Subscribe: Os nossos Jardins
http://osnossosjardins.blogspot.com/feeds/posts/default
Added By: Feedage Forager Feedage Grade B rated
Language:
Tags:
aqui  balão  dos  era  existe  experiências  ideias  mãe  nos  nossos  não  nós  peso  princesa  suas  também  tem peso  tem  usam 
Rate this Feed
Rate this feedRate this feedRate this feedRate this feedRate this feed
Rate this feed 1 starRate this feed 2 starRate this feed 3 starRate this feed 4 starRate this feed 5 star

Comments (0)

Feed Details and Statistics Feed Statistics
Preview: Os nossos Jardins

Os nossos Jardins



Somos três Jardins de Infância do Agrupamento de Escolas D. Francisco Manuel de Melo. Vamos mostrar aqui as nossas aventuras!



Updated: 2014-10-05T04:51:43.404+01:00

 



uma mensagem...

2009-11-08T00:05:04.036+00:00

(object) (embed)



Conceito de Educação

2009-03-21T13:09:07.051+00:00

(object) (embed)



Ainda cá estamos...

2008-10-30T22:14:07.759+00:00





...e continuamos a fazer "coisas" ! :)

Um exemplo: AQUI



Ciencias Experimentais na Educação Pré Escolar

2007-11-16T22:46:17.710+00:00

allowFullScreen='true' webkitallowfullscreen='true' mozallowfullscreen='true' width='320' height='266' src='https://www.blogger.com/video.g?token=AD6v5dyVPMKAdYQL2N0XeV_RxVqDSI8-v1G8uY1KjT4310uF3aqA2XFEXgq6vnd6WIGJ1RYLWfLh7XyASgw' class='b-hbp-video b-uploaded' FRAMEBORDER='0' />



Abate de Pinheiros

2007-11-11T14:28:41.507+00:00




O fim do ano

2008-12-08T21:08:40.025+00:00

O Grande Prémio Solar da Amadora decorreu na Escola Sede do Agrupamento assim:Corridas de carrinhos solares:Os nossos...e os outros...do 1º Ciclo, do 2º Ciclo,do 3º Cicloe as Estrelas! Andámos de trotineta com a ajuda dos nossos amigos mais velhos,(não pudemos andar de Segway por não termos peso suficiente...ohhhhhh) :( assaram-se maçãs em fornos solares ... Tendo sempre em vista o nosso Projecto Educativo. Planeta e Cidadania - Energias solares são energias alternativas, amigas do ambiente e do futuro que queremos NOSSO!Adeus e até para o ano![...]



O ar existe?

2008-12-08T21:08:42.092+00:00

O desafio era colocar o papel debaixo de água, com a ajuda de um copo, sem o molhar.Experimentámos assim...aqui foi quase...quase...mas o papel saia sempre molhado...até que...Bingo!!!!E o que faz com que o papel não se molhe?!?O ar que enche o copo, entre a boca e o papel!Uma prova de que o ar existe e ocupa espaço! [...]



O AR

2008-12-08T21:08:43.551+00:00

O ar é invisível, mas existe.O ar é o vento. AlimRespira-se o ar para dentro e para fora. Gualter Com a boca. MiguelTambém pode sair pelo nariz. AndréNão se vê. JoãoQuando existe nas arvores chama-se vento. JoãoE faz barulhoAs ventoinhas também podem dar ar. Gonçalo...quando se ligam! MiguelE os leques! Os leques também fazem ar. Alim A chuva vem do ar. IsaqueO balão também tem ar. GualterPorque nós sopramos. Primeiro o ar está na nossa boca e passa para o balão.DiogoO ar fica lá dentro do balão.MiguelPorque a nossa boca tem ar.André O ar não se vê, mas sente-se. CarolinaQuando o balão não tem ar fica vazio e desce. GualterO ar sai com força do balão e por isso ele voa. HenriqueE tem força ao sair! faz pffffff...pffffff tem som!É como um Pum! Alim Um Pum é o ar que sai e faz barulho! Alim O vento é o som do ar.AndréO carro de corrida também tem sim de ar a sair dele. Gonçalo O ar não tem peso, porque eu já peguei num balão e não tinha peso. Alim Tem peso sim, porque eu já peguei também num balão e tinha peso mas poucochinho...JoãoAntes de fazermos experiências com ar já sabiamos muitas coisas, mas depois das experiências ficámos a saber muito mais. Por exemplo, o Peso. Só dois meninos acharam que o ar tinha peso, mas depois de construirmos a balança verificámos que, afinal o ar tem peso.As nossas conclusões:O ar é invisível.O ar sente-se.O ar tem som.O ar tem peso.O ar ocupa espaço.O ar existe![...]



E estas?! Foram onde?!

2008-12-08T21:08:45.351+00:00


(image)

(image)


(image)



(image)




Vamos lá a ver quem adivinha...



Os Carpinteiros Reais

2008-12-08T21:08:47.774+00:00

Recebemos um convite para ajudar a Corte da Princesa Maria Francisca a dispôr os móveis, convenientemente, nos seus salões.Como não somos pessoal de dizer "Não" a um desafio, aí fomos nós, aprendizes de carpinteiros, mostrar do que eramos capazes!Os objectos perdidos: O Tremó A Cómodae a Cama da Princesa Maria FranciscaO Local:Palácio de QueluzAs personagens:O mestre Policarpo Canapé, Carpinteiro Real, O Mestre de Cerimónias, as criadas Josefina, Umbelina e Miquelina, a Princesa Maria Francisca e nós!O caso: A Princesa só viaja acompanhada dos seus móveis favoritos. Quando, após uma dessas viagens, regressou ao palácio as criadas baralharam os locais onde os móveis pertencem pelo que o Mestre Carpinteiro nos chamou, com urgência, para o ajudar a identificar o local de cada móvel nos salões do Palácio Real. Após árduo trabalho para encontrarmos o sitio certo de cada móvel, a princesa recebeu-nos em audiência, cumprimentou-nos, aceitou os nossos projectos de mobiliario e ainda dançou um minuete com o seu Mestre de Cerimónias para nós assistirmos. Quanta honra![...]



O Amadora Educa

2008-12-08T21:08:49.075+00:00

O tema do nosso Agrupamento era:Os "helénicos" preparam o seu cartaz que apresentamaqui:as árvores dos "gameiritos"...e os mundos dos "venteirolas"!Estes trabalhos são dos nossos colegas mais velhos de outras escolas do agrupamento, representam as forças da natureza. Há erupções vulcanicas, sismos, tsunamis e furacões. Adorámos ver!Ah, as t-shirts no estendal também são dos "helénicos" :) [...]



Histórias giras

2008-12-08T21:09:05.529+00:00

"De manhã, bem cedo o Senhor Luís abriu um buraco ENORME na terra(...)" Imaginem que plantam uma semente na terra e que têm tanta, tanta, mas tanta vontade de a ver crescer que não querem perder nem um bocadinho do seu crescimento...Assim estava o senhor Luís, cheinho de vontade de ver a sua semente crescer e tornar-se flor! Mas de tanto esperar a sua paciência começou a faltar e a cada manhã que dela ela se abeirava maior era o seu desânimo: "Ainda nada?"Uma história para ensinar a esperar que o tempo corra e com ele as mudanças aconteçam. Para miúdos e graúdos, para contar, inventar, acrescentar, brincar, enfim... para ler, de preferência em voz alta, e bem acompanhado! De Christian Voltz com ilustrações bem ao estilo da Kalandraka.By the way...Lembram-se das nossas previsões para a germinação do feijão????(RUTE!!! Hello!!!!, lembras-te?????)Olhem agora para os resultados![...]



Palavras na mão, obras em construção!

2008-12-08T21:09:39.476+00:00

É verdade! Fomos ao Centro de Arte Moderna da Gulbenkian!Aqui está a nossa representação da Pilha de Livros.Alguns tiveram medo e sentiram-se tontos com tanto livro a toda a volta, mas a maioria (eramos 70!) curtiu muito a ilusão e descobriu logo que eram espelhos que faziam parecer muiiitttoooossss livros!!!!Logo de manhã, equipámo-nos e aí vamos nós! Participámos na actividade "Palavras na mão, obras em construção". Explorámos uma grande exposição onde o artista utilizou diferentes materiais. Descobrimos o espaço, observámos a obra, construimos uma parede de palavras e montámo-la aqui na sala. A estatua da "Graça"... aqui vista por nós!Esta era uma escultura...que aqui reproduzimos! Fizemos as nossas esculturas, também!Construimos esculturas, demos largas à imaginação e fizémos a nossa própria parede de desenhos criados por nós. Somos artistas! [...]






Querida Mãe!

2008-12-08T21:09:42.345+00:00

Um desenho para a MÃE para lhe mostrarmos que pensamos nela a todas as horas do dia......um cartão com o coração para mostrarmos que a amamos......uma caixa para a MÃE guardar......ouro......joias......moedas......coisas......dinheiro......nada![...]



Querida Mãe!

2008-12-08T21:09:43.351+00:00

(image)
(image) Nós fizemos pintura com o dedo no cartão para a mãe, escrevemos com a nossa própria mão o recadinho e fizemos um livro de receitas que inclui receitas muito simples de realizar. No Dia da Mãe vamos cozinhar com ela uma destas receitas.




Germinação do feijão

2008-12-08T21:09:45.766+00:00

Agora vamos desenhar os resultados...[...]



Contadores de Histórias

2008-12-08T21:09:47.864+00:00

O Paulo veio contar-nos uma história...A Susana também veio...Divertimo-nos...Aprendemos.......mas as melhores histórias somos nós que as fazemos![...]



Mais uma actividade...

2008-12-08T21:09:48.099+00:00

(image)



Tcharam!!!!!!

2007-04-12T00:04:51.554+01:00

Ei-la que chegou!
Ide...
Ide...
Ide...


(image)



Sombras

2007-04-06T21:09:00.711+01:00

Mas porque é que não consigo colocar ISTO aqui ?????????
(image)




Páscoa Feliz!

2008-12-08T21:09:48.205+00:00

Aí está o nosso frasquinho de cheiros de Páscoa!
(image)



Preparando a Páscoa

2008-12-08T21:09:49.725+00:00

O que estaremos a fazer???? [...]



a vida de um peixe...

2008-12-08T21:09:52.903+00:00

A história era linda mas um bocado cinzentona por ser em fotocópias... Então resolvemos colori-la!Ficou um livro fantástico!Mas não ficámos por aqui...Fizemos o nosso próprio cardumeE imaginámo-nos peixes no fundo do mar[...]



Ciência pela investigação

2008-12-08T21:09:56.598+00:00

Quando as crianças executam trabalhos de ciências experimentais, investigando notamos que elas... Vêem-se a si próprias como cientistas 1. Entusiasmam-se com experiências científicas;2. Demonstram desejo de aprender mais;3. Procuram colaboração e trabalham em cooperação com os colegas; 4. Demonstram confiança nas experiências, vontade em modificar ideias, correr riscos e mostram um cepticismo saudável. Exploram 1. Demonstram curiosidade e pensam nas observações;2. Mexem-se de um lado para o outro procurando e seleccionando os materiais que precisam;3. Aproveitam a ocasião e o tempo para experimentarem as suas próprias ideias. Planeiam e executam as experiências 1. Imaginam um modo de experimentar as suas próprias ideias, não estando à espera que lhes seja dito o que devem fazer;2. Planeiam maneiras de verificar expandir ou ignorar as ideias;3. Fazem as suas investigações ao manejarem os materiais, observando, medindo e anotando os dados. Comunicam usando uma variedade de métodos 1. Exprimem as suas ideias de muitas maneiras: desenhos, gráficos, mapas, esquemas – códigos de escrita simbólicos; 2. Ouvem, representam, falam, sobre ciência uns com os outros, com os pais, e professores; 3. Usam a linguagem dos processos científicos;4. Comunicam o nível de percepção dos conceitos desenvolvidos por si próprios até ao momento. Propõem explicações e soluções, constroem uma base de conceitos 1. Oferecem explicações a partir de um “banco” de conhecimentos prévio;2. Utilizam a investigação para responder satisfatoriamente às suas próprias perguntas;3. Classificam a informação e decidem o que é importante;4. Disponibilizam-se para rever explicações à medida que adquirem novos conhecimentos.Questionam 1. Fazem perguntas, quer verbalmente quer através de acções;2. Usam as perguntas para chegar a investigações que por sua vez geram novas perguntas ou ideias;3. Dão valor e gostam de fazer perguntas como parte integrante e importante da ciência.Usam o poder de observação 1. Usam a observação e não se limitam meramente a olhar;2. Vêm detalhes, detectam sequências e acontecimentos, reconhecem mudanças, semelhanças ou diferenças;3. Fazem ligações a conceitos obtidos previamente.Criticam as suas práticas científicas 1. Usam indicadores para avaliar os seus próprios trabalhos;2. Relatam os seus pontos fortes e fracos;3. Reflectem com os colegas.[...]