Subscribe: Depois de anoitecer
http://as-historias-da-nomada.blogspot.com/feeds/posts/default
Added By: Feedage Forager Feedage Grade B rated
Language:
Tags:
aqui  bem  este  estou  hoje    mais  minha  muito  nem  não  pois  posso  quando  ser  são    ter  vida 
Rate this Feed
Rate this feedRate this feedRate this feedRate this feedRate this feed
Rate this feed 1 starRate this feed 2 starRate this feed 3 starRate this feed 4 starRate this feed 5 star

Comments (0)

Feed Details and Statistics Feed Statistics
Preview: Depois de anoitecer

Depois de anoitecer





Updated: 2014-10-04T18:25:55.391-07:00

 



1 Comentários

2010-08-07T04:38:28.708-07:00

Estarei apenas desfeita? Ou algo mais? Algo mais forte e poderoso do que eu? Algo, ou alguém, que não saiba o quanto sofro para o que me faz sentir?


Sentimentos equivale a dor e a sofrimento. A sentir e a deixar que nos sintam. A acreditar que esses sentimentos são verdadeiros. Mas, ás vezes, não são mais que farsas e mentiras, e, ás vezes, essas mentiras acabam por nos destruir. A todos. E,

ás vezes, é mais fácil não sentir nada para assim também não sofrer-mos nada. Nada incurável!




Aprendi que...

2010-07-07T12:47:32.060-07:00

Aprendi que... ninguém é perfeito enquanto não te apaixonas. Aprendi que... a vida é dura mas eu sou mais que ela!! Aprendi que...as oportunidades nunca se perdem aquelas que desperdiças... alguém as aproveita Aprendi que... quando te importas com rancores e amarguras a felicidade vai para outra parte. Aprendi que... devemos sempre dar palavras boas... porque amanhã nunca se sabe as que temos que ouvir. Aprendi que...um sorriso é uma maneira económica de melhorar teu aspecto. Aprendi que... não posso escolher como me sinto... mas posso sempre fazer alguma coisa. Aprendi que...quando o teu filho recém-nascido segura o teu dedo na sua mão tente prende-lo para toda a vida Aprendi que...todos, todos querem viver no topo da montanha... mas toda a felicidade está durante a subida. Aprendi que... temos que aproveitar da viagem e não apenas pensar na chegada. Aprendi que...o melhor é dar conselhos só em duas circunstâncias... quando são pedidos e quando deles depende a vida. Aprendi que...quanto menos tempo se desperdiça... mais coisas posso fazer. [...]



0 Comentários

2010-06-29T10:22:09.486-07:00

Importante: Pessoas que sofrem de epilepsia não deve ver este vídeo.


Assista o vídeo até o final e depois olhar para o seu lado ...

(object) (embed)



Quero-a...

2010-06-29T06:35:46.976-07:00

Quero-A de volta. Pois, sem ela não aguento ficar.


Quero voltar a sentir as suas carícias antes de adormecer e o seu perfume natural pelo ar. O seu beijo de Boa Noite a o seu sorriso de Amor...

Agora isto foi substituído pelo cheiro de perfume caro pelo ar... já não tenho os seus beijos de Boa Noite nem o seu sorriso no olhar... já não tenho as suas carícias antes de adormecer.

Como é possível que, com um gesto tão simples, uma pessoa mude? Eu quero-a como ela era antes... não a nova. Eu quero a minha Mãe que sempre conheci.

(object) (embed)



Também gosto muito de ti...

2010-06-15T14:18:00.564-07:00

Também gosto muito de ti linda...

E obrigada pela dedicatória...

«Sabes que as coisas nem sempre correm da melhor maneira e como queremos, mas nunca desistas dos teus sonhos pois quando menos esperares eles vão tornar-se realidade. »

Espero bem que sim linda...

... e bigada July... mesmo que não chegues a ler isto...



366 Pensamentos de Auto-Estima

2010-02-09T12:55:49.446-08:00

     E o pensamento de auto-estima de hoje é...

09 de Fevereiro
     Vive cada dia como se fosse o único de que dispões para ser feliz, para gozar e para aproveitar o tempo.
Confúcio

Já sabem de que falo... mas posso repetir. Este livrinho é da Paulinas e é uma recolha de frases. A de cima é de Confúcio.



Dia mau

2010-02-09T12:50:39.522-08:00



     Se choro é porque choro. Se sorriu é porque sorrio. Se me sinto triste... atiram-me com um balão de água. Haja paciência (a minha deve ser santa) para aturar isto. Só porque é Carnaval é balões de água por todo o lado, e a toda a gente (sem incluir as bombinhas de mau cheiro).

     Eu adoro o Carnaval mas não em exagero (e este ano esta a ser demais). Esta ano já levai com mais balões de água do que na minha vidinha inteira. Quando hoje cheguei a casa parecia ter acabado de tomar banho (até as meias estavam molhadas).
     Mas à notícias boas... encontrei este vídeo no youtube (já deve ter uma eternidade, mas prontos) e achei tão giro que vai ficar aqui. Ele dança mesmo bem.

(object) (embed)





366 Pensamentos de Auto-Estima

2010-02-08T13:50:34.004-08:00

     Encontrei este livrinho dentro de uma gaveta cá para casa (pois que por aqui arrumamos as coisas Tão bem que no final não sabemos anda nada) e achei giro...      Tem como sinopse isto:
     "As frases que aqui encontrarás estão carregadas de entusiasmo, de alegria, de esperança para a vida.
     Estar vivo, já de si, é um facto importante e um dom que Deus nos deu para que aprendamos a valorizar tudo e a usufruir de tudo quanto temos à nossa volta."
     Não diz o autor (ou quem as recolheu) por isso só posso dizer de quem eram as frases e quem publicou este pequeno livrinho de bolço: Paulinas (não sabia que era uma editora).
     Que tal o pensamento de auto-estima de hoje?


8 De Fevereiro

O Amor é a asa que Deus deu ao homem para voar até Ele
Miguel Ângelo





Porque?

2010-02-01T12:32:30.461-08:00

   

     Porque? Porque me sinto um E.T. neste mundo que é o meu? Porque sinto que falta-me algo... ou alguém na minha vida.

     Porque sinto que preciso de um amigo ao qual possa confiar?
     Provavelmente é porque preciso de tudo isto e de algo mais. Algo que me faça deter a escuridão em que quero adormecer para sempre. Para passar para o outro mundo.
     Preciso de algo. Algo que me faça retirar a mascara ao qual a minha alma e o meu ser estão mergulhados. Mergulhados na escuridão.
     Preciso de alguém que me desperte desta dormência.
     Preciso de algo… ou de alguém…






0 Comentários

2010-01-14T13:26:44.044-08:00

     Cantei o Caos e a Noite Eterna,
     esnsinado pela celeste Musa a arriscar
     a descida tenebrose e a voltar a ascender...

De: John Milton, Paraíso Perdido



Apenas mais um "hoje".

2010-01-14T13:20:57.681-08:00

     Hoje. Como hei-de definir um hoje? Hoje foi apenas mais um dia de todos os que ainda tenho para viver neste mundo. Ou hoje pode ser o último dia que viverei.
     Não o conseguiria definir em simples palavras como as minhas. Porque, hoje, foi apenas isso. Hoje. Um dia como todos os outros em que eu fui aturar os meus profs, os insultos, os gozos e todas as coisas que toda a gente leva uma vez na vida.
     Em que derramei lágrimas e me sinto só. Perdida. Perdida num mundo que não me sustenta para aqui continuar. Para continuar a viver.
     Mas as minhas mágoas continuam-me a suster. A suster neste mundo em que eu quero acabar de viver. Para passar para o próximo e descobrir se existe um próximo. Para descobrir que não tive existência que compensa-se a minha existência.
     Uma existência que me obriga a viver. E retomar o dia com um sorriso e enfrentálo de braços abertos para descobrir algo que me sustenha mais que as minhas próprias mágoas. As minhas próprias lágrimas.




Afinal tenho uma saúde de ferro!

2010-01-13T15:17:15.226-08:00

     Bem como o prometido é devido, hoje vim cá mandar um jokas. E isto mostra como a minha saúde é de "ferro" pois aqui estou eu sem o nariz numa lástima, febre, de cama, e sei lá mais o que.

     Mas preferia está-lo. Pois é! Já tinha dito que tinha tido nega no primeiro teste do período? Acho que sim. Bem... foi a francês (não percebo nada daquela treta), e se não fosse o inglês e como sei um pouco de Alemão (e tenho que agradecer por me terem encimado, porque na minha escola não o fazem), mais na escrita, sou horrible na fala, não sei onde iria parar com as línguas.
     E como apenas ouve cerca de meia dúzia de positivas a minha Prof. decidiu fazer um "pequeno" (nas palavras dela) teste surpresa para ver se melhorávamos as nossas notas (se nos já quando nos avisou tirámos negativa nem quero ver a minha nota neste). Estimativa aproximada das notas... todos vamos ter nega.
     E é assim que corre a vida. Não acerto nem uma em francês e tenho que dar graxa à minha Prof. de Física/Química para ver se passo na disciplina. Será que eu serei a única burra que existe por aqui? Ou serei apenas a única que penca que o é mais que os outro? Aja paciência.
     É que, sinceramente, já não aguento mais.





Frio + Chuva = Gripe

2010-01-12T15:09:20.215-08:00

      Se eu, a partir de hoje, não entrar em gripe nada me a de apanhar este Inverno. E ainda não fiquei doente. "Saúde de ferro".

     Molhada que nem um pinto com o vendaval que ouve para os meus lados hoje, quem não ficaria doente! A chuva até fazia ondas. Ondas das grandes.
     Bem... amanhã se não estiver de cama, com o nariz numa lástima, e uma febre desgraçada (um ponto fraco em mim, se apanho gripe apanho também febre), apareço por cá para mandar um jokas.
     Há! E para o meu dia ficar pior, para além de uma possível gripe ou pneumonia, ainda descobri que tive negativa no primeiro teste do período.

Isto só acontece na minha vida:(





0 Comentários

2010-01-10T14:52:57.947-08:00

     Bem! Por aqui comecei por escrever o que realmente queria escrever. Mas depois comecei a disparatar. Nunca deveria ter postado aquela "treta" dos signos nem começado a postagem do meu trabalho da SIDA porque, realmente, não era isso que eu por aqui queria postar. Nem o que deveriam querer ler, ou o que eu queria ler.

     Por isso tenho que mudar isto por aqui. Já à mais de um mes (quase) que já não postava nada. Vão-me aturar aqui um "bocadinho" neste pequeno «discurso». É pequeno mas prontos. É Melhor do que se fosse um testamento. XD
     Por isso. Enquanto que eu vou tentar (pois não digo que vaia ficar bem) este visual do bloogue. Vou também pensar no que hei-de escrever a seguir.
     Jokas desta tagarela que por aqui escreve.





Uma ideia gira...

2009-12-13T11:30:14.015-08:00

     Visto que achei giro fiz um Quiz sobre mim...

     http://www.xisde.com.br/xD/Nomadic/1/

     Vamos... quem quiser é para resolver. Não digo é que todos acertem. Mas como eu até agora (em todos os blogues que tenho) dei uma resposta a uma das perguntas. Não penso que seja difícil.
     Jokas...







Apresentação do trabalho.

2009-12-09T15:34:03.678-08:00

     No âmbito do meu trabalho a minha professora manda-nos escrever uma "apresentação" do nosso trabalho...      Eu não a alterei, e publicarei tal como a escrevi... ____________________________________________________________ Ter ou Não Ter?      Ter ou não ter? É essa a questão!      Um tema muito falado nos dias que correm, mas será que a população em geral se preocupa com ele ou, até mesmo, os infectados?      As drogas? Já alguém se perguntou o que é que são? Se perguntarmos isto a um farmacêutico, a sua resposta será: “ As Drogas são constituídas por um elevado número de substâncias com distintos efeitos sobre a percepção, o pensamento, o estado de ânimo ou as emoções. Elas têm capacidade de produzir dependência e significados para aqueles que as consomem. Os seus efeitos irão recair sobre a saúde, sobre o comportamento da pessoa e sobre a sua capacidade de provocar dependência”.      Mas se esta resposta fosse apresentada a uma criança, ou um adolescente, será que ele compreenderia o significado destas palavras? Eu responderia que a maior parte deles não iria querer saber do assunto. Ou, se perguntássemos a uma qualquer pessoa na rua nomes de drogas elas diriam: “ Cocaína”, “Heroína”, “Cannabis”, “ Ecstasy”, “LSD”. Mas será que alguma delas se lembraria de referir o café, o álcool ou o tabaco. Provavelmente não. Pois são drogas que convivemos no dia-a-dia. Drogas que, a maior parte das pessoas, não as considera como tal pois estão tão habituados a elas que já se tornaram um vício. Uma dependência.      Mas, será que já alguém se perguntou a que levara o seu consumo dessas mesmas? Ou ao não consumo das mesmas? Normalmente os seus problemas individuais, sociais e familiares, são os que sujeitam mais uma pessoa a experimentar uma certa substancia. Apesar de estas mesmas razões não levarem uma pessoa a ficar dependente da mesma substancia a que experimentou.      Mas, mesmo sendo estes alguns dos factores que levam ao consumo, a curiosidade, a vontade de pertencer a um grupo, o desejo de diversão, o medo da exclusão do grupo, a disponibilidade da droga, a ilusão da resolução e fuga de problemas ou dificuldades, uma representação positiva das substâncias ou, apenas, o provar que são capazes de correr riscos, são o que mais levam os adolescentes a experimentarem-nas.      Estes factores podem levar a uma dependência psicológica, ou física. Mas enquanto que, com a dependência psicológica, o consumidor tem a sensação que necessita da substância para atingir um melhor nível de actividade ou uma sensação de bem-estar superior, recorrendo por isso de forma quase sistemática ao seu consumo, na dependência física só existe quando o organismo se adaptou fisiologicamente ao consumo habitual da substância ou quando há uma interrupção ou diminuição acentuada do consumo observam-se os sintomas característicos da síndrome de abstinência, específicos da substância em causa. A síndrome de abstinência pode provocar tremores; suores; dores de cabeça; insónia; diarreia; cansaço; ansiedade e irritabilidade.      Para terminar. A toxicodependência? O que é? São os que consomem drogas. Não deixa de estar correcta a resposta, mas tem falhas. Pois a toxicodependência define-se como uma dependência a um "tóxico" ou droga que provoca adicionalmente perturbações psicológicas no consumidor. Mas uma coisa te[...]



Trabalho terminado...

2009-12-08T04:04:53.720-08:00

    

     Depois de um texto, que aqui publiquei, decidi investir noutro... só que este passou dos limites e se o posta-se completo ficaria tão grande que ninguém se daria ao trabalho de ler.

     Por isso vai ficar dividido em categorias. E nessas categorias deverá haver subcategorias... 
     Bem... este foi um trabalho que, quando andava no 9º ano deixei a meio numa disciplina, que penso ter sido Formação Cívica, e que o encontrei este fim-de-semana... como me cortaram os planos pus-me a terminar o trabalho, que falava:
     - Das Drogas;
     - Da Toxicodependência;
     - Da SIDA;
     - Da Hepatite A;
     - Da Hepatite B;
     - Da Hepatite C;
     - Do Tabaco;
     - Da Sexualidade.

     Serão estas as categorias, cada uma referida a um dos temas que trabalhei neste trabalho, que aqui irei postar.
     Este é um tema, provavelmente, já que muito ouviram falar... mas nunca custa muito aprender um pouco mais sobre ele, ou então, recordar o que já se sabia.




signos da sorte para 2010‏

2009-12-06T12:11:00.930-08:00

          Recebi esta mensagem por e-mail e pensei que seria mais um daqueles Zodíagos que se põem a inventar e sai tudo ao lado da realidade       Mas depois de o ler achei interessante... pois acertava no que Sou, digamos assim, o meu signo.      Só me sinto um  pouco culpada por não poder identificar este zodíaco nas devidas condições... pois não sei de onde a minha amiga que mo mandou, o retirou... ou que lho passou o retirou... sendo assim apenas posso pedir desculpas... e se o autor deste o ler não me levar a mal pelo que fiz...      Já agora, disse o signo que sou?      Sou Gémeos...      CARNEIRO o Diabo de desafio enérgico Confiante e entusiástico. Divertido. Ama um desafio. EXTREMAMENTE impaciente. Às vezes egoísta. Fusível curto (enfurece facilmente). Vivido, inteligência apaixonada e afiada. Gosta de sair. Perde interesse depressa - facilmente entediado. Egoístico. Corajoso e afirmativo. Tende a ser físico e atlético. VIRGEM O Perfeccionista Dominante em relações. Conservador. Quer ter sempre a última palavra. Argumentativo. Preocupado. Muito inteligente. Antipatiza com barulho e caos. Ansioso. Trabalhador. Leal. Bonito. Fácil de falar. Difícil de agradar. Severo. Prático e muito exigente. Frequentemente tímido. Pessimista. ESCORPIÃO o Intenso Muito enérgico. Inteligente. Pode ser ciumento e/ou possessivo. Trabalhador. Grande beijador. Pode ficar obsessivo ou reservado. Guarda rancor. Atraente. Determinado. Amores que estão em relações longas. Falador. Romântico. Pode ser às vezes egocêntrico. Apaixonado e emocional. BALANÇA o Harmonizador Agradável a todos os que se encontram com ele. Indeciso. Tem uma atracção própria sem igual. Criativo, enérgico e muito social. Odeia estar só. Calmo, generoso. Muito amoroso e bonito. Gosta de flirtar. Cede muito facilmente. Tende a deixar para depois. Muito crédulo. AQUÁRIO o Amado Optimista e honesto. Doce personalidade. Muito independente. Inventivo e inteligente. Amigável e leal. Pode parecer não emotivo. Pode ser um pouco rebelde. Muito teimoso, mas original e sem igual. Atraente no lado de dentro e fora. Personalidade excêntrica. GÉMEOS o Tagarela Inteligente e engenhoso. Parece estar sempre de saída, muito falador. Vivo, enérgico. Adaptável mas com necessidade de se expressar. Argumentativo e franco. Gosta de mudança. Versátil. Ocupado, mas às vezes nervoso e tenso. Fofoqueiro. Pode parecer superficial ou incoerente. Só e sujeito a mudança. Bonito fisicamente e mentalmente. LEÃO o chefe Muito organizado. Precisa de ordem nas vidas deles/delas - como estar em controle. Gosta de limites. Tende a assumir tudo. Mandão. Gosta de ajudar os outros. Social e gosta de sair. Extrovertido. Generoso, amável. Sensível. Energia criativa. Confiantes neles próprios. Bons amantes. Fazer a coisa certa é importante para Leão. Atraente. CARANGUEJO o Protector Emocional. Pode ser tímido. Muito amoroso e gentil. Bonito. Sócios excelentes para vida.. Protector. Inventivo e imaginativo. Cauteloso. Tipo de pessoa sensível. Necessidade de ser amado pelos outros. Magoa-se facilmente, mas simpático. PEIXES o Sonhador Bom coração e pensativo. Muito criativo e imaginativo. Pode ficar reservado e vago. Sensível.. Não gos[...]



Escravatura

2009-11-23T11:02:29.003-08:00

  

Um pequeno texto que escrevi sobre a escravatura. E que ela não volte mais.


     " Os escravos existiram desde o início dos tempos, a principal fonte de escravos eram as guerras, em que o vencedor poupava a vida aos inimigos derrotados para os utilizar como mão-de-obra gratuita em grandes obras, que seriam impossíveis de levar a cabo com trabalho pago.
     A escravatura é a prática social em que um ser humano tem direito de propriedade sobre outro.
Em algumas sociedades desde os tempos mais remotos os escravos eram legalmente definidos como uma mercadoria. Os preços variavam conforme: o sexo, a idade, a prudência e o destino, porque os que iam para as minas de ouro valiam muito mais. Os jovens eram os que davam mais lucros aos traficantes pois era saudáveis e capazes de aguentar os trabalhos.
     Também existia 3 tipos de escravos:
    - Escravos de engenho;
    - Escravos na mineração;
    - Escravos urbanos;
    Os valores da sociedade da época permitiam que os escravos não fossem considerados gente mas sim coisas que se compravam e vendiam, incapazes de terem sentimentos. Assim, os escravos estavam totalmente submetidos á vontade dos seus donos, que podiam dar-lhes liberdade, infringir-lhe castigos corporais ou até mesmo matá-los.
Com a evolução da sociedade os valores também se alteraram e a escravatura foi abolida. Portugal aboliu-a por lei em 1836, e o Brasil em 1887."

    Existe muito mais sobre a escravatura. Só que para que mais de uma era passada que os homens eram tratados como se fossem objectos. Sem sentimentos nem emoções. Sem sentirem a dor, a perda ou a tristeza? Apesar de ainda nos tempos de hoje, em países de toda a parte, ainda ela ser praticada.




O Medo e a Duvida

2009-11-09T13:02:21.223-08:00

        Hoje acordei com um sentimento que não consigo explicar dentro de mim, e ainda o tenho aqui dentro.      Acho que esta musica de Adele - Chasing Pavements - descreve o que estou a sentir. Mas não deixa de passar ao lado dos meus sentimentos.      Pois cinto-me a andar sem sentido, à procura de algo. Mas sem nunca o encontrar. Sem nunca o conseguir. E não consigo reflectir para saber o que me falta para o encontrar.      Estou com medo. Medo de o perder.      E deve ser isso que me esta a provocar duvidas. As duvidas da paixão.      Tem piada! Quando o conheci parecia que tinha todo o tempo do mundo. Agora, que vejo que o posso perder, cinto que deveria ter-me ouvido. Deveria ter-lhe dito. Deveria ter feito o que deveria...      Mas agora é tarde. Se calhar, demasiado tarde.      Mas lembro-me do olhar dele. Aquele olhar que me seduziu, e que me mudou.      Mas tenho que viver. Tenho que esquecer. Aquele amor que se tornou impossível de continuar a viver. Mas que o continuo a desejar.      Perdoe-me por não o conseguir esquecer. Estou sufocando com as palavras que te deveria ter dito. Mas que não tive coragem. Mas com este medo que continua dentro de mim é impossível!      Como hei-de continuar?      Me perdoe. Não por este desabafo, mas por causa do milhão e meio de palavras que deveria ter-te dito. Mas que não tive coragem de o fazer.      Não te quero perder! Mas como hei-de continuar, se não te consigo amar?      Se não te consigo esquecer? [...]



Monotonia.

2009-11-08T09:30:03.250-08:00


Estou farta de viver na monotonia.
Pois ela torna-se cansativa passado pouco tempo.
E, ainda por cima, a minha vida está cheia dela.
Mas como se diz:
"Nada Acontece Por Acaso!"
OK!
Estou-me a tornar céptica e isso não se torna nada Bom.
Nem justo.
Ok!
Se calhar é justo, mas continua a não ser bom.
Pois estou a ignorar a um significado da vida que todos deveríamos seguir.
Apesar de nem todos o seguirmos.











Ignorância

2009-10-31T09:47:55.496-07:00

     
     

      Sinto me tão mal! É como se o mundo tivesse acabado de desabar em cima de mim.

     Á um tempo para cá estava-mos bem... agora parece que não quer saber de mim, ainda melhor, ele não quer saber mesmo de mim. Mas, também, fui estúpida e ignorante.
     E sinto-me mal com os meus gostos musicais, pois acabo de ouvir "Ignorance" dos Paramore, o que só me fez sentir pior, pois a canção descreve mesmo o que estou a sentir. Sou um desastre!
     Ele atirou-me com tudo à cara. Fez-me pensar numa sala de audiências em que uma testemunha está a ser interrogada e o júri, lá em cima, está prestes a sentenciar-me (malditos os meus gostos musicais, e malditos são os meus gostos literários pois estou a ficar com histórias policiais na cabeça).
     Para que! Para quê que ele disse aquelas coisas. Para apenas me fazer sentir mal? Pois olha se foi esse o objectivo conceguiu!
     Mas não o consigo tirar da cabeça, apesar de tudo o que ele me disse, como posso decidir o que é certo, se ele continua a nebular a minha mente, e, com isso, não vou conseguir ganhar.
     Como posso decidir o que é certo e o que me diz o coração?
     Quanto mais o tempo passa mais o meu orgulho fica em baixo. Mas, que tipo de homem é este se me faz sentir assim. Nem, nunca antes, me fez sentir assim.
     Mas continuo por conta própria! Eu grito o nome dele por conta própria. E amo-o, por muito que o tente esquecer, por conta própria.











Tempo mudado.

2009-10-25T12:13:54.310-07:00


     
      A mudança da hora! Para quê que a fazem? A única coisa que ela me faz é ficar baralhada e a perguntar-me que horas são durante uma data de tempo até ma habituar a ela.

      O que no final se torna num problema! Pois faz-me chegar atrasada a todo o lado.
      Sou mesmo um desastre!









Um caderno em branco?

2009-10-23T14:57:30.153-07:00

     Este não é o meu único Blog, mas pergunto-me ainda se faço bem em faze-los. Pois quando escrevo as minhas palavras, ainda noto um certo nervosismo enquanto o estou a fazer.
     Quando decidi fazer um blog, decidi por um de literatura, pois eu adoro ler, mas se fosse um livro, tinha a certesa que seria um livro em branco escrito conforme os acontecimentos da minha vida.
     E, com estas palavras, entrei no tema que decidi abordar para este Blog, pois decidi fazer dele um livrinho em branco à espera que eu o escreva.
     Como é óbvio estou a falar de um diário.
     Achei giro, apesar de achar que um caderno seria mais pessoal, pois seria a minha letra que eu iria ler mais tarde, em vez de uma letra de máquina.
     Mas, um diário, escrito por mim, com a minha letra não é lá uma grande ideia, pois, um caderno com capa de cartão não é indestrutível, pois posso queima-lo, rasgado, molha-lo, e ele vai-se à vida...
     Mas, pensando bem no assunto, com um diário/Blog, não posso perder as minhas palavras?
     Sim posso, seria a resposta correcta, mas vale a pena o risco!