pintadas de todas as cores, e com um mar de um azul intenso e vibrante.Para quem planeia visitar Positano, recomendo alugar carro para percorrer toda a costa e que escolha um hotel com uma vista fantástica. O hotel Le Sirenuse é sublime a esse respeito. Na impossibilidade de ficarem hospedados neste hotel, podem à mesma usufruir da sua vista pois o bar do terraço não é exclusivo para hóspedes.Já estou cheia de saudades de tudo...[...]



My mood today

2015-07-28T15:09:09.287+01:00


Porque é tempo de calor e o que se quer é roupa leve, fresca e visuais soltos dados a despreocupações.

Um look fácil e prático, perfeito para um dia de sol como este.




Summer details

2015-06-29T23:18:43.519+01:00


FOLLOW ME: Instagram | Facebook | Bloglovin

Há quem não consiga andar sem óculos de sol, eu não consigo andar sem chapéu quando vou à praia. O sol a bater-me diretamente no rosto não é coisa que realmente aprecie e aliado a esta necessidade está também o uso de um bom protetor solar para o rosto. Fator 50 de proteção, nada menos do que isso.

Quando fui de férias à Croácia, há coisa de uns 5 anos, apareceram-me umas manchinhas na cara e desde então tenho procurado evitar que apareçam mais, pois desaparecer não desaparecem, a não ser que faça um peeling. Uso bons cremes para hidratar bem a pele, sobretudo depois de ter estado na praia. Sol + calor + água + sal = mistura explosiva! Assim, nada como cuidar e prevenir.

Um protetor labial é outro dos meus rituais. Lábios ressequidos... hmmm... feio, muito feio.

Depois são os cuidados habituais: guarda sol + protetor solar para o corpo + muita água = felicidade!

Some people can't live without sunglasses, I can't live without a hat when I go to the beach. The sun beating directly on my face is a thing that I really don't appreciate. Allied to this necessity is the use of a good sunscreen for my face. A SPF 50, nothing less than this. 

When I went to Croatia on vacations, more or less 5 years ago, some dark spots appeared on my face and since then I have tried to avoid the appearance of new ones, because these ones don't disappear, unless if I do a peeling. It is fundamental to use good creams, especially after the beach. Sun + heat + water + salt = explosive mix! So, better safe than sorrow.

A lip balm with SPF is another of my rituals. Dry lips... hmm... ugly, very ugly.

And the rest is the usual: an umbrella + sunscreen body cream + lots of water = happiness!



Summer! Oh Summer!

2015-06-29T23:20:51.463+01:00

FOLLOW ME: Instagram | Facebook | BloglovinVerão é (quase) sinónimo de Algarve. Desde alguns anos para cá que tenho ido de férias para o Sul de Portugal, pelo menos uns 4 a 5 dias reservo-os para descansar pelas praias algarvias, comer um delicioso peixinho grelhado - porém na praia caio na asneira de comer hambúrguer e batatas fritas - e dar bonitos passeios por algumas falésias.Este ano a minha descoberta foi a praia de Arrifes, em Albufeira. Conheço muitas praias algarvias e da zona de Albufeira e Lagoa quase nenhuma me escapa. Mesmo já tendo ido tantas vezes à praia de São Rafael, que é a vizinha mais próxima dos Arrifes, nunca me tinha suscitado qualquer curiosidade ir a esta última. Um perfeito disparate! Nos dias mais ventosos não há melhor praia que esta, pois é pequena, é protegida por muitas rochas e a praia faz uma espécie de lagoa super calma para mergulhar.Os dias pelo Algarve terminaram e terça-feira é tempo de regressar ao trabalho.[...]



Lets welcome the good weather

2015-04-06T09:55:00.495+01:00


FOLLOW ME: Instagram | Facebook | Bloglovin

Uma caloraça! Este fim-de-semana da Páscoa parecia agosto. Mas depois de uma temporada de frio e vento, nada como dar as boas vindas ao bom tempo. Temos de aproveitar, pois parece que a chuva vai voltar... pode ser que os meteorologistas se enganem.

Estes dias de calor pedem cores frescas e suaves, assim como tecidos leves. Eu optei por um vestido curto rosa pálido perfeito para o calor intenso. O tecido era tão delicado que criava-me a sensação de frescura necessária.

No próximo post mostro o look completo.

What a heat! This Easter weekend almost seemed like August. But after a cold and windy season there's nothing like welcoming the good weather. We have to make the most of it, because it seems like the rain is going to return... maybe the weather guys have made a mistake.

These hot days ask for fresh and smooth colors, as well as light fabrics. I went for a short pale pink dress that is perfect for the intense heat. The fabric was so delicate that created the fresh feeling that was needed,

On my next post I will show the entire look.



Summer has arrived

2015-04-05T18:57:26.911+01:00


FOLLOW ME: Instagram | Facebook | Bloglovin

Por aqui o verão já começa a dar sinais de graça. O primeiro passo foi dado com a compra de um biquíni da H&M. Elegante, confortável e trendy. Foram estas as três características que me fizeram apostar neste modelo. O cinza-azulado discreto conjugado com os brilhantes prendaram-me a atenção ao primeiro instante.

Muitas mulheres queixam-se dos biquínis cai-cai no momento de ir dar um mergulho ao mar, que saem do sítio e que, por isso, têm de ajeitá-lo a toda a hora. Este modelo tem a vantagem de não desajustar pois segura à volta do pescoço. "Mas deixa mais marcas!", já oiço as queixas. Podem sempre desapertá-lo enquanto apanham sol e depois voltam a prende-lo à volta do pescoço. Fácil, fácil!

O melhor do biquíni foi o preço, comprei-o com desconto e ficou por pouco mais de 28 euros o conjunto.






Too much clothes and nothing to wear?

2015-04-04T13:50:57.217+01:00

FOLLOW ME: Instagram | Facebook | BloglovinTanta roupa e nada para vestir? Não há problema! Podes sempre ir "roubar" uma camisa do teu namorado. Foi o que eu fiz neste dia. Olhei para o meu armário e nada me inspirava, então... abri o dele e tirei-lhe esta camisa às riscas da Sacoor. O estilo "boyfriend look" é uma tendência que começou há uns dois ou três anos e ainda está para durar uns tempinhos, então é aproveitar meninas.Bastam uns jeans e uns saltos altos e está feito o look! Super prático.As camisas integralmente brancas ou de riscas sóbrias, como esta em azul e branco, são as mais fáceis de adotar para um look feminino. Também combinam muito bem com uns ténis Adidas Superstar ou os Stan Smith. Para quem ainda tem os velhinhos All Star também serve!!!Depois quero saber as reações que os vossos namorados tiveram quando vos viram com a camisa dele vestida. O meu foi mais ou menos isto: "Olha, se não sabes o que vestir usa uma das minhas camisas!". Partindo a sugestão dele não ia recusar!Too much clothes and nothing to wear? No problem! You can always "steal" a shirt from your boyfriend. It was what I did in this day. I looked at my closet and nothing inspired me, so... I opened his closet and took out this Sacoor striped shirt. The "boyfriend look" style is a trend that started two or three years ago and it's still going on for a while, so use it, ladies.You just need jeans and high heels and the look is complete! Super practical!All white shirts or discretely striped, like this one in blue and white, are the easiest to adopt for a feminine look. They also go very well with a pair of Adidas Superstar or Stan Smith Sneakers. For those who still have it, 'oldies' All Star are also a good choice.Afterwards I would like to know your boyfriends' reactions when they saw you wearing their shirts. My boyfriend's reaction was something like this: "If you don't know what to wear use one of my shirts!" Being his suggestion I would not say no to it!Shirt: Sacoor Brothers | Shoes and jeans: Zara | Bracelets: From Tunisia | Sunglasses: Ray Ban[...]