Subscribe: Sheine Meidele
http://sheine-meidele.blogspot.com/feeds/posts/default
Added By: Feedage Forager Feedage Grade B rated
Language:
Tags:
aqui  até  bem  brachá rishoná  das  ela  fazer  foi  israel  mais  mesmo  meu  minha  não  sem  são  youtube embed 
Rate this Feed
Rate this feedRate this feedRate this feedRate this feedRate this feed
Rate this feed 1 starRate this feed 2 starRate this feed 3 starRate this feed 4 starRate this feed 5 star

Comments (0)

Feed Details and Statistics Feed Statistics
Preview: Sheine Meidele

Sheine Meidele





Updated: 2017-02-09T06:56:59.822+02:00

 



Cara-pintada!

2014-03-05T12:00:07.871+02:00

O post mais visualizado do blog é disparado esse aqui de Purim! Imagino que seja por causa das sugestões de fantasias. As pessoas acabam chegando nele quando procuram no Google por idéias de fantasias caseiras pro Carnaval.E mais uma vez Purim está chegando! Eu adoro essa história de me fantasiar, mas agora com filhos pequenos, minha diversão é pensar nas fantasias deles. O mês de Adar acabou de começar e os 2 já se fantasiaram no shabat e foram com desenhos no rosto para a creche todos os dias! Hahahah!!! As professoras me acham louca com certeza!Eu acho muito mais legal montar as fantasias em casa do que comprar tudo pronto, e parte da minha diversão é pensar na maquiagem. Meu filho praticamente não fica parado, então é bem difícil conseguir fazer uma coisa trabalhada. Minha filha até fica mais quietinha, mas como é pequena, acaba colocando a mão e borrando tudo! Mas o pior é quando eles cismam de se maquiar sozinhos, vocês não imaginam o tamanho do estrago! Hahahah!!!Eu até tenho aqueles kits de maquiagem para crianças, mas minha impressão é de que são apenas batons bem grossos e de cores fortes. E batom borra muitooo! Como tenho uma variedade boa de produtos de make, normalmente faço o contorno com o lápis, preencho com batom e passo por cima uma sombra, pra fixar. Parece um trabalhão, mas dá pra fazer super rápido. E eu nem sou especialmente habilidosa...Pesquisei imagens na internet para servir de inspiração para maquiagem infantil descomplicada e achei opções bem legais!BorboletaDálmataGatinhoHello KittyJoaninhaPalhaçoPirataVampiroÍndioFaçam como eu e comecem a treinar desde já! Só não me culpem pelas roupas e sofá manchados...[...]



Brazucas no Baby Boom - lágrimas e reflexões

2014-03-03T15:52:21.030+02:00

Nas últimas 6 semanas, todos os domingos a partir das 21:00 eu parei para chorar durante quase 1 hora e meia. Esse era o horário do programa Baby Boom (falei sobre a estréia aqui), cuja primeira temporada terminou ontem.Para fechar com chave de ouro, um casal de brasileiros: Jéssica Terpins e Giba Perelman. Ela faz parte de um grupo no Facebook de mães brazucas em Israel e já tinha avisado por lá que participaria, mas eu não imaginava que ia ser tão emocionante! Não a toa a produção deixou a história deles para o final. Bossa-nova ao vivo na sala de parto, português e um parto difícil e demorado que me lembrou muito o meu primeiro. Receita para um mar de lágrimas. Kol hakavod para ela pela força e para ele pelo companheirismo!Se o vídeo travar, assistam aqui.Além de trazer emoções a flor da pele, o programa me fez refletir sobre algumas coisas. Achei muito curioso a grande quantidade de mulheres que queriam dar a luz sem anestesia. Meu pai é anestesista e cresci ouvindo que não há motivo para sentir dor se existem formas de evitá-la. Como qualquer procedimento médico, há riscos, mas hoje em dia, a epidural é uma técnica praticada com bastante segurança. O principal fator "contra", é que muitas vezes a mulher não sente as pernas e então acaba não sabendo quando fazer força e isso pode atrasar um pouco o processo. Por outro lado, muitas vezes a anestesia traz o alívio e a calma de que a mulher precisa para passar pelo parto com serenidade. Maayan: guerreira que deu a luz sem anestesiaEu vivi um pouco de cada uma dessas sensações. Fiquei em trabalho de parto sem anestesia por quase 24 horas (a epidural não "pegava") e no final fiz cesariana. E na segunda vez, passei pelas contrações anestesiada, mas quando dei a luz de fato, estava sem anestesia. Enfim, eu acho que no meu caso, a epidural só trouxe benefícios.Outro ponto que me chamou a atenção foi como as israelenses valorizam e desejam o parto normal. Em vários casos, elas nitidamente encaravam como fracasso a necessidade de elemento externo (como vácuo) ou de cesariana. Eu me identifiquei, porque também me senti assim quando o médico me disse que teríamos que fazer cesária, mas senti um choque cultural muito grande em relação ao que acontece no Brasil.Parto normalLi numa reportagem da Veja que hoje, 80% dos partos feitos em hospitais particulares brasileiros são cesarianas. Na rede pública, as cirurgias representam 40% do total. O Brasil é o segundo colocado no ranking da OMS entre os países com maior percentual de cesárias por nascimento. Meu médico israelense, inclusive, foi palestrante em uma conferência em Brasília realizada pelo Ministério da Saúde que tinha como objetivo incentivar o parto normal no Brasil. Ele foi para explicar como funciona o sistema aqui em Israel, onde as cirurgias respondem por cerca de 20% dos nascimentos (detalhe: os israelenses acham esse percentual altíssimo). CesarianaCostuma-se culpar os médicos, que por comodismo, preferem as cirurgias, mesmo sem real necessidade, mas muitas vezes o comodismo vem também das mamães. Já ouvi histórias de mulheres que anteciparam os partos porque o nono mês da gravidez é o mês em que mais se engorda. Dá pra acreditar nisso???? Se não me engano, todas as minhas amigas de infância tiveram seus filhos através de cesarianas, e mesmo aquelas que gostariam de ter tido parto normal, dizem que é praticamente impossível brigar com o sistema. A visão judaica é de que D's sabe qual é o melhor momento para que o bebê venha ao mundo e por isso, não se deve induzir ou antecipar um nascimento, se não há risco de vida ao se levar adiante a gravidez.O nascimento de um filho é um evento maravilhoso e mágico de qualquer maneira, mas que o parto normal tem um gostinho especial, isso tem. Palavra que de quem já passou pelos dois.[...]



Next - meu novo vício online

2014-02-26T15:10:35.872+02:00

Aqui em Israel, todo mundo sabe que existe um oligopólio no setor de varejo. Você pode ir em qualquer centro comercial em qualquer parte do país: de Norte a Sul são absolutamente as mesmas lojas! Fox, Castro, Renuar, TNT, Honigman, Hoodies, Aldo, Spring, Gazit, Nimrod, Shilav, Keds, Solog, Magnolia, TopTen, Michal Negrin. Só dá elas. É um déjà-vu constante na hora de fazer compras. E subindo ao nível corporativo, os grupos controladores dessas marcas são apenas uns 2 ou 3...OnipresenteO pior é que além de serem as mesmas lojas, as roupas que elas vendem são mega sem-graça... No caso de vestuário infantil a situação não é diferente: tudo muito básico, estampas esquisitas, modelagens simples, sem nenhum charme especial. Uma tristeza. Para complementar as roupas que minha mãe, meu pai e minha sogra compravam nos EUA e no Brasil, era todo um contorcionismo. A Carter's não entrega aqui e a Children's Place cobra uma fortuna pelo frete.Até que eu descobri a amada Next e meus "pobremas se acabaram-se"! Trata-se de uma rede de lojas inglesa, estilo "magazine" que vende de tudo. As roupas são lindas, de excelente qualidade e, ao contrário do que eu esperava (1 libra vale mais ou menos 6 shekalim!), os preços são super justos, mais baratos do que encontramos por aqui. E eles não cobram frete pra cá!Quando fui buscar minha primeira compra nos Correios (aqui em Israel não tem porteiro, então o que não cabe na caixa de correio, temos que buscar numa agência), fiquei assustada: sem exageros, 40% de todas as encomendas nas prateleiras eram da Next!Certa vez, liguei para o Customer Service deles para perguntar sobre um pedido, e a atendente respondeu: "Desculpe senhora, mas é que vocês israelenses gostam muito dos nossos produtos e a quantidade de pedidos deu um salto gigantesco. Por isso, a alfândega em Israel foi surpreendida com tantas compras de um mesmo fornecedor, e passaram a abrir muitas encomendas. Peço desculpas pelo incômodo". Hahahaha!!! No final a encomenda acabou chegando depois do prazo e eles devolveram T-O-D-O o meu dinheiro!Coleção outono/inverno para meninasColeção primavera/verão para meninosDesde então, fiz outras compras e não teve absolutamente nada de que eu não gostei ou que era mal-acabado e tal. Então, moças, podem se jogar na Next que vale a pena! Eu ontem mesmo comecei a fazer os pedidos de roupas de primavera/verão para as crianças. Aliás, é bom lembrar que encomendas até $75.00 não são tributadas aqui em Israel, então se quiserem comprar mais do que isso, dividam os pedidos e dêem um intervalo de uns 3 dias entre cada um.Boas compras![...]



Revolução Anitta

2014-02-18T19:50:38.567+02:00

Eu sempre amei dançar! Era péssima em quase todos os esportes, mas dançar era comigo mesmo! Comecei a fazer jazz com 3 anos e nunca mais parei. Fiz ballet clássico, sapateado, jazz de novo, dança israeli... E amava sair pra dançar qualquer que fosse o ritmo. Ia sempre na quadra da Mangueira, no forró, micareta e até em baile funk. Até que comecei um processo de teshuvá e não consegui mais encontrar um espaço para dançar que se adequasse aos meus "novos" valores. E sentia muita, mas muita falta!Até que um dia, vi na internet uma reportagem sobre uma nova cantora popular que estava fazendo um mega sucesso no Brasil, e resolvi assistir o clipe que ela estava lançando.Assim que a Anitta começou a dançar a coreografia de "Show das Poderosas", fiquei fascinada! Caramba, queria dançar que nem essa mulher!!! Comecei a pesquisar e achei um vídeo de um professor de dança que ensinava uma coreografia para aquela música. E descobri que, na verdade, esse professor tinha um canal no YouTube onde ele ensinava passo-a-passo a coreografia de várias músicas! Fiquei viciada no canal do Daniel Saboya e percebi que eu podia dançar em casa sem nenhum problema de halachá. Ninguém ia me ver mesmo... allowFullScreen='true' webkitallowfullscreen='true' mozallowfullscreen='true' width='320' height='266' src='https://www.youtube.com/embed/7LEjzLiqVZs?feature=player_embedded' FRAMEBORDER='0' />A dança fez eu me sentir tão bem, mas tão bem, que resolvi procurar aulas de dança só para mulheres aqui em Modi'in. Comecei a fazer aula de zumba e vi que tinham várias outras mulheres religiosas! Era tão engraçado vê-las chegando todas cobertas e de repente estavam todas de calça legging, top e cabelo solto! E rebolando! Hahahah!!! Eu não poderia esperar pelo gingado brasileiro, mas a aula era super legal!!!Como religiosas, muitas vezes acabamos deixando um pouco de lado o exercício físico e outras atividades que melhoram a saúde e geram bem-estar, mas não pode ser assim, gente! A própria Torá nos orienta a cuidarmos do nosso corpo com muita atenção. Essa experiência me deu uma injeção de endorfina e auto-estima, e influenciou positivamente vários outros aspectos da minha vida. Desde o humor até a alimentação. Uma revolução mesmo!É verdade que muitas vezes as músicas boas de dançar têm letras que são super "não-tzanua", escrachadas e falam de assuntos que não tem nada a ver com o meu mundo, mas o ritmo é contagiante, e filtrando as mais pesadas, dá pra montar uma boa seleção!Não tenho mais ido na aula de zumba por causa do horário, mas como amei voltar a dançar, dei um "jeitinho" e arranjei um exercício que substitui parcialmente essa necessidade: faço caminhadas de manhã ouvindo samba, funk, axé e todos os ritmos gostosos de dançar. Quem me vê andando deve me achar completamente doida, cantando toda feliz! Hahahah!!! Ah, e também não perco um vídeo que o Daniel Saboya posta! Ele é o melhor!Religiosas americanas treinando running com sua "coach"Cada uma com seus gostos e preferências, o importante é se exercitar e se distrair um pouco do dia-a-dia corrido e cansativo. Vamos se mexer, meninas![...]



Jóia rara

2014-02-09T13:37:30.199+02:00

Para quem gosta de moda, a última Parashá (Tetsavê) foi um prato cheio! Dando continuidade ao assunto do mishkán ("tabernáculo"), a Torá descreve em detalhes como deveriam ser as vestimentas do Cohen e do Cohen HaGadol. Roupas de baixo, túnicas de linho, cinto, turbante, colete: todos minuciosamente descritos. Cores, comprimentos, tecidos, materiais e quantidades foram todos definidos por D's. O objetivo da roupa tão luxuosa: "l'kavod u l'tiferet"; "para dignidade/honra e beleza".Além de levantar a questão do valor da beleza e da estética no Judaismo (pretendo me aprofundar nisso em um post ainda essa semana), um item em particular da vestimenta do Cohen HaGadol me despertou curiosidade: o "Choshen". O Choshen era um peitoral feito de linho rebordado e cravejado de pedras preciosas emolduradas em ouro. As pedras tinham uma ordem específica e cada uma tinha em si gravado o nome de uma das 12 Tribos a que representavam.O Choshen chamou a minha atenção por 2 motivos: o bairro onde eu moro, em Modi'in, se chama Avnei Chen ("pedras preciosas" em hebraico) e cada rua tem o nome de uma das 12 pedras do Choshen. O engraçado é que a minha rua é a única do bairro que não tem nada a ver com o assunto, chama-se Migdal Yam ou "Torre do Mar". Nada a ver mesmo, até porque infelizmente estamos muuuito longe do mar...Escultura na entrada do bairro Avnei Chen, em Modi'inO outro motivo é que cresci ouvindo minha amada vovó Rosa (z"l)  falar sobre pedras preciosas, semi-preciosas, lapidações, quilates e etc. Aliás, até sonhei com ela nesse shabat! Incrível!Há muitas controvérsias em torno da identificação das pedras descritas na Torá, com base na nomenclatura que se usa hoje em gemologia, mas em geral a idéia mais aceita é a seguinte:1ª fila:* Odem: Rubi* Pitedah: Topázio ou Crisolita* Bareket: Esmeralda2ª fila:* Nofech: Malaquita ou Turqueza* Sapir: Safira ou Lápis-lázuli* Yahalom: Diamante3ª fila:* Leshem: Âmbar ou Zircônia amarela* Sebo: Ágata* Achlamá: Ametista4ª fila:* Tarshish: Água-marinha* Shoham: Berilo* Yashfeh: JaspeE é claro que aqui em Israel não faltam jóias inspiradas no Choshen e joalherias chamadas "Avnei Choshen", "Choshen" e etc:Agora você já sabe: no próximo aniversário, pode pedir uma linda jóia de presente e dizer que é em homenagem à Parashá Tetsavê! ;D[...]



Esse é o meu povo!

2014-02-07T12:58:17.199+02:00

Esse vídeo foi lançado hoje de manhã no canal oficial de Israel no YouTube!

Amei tudo! As misturas entre antigo e moderno, religioso e laico, jovem e velho, arte e ciência, sol e neve são a essência da sociedade israelense atual.

Espero que gostem!

allowFullScreen='true' webkitallowfullscreen='true' mozallowfullscreen='true' width='320' height='266' src='https://www.youtube.com/embed/bivYs8oacnA?feature=player_embedded' FRAMEBORDER='0' />


Shabat shalom!




Kasher com prazer

2014-01-30T20:41:30.849+02:00

Fazer parte do Guia Michelin significa a glória para qualquer restaurante mundo afora. Avaliando restaurantes desde 1926, o guia envia "inspetores" anônimos aos restaurantes para que escrevam sobre suas experiências e a aquisição de uma estrela tem consequências imediatas no sucesso do estabelecimento.Em dezembro, o Restaurant 1701 de Londres conseguiu entrar para o seleto grupo de estrelados, com alguns detalhes: o restaurante estava aberto há apenas 6 meses, é kasher e funciona dentro de uma sinagoga centenária!A idéia do proprietário era celebrar e atualizar a culinária judaica de maneira requintada, algo que não costuma-se ver por ai. No início buscaram chefs não-judeus, para que viessem sem "bagagem", mas ironicamente, acabaram contratando um chef israelense! Pratos como guefilte fish, kreplach e fígado foram re-interpretados e tornaram-se quase irreconhecíveis nas mãos da equipe.Guefilte FishSalada israelenseKreplachIrreconhecíveis e quase invisíveis também, né? Tem que jantar antes de sair para jantar! =DA decoração do espaço é minimalista, e o principal destaque são as janelas, que oferecem uma visão do interior da sinagoga mais antiga de Londres.Encontrar restaurantes kasher que consigam unir qualidade, modernidade e ambiente elegante é missão quase impossível até mesmo aqui em Israel. Não digo que não haja, mas são bem poucos, quase todos em Jerusalém. A maioria dos restaurantes estrelados daqui não são kasher... Não consigo entender muito bem o motivo, mas me parece ser resultado daquela idéia errada de que "religiosos não ligam para conforto, beleza e qualidade". Esse pensamento equivocado permeia vários aspectos da sociedade israelense e eu acho isso tão bobo, tão "rosh katan", como se diz aqui... Tenho certeza de que todos que empreenderem no sentido contrário desse esteriótipo terão sucesso em qualquer área! Acredito mesmo!Enquanto isso não acontece, peguemos a próxima ponte-aérea Tel Aviv-Londres! ;D[...]



Elie Saab

2014-01-29T13:20:49.079+02:00

O estilista Elie Saab nasceu e cresceu no Líbano e até hoje mantém em Beirut o seu principal atelier. Ele é o atual "queridinho" de Hollywood e é raro haver um red carpet sem alguma celebridade vestindo um modelo desenhado por ele.Já ouvi dizer que ele não permite que seus vestidos sejam vendidos em Israel, por questões políticas e ideológicas, e apesar de não ter encontrado na internet nenhuma declaração oficial dele a respeito desse assunto, isso me deixa com um pé atrás. Como se eu pudesse comprar um vestido dele por semana! Hahahaha!!! Não há dúvidas, porém, de que ele é talentosíssmo e eu sou apaixonada por quase tudo o que ele faz! Confesso que foi tarefa difícil, mas selecionei alguns looks do seu desfile na última Semana de Moda de Alta-Costura de Paris (falei mais sobre o evento aqui):Normalmente, os vestidos dele são monocromáticos e eu amei que ele fez alguns coloridos, como esses 2 últimos! São os meus preferidos!Ai ai, sonhar não custa nada, né...[...]



Ele existe!

2014-01-28T15:07:16.508+02:00

Desde que eu vim morar em Israel, há quase 5 anos, eu ouvia uma lenda de que existiria leite condensado chalav israel por aqui. Eu digo lenda, porque durante todos esses anos eu NUNCA vi o bendito em nenhum supermercado! E olha que a gordinha aqui procurava sempre! Até falei sobre isso nesse post.

Eis que semana passada fui até o supermercado Rami Levi aqui em Modi'in e, já me preparando para a frustração, fui procurar na prateleira das gordices. E de repente: tchãnãnãnã! Acheeei!!!!!! Ele existe! Não é lenda urbana! Comprei logo 2 para garantir!



Fizemos brigadeiro e dá ponto mesmo!!! Ai, é tanta coisa boa que dá pra fazer com leite condensado que eu já estou imaginando quantos quilos eu vou ganhar nas próximas semanas...




Grammy's 2014

2014-01-28T11:15:27.867+02:00

Ontem aconteceu a 56a edição dos Grammy Awards, o prêmio de maior prestígio da indústria da música. Além de performances musicais incríveis, a gente fica sempre de olho também no red carpet, certo? E na minha opinião, quem arrasou esse ano foi a Taylor Swift, com um vestido lindíssimo e sem decotes, fendas e etc. Amei!



E minha apresentação preferida foi a do Daft Punk (grande vencedor da noite), Pharrell Williams e Stevie Wonder. Muito muito bom!!!

allowFullScreen='true' webkitallowfullscreen='true' mozallowfullscreen='true' width='320' height='266' src='https://www.youtube.com/embed/o00pgGRvXnU?feature=player_embedded' FRAMEBORDER='0' />




Se Armani pode, você também pode!

2014-01-24T12:00:11.542+02:00

Conheço muitas meninas que no dia-a-dia usam lenço, mas quando tem uma festa mais chique, colocam peruca. Eu, particularmente, tenho minhas dúvidas ideológicas em relação ao uso da peruca como forma de cobrir a cabeça, e mesmo em eventos super formais, corto um dobrado mas vou de lenço (como vocês leram aqui).Essa semana, aconteceram os desfiles de Spring 2014 Couture de Paris, e a Armani Privé ensinou para a gente como é possível se vestir com tzniut, usar lenço na cabeça em eventos formais e continuar linda e elegante!Até mesmo com vestidos de gala, o lenço estava lá:Grazie, Giorgio Armani! Genial![...]



Debaixo dos caracóis

2014-01-22T10:59:23.429+02:00

Muita gente imagina que, por cobrirem a cabeça, as mulheres judias casadas não precisam cuidar dos cabelos. Mas na verdade, é justamente por isso que temos que cuidar e muito bem das madeixas! Afinal, quem nos vê de cabelos soltos somos nós mesmas e o maridão! Tem platéia mais importante?

Meu cabelo é cacheado, e aqui em Israel, a mulherada assume seus cachos e ondas sem medo de ser feliz! Tem um monte de produtos para esse tipo de cabelo nas prateleiras! Depois de testar vários, escolhi meus preferidos:

* Moroccanoil Curl Control Mousse

A textura é excelente, ele não pesa no cabelo e modela bastante bem, além de tratar ao mesmo tempo. Comprei numa loja para cabeleireiros em Jerusalém. Como a marca é israelense, é relativamente fácil de achar por aqui.



* Osis Twin Curl

É um gel misturado com um creme. Um pouco mais pesado, controla os cachos super bem! Comprei pela internet, no famoso StrawberryNet, vulgo Morangão.


Fica a dica!



Baby Boom

2014-01-20T14:52:01.640+02:00

Passei a semana passada ansiosa para chegar logo domingo à noite. É que ontem, às 21:00, estreou o programa Baby Boom! 40 câmeras foram instaladas na maternidade do Hospital Beilinson para acompanhar a rotina dos médicos e os partos que acontecem ali.

Eu chorei muitoooo!!! Achei super emocionante. Me fez lembrar os meus partos, que não foram nada fáceis (algum é?), e a alegria infinita que é a chegada de um filho.

(object) (embed)
Se o vídeo aqui em cima travar, assistam aqui

Muitas pessoas criticaram a invasão de privacidade, mas é óbvio que os casais e toda a equipe do hospital concordaram em participar! E a edição também está ai para cortar o que não quiserem mostrar. Se bem que ontem mostraram cada cena, que se fosse comigo eu ia mandar cortar com certeza! hahaha!!!

Também falou-se que o programa passou um ar "fake", porque as mulheres estavam maquiadas e penteadas. Bom, se estavam arrumadas quando entraram no hospital, com certeza não estavam mais no final do parto... Eu, sinceramente, não percebi nada "fake", até porque acho difícil alguém conseguir atuar num momento tão conturbado e emocionante como esse. Pela minha experiência, tenho certeza de que a última coisa com que eu iria me preocupar durante o parto seria estar sendo filmada...

Ai, mais que dá uma saudade isso dá... É a dor maior do mundo que antecede a mágica maior do mundo. Partindo para o terceiro em 3, 2, 1... hahahah!!!




Exposição: Bo'i kallah (בואי כלה)

2014-01-19T21:08:40.608+02:00

Uma parceria entre a Escola de Moda da Faculdade Shenkar e o Museu da Diáspora (Beit HaTfutzot) deu origem a uma exibição super interessante que está aberta ao público até 28/02/2014: "Here Comes the Bride, Wedding Gowns, Embroidering the Story of the Jewish People".

14 alunos do 3o ano da faculdade de moda mergulharam no acervo do museu em busca de material para o desenvolvimento de vestidos de noiva únicos que expressam os diferentes estilos e tradições das diversas comunidades judaicas ao redor do mundo.

A inspiração veio através de maquetes de sinagogas, artigos judaicos ("judaica"), ketubot, fotos de família e até mesmo músicas e lendas do misticismo judaico (como a do Dibbuk, por exemplo).

Parte dos vestidos em exibição pode ser vista nesse vídeo:


allowfullscreen="" frameborder="0" height="270" src="//www.youtube.com/embed/fs5G0ZYDjZc" width="480">

Deu vontade de ir visitar!




Inspiração

2014-01-17T08:47:15.824+02:00





"כי האדם עץ השדה"

2014-03-03T11:34:13.717+02:00

"o homem é uma árvore do campo" (Devarim 20:19)Durante a festa de Rosh Chodesh das mulheres da sinagoga que eu frequento, pediram para que a gente disesse qual árvore gostaríamos de ser. Árvore, não fruta. Gente, eu não fazia idéia. Engraçado como não me vinha na cabeça nomes de árvores associados às suas imagens. Sei lá, não me lembrava como é uma macieira ou mangueira ou goiabeira...Então aproveitando o clima de Tu B'Shvat, resolvi pesquisar sobre as árvores associadas às 7 espécies de Israel. Olhem só que lindo!1. Trigo            3. Azeitona       5. Figo       7. Romã2. Cevada        4. Tâmara        6. UvaAcho que eu seria uma tamareira! E vocês??[...]



X-Factor Israel

2014-01-16T19:29:41.845+02:00

Ontem foi a final do X-Factor Israel. Confesso que não acompanhei o programa, mas quando vi, de cara me chamou atenção uma coisa: a Bar Rafaeli falando hebraico! Estava tão acostumada a ver fotos dela em sites internacionais, sempre com notícias em inglês ou português, e sempre em situações de luxo e glamour, que não associava a imagem dela à sua língua-mãe. Ela foi a apresentadora do programa durante toda a temporada. Olhem só pra ver se não é estranho:

allowFullScreen='true' webkitallowfullscreen='true' mozallowfullscreen='true' width='320' height='266' src='https://www.youtube.com/embed/wUdpiJ2VpjI?feature=player_embedded' FRAMEBORDER='0' />


Outra curiosidade do programa foi a vencedora: Rose Fostanes, uma filipina de 47 anos que está em Israel há 6 anos trabalhando como cuidadora de uma senhora. Ela canta excepcionalmente bem, porém seu visto de trabalho é específico para a tarefa que ela vinha exercendo e ela é proibida de receber remuneração por qualquer outro tipo de trabalho. Espero que encontrem alguma solução para o caso, porque a vitória dela foi merecida e seria muito triste ela perder o contrato que ganhou na competição... Olhem o poder da pessoa na final:

allowFullScreen='true' webkitallowfullscreen='true' mozallowfullscreen='true' width='320' height='266' src='https://www.youtube.com/embed/32lpI2E8wpk?feature=player_embedded' FRAMEBORDER='0' />


Enfim, coisas que só acontecem nessa terrinha...




Tu B'Shevat

2014-03-03T11:34:27.626+02:00

Amanhã a noite começa a festa de Tu B'Shevat, durante a qual celebramos o ano novo das árvores. A contagem de anos para assuntos referentes às leis agrícolas em Israel é feita a partir dessa data.Realizamos um "seder" (como o de Pessach), cuja estrutura foi criada pelo grande cabalista Arizal. E também temos o costume de comer as frutas conhecidas como as "7 espécies de Israel".Inspirada pela data, montei uma versão "mulherzinha" das 7 espécies para alegrar o chag! TrigoColar ChanelCevadaPingente inspirado na moeda de 1 centavo, que circulava em Israel nos anos 70AzeitonaLoção Hidratante com extrato de azeitonas, da L'OccitaneTâmaraCreme esfoliante da Ahava, com semente de tâmarasUvaVestido Moschino Cheap & Chic - verão 2012FigoPerfume Acqua di Parma Blu Mediterraneo Fico di AmalfiRomãLoção Hidratante Regenerante de Romãs da WeledaChag sameach![...]



Saúde é o que interessa!

2014-01-14T23:00:57.815+02:00

Há algum tempo, eu venho tentando melhorar a alimentação. Comer mais cereais integrais, evitar refrigerantes, trocar o açúcar refinado pelo açúcar demerara e etc. Influência da super nutricionista Dra Andrea Sta Rosa, que me salvou quando virei um balão na gestação do meu primeiro filho! Além de me ensinar um monte de coisas novas, ela montou uma dieta baseada nos meus gostos e na minha rotina, totalmente diferente do que eu estava acostumada quando ia em outros profissionais. Super recomendo!Nesse processo, passei a comer coisas novas, como linhaça, chia e outras sementes. E ai surgiu a dúvida: que brachá fazer?? Fui pesquisar e trago as respostas aqui para vocês!Quinoa:Brachá Rishoná: HaadamáBrachá Acharoná: Borê NefashotLinhaça:Brachá Rishoná: HaadamáBrachá Acharoná: Borê NefashotBurgul (trigo)Brachá Rishoná: MezonotBrachá Acharoná: Al HamechiáChia:Brachá Rishoná: HaadamáBrachá Acharoná: Borê NefashotCouscous integral:Brachá Rishoná: MezonotBrachá Acharoná: Al HamechiáAveiaBrachá Rishoná: MezonotBrachá Acharoná: Al HamechiáGranola*Brachá Rishoná: HaadamáBrachá Acharoná: Borê Nefashot*há discussão, com alguns afirmando que seria "mezonot" ou até mesmo "shehacol". Melhor se consultar com um rav.Nozes:Brachá Rishoná: HaêtzBrachá Acharoná: Borê NefashotCastanhas:Brachá Rishoná: HaêtzBrachá Acharoná: Borê NefashotAmêndoas:Brachá Rishoná: HaêtzBrachá Acharoná: Borê NefashotAgora não tem mais desculpa para não melhorar a alimentação! ;D[...]



Frases que eu adoro!

2014-01-13T12:43:33.679+02:00

"My strength never came from political echelons, it came from the family. And from the fields and the lands and the flowers and everything I see there. My strength came from there."

A outra face de Ariel Sharon (Z"L), o ex-Primeiro Ministro de Israel que faleceu no último sábado e era mais conhecido por sua bravura e seus grandes feitos militares.




Shabat com estilo! =D

2014-01-10T12:34:26.235+02:00

Traduzindo:

"Que legal, encontrei um vestido maravilhoso pro shabat!
Como eu faço para estragá-lo?"

Hahahahah!!! Genial! Muito israelense mesmo!!!

Shabat shalom!!!



Agora sim!

2014-01-10T07:30:00.253+02:00

Bem no começo do blog, postei sobre mesa de shabat, e um dos comentários foi que dava muita preguiça de montar uma mesa linda e cheia de louças e talheres especiais porque depois a gente teria que lavar tudo com aquela escovinha horrível.


Pois ontem eu fui no supermercado e vi essa novidade maravilhosa: esponja para shabat "leló chashash schitá"; ou seja, sem problemas de transgredir a proibição de espremer no shabat! Tem selinho de certificação rabínica e tudo!


Agora eu quero ver todo mundo tirando a louça de porcelana e os copos de cristal do fundo do armário!



A saga do vestido

2014-01-13T12:06:43.747+02:00

Casamentos no Brasil sempre me dão um trabalhinho... É tão complicado encontrar um vestido lindo, elegante e que cubra os braços, o decote e não seja curto demais!!! E para cobrir a cabeça sem usar peruca e sem parecer maluca, faz como?Outra complicação é que aqui em Israel, as pessoas se vestem de maneira muitíssimo mais simples em casamentos, nem perto dos padrões do Brasil. E o gosto das israelenses, sob meu ponto de vista, é no mínimo duvidoso... Uma amiga querida fez aqui o vestido de noiva, e em cima da hora, a estilista resolveu fazer a parte da frente toda transparente, como se fosse um corselet de lingerie, sabem? Terror e pânico, tadinha!!! No final, ela fez a estilista refazer o vestido todo, da maneira como elas tinham combinado. Ufa.E ai que meu cunhado estava com casamento marcado e eu não conseguia achar nada legal por aqui, com o agravante de que, sendo da família, a gente ia ter que fazer parte daquele cortejo, onde todo mundo fica te olhando e analisando cada mínimo detalhe... Como nenhum dos convidados era religioso, seria uma oportunidade de fazer "hilul hashem" ou "kidush hashem", dependendo do modelito que eu escolhesse.Resolvi procurar a Lethicia Bronstein, que fez meu vestido de noiva, mas como ela está ultra badalada hoje em dia, fazer um vestido sob medida estava fora do meu orçamento. Descobri que ela tinha desenhado uma coleção de vestidos de festa para uma marca chamada Corporeum, e dando uma olhada nos modelos, encontrei um lindo que estava quase perfeito!Perguntei pra Lethicia se ela poderia aumentar a manga do vestido e, sempre fofa e atenciosa, ela não só concordou como correu atrás de sobras do tecido na fábrica da Corporeum e conseguiu!!!! Gente, fiquei tão feliz que vocês não podem imaginar!!! E ela ainda concordou em fazer um lenço da mesma cor do vestido pra eu usar na cabeça! Melhor impossível!Quando cheguei no Brasil, visitei o atelier pra tirar as medidas e em poucos dias tudo estava pronto! Eu simplesmente amei!!! Deu tudo certo, graças a D's, e na noite do casamento recebi infinitos elogios!!! Foi muito legal! Todo mundo me falava: "Caramba, que religiosa chique!" Hahahah!!! Não tenho muitas fotos ainda, mas acho que nessa aqui dá pra ter uma idéia de como ficou.Enfim, essas preocupações com moda, beleza e etc muitas vezes são vistas como fúteis e vazias, mas é interessante perceber que também através delas podemos fazer "kidush hashem" e quebrar esteriótipos, aproximando as pessoas de suas raízes.É ou não é? ;D[...]



אייכה

2014-01-03T08:04:40.966+02:00

De tempos em tempos, me apaixono por alguma música que escuto e ela não sai da minha cabeça por nada. Essa semana, ouvi uma versão de אייכה maravilhosa e queria dividir com vocês! A letra fala de um homem judeu desesperado e triste buscando por D's, e fez seculares e religiosos se identificarem imensamente. Ai vai:


allowFullScreen='true' webkitallowfullscreen='true' mozallowfullscreen='true' width='320' height='266' src='https://www.youtube.com/embed/32rB20Cx6J0?feature=player_embedded' FRAMEBORDER='0' />

Outras versões dessa linda música:

allowFullScreen='true' webkitallowfullscreen='true' mozallowfullscreen='true' width='320' height='266' src='https://www.youtube.com/embed/Ti4Vlvyuk-Y?feature=player_embedded' FRAMEBORDER='0' />


allowFullScreen='true' webkitallowfullscreen='true' mozallowfullscreen='true' width='320' height='266' src='https://www.youtube.com/embed/dWTqNCJFiQw?feature=player_embedded' FRAMEBORDER='0' />

Lindo, né?




Welcome back!

2011-05-29T08:20:46.255+03:00

Olá!!!!
Depois de uma (longa) pausa, finalmente estou de volta ao blog!!!! Êêêê!!!!!!
Tanta gente me disse que estava sentindo falta do Sheine Meidele, que me empolguei! Provavelmente não vou conseguir fazer posts diários, como estava fazendo uma época, mas também não vou ficar mais meses e meses sem dar sinal de vida... hehehe...
bje e bem-vindas de novo! =D