Subscribe: m.a.c.maniaca
http://macmaniaca.blogspot.com/feeds/posts/default
Added By: Feedage Forager Feedage Grade B rated
Language:
Tags:
acabamento  batom  batons  bem  cobertura  cor  ele  mais  maquiagem  matte  muito  não  pele  produtos  sem  tem   
Rate this Feed
Rate this feedRate this feedRate this feedRate this feedRate this feed
Rate this feed 1 starRate this feed 2 starRate this feed 3 starRate this feed 4 starRate this feed 5 star

Comments (0)

Feed Details and Statistics Feed Statistics
Preview: m.a.c.maniaca

M•A•Cmaniaca





Updated: 2017-11-21T08:22:48.861-02:00

 



Maquiagem: Curso de Aperfeiçoamento Profissional em Belo Horizonte

2016-09-22T18:22:04.131-03:00

Programa de curso de Aperfeiçoamento Profissional em Maquiagem Social e Noivas*Para visualização do meu portfolio  completo acesso www.karenlommez.com*Pode ser contratado um ou mais módulos, à escolha.*Elaboro programas personalizados, de acordo com as necessidades do(a) aluno(a).*Ofereço material para uso nas aulas, exceto pinceis.*O acompanhamento das técnicas é feito com face charts.*Emito Certificado.*É preciso trazer modelo para maquiar.* Contato para mais informações e orçamento: karenlommez@gmail.comMódulo 1 – Construindo a pele perfeita1.1  – A importância da limpeza e da hidratação da pele para a maquiagem: procedimentos e produtos.1.2  – Primers são essenciais? Quais os tipos e formas de aplicação?1.3  – Cobertura da pele: texturas, coberturas, acabamentos de bases e formas de aplicação para diferentes resultados.1.4  – Correção e camuflagem: como fazer correções e neutralização das imperfeições da pele, de acordo com o círculo cromático, sem mistério e sem exagero.1.5  – Pele de verdade: tipos, acabamentos, efeitos e formas de aplicação de pós compactos e faciais.Módulo 2 – Esculpindo o rosto de forma personalizada2.1 – Formatos de rosto no Visagismo.2.2 – Produtos para dar dimensão à face: base, corretivo ou pó?2.3 – Contorno e iluminação para valorização de cada formato de rosto e traços fisionômicos.2.4 – Strobing e Chroming: tendências da moda.2.5 – Blusher e Brozer: formas de aplicação para diferentes efeitos.Módulo 3 – Olhos para causar**cada técnica corresponde a uma aula3.1 – Técnicas de olhos3.1.1 – aula 1: Pálpebra Luz (centro iluminado).3.1.2 – aula 2: Smoky Eyes (preto).3.1.3 – aula 3: Make Glam (esfumado diagonal com preto, cor e glitter).3.1.4 – aula 4: Make Diva (côncavo esfumado com delineador gatinho).3.2 – Pincéis para olhos: aplicação de sombra, esfumados e delineação. 3.3 – Produtos para olhos: efeitos, texturas, acabamentos.Módulo 4 – Olhos de gata4.1 – Produtos: qual é o melhor delineador?4.2 – Pincéis para delineação.4.3 – Gatinho simples.4.4 – Gatinho alongado.4.5 – Gatinho duplo (duas cores).4.6 – Gatinho duplo (dois traços).4.7 – Gatinho gráfico (grosso, degrau, estilizado).Módulo 5 – Noiva atemporal5.1 – Produtos: o que usar e o que evitar na maquiagem para noivas.5.2 – Estilos de noivas (campestre, romântica, clássica, sofisticada, vintage, étnica, noturna e diurna).5.3 – Harmonia e combinações de cores que resistem ao tempo.5.4 – Pele: preparação completa para uma maquiagem à prova de choro, abraços e muita dança!5.5 – Delicadeza: técnicas para olhos que não descaracterizam a noiva.5.6 – Linda pessoalmente, linda nas fotos: Blusher, Bronzer, Contouring e Strobing.5.7 – Toque final: sobrancelhas, cílios postiços e acabamentos.5.8 – Noiva satisfeita: atendimento e elaboração teste de maquiagem e de contrato de prestação de serviços.Módulo 6 – Sempre Jovem (pele madura)6.1 – Princípios da maquiagem para pele madura.6.2 – Produtos: o que usar e o que evitar na maquiagem da pele madura.6.3 – Pele leve e iluminada que rejuvenesce.6.4 – Beleza sem limites: olhos, lábios e faces.Módulo 7 – Black Power7.1 – Segredos da maquiagem para pele negra.7.2 – Harmonia e combinações de cores que valorizam.7.3 – Pele perfeita: cobertura para uma pele em tons vivos ou como evitar o acinzentamento e o efeito máscara.7.4 – Olhos mágicos: técnicas para valorização dos olhos das mulheres negras.7.5 - Blusher, Contouring e Strobing.Módulo 8 – Face Chart8.1 – Importância do processo criativo na maquiagem.8.2 – Papel, produtos e pinceis para elaboração do face chart.8.3 – Técnica de elaboração do face chart. Módulo 9 - Consultoria de produtos e montagem do kit profissional de maquiagem.[...]



MUDANÇA

2015-09-30T19:48:43.368-03:00

Depois de muito tempo sem postar volto para comunicar a vocês uma mudança! Inicialmente, meu plano era retomar as postagens do blog. Fazer um post exige tempo: pensar numa pauta, testar produtos, fotografar, editar fotos, escrever...  

Meu trabalho como maquiadora toma todo meu tempo, de segunda a sábado e, às vezes, até domingo. Por meses lutei contra a ideia de finalizar o blog. Afinal, foram vários anos de trabalho. Infelizmente, não tenho mais condições de me dedicar à elaboração de conteúdo de qualidade, como vocês merecem.

Não alimentarei mais o Macmaníaca, mas o conteúdo continuará disponível. Agradeço imensamente o carinho e a participação de todos vocês, que foram a razão deste blog existir por tanto tempo! Vocês e o blog foram essenciais para minha realização como maquiadora.

Contudo, continuaremos em contato! A partir do dia 01/10 vocês poderão acompanhar meu trabalho e novidades sobre produtos (num outro formato, mais breve), cursos e serviços através do meu novo site


Aguardo sua visita!!!
Um grande beijo!!!



Sumida

2015-01-01T21:12:36.300-02:00

Oi pessoal, tudo bem?

Vim aqui rapidinho só pra dar satisfação mesmo! Em 2014 postei muito pouco e faz bastante tempo que sumi. Sei que tenho leitoras fiéis que gostariam que eu estivesse mais presente por aqui. Não foi falta de interesse por vocês nem pelo blog, foi falta de tempo mesmo. 

Diferente de muitas blogueiras, não vivo do blog nem para o blog (não tem nenhuma crítica nisso). Vivo do meu trabalho como maquiadora, que, felizmente, tem ido muito bem. Neste ano que acabou, trabalhei muito, como nunca na minha vida. De segunda a sábado, até 22h quase todos os dias. Mesmo nos dias em que tive folga, minha prioridade acabou sendo descansar um pouco ou resolver coisas que não conseguia devido à minha rotina. Durante quase todo o ano o único tempo que me restou, e pro meu marido, foi um mísero domingo.

Além do meu trabalho como instrutora no curso de Maquiador Profissional no SENAC/MG e do atendimento à minha clientela, fiz muitas outras coisas e realizei sonhos em 2014. Participei da elaboração de um trabalho enorme e de grande responsabilidade junto ao Departamento Pedagógico Nacional do SENAC, que durou seis meses de dedicação e que só acabou agora em dezembro, mas que terá ainda muitos desdobramentos em 2015. 

No ano que passou vivi exclusivamente voltada para o trabalho e, infelizmente, colhi também alguns frutos negativos no que diz respeito à minha saúde, sem dizer o quanto o blog ficou abandonado. Tenho pensado muito sobre uma forma bacana de retomar os posts e recuperar o tempo perdido, conciliando com tudo que tenho feito.

No momento, estou de férias e em recuperação da minha saúde, mas em breve espero voltar com novidades e com o apoio de vocês! Obrigada a todas que me escrevem dizendo que sentem minha falta, pedindo minha volta, que me encontram na rua e comentam o quanto gostam do blog e do meu trabalho!

Um grande beijo e um maravilhoso 2015!
Karen Lommez



Batons M.A.C: Dodgy Girl, Riot House, Kelly Yum-Yum (Kelly Osbourne) e Pure Heroine (Lorde)

2014-08-17T14:35:13.568-03:00

A M.A.C tem lançado tantas coleções que não tenho conseguido acompanhar. Tenho comprado poucos produtos de coleção, mas me interessei pelos batons da Kelly Osbourne (menos o nude) e pelo batom da Lorde. Gostei muito de alguns e nem tanto de outros...Da esquerda para a direita: Riot House, Kelly Yum-Yum, Dodgy Girl e Pure Heroine Dodgy GirlÉ meu favorito de longe, um tom de lavanda diferente, mais escuro, mais intenso, mas não chega a ser vibrante. Seu acabamento é matte; a durabilidade e a cobertura são muito boas. Fica bem nas branquinhas. Em peles muito quentes ou bronzeadas ele vai sobrepujar o tom da pele - em outras palavras, só vai aparecer boca, de uma forma negativa.Riot House Me arrependi muito de ter comprado esse. Achei que fosse um laranjinha um pouco mais vivo, mas ele é muito esbranquiçado, muito feio. Nem na minha pele que é bem clara ele ficou bom. Talvez o único jeito dele funcionar seja com uma maquiagem super dramática, com um olho bem preto e uma pele bem corrigida, numa pessoa de pele bem clara e de estilo igualmente dramático. Ou seja, em condições muito específicas. Seu acabamento é matte. Vou usar para matizar outros batons.Kelly Yum-Yum Esse eu encomendei por puro surto. Como amo esse tipo de rosa, fiquei com medo de não encomendar e depois me arrepender. Embora eu tenha muitos batons dessa família de cor, imaginei que o pink da Kelly seria bapho. Poderia viver sem ele, mas não me arrependi de tê-lo comprado. O Kelly Yum-Yum é parecido, mas não é igual a nenhum... Bem menos azulado e neon que o Candy Yum-Yum, tem acabamento satin e não matte. O Kelly é sua versão mais democrática na cor e no acabamento. Ele é bem menos seco e tem um certo brilho, em função do seu acabamento. Tinge os lábios: depois que a massa do batom sai, eles continuam coloridos. Muita gente não gosta disso, mas eu acho ótimo, pois dá para esquecer o retoque por mais tempo que um batom cremoso e fica bonita a boca colorida sem textura de batom. Poder criar esse efeito de lip stain, na minha opinião, é umas das coisas mais legais desse batom.  Pure HeroineO batom da Lorde para a M.A.C é um violeta escuro e intenso, de acabamento amplified creme. Não tem a cobertura total de um batom matte, mas cobre bem e tem muita pigmentação. Precisa ser usado com contorno labial para não escorrer, pois é bastante cremoso. Requer retoques mais freqüentes em função do acabamento. Gostei muito dele. A cor é linda e fica ótima em pessoas de peles claras e frias (sobretudo se tiverem cabelos escuros) e em peles negras de tons mais fechados, escuros. Da esquerda para a direita: Dodgy Girl, Riot House, Kelly Yum-Yum e Pure HeroineNotem, na foto acima, os diferentes acabamentos. Os dois primeiros são matte, totalmente secos e sem brilho. O terceiro é satin, tem um leve brilho. O quarto é amplified creme, com seu brilho molhado. Na foto abaixo, comparo O Candy Yum-Yum com o Kelly Yum-Yum e o Heroine com o Pure Heroine. As diferenças são bem visíveis. Da esquerda para a direita: Candy Yum-Yum, Kelly Yum-Yum, Heroine e Pure Heroine.Não pesquisei direito antes de encomendar os batons. Se tivesse pesquisado não teria pedido o Riot House. Espero que esse post ajude vocês a decidirem possíveis compras![...]



SWATCHES E RESENHA: BATONS MAC DANGEROUS (RETRO MATTE), VIVA GLAM III (MATTE) E MEDIA (SATIN)

2014-06-15T20:09:13.466-03:00

Hoje mostro para vocês três batons da M.A.C: Media (satin), Viva Glam III (matte) e Dangerous (retro matte).  A qualidade dos batons da M.A.C é inquestionável e, para uso profissional, gosto muito dos batons de acabamento retro matte, matte e satin, por serem mais consistentes e terem alta pigmentação e durabilidade. O satin, na minha opinião, em termos de acabamento, está entre o matte e o cremoso.   Da esquerda para a direita: Media, Viva Glam III e Dangerous Abaixo, amostras dos três batons, fotografadas em luz natural:Da esquerda para a direita: Media, Viva Glam III e Dangerous  MediaO Media é um tom de vinho que a marca define como roxo avermelhado intenso. Seu acabamento é satin, e portanto, tem leve brilho acetinado, alta pigmentação e boa cobertura. Sua textura é leve e macia. É consistente, mas não é seco, então a aplicação é fácil e a durabilidade é boa, de cerca de 3 horas sem necessidade de qualquer retoque.Viva Glam IIIO Viva Glam III é definido pela marca como um ameixa amarronzado apagado. É um tom neutro mais escuro, bem elegante. Seu acabamento é matte, fosco. Tem alta pigmentação e cobertura total. Apesar de ter aparência seca,  não é difícil de aplicar e nem desconfortável. Sua durabilidade é excelente, de pelo menos 4 a 5 horas sem retoques. DangerousO Dangerous é um dos retro matte, irmãos de acabamento do Ruby Woo lançados no ano passado (Flat Out Fabulous, All Fired Up, Runway Hit e Relentlessly Red aqui). Seu acabamento é extremamente seco e sua aparência nos lábios é aveludada. O efeito é lindíssimo e o tom de vermelho-alaranjado combina demais com as peles amareladas, douradas e acobreadas de grande parte das brasileiras. Por ser bem seco, sua aplicação é mais difícil. Um lápis ou um pincel podem ajudar a desenhar o contorno labial. Contudo, é justamente sua textura seca que garante uma durabilidade incrível de pelo menos 6 horas sem retorques, além do aspecto aveludado. Lábios devem ser hidratados antes e depois do uso para evitar o ressecamento. Como eu sempre uso batom matte, não senti que meus lábios ficaram mais ressecados após usá-lo o dia todo. Acredito que minha pele já se acostumou a esse acabamento. Quem não tem costume de usar batons mais secos pode sentir algum incômodo. Sou apaixonada pelos retro matte e indico muito essa tonalidade, e as mostradas no post "linkado" acima, por sua beleza especial. Sua pigmentação é excelente e sua cobertura é total.Todos os três têm o tradicional cheirinho de baunilha, leve e delicioso, dos batons da marca. Lembro que todo o valor da venda dos batons e demais produtos da linha Viva Glam é revertido para o M.A.C AIDS Fund, entidade de apoio a soropositivos.  São três batons marcantes, para intenções e gostos diferentes. Recomendo os três![...]



Swatches e Resenha: Batom Ultra Color Fúcsia Matte e Rubi Matte da Avon

2014-05-11T18:21:30.419-03:00

Recentemente a Avon lançou novas tonalidades de batom matte. Logo que reformulou sua linha de maquiagem, a marca lançou batons que chamava de matte, embora em seus catálogos a nomenclatura adotada era soft matte. Comprei o batom Cereja Matte e mostrei aqui. Ele me decepcionou em parte, porque de soft matte não tem nada, muito menos de matte. É um batom cremoso. Agora que lançaram novas cores matte, resolvi, mais uma vez, testar o acabamento. Escolhi as duas cores mais intensas: Rubi Matte (vermelho clássico) e Fúcsia Matte.O preço que paguei em cada um foi cerca de R$15 e não me lembro sei foi valor promocional. Para ser muito sincera, não preciso de mais nenhum batom na minha vida, mas sou boba e frequentemente caio na tentação quando vejo cores lindas e a promessa de batons matte (meus preferidos #vício) baratos. Sobre as cores, são realmente muito lindas e ótimas opções para quem anda sem grana e busca batons marcantes. O vermelho, como disse, é um tom super clássico de vermelho de fundo mais azulado, elegante e, ao mesmo tempo, moderno. O fúcsia é a cor da moda, a cor do ano e a minha cor preferida. É simplesmente maravilhoso! Abaixo, amostras do Fúcsia Matte e do Rubi Matte fotografadas em luz natural: Fúcsia Matte (à esquerda) e do Rubi MatteFúcsia MatteAcabamento: o Fúcsia Matte tem um acabamento que eu chamaria de soft matte a matte, pois não tem brilho molhado mas também não tem aparência muito seca. Apesar a aparência sem brilho ele é levemente mais úmido que o batom matte da M.A.C, por exemplo.Textura: leve, macia, fina, de fácil aplicação e uso muito confortável. Fixação/durabillidade: boa. Cerca de 5 horas sem retoque (sem comer). Pigmentação: alta.Cobertura: alta.Embalagem: bonita e resistente.Cheiro/sabor: leve e agradável, sem gosto pronunciado de matéria prima.Custo-benefício: muito bom.Dupe: O Fúcsia Matte não é idêntico, mas se parece muito com o Shocking Pink Matte da Nyx, sendo levemente menos azulado. E é um pouco mais claro e menor arroxeado que o falecido Gladiola da M.A.C. O efeito nos lábios é muito semelhante. Substitui bem qualquer um deles.Da esquerda para a direita: Shocking Pink (NYX), Fúcsia Matte (Avon) e Gladiola (M.A.C) Rubi MatteAcabamento: o Rubi Matte tem um acabamento que eu chamaria de acetinado, pois tem um leve brilho, correspondente ao dos batons satin da M.A.C, por exemplo.Textura: leve, macia, fina, de fácil aplicação e uso muito confortável. Fixação/durabillidade: mediana. Cerca de 3 a 4 horas sem retoque (sem comer). Depois disso perde gradualmente a cor, provavelmente por ser mais umectante.Pigmentação: boa. Um pouco menor que a do Fúcsia.  Cobertura: boa. Também menor que a do Fúcsia, que já cobre totalmente os lábios na primeira passada. O Rubi Matte dá uma boa cobertura de cor, mas com um efeito levemente translúcido. Reforçando a aplicação aumenta-se a cobertura.Embalagem: bonita e resistente.Cheiro/sabor: leve e agradável, sem gosto pronunciado de matéria prima.Custo-benefício: bom.Dupe: O Rubi Matte é dupe do M.A.C Red da M.A.C. Mesma cor e acabamento muito semelhante. O gringo tem melhor pigmentação e cobertura (perceba nas bordas das amostras, na foto abaixo).Da esquerda para a direita: M.A.C Red (M.A.C) e Rubi Matte (Avon)Vocês já testaram as novas cores da Avon? O que acharam? Beijos![...]



Maquiagem Artística: Branca de Neve

2014-04-18T01:37:57.544-03:00

Quando minha amiga Annie Donato fez uma montagem me comparando com a Branca de Neve achei que realmente havia algumas semelhanças.Me deu vontade de fazer uma maquiagem artística com o tema, mas numa versão bem diferente da clássica princesa da Disney. Digamos que a minha Branca de Neve é bem mais dramática (como sempre) e menos "boazinha". O formato das sobrancelhas, especialmente nessa primeira foto, mostra que ela não é ingênua e as linhas dos olhos mostram que ela é ativa e dinâmica. Basicamente uma princesa moderna..... rs A Annie, que também é maquiadora e consultora de moda em São Paulo (página dela aqui), até fez nova montagem, vejam:Nas fotos abaixo a expressão já é mais tradicional da personagem, mas mesmo com a expressão meiga e tranquila as sobrancelhas fazem diferença na leitura da personagem, assim como franja reta. Trata-se, enfim, de uma Branca de Neve com mais força e ousadia.O destaque da maquiagem está nos olhos, que devem parecer grandes de longe. Cílios em cima e embaixo são muito usados por bailarinas e atores para alcançar esse objetivo, junto com o lápis bege ou branco por dentro do olho (para palco o branco funciona melhor, diferente da maquiagem social). A delineação vem em cima e embaixo e é aberta, os traços não se encontram no canto do olho, truque que ajuda a alongar e abrir os olhos. Notem que é uma maquiagem artística e não social, que tem características mais marcadas que funcionariam bem inclusive num palco, à distância e com muita luz.Eu tenho olhos encapsulados, com a famosa pálpebra móvel "caída" ou "gordinha" e queria essa área bem clara, num tom bem gelado de prata. Isso só ressaltaria a característica e princesa que é princesa não tem olho com jeito de inchado. Ainda tenho supercílios enormes. Sendo assim, criei um degradê de beges e marrons do supercílio em direção ao côncavo, que foi marcado de forma gráfica com preto, como nas maquiagens dos anos 60. O degradê cria uma profundidade gradual e disfarça o tamanho do supercílio.  A pele é bem branca, claro. Usei base cremosa de alta cobertura para maquiagem artística. Fiz contorno bem leve, apenas para não deixar o rosto muito chapado. Se fosse realmente para o palco, daria uma reforçada nos contornos. Mas para as fotos não quis que competissem com os olhos e com os lábios acentuados, assim como com as maçãs do rosto tão vermelhinhas quanto a a maçã envenenada. Escolhi um blush cremoso fúcsia aplicado generosamente.Sob os olhos, dei um toque de glitter finíssimo branco de reflexo azulado, que remete à neve. A boca, como da princesa da Disney, é bem coradinha, escolhi batom fúcsia e apliquei no centro dos lábios o mesmo glitter que usei sob os olhos.Essa foi a brincadeira de ontem. Minhas férias estão acabando e simplesmente mal consegui postar, porque entrei de férias no Senac mas continuei trabalhando. Maquiei clientes, maquiei no Minas Trend Preview (nossa semana de moda), maquiei na gravação de dois DVDs, teve noiva, fiz curso de Visagismo e no meio de tanta coisa tive apenas alguns dias de descanso. Semana que vem volto ao trabalho, cansada mas feliz porque tive férias produtivas.Espero que vocês tenham gostado da maquiagem! bj[...]



Swatches e resenha: pigmentos e sombras Inglot

2014-04-04T17:38:25.846-03:00

Quem acompanha o blog há mais tempo sabe que eu amo as sombras e os pigmentos da Inglot, pela excelente qualidade e pela quantidade imensa de cores e de efeitos disponíveis. Os produtos da marca também têm um preço bastante honesto e excelente custo-benefício. O único porém é que não tem loja no Brasil. Eu costumo comprar os meus em viagens ou encomendo na Ultimate Beauty (loja virtual aqui), que me mandou alguns pigmentos e sombras para testar e mostrar aqui no blog. Da esquerda para a direita: pigmentos 31, 30 e 67Em cada embalagem (linda, luxuosa e robusta) vem 2g de produto, o que teoricamente não é muito, mas na prática é uma quantidade boa, que custa a acabar, pois pigmentos são produtos que rendem muito. Na cartela de cores da marca existem pigmentos cintilantes, metalizados, particulados e também o glitter. Tem todas as cores e para todos os gostos!Da esquerda para a direita: pigmentos 31, 30 e 67O pigmento 30 é um dourado bem claro e cintilante que pode ser usado como sombra ou mesmo como iluminador. O 67 é um tom entre o ouro e o cobre, com brilho bem metalizado e é uma cor que harmoniza bem com as peles de tom quente da maior parte das brasileiras. O 31 é um verde floresta bem cintilante, ótimo também para peles quentes.Da esquerda para a direita, amostras dos pigmentos 30, 67 e 31 fotografados sob luz direta do sol.  Da esquerda para a direita, amostras das sombras 502 e 463 e dos pigmentos 30, 67 e 31 fotografados sob luz natural. As sombras que recebi foram as 502 e a 463. A 502 é um cinza de base matte com brilhos tão pequenos e sutis que nem consegui distinguir cor, mas que dão uma "sedosidade" para a sombra. Na paleta abaixo é o terceiro cinza na terceira coluna.    A 463 é um bege claro de base matte, cor de areia, com micro brilhos dourados, que ficam bem sutis e serve como uma sombra iluminadora leve, que realça sem destacar demais. Na paleta abaixo é a primeira sombra da fileira de cima.A Inglot tem o Freedom System, que consiste no sistema em que o cliente customiza sua paleta de sombras (com 2, 5, 10 ou 20 espaços), comprando paletas e sombras separadamente. Eu pessoalmente acho que esse sistema vale muito a pena, pois cada um compra quantas e quais sombras quiser.Quem conhece as sombras da marca sabe que a pigmentação é simplesmente indecente e que a quantidade de produto é ótima, cerca de 2,5g contra 1,5 das sombras da M.A.C, e é ainda mais barata que as da marca canadense. Amo as sombras da Inglot. Elas têm uma textura super fina e macia e por mais que as use, custam a desgastar.A Renata e a Daniela, da Ultimate Beauty, estão com nova viagem para os EUA marcada para o final de abril e já estão aceitando encomendas de produtos da Inglot e das melhores marcas de maquiagem do mundo. Interessadas podem entrar em contato através da página do Facebook, cujo link se encontra no início desta postagem. [...]



Swatches e resenha: novos batons matte Eudora Coral Autentika e Rosa Marcante (e comparação com Flat Out Fabulous M.A.C)

2014-03-09T14:45:09.371-03:00

Foram lançadas mais quatro cores de batom matte na linha Soul kiss me da Eudora. Ganhei o Coral Autentika e o Rosa Marcante, que é um tom lindo de magenta muito semelhante ao famoso batom retro matte Flat Out Fabulous da M.A.C (resenha aqui). Os batons matte da Eudora têm um preço super legal e uma qualidade boa. Ótimo custo-benefício. As características dos que mostro hoje são as mesmas dos primeiros batons matte lançados pela marca. Tem resenha deles aqui, por isso não repetirei a análise mais detalhada neste post. Abaixo, amostras do Coral Autentika (à esquerda) e do Rosa Marcante, fotografadas em luz natural:Nas amostras nos lábios, abaixo, é possível ver que os batons ficam bem sequinhos, sobretudo o Coral. A cobertura do Rosa é perfeita, a do Coral, por ser uma cor bem clara, fica com leves falhas, que podem ser corrigidas com aplicação com pincel. Na última foto mostro, no meio, o Flat Out Fabulous da M.A.C, do lado esquerdo o Rosa Marcante da Eudora e do lado direito o Fucsia Mate da Contém 1g.O Rosa Marcante é um pouco mais escuro e menos vivo que o Flat Out Fabulous, mas quase tão seco quanto ele. O seu acabamento se aproxima muito do retro matte. O Fucsia tem a cor praticamente igual à do Flat Out Fabulous, mas não é tão seco. Ambos são bons substitutos do batom famoso. O batom da Eudora é sem dúvidas o melhor custo-benefício, pois é bem baratinho e super digno. Eu adorei e indico para quem não encontrou o divo da M.A.C ou não pode pagar por ele. Espero que vocês tenham gostado da dica! bj[...]



Maquiagem Artística: máscara de Carnaval

2014-02-28T13:57:39.239-03:00

Vocês sabem que Carnaval para mim é pretexto para fazer maquiagens artísticas e para brincar bastante com a criatividade. A última que fiz foi essa máscara diferente, pois não tem o formato tradicional. Não a fiz para ir a nenhum bloco ou festa em particular. Fiz como um exercício técnico e criativo mesmo. Fiz, fotografei e tirei. Uma coisa que muitos maquiadores não entendem é que para serem criativos não dependem simplesmente de um dom divino. Claro que para algumas pessoas é mais fácil trabalhar de forma criativa, mas o fato é que tudo que as pessoas chamam de dom é formado, de um lado, de habilidade e, de outro, de dedicação, de treino, de tentativa e erro, de persistência. Isso é o que torna possível que o talento se desenvolva em realizações fora do comum. Nenhum bom resultado vem sem esforço, mas hoje a maioria das pessoas acha que se tornarão excelentes profissionais num toque de mágica, naturalmente. Todo grande profissional trabalhou muito e conscientemente para chegar à excelência. Quem está de fora só vê os resultados e acha que é puro e simples talento. Eu não acredito nisso e me esforço, estudo e pratico diariamente para chegar onde almejo. Por tal motivo, sempre que posso faço exercícios que me desafiam, procuro fazer algo que nunca fiz, realizar uma ideia, por mais maluca e "inútil" que seja. Cada maquiagem que faço em mim ou em outra pessoa fora de trabalho, sem nenhuma razão, experimento coisas novas, avalio o que poderia sair melhor, que materiais poderia ou não ter usado, o que deveria ter feito diferente e o que saiu legal. Isso me ajuda demais a refletir sobre o que posso melhorar no meu trabalho e a evoluir. Na foto acima, mostro o croqui que fiz com a ideia original da máscara. Nas fotos abaixo, mostro como ela ficou na prática, no rosto que é superfície tridimensional. A ideia básica foi seguida, mas formato do olho teve que ser adaptado à anatomia do meu rosto. Acabei também acrescentando as pérolas, que fizeram toda diferença no resultado final.Fiz essa maquiagem toda à mão livre, sem ajuda de nenhum tipo de gabarito ou instrumento para facilitar os traçados. Levei 4 horas para chegar ao final. Nas fotos pude avaliar os pontos que podem ser melhorados, pois nelas os defeitos sempre ressaltam (fica a dica). No geral achei bom o resultado e pensei que seria interessante compartilhar com vocês um pouco da minha forma de pensar e agir em relação ao meu trabalho.Me desculpem a qualidade das fotos. Eu mesma tiro e não tenho uma máquina, nem técnica nem iluminação profissional. Tive que tirar todas sem flash, pois com ele esse tipo de maquiagem estoura, fica medonho. Então o foco mandou lembrança. A última foto então... é do Instagram, mas foi a que ficou melhor pegando a maquiagem de frente. Enfim, valeu a intenção de mostrar o resultado do meu exercício. Espero que tenham gostado! Bom Carnaval! [...]



COMO MONTAR UM KIT PROFISSIONAL DE MAQUIAGEM (ou um super kit pessoal)

2014-02-09T23:15:09.849-02:00

Atendendo a pedidos de muitas leitoras que estão investindo agora para se tornarem maquiadores profissionais, e também dos meus alunos do curso profissional do Senac Minas, o post de hoje mostra uma lista básica de produtos para uma maleta profissional.Não vou indicar marcas, apenas uma relação mínima de produtos com a qual é possível começar a atuar profissionalmente. Lembro que um bom maquiador não precisa ter todos os tons de base, pós, de batons... ele lança mão de misturas e de procedimentos de matização e de ruborização para alcançar o resultado esperado de cor e de efeito, mesmo com poucos materiais.   Não é preciso montar de cara uma maleta enorme e com todos os lançamentos das marcas celebradas do mundo para se obter bons resultados. É possível trabalhar bem com um arsenal relativamente restrito de bons produtos e acrescentar novidades aos poucos, à medida que a atividade traz retorno. A minha própria experiência, de quem comprou produtos demais, somada a de outros profissionais, me mostrou que a tendência dos maquiadores é usarmos, na maioria das vezes, o mesmo conjunto de produtos básicos e, eventualmente, aqueles diferentes e especiais. Alerto também para o fato de que quando começamos a maquiar a tendência consumista é grande. Queremos ter todos os produtos das marcas famosas, nos impressionamos com todos os lançamentos. Depois de um tempo percebemos que o ritmo de lançamentos que as grandes marcas estabeleceram hoje no mercado é simplesmente absurdo e obedece meramente ao interesse econômico da indústria, através do incentivo constante ao consumo. Na prática, é impossível lançar reais novidades em termos de fórmula, de cor, de acabamento, de efeito e etc em tal ritmo e constância. Percebemos, enfim, que são lançadas novas coleções, novas e lindas embalagens, mas que os produtos em si não têm tantas variações, considerando o conjunto de todas as boas marcas.  Portanto, sem desespero na montagem da maleta profissional! Vamos à lista!Instrumental1 placa de aço inox para coleta e mistura de bases, corretivos, batons1 espátula de aço inox para coleta e mistura de bases, corretivos, batons1 curvex1 tesourinha de ponta reta1 pinça1 pincel de base língua de gato1 picel de base flat top1 pincel de corretivo/sombra cremosa2 pincéis de batom2 pincéis de cerdas naturais para sombras tamanho médio (padrão) 1 pincel de cerdas naturais para esfumar1 pincel de cerdas naturais para iluminação e sombreamento1 pincel para sombras pequeno (para detalhes)1 pincel chanfrado1 pincel número 0 para delineação1 pincel para pó1 pincel para blush1 escova para sobrancelhas4 aplicadores de sombras de esponja cabo longo 3 esponjas de espuma para basePré-maquiagem 1 emulsão ou leite de limpeza facial - todos os tipos de pele1 demaquilante bifásico1 tônico hidratante - peles secas a normais1 tônico adstringente - peles mistas a oleosas1 gel hidratante facial - peles mistas a oleosas1 creme hidratante facial - peles secas a normais1 hidratante labial1 primer facialCobertura e correção 1 base cremosa ou líquida de cobertura média amarelada clara 1 base cremosa ou líquida de cobertura média amarelada média1 base cremosa ou líquida de cobertura média amarelada escura1 base cremosa ou líquida de cobertura média rosada clara1 base cremosa ou líquida de cobertura média rosada média1 base cremosa ou líquida de cobertura média rosada escura1 corretivo cremoso claro1 corretivo cremoso médio1 corretivo cremoso escuro1 corretivo cremoso pele negra1 corretivo cremoso amarelo1 corretivo cremoso verde1 corretivo cremoso coral  1 corretivo cremoso laranja1 corretivo cremoso vermelho1 corretivo cremoso lilásobservação: para uso profiss[...]



Maquiagem Artística: Carnaval

2014-01-26T19:40:29.905-02:00

Este ano o Carnaval é em março, mas já estou fazendo alguns ensaios de maquiagem para a ocasião. Não sou de pirar na festa, mas tenho gostado de participar de um bloco ou outro aqui em Bh. Nosso Carnaval tradicional de rua está renascendo, com muitos blocos, muitas marchinhas e muita irreverência e crítica social. É exatamente esse lado da festa que eu gosto. Assim como o lado da fantasia, da beleza, do lirismo e da arte.Desta vez resolvi fazer uma maquiagem bem tradicional, então duas figuras me vieram  cabeça: o palhaço e o pierrô. Este foi só um ensaio para testar alguns produtos e efeitos novos, descobrir se funcionariam, assim como para colocar em prática ideias, esquemas de cores e conceitos que estavam na manha cabeça. Tem várias coisas nessa maquiagem que quero mudar, aprimorar. Não fiquei exatamente satisfeita, mas foi um ótimo exercício, pois já sei tudo que preciso fazer diferente para a próxima. De toda forma, achei o resultado legal para a primeira tentativa e resolvi compartilhar com vocês. Tem hora que fico achando muito chato compartilhar no blog apenas resenhas de produtos quando, no  fundo, a experiência com a maquiagem vai tão além do consumo e do ter certas marcas. O que me faz amar a maquiagem é justamente o fato de que, além de ser um técnica embelezadora e corretora, é também uma arte que oferece inúmeras possibilidades de expressão, de transformação e de criação. Eu amo fazer esse tipo de trabalho! Espero que tenham gostado! bj[...]



Swatches e resenha: batons Passaneura e Trendy Twins da Tracta

2014-01-13T14:43:12.375-02:00

Recebi para testar mais dois batons do projeto Blogs da Tracta, o Passaneura, da queridíssima parceira Tatiana, e o Trendy Twins, da não menos querida Ana. São dois batons com propostas bem diferentes, para não dizer opostas. O Passaneura é o rosa avermelhado e o Trendy Twins é o roxo.Na foto abaixo é possível perceber porque são tão diferentes. O Passaneura na bala parece ter uma cor forte, mas ele é um batom cuja proposta é ter muito brilho e pouca cor e cobertura. Ele colore levemente a boca e hidrata bastante. Deixa aquele efeito rosadinho natural, um pouco inocente, que muita gente curte para o dia-a-dia. A durabilidade, como de qualquer batom desse tipo, não é muito alta. Ele é ideal para quem tem os lábios mais ressecados e gosta de maquiagem mais discreta Já o Trendy Twins é um batom cremoso com bastante cor, uma cobertura boa, mas não total como a de um batom matte. O tom dele é um violeta maravilhoso, que não é nem muito frio nem muito escuro. Apesar de cremoso, é consistente o suficiente para não escorrer e nem sumir da boca. A durabilidade é boa. Suas características são semelhantes aos do batom do blog Amamos Makes (resenha aqui). PassaneuraTrendy TwinsO Trendy Twins ficou estranho na foto porque fui ajeitar o contorno no lábio superior com um pincel meio duro e ele retirou massa numa parte e acumulou na borda. Relevem. No mais, cada batom com seu conceito, cada um para um gosto, ambos de boa qualidade e com um bom preço. Estão à venda, como todos os produtos do projeto blog, loja virtual da Tracta.  beijo![...]



Swatches e Resenha: batom Vamp It Up - Mega Last Lip Color Wet n Wild

2013-12-28T15:08:29.998-02:00

A linha Mega Last Lip Color da marca "de farmácia" americana Wet n Wild é conhecida por ter batons de cores incríveis, ótima qualidade e um preço muito bom. A cor que mostro hoje é o Vamp It Up, um batom roxo quase preto, cor de amora madura.Eu tenho muitas cores e simplesmente adoro esses batons. Resenhas de outras tonalidades aqui, aqui, aqui, aqui e aqui.Apesar de ser um batom bem barato, a embalagem é mais resistente que as dos batons de farmácia daqui do Brasil. E também é bem mais bonitinha. A única coisa que incomoda é que um pedaço da bala sempre fica para fora da parte inferior da embalagem. Ao abrir ou fechar, a tampa pode "mascar"  o batom. O Vamp It Up é exatamente da mesma cor que o Cyber da M.A.C (resenha aqui), que foi super sucesso no blog! No post sobre o Cyber eu explico em quais biótipos essa cor funciona bem. Esse tom de amora mete medo na maioria das pessoas, pois é muito escuro, muito fechado, muito ousado. Para alguns, remete ao gótico, mas para mim remete, antes de tudo, aos anos 20. Amo toda a estética da década de 20 e dela tirei a referência para meu novo corte de cabelo, que mostro no final este post.Abaixo, amostras do Vamp It Up (à esquerda) e do Cyber, fotografadas em luz natural e aplicadas em uma passada. A cor é a mesma, mas a pigmentação e a cobertura do batom baratex é superior. Ele não é mais escuro, ele é mais consistente e pigmentado, garantindo cobertura total e maior durabilidade. Seu acabamento é semi matte, bem semelhante ao dos batons satin da M.A.C - um intermediário, em relação ao matte e ao cremoso. Sua textura é ótima, ele é fácil de aplicar, não escorre e é confortável de usar.Adoro o Cyber, mas depois que testei o Vamp fiquei muito impressionada com a sua qualidade. Dá para obter a cor intensa também com o batom da M.A.C, sobrepondo algumas camadas, já que ele é menos concentrado.Abaixo, amostra do Vamp It Up nos lábios, fotografada em luz natural.O Vamp, assim como todos os batons da mesma linha, praticamente não tem cheiro e nem gosto, o que faz dele uma boa opção de batom para pessoas mais sensíveis ao perfume/cheiro e ao sabor de matéria-prima que muitos produtos têm. Acima, mostro a maquiagem que usei com esse batom outro dia. Bege rosado na pálpebra móvel , sombra iluminadora opaca nos supercílios, canto interno dos olhos iluminado com brilho, delineador gatinho bem longo no canto externo e puxadinho no canto interno. Usei ainda blush rosado e iluminador perolado.  A ideia foi deixar os olhos mais discretos em termos de cor, mas bem ousados em termos de efeito. Sinceramente não gosto de usar esse batom, tão escuro, sem nada nos olhos, pois dessa forma só se veria a boca. Com uma cor assim, alguma coisa nos olhos é importante para equilibrar a fisionomia.Aproveito para mostrar para vocês meu novo corte de cabelo. Antes ele estava bem assimétrico e desconectado, desfiado, com um lado bem curtinho e o outro um pouco maior, com franjão lateral. Agora a ideia é chegar ao chanel totalmente simétrico, com franja reta e nuca batida que a atriz Louise Brooks usava. Falta só crescer um pouco mais nas laterais. Eu estou amando esse corte e o fato de ter cabelo curto. É fresco, fácil de arrumar, versátil. Exige manutenção de 3 em 3 meses no máximo, o que acho ótimo, pois sempre posso mudar algumas coisa a atualizar o visual. Não tenho o menor apego pelo comprimento do cabelo. Quem cortou, mais uma vez, foi a Luciene Ferrari (e-mail: ferrarisangela@hotmail.com, celular: 31 87778189), minha amiga e instrutora do curso profissional de Cabeleireiro do Senac BH.  No mais, desejo a você[...]



Swatches e Resenha: batom Amamos Makes da Tracta

2013-12-15T19:46:44.058-02:00

Recebi da Nathy do blog Amamos Makes (e da Tracta) o seu batom, um pink lindo, do jeito que eu gosto. Ele tem um tom bem vivo e de base azulada, mas sem ser frio demais, o que o deixa mais "democrático" que um Candy Yum-Yum da M.A.C ou o Lollipop da Yes! (aqui), por exemplo.Sua embalagem é a tradicional da Tracta, branca com prata. O cheiro adocicado e a textura também são como os da maioria dos batons da marca. Gosto do cheiro e acho que o batom tem um leve sabor de matéria-prima. Seu acabamento é cremoso e tem um pouco de brilho molhado. A marca descreve o produto como batom hidratante. É de fácil aplicação, tem ótima cobertura e pigmentação. A durabilidade é compatível com a de um bom batom cremoso, que precisa ser reaplicado ao longo do dia, sobretudo depois da alimentação. Não é daqueles que somem em cinco minutos.Abaixo, amostra do Amamos Makes nos lábios, fotografados em luz natural. É possível notar que ele realmente cobre bem e tem bastante cor.Abaixo, amostras no braço do Amamos Makes, à esquerda, e do Pink Pigeon da M.A.C (aqui). Eles têm exatamente a mesma cor, são gêmeos nesse quesito. O que os diferencia é o acabamento, pois o batom da Tracta é cremoso e o da M.A.C é matte.  Gente, essa cor combina muito comigo! Combina perfeitamente com todas que têm a pele clara e "fria", rosadinha ou azulada. Por não ser frio demais, também fica bem em peles mais amareladas e até negras.Gosto muito de todas as variações de pink, então amei essa cor. Para quem gosta de batom de tom intenso e de acabamento mais cremoso e confortável, sem ser "melequento", o Amamos Makes é uma ótima opção! Beijo![...]



SWATCHES E RESENHA: MINERALIZE SKINFINISH SCENE TO BE SEEN - DIVINE NIGHT M.A.C

2013-12-01T16:51:08.973-02:00

A M.A.C já lançou sua coleção de fim de ano no Brasil - Divine Night. São muitos produtos e kits com embalagens lindas. Contudo, como maquiadora que já tem de tudo, eu me apaixonei apenas por um item, o Mineralize Skinfinish na cor Scene To Be Seen, um blush iluminador que é a mistura de dois tons de rosa.  O conteúdo é de 7,5g de produto, que é o tamanho regular dos iluminadores e pós Mineralize da M.A.C. A quantidade de produto é bem grande e dura bastante. Trata-se de um pó que tem um acabamento bem metalizado, cintilante, festivo.  São três opções de cores. Centre of Atention tem uma parte pêssego pastel com brilho rosa e outra de tom dourado bem vivo e brilhante, perfeito para peles claras amareladas. Perfectly Poised tem uma parte que é um tipo de coral com brilho dourado e outra que é cor de creme com brilho roxo-rosado, lindo para peles morenas e negras. O Scene To Be Seen tem uma área malva com brilho rosa e outra em tom de rosa puxado para "cor de tijolo" com partículas maiores douradas, fica ótimo nas peles claras e rosadas. Os três são lindos, mas o que harmoniza melhor com meu tom de pele é esse último.Na foto abaixo, no lado esquerdo da tela, a cor do meio, mais quente e com brilho dourado. No outro dedo o tom de malva com brilho rosado. Além de blush iluminador, dá para usar essas cores também como sombra.Mesmo com todo o brilho, tenho usado durante o dia, dosando a quantidade, como na foto abaixo. Na verdade, a foto não capta a beleza do brilho furta-cor desse produto. Gostei muito da durabilidade na pele - a fixação é realmente boa.Nas fotos abaixo, mostro à esquerda os dois tons misturados, no meio o tom do meio da embalagem e, por fim, o tom malva. Dá para usá-los separadamente ou misturados. Fica lindíssimo e, acreditem, a foto não captou nem metade da beleza do Scene To Be Seen.Recomendo muito os Mineralize Skinfinish da coleção Divine Night. São lindos e de ótima qualidade! bj [...]



Produtos Mary Kay que valem à pena!

2013-12-01T16:54:34.826-02:00

No post de hoje mostro uma seleção de produtos da Mary Kay dos quais gosto muito. Costumo indicá-los para as alunas do curso de maquiador que vão montar sua primeira maleta profissional. Para a maioria das pessoas, é complicado montar uma maleta somente com produtos das marcas mais importantes do mercado internacional, sobretudo porque produtos têm validade e, no começo da carreira, pode ser demorado formar clientela e o investimento pesado em material deve vir após a atividade começar a dar retorno.Sendo assim, é possível montar uma maleta de produtos de excelente qualidade e de ótimo custo benefício e ir com o tempo incorporando produtos mais caros. A Mary Kay é uma marca com excelentes produtos e um preço interessante. Obviamente, as indicações deste post servem também para quem não é profissional e procura produtos para uso pessoal.Acho importante, como maquiadora, indicar também produtos mais acessíveis, mesmo porque nem todo produto que é caro e famoso é realmente aquela maravilha. Aqui tem uma reflexão muito interessante da maquiadora Brena Braz sobre os hypes e o consumismo. Recomendo!Voltando aos cosméticos da Mary Kay, os meus preferidos são:Base Timewise MatteEssa base tem acabamento matte e cobertura média, sendo bastante versátil. Diluída em hidratante facial dá uma cobertura leve e não opaca, aplicada em duas camadas produz uma cobertura alta. A durabilidade e a capacidade de disfarce das imperfeições é realmente muito boa e a marca conta com opções mais amareladas e mais rosadas.Base em Pó MineralEssa base não tem aplicação profissional para cobertura da pele, mas é um excelente pó facial (pó solto), que ajuda a disfarçar as imperfeições, aplicada sobre base líquida ou cremosa, e é finíssima, proporcionando um acabamento natural e opaco. A embalagem, além de linda, é muito prática, com um sistema que permite abrir e fechar a o dosador por onde sai o produto. Pó Mineral compactoFiníssimo e aveludado, é um dos melhores pós que já usei. Deixa a pele muito bonita. Acho um excelente produto. O lado chato é que vem apenas o pan com o pó dentro de uma embalagem protetora de plástico, o que a compra do estojo para encaixá-lo. E o estojo é bem caro. Contudo, dá para usar o pó sem o estojo.Spray Fixador de MaquiagemFabricado pela Scandnavia, que também produz para a Urban Decay, é idêntico ao All Nighter (aqui), que é excelente! O preço é salgadinho, mas o produto é realmente eficaz e ajuda a manter a maquiagem por muito mais tempo. Eu AMO! Kit Lábios de SedaVem com um esfoliante e um balm labial, essenciais para tratar os lábios antes da aplicação da maquiagem. Adoro esse kit!E os outros produtos?Blush e Pó Bronzeador: são lindos e de ótima qualidade, mas vem pouca quantidade e tem poucas opções de cores. Vale analisar outras marcas, mas para quem tem facilidade de comprar e desconto, os da Mary Kay podem ser boa opção. Sombra Mineral: a marca recentemente aumentou a cartela de cores. Ainda não oferece tantas opções como outras marcas, mas tem uma boa seleção de cores, entre matte e cintilantes, neutras e vibrantes. As sombras são, em geral, macias e bem pigmentadas, com acabamentos e efeitos bem interessantes. Gosto muito de várias delas. Contudo, são muito pequenas e um pouco caras, considerando a quantidade de produto que vem.Como os pós compactos, vêm numa embalagem de plástico para proteger o pan, mas é preciso comprar o estojo ou adquirir a paleta imantada (para consultoras) para acondicioná-las de uma forma mais prática. É um sistema como [...]



Swatches e comparações: Batons Retro Matte M.A.C

2013-10-28T15:28:03.396-02:00

No post da semana passada, sobre os batons Retro Matte (aqui) da M.A.C, surgiram pedidos de comparações com outros batons da marca e de outras marcas. Já adianto que em termos de acabamento super seco e com aparência aveludada nenhum dos mostrados neste post se equipara aos retro matte. No quesito cor, existem algumas semelhanças.O mais parecido que encontrei com o Runway Hit, em termos gerais, foi o Kinda Sexy (M.A.C). Mesmo sendo matte, o Kinda Sexy é bem menos opaco quando colocado lado a lado com o Runway Hit, além de ser mais neutro, menos pêssego.Runway Hit (esquerda) e Kinda SexyJá em termos apenas de cor, o Runway Hit me parece uma mistura entre o Ravishing (M.A.C) e o Costa Chic (M.A.C). Contudo, esses dois são, respectivamente, de acabamento cremesheen e frost. O efeito nos lábios é completamente diferente.Da esquerda para a direita: Ravishing, Runway Hit e Costa ChicEm relação ao Relentlessly Red, como várias pessoas já apontaram, ele é gêmeo de cor do Impassioned (M.A.C), porém com acabamento retro mate versus amplified. O Impassioned parece mais vivo que o Relentlessly, mas me parece que essa impressão está relacionada a seu acabamento brilhante. Um nacional que é mate e tem a mesma cor é o Retrô do Duda Molinos, que é levemente menos aceso que o novo batom da M.A.C.Relentlessly Red (esquerda) e ImpassionedRelentlessly Red e RetrôO All Fired Up, cereja da coleção, parece muito com o Moxie (M.A.C), que mesmo sendo matte é visivelmente menos seco; também é levemente mais rosado. O mesmo acontece em relação ao Bloody Mary (NYX), que por sua vez é mais avermelhado que o All Fired Up. Já o Girl About Town (M.A.C), além de ser cremoso (amplified), é bem mais rosa.Da esquerda para a direita: All Fired Up, Moxie, Bloody Mary e Girl About TownPor fim, o Flat Out Fabulous é bastante diferente do Gladiola (M.A.C) e do RS320 (Shiseido). O Gladiola é matte, mas bem menos seco que o Flat Out Fabulous, sem falar que é bem mais arroxeado. O RS320 é bem cremoso e se parece muito com o Gladiola. Da esquerda para a direita: Flat Out Fabulous, Gladiola e RS320O mais parecido com o Flat Out Fabulous que encontrei foi o Fucsia Mate (Contém 1g). A cor é bem parecida, mas o acabamento não. Já o Girl About Town é um rosa bem mais avermelhado.Da esquerda para a direita: Flat Out Fabulous, Fucsia Mate e Girl About TownEnfim, essas foram as comparações que me lembrei (ou me lembraram) de fazer. Acho que com tantas opções de batons, nenhuma cor é tão exclusiva mais. Contudo, esse acabamento com certeza é único, reunindo alta pigmentação e cobertura sem falhas com aspecto aveludado. Eu estou usando muito o Flat Out Fabulous e o Relentlessly Red, completamente apaixonada com a aparência deles nos lábios. Na minha opinião, o acabamento retro matte deixa as cores bem mais lindas. Valeu demais a compra! bjPS: encomendei os meus na Ultimate Beauty. [...]



SWATCHES E RESENHA: FLAT OUT FABULOUS, RUNWAY HIT, RELENTLESSLY RED E ALL FIRED UP - BATONS RETO MATTE MAC

2013-10-22T09:52:50.168-02:00

O post de hoje é super especial, pois finalmente chegaram meus batons da nova linha Retro Matte da M.A.C. Escolhi de cara o Flat Out Fabulous e ao vivo pude verificar que é o batom mais lindo que já vi! Pessoalmente, pude ver os outros e gostei muito do Relentlessly Red, do All Fired Up e do Runway Hit. Num acesso de gula acabei trazendo para casa os outros 3.Da esquerda para a direita: Relentlessly Red, All Fired Up, Flat Out Fabulous e Runway HitComo mostro nas fotos abaixo (luz natural), O Relentlessly Red é um tom levemente neon de melancia, o All Fired Up é cereja, o Flat Out Fabulous é um magenta bem mais escuro que o Gladiola e o Runway Hit é um pêssego no estilo do Kinda Sexy, porém mais escuro e intenso. Os dois primeiros são    bem diferentes, embora eu não tenha conseguido captar nas fotos toda a diferença, pois o primeiro é bem moderno e nada discreto, já o segundo é mais escuro, fechado, elegante e clássico.Da esquerda para a direita: Relentlessly Red, All Fired Up, Flat Out Fabulous e Runway HitDa esquerda para a direita: Relentlessly Red, All Fired Up, Flat Out Fabulous e Runway HitTodos têm acabamento retro matte, de toque mais seco que os matte da M.A.C. Não senti muita dificuldade na aplicação. Foi mais fácil que aplicar o Ruby Woo. Não sei se isso se deve ao calor que está fazendo esses dias em BH ou se é porque eles realmente estão com uma textura melhor. Dá pra ver na primeira foto que eles estavam com a bala brilhante, pois por conta do calor ficaram meio suadinhos. Contudo, meu palpite é mesmo que eles são um pouquinho menos secos que o Ruby Woo. De qualquer forma, são batons mais secos que o normal e podem ressecar os lábios no uso prolongado, pedindo uma hidratação prévia e posterior ao uso. Quando uso um batom super seco, hidrato muito levemente com Carmex, o que ajuda o batom a deslizar e aderir sem perder o aspecto fosco (tem que ser muito pouco Carmex). Quando retiro, faço uma leve esfoliação e hidrato generosamente em seguida. Já me acostumei a ter esses cuidados, pois uso batom matte todos os dias, o dia todo. Na foto de boca do Runway Hit não fiz a hidratação prévia e a textura seca do batom realçou o ressecamento dos lábios. Para as outras cores, preparei os lábios e o resultado ficou bem melhor. Na foto de cima, Relentlessly Red e, na de baixo, All Fired UpNa foto de cima, Runway Hit e, na de baixo, Flat Out Fabulous.Todas as cores que escolhi têm excelente pigmentação, cobertura total e ótima fixação/durabilidade, como de costume nos batons matte da M.A.C. O cheirinho de baunilha característico da marca pareceu um pouco mais intenso nesses batons. Nada que incomode, pelo contrário, é delícia!Na foto abaixo, uso o Flat Out Fabulous, meu preferido dos que comprei e novo preferido de todos que tenho! Esse magenta é maravilhoso, nem muito claro nem muito escuro, num meio termo perfeito entre o pink e o roxo. A foto dá uma boa noção de como a cor fica nos lábios, em pessoas de pele bem clara e mais rosadinha.A M.A.C anda lançando tantas coleções por ano que está impossível acompanhar, mesmo porque muitas vezes "repromovem" produtos antigos ou cria versões muito próximas de produtos da linha regular. Fica tudo muito repetitivo às vezes. Contudo, na minha opinião, a coleção Retro Matte foi o melhor lançamento do ano até agora, resgatando esse acabamento de batom tão chique e trazendo novas opções de cores, como o Flat Out Fabulous. Mesmo as cores parecidas com outros batons da marca têm seu charme. Por exemplo, [...]



Swatches e resenha: 3d Liquid Lustre Diamond e Gold, da Lorac

2013-10-20T22:16:18.029-02:00

Hoje mostro um produto bapho para quem gosta de muito brilho emoção na maquigem, a sombra 3D Liquid Lustre da Lorac, nas cores Diamond (base perolada branca com partículas finíssimas de brilho dourado) e Gold (base perolada dourada com partículas finíssimas de brilho dourado).  Trata-se de uma sombra líquida que pode ser usada sozinha ou por cima de qualquer sombra. Uma vez aplicada, ela seca rapidamente. Também pode ser usada nas faces como iluminador "chegueizão", estilo globeleza. Vem numa embalagem de vidro com conta-gotas super linda, cujo conteúdo é de 5ml. Não é muito, mas o produto rende bastante, já que basta uma gotinha para dar bastante brilho à pálpebra. Quando a embalagem fica imóvel por alguns momentos, os brilhos decantam, separando-se do líquido. Antes de usar, basta chacoalhar.  Detalhes da embalagemAbaixo, fotos tiradas sem flash da Diamond (esquerda) e da Gold. Cada uma foi aplicada de forma concentrada e espalhada.Nas duas fotos seguintes, usei a Diamond como lágrimas, numa maquiagem artística que fiz inspirada nos anos 20. As fotos foram tiradas sem flash, mas mesmo assim o brilho aparece muito.Na foto abaixo, também usei a Diamond (foto sem flash) numa maquiagem de fim de semana:A fixação do produto é muito boa, mas ele não é à prova d'água ou de esfregões. O brilho é muito intenso e muito lindo. Dá para usar de várias formas e com várias intenções. Dá para usar a sombra líquida mesmo, deixando os brilhos mais esparsos. Outra forma é pingar uma gotinha numa superfície lisa, esperar alguns minutos para que ela seque e aplicar o pó, para obter um brilho muito forte e concentrado. Fiz os dois procedimentos nas fotos de amostra.Eu achei esse produto muito lindo, mas definitivamente não é para as discretas! É para quem gosta de brilhar - literalmente! bj[...]



Swatches e resenha: Make B. Rio Sixties Delineador Retrô Preto - Boticário

2013-10-14T22:16:25.312-03:00

Recentemente, o Boticário lançou na linha Make B. a coleção Rio Sixties, inspirada no Rio de Janeiro da década de 60. A coleção tem alguns itens interessantes, mas o que realmente chamou minha atenção foi o delineador.Como maquiadora, tenho muitos produtos e o delineador foi o que, de certa forma, se diferenciou de tudo que já tenho. Mesmo tendo vários tipos de delineador, o fato de eu ser apaixonada pelo "gatinho" e usar diariamente na minha própria maquiagem me motiva a procurar produtos de altíssima durabilidade, que ficam intactos o dia todo e ainda resistem sem borrões ou sem craquelar às minhas pálpebras gordinhas. Quando soube que esse delineador era bem difícil de remover, resolvi testá-lo. Os meus testes pessoais de produtos, claro, também visam descobrir produtos de ótima performance para meu trabalho.O Delineador Retrô Preto vem numa linda embalagem de vidro e tem um aplicador finíssimo de cerdas, diferente dos aplicadores mais comuns, com ponta de feltro. Não gosto desses últimos porque rapidamente ficam danificados e perdem a precisão. Sempre uso para a aplicação de delineador o pincel zero, aquele de cerdas bem fininho, com o qual o do Boticário é bem parecido. Ele permite construir traços finíssimos com mais controle e precisão, assim como traços mais grossos e longos.O Delineador Retrô Preto tem 6,5 ml e custou R$39,99. O preço é salgado, mas pelo menos vem bastante produto. Seu acabamento é brilhante, não aquele preto opaco que normalmente vemos nos delineadores. Ele é muito preto e pigmentado, produzindo uma coloração bem intensa na primeira aplicação. Sua durabilidade é praticamente infinita e este é o ponto polêmico. Mesmo nas minhas pálpebras gordinhas ele resiste o dia todo sem borrar, sumir, perder a cor ou craquelar. Ele é muito difícil de tirar e  demaquilante bifásico não faz o serviço com facilidade. Leva tempo e muitos esfregões para removê-lo completamente. Contudo, descobri que ele sai facilmente na água morna. Não se dissolve, mas esfregando levemente ele sai aos pedaços. Parece uma espécie de película plástica. Assim, quando o uso, retiro toda a maquiagem no banho, com mousse ou sabonete de limpeza facial.Resumindo, o que é vantagem para mim pode ser uma desvantagem para outras pessoas, de acordo com a necessidade de cada um. Quem precisa de delineador de ultra durabilidade vai amar, mas quem se dá bem com os delineadores em gel, que duram bem e são fáceis de remover, pode se irritar com o Delineador Retrô.  Os em gel como o Fluidline da M.A.C e o da Sephora, funcionam muito bem para mim, mas se esfregar os olhos a cor fica mais fraca ou o traço sai no cantinho interno. Isso às vezes acontece, pois fico maquiada uma média de 12 horas por dia e acabo esfregando sem querer os olhos. O do Boticário é à prova de esfregões, de choro, de Rock in Rio (testei lá, em dois dias), ou seja, de muito calor, movimento, suor e até algumas lágrimas de emoção! sempre ouvindo música! rsTrocando em miúdos, adorei esse delineador, mas ele pode ser meio chatinho de usar no dia-a-dia, embora seja tranquilo de tirar na água morna. Recomendo para situações mais extremas, como é o caso das noivas, de festas e shows longos e agitados, de pálpebras gordinhas e oleosas. bj! [...]



Promoção Ultimate Beauty!

2013-10-13T00:08:32.287-03:00


Para conhecer a Ultimate Beauty e ver as promoções, clique aqui!



Swatches e resenha: base True Match super-blendable makeup L'Oreal

2013-10-07T20:14:10.916-03:00

Recentemente ganhei da Ultimate Beauty a base True Match super-blendable makeup da L'Oreal, cor n3, para testar. Essa linha de base, segundo o fabricante, tem uma fórmula ultra-pura que não contém óleos, fragrância ou substâncias comedogênicas (que obstruem os poros). Tem vitaminas A e C, gérmen de trigo e outros componentes que nutrem e protegem a pele. A base se adapta bem ao tom de pele e possibilita controlar a cobertura, trabalhando em camadas. Tem 33 tons entre frios, quentes e neutros, tem FPS17 (em algumas tonalidades, como a minha), cobertura leve a média, ideal para todos os tipos de pele. O acabamento é natural e radiante. A marca ainda promete duração de um dia inteiro.A embalagem é uma garrafinha linda, que contém 30 ml de produto. Não tem bico dosador. Como a base é bem fina e líquida, é preciso um pouco de cuidado na hora de virar, para não sair muito produto. A cor que ganhei é a n3, Natural Buff. Ela é ligeiramente mais escura que minha pele, mas se adaptou bem ao tom após aplicacão. A textura é realmente fina e acetinada. Apesar de ser bem líquida e espalhar bem, ela seca e não transfere nem some com poucas horas de uso, como outras bases mais leves. Na minha pele, ela realmente sobreviveu bem a um dia de trabalho, depois de umas dez horas de atividade e algum suor. A cobertura estava um pouco mais leve, mas a pele continuava muito digna, com a aparência radiante e natural que a marca promete. A pele também continuava sem oleosidade aparente.Realmente é possível construir camadas sem obter aparência de reboco com a True Match, já que ela é fina e seca rapidamente após aplicação. De leve a cobertura se torna média, com jeito de pele perfeita. Eu me apaixonei por ela. Na foto abaixo, uso apenas a base. Dá pra ver que ela suaviza as imperfeições e deixa a pele com um brilho que é de viço, não de oleosidade.Abaixo, fotos da maquiagem que usei para trabalhar hoje (07/10). A maquiagem foi feita às 10 h e a foto tirada às 18 h. Apenas o batom foi retocado.Na foto abaixo, apliquei a base no pulso e espalhei simulando a cobertura média (duas camadas). Na pele mais clara dessa área, a cor sobressai, mas no rosto e no pescoço isso não acontece. Também dá para ver na foto que ela tem minúsculas partículas de brilho que dão esse viço à pele, embora não sejam visíveis no rosto (a foto está com bastante zoom).Adotei como minha base do dia-a-dia e é um produto de ótimo custo-benefício. Recomendo para quem quer cobertura leve ou média, de acabamento acetinado natural e boa durabilidade.  bj[...]



Swatches e Resenha: Lápis para Sobrancelhas da Avon

2013-09-24T20:36:04.177-03:00

Na resenha de hoje mostro outro produto da nova coleção de maquiagem da Avon, o lápis para sobrancelha da linha Ultra Color. Disponível em duas cores, "de castanho a loiro" e "de castanho a moreno", ele vem com uma escovinha ótima do lado oposto, própria para esfumar a cor e suavizar o efeito. Na foto abaixo, do lado direito, amostras do lápis "de castanho a loiro" do lado esquerdo e do lápis "de castanho a moreno" do lado direito.Há vários tipos de produtos para preenchimento das falhas das sobrancelhas, sendo os mais usados o lápis e as sombras específicas para a função. Eu tenho e uso os dois produtos, sendo a escolha determinada pelo tipo de correção que preciso fazer.Em sobrancelhas com poucas falhas, prefiro usar as sombras, que em geral têm efeito mais suave. Já nas que têm cicatrizes, falhas grandes ou quase nada de pelos, uso o lápis, pois precisam de mais correção. Além disso, frequentemente as sombras não se fixam bem em grandes falhas ou cicatrizes e em sobrancelhas muito ralas.Ao maquiar senhoras, por exemplo, é frequente a necessidade do lápis, uma vez que muitas delas têm pouquíssimos fios nas sobrancelhas e as mesmas precisam ser redesenhadas. A fixação do lápis é superior nesses casos.Os lápis para sobrancelhas costumam ser mais secos, mais duros que os de olhos, justamente para não proporcionarem um efeito muito marcado e exagerado. Esses da Avon são muito macios e riscam com bastante facilidade, comparáveis em textura aos de olhos. Contudo, a escovinha faz toda a diferença. Ela esfuma perfeitamente, deixando o efeito mais natural e bonito.Na foto da esquerda, acima, a sobrancelha sem preenchimento. Meus fios são claros, nascem de forma caótica e ela é cheia de falhas. Já comentei aqui como minhas sobrancelhas afinaram demais depois de muita pinça. Desde novembro passado estou as deixando crescer e recentemente comecei a usar minoxidil para adiantar o processo. Só tenho retirado os fios que nascem longe do desenho e quando elas estiverem bem gordinhas voltarei à pinça. Enquanto o dia não chega, o preenchimento é essencial para disfarçar esse visual bagunçado. Na foto da direita, acima, mostro como começo o preenchimento, definindo as linhas superior e inferior, seguindo o limite do nascimento os fios mais finos. Na foto da esquerda, abaixo, a sobrancelha toda preenchida com lápis. Na última foto, o preenchimento suavizado depois do uso da escovinha que vem acoplada ao lápis. * não reparem no delineador, pois o ângulo da foto não o favoreceu e ele pareceu torto - mas pessoalmente não estava assim! rsEm mim uso o lápis mais escuro, que produz um meio termo perfeito entre o cabelo preto e as sobrancelhas naturalmente claras. Ele vai funcionar para a maioria das pessoas. O mais claro é ideal para loiras, ruivas ou mulheres de cabelo castanho claro, que puxem para o dourado. Nas loiras acinzentadas eu prefiro usar o lápis mais escuro, buscando um efeito mais suave.Eu gostei muito desses lápis, estou usando bastante e com certeza comprarei mais. Achei muito superiores aos da Vult e da Yes, que já tive. Contudo, esses últimos são perfeitos para as loiras acinzentadas, embora sejam denominados de universais. Aliás, lápis universal é igual roupa de tamanho único: non ecziste. Os universais ficam num tom cinza na pele negra, por exemplo.Paguei cerca de R$20 em cada um e achei o preço bastante justo, pela qualidade ofer[...]



Swatches e resenha: Lápis Ultra Color Mega Impact cores Azul Marinho e Bronze Avon

2013-09-16T21:55:34.283-03:00

Na nova linha de maquiagem da Avon um produto que felizmente não parece ter sido reformulado é o lápis Mega Impact, da linha Ultra Color. Ele é um lápis de longa duração muito bom e com ótimo preço (cerca de R$22,99, mas comprei no relançamento bem mais barato). O catálogo da Avon conta com seis tonalidades: Preto, Azul Marinho, Bronze, Violeta Impact, Azul Celeste e Verde Cetim.Todas as tonalidades são novas, exceto o preto. O Azul Celeste é uma versão levemente mais clara que o anterior Azul, substituindo-o perfeitamente. Mostrei o Preto e o Azul (primeira versão) aqui. O antigo Nude, pérola clarinho bem cintilante, não existe mais. Contudo, o Bronze, mesmo sendo bem diferente, faz papel semelhante. Na minha pele clara, ele praticamente some, funcionando como um iluminador discreto. Nas peles mais escuras com certeza ele aparecerá mais.Abaixo, amostras do Azul Marinho e do do Bronze. O Azul Marinho é um azul intenso, muito lindo e com pequenas partículas de brilho, que não aparecem muito. Já o Bronze é bem cintilante, com direito a muitas partículas de brilho. Achei as duas cores muito bonitas, especialmente o azul! Também acho que eles continuam com a mesma qualidade excelente de antes.Eu adoro lápis colorido porque é um produto que pode dar um toque de cor numa maquiagem mais neutra sem ficar de mau gosto ou muito juvenil. As mulheres usam cada vez mais o recurso de lápis para alegrar a maquiagem sem deixá-la exagerada. No sábado passado, por exemplo, duas das clientes que maquiei me pediram exatamente sombras neutras com delineação inferior colorida - uma verde e outra azul. Abaixo, mostro a maquiagem que usei para trabalhar outro dia, usando o Azul Marinho na raiz dos cílios inferiores e na linha d'água. A foto foi tirada no final do dia, então a maquiagem já está um pouco "gasta", mas o lápis sofreu pouquíssimo desgaste.Para conhecer melhor as características dos Mega Impact, basta ler essa resenha aqui, já que a qualidade deles não mudou nada. Sei que vocês gostam de resenhas de produtos nacionais e, com certeza, esses lápis estão entre os que eu indico sem medo. Vocês já experimentaram as novas cores? Gostaram? *bj*[...]