Subscribe: A VERDADE ACIMA DE TUDO
http://averdadeacimadetudo.blogspot.com/feeds/posts/default
Added By: Feedage Forager Feedage Grade A rated
Language:
Tags:
células  das  foi  leucemia  mais  medula óssea  medula  minha mãe  nos  não  pessoas  pode  pois  ser  são  também 
Rate this Feed
Rate this feedRate this feedRate this feedRate this feedRate this feed
Rate this feed 1 starRate this feed 2 starRate this feed 3 starRate this feed 4 starRate this feed 5 star

Comments (0)

Feed Details and Statistics Feed Statistics
Preview: A VERDADE ACIMA DE TUDO

A VERDADE ACIMA DE TUDO



Neste blog pretende o autor dizer apenas a verdade. Deverão todos os interessados em participar identificar-se devidamente não só para que possa responder a cada um como para saber quem nele participa.



Updated: 2018-03-06T08:37:54.246+00:00

 



Um grande LOUVOR aos PROFESSORES de BRAGA

2015-02-07T14:43:45.624+00:00

Estamos unidos por esta causa! Identifiquem-se poe favor.

Um grande LOUVOR aos PROFESSORES de BRAGA

Capitão Rebordelo!
Fico com o espírito calmo, quando vejo que há colegas de escola e amigos de verdade do Professor Artur Silva.
Todo o Vosso movimento, mostrando ao país o que se passou, o carinho sentido, a revolta permanente, faz do povo de Braga, manifestamente gente que se distingue do POVO de Aveiro. Pois aqui em Aveiro, o POVO, salvo uma ou duas vozes que deram nome ao seu grito de revolta, grita para dentro ou não grita, pois ninguém os ouve. Na escola de Cacia não se verificou um único movimento que se aproxime ao que foi feito aí em Braga. A minha Mãe, Manuela Estanqueiro que faleceu de Leucemia e foi obrigada a trabalhar tão doente, sentiu o caloroso apoio de alguns colegas, pois outros, contou ela, pensavam que era fingimento ou falta de vontade de trabalhar. Sabe, para muitas pessoas o facto de haver casos de sucesso nos cancros, pensam que toda a gente é igual, então a minha mãe ouviu comentários do tipo: ah...sei de colegas que tiveram cancro e fizeram químio e andam aí a trabalhar, etc., porque não sei de mais pormenores, o que sei é que essas pessoas não distinguem o verdadeiro sofrimento, porque não vêm as pessoas nos olhos que espelham a maior das tristezas. Estes colegas, olharam para a minha mãe, mas com os olhos cegos pela insensibilidade, aquela que as decisões tomadas pela CGA também tiveram. São pessoas desprovidas de coisas boas, pois só há maldade e raiva dentro delas.
Agora eu digo, VOCÊS, são fortes, são unidos, lutam, lutam até pelos direitos daqueles que foram insensíveis aos casos de Artur Silva e Manuela Estanqueiro.
Em Braga, vão trabalhar para divulgar às várias entidades nacionais e internacionais, em português, francês, inglês e espanhol, em Aveiro o que se faz é esperar que mais casos ocorram, pois, para além dos poucos que me apoiam, sinto-me sozinha, mas mesmo assim, não vou desistir. A Vossa união também me dá força, embora me sinta triste por olhar em volta, e não ver ninguém, os anónimos, são quem ajuda e orienta.
ELES LÁ também nos orientam.



Terror Psicológico

2015-02-07T14:42:27.470+00:00

Estamos unidos por esta causa! Identifiquem-se poe favor.

Inexplicavelmente, alguém está prestes a explodir de agonia e angústia!

Deverá seguir o que a mente planeia? Ou, escreve simplesmente, para fazer soar o que lhe vai na alma?
Coberta de vergonha, arrasta-se pelas forças da mente, até à sala de aula; envolta numa manta, equilibra-se entre o ar e apoia-se, pensando que pode descansar; mas não, será que alguém reparou? Ela estava doente.
Tipicamente podia-se dizer que era um esgotamento, ou que está a fazer de conta para se livrar do trabalho. Mas o brio, esconde a doença e camufla a vergonha. O orgulho de ser gente faz VENCER(image)  esta etapa, tornando-a mais forte, mas na alma; pois no corpo multiplicam-se os blastos deixando-a fraca, sem defesas.
A luta entre o corpo e a alma destroen-lhe o cérebro, perdendo assim a grande agilidade que outrora tivera.
Sempre lutou por tudo, pela vida, pelos estudos, pela família, pelo casamento, pelos filhos, até por um marido que tanto a mal tratou.
Foi e será uma vencedora, uma guerreira da vida. Apunhalada pelas costas quando pensava descansar, usufruir das coisas que nunca pode até então. Tropeçou nas teias da borucracia e caiu na cratera da doença, de nome, Leucemia.



Se todos agirmos esta gente não se fica a rir

2015-02-07T14:04:32.202+00:00

Paula Ferreira disse...
Paula Ferreira
RUA central De Francos 84 1º DTº
4250.125 Porto
paulalaranjeiraa@gmail.com

Após a visualização do vosso site
no qual me identifiquei ,pois sou doente oncologica (cancro de mana).quero colaborar para a Verdade Acima De Tudo .após ser submetida a 03 juntas medicas todas elas vieram com deliberação como não incapaz, após varias pesquisas efectuadas por mim vim a saber que podemos ter acesso ao relato elaborado pelo medico relator atravez do pedido a comissão nacional de protecção de dados (CNPD) TEL.213930039 Após terem aberto processo o svip envioume os relatorios pois fiquei estupefacta com o que estava la escrito .peço que façam o mesmo pois assim eles medicos que nao me acredito que o sejam comessem a ter outra postura perante estas situaçoes que so nos doentes e que sabemos vou lutar ate as ultimas consequencias pois nao tenho mais nada a perder ,sei o nome das medicas todas assim como as cedulas profissionais enviei tudo para a ordem dos medico proximo passo e comunicação social todos eles tem clinicas privadas e ainda se dão ao luxo de pedir 1000.00 euros para obter a reforma por invalidez como e isto possivel se atravez do decreto lei 92/2002 de 19 de maio esta la tudo esplicito
vou dando noticias como se encontra processo .saude para todos
Atentamente
Paula Ferreira
6 de fevereiro de 2015 às 12:38



23 de Março, Audiência e Julgamento contra a CGA

2012-03-17T01:28:35.339+00:00

Na próxima 5ª feira, dia 23 de Março, será a Audiência e Julgamento contra a Caixa Geral de Aposentações.
Segundo apuramento, os 3 elementos constituintes da Junta Médica da CGA deram Manuela Estanqueiro (minha mãe) como obsoluta e permanentemente incapaz para exercer as suas funções; o médico chefe é que deliberou em contrário.
Para ser justa, devo um pedido de desculpas a estas pessoas que na altura, e também porque no comunicado da decisão da Junta médica da CGA, não transmitia o grande pormenor de que a decisão tinha sido alterada pelo médico chefe, defendendo que a minha mãe se encontrava em remissão completa da doença LMA.
O Estado Português, como tem um orgão com responsabilidade para o efeito, a Caixa Geral de Aposentações, também está fora da acusação.
Apelemos ao bom senso e à justiça deste país.
Em memória de Manuela Estanqueiro - Uma Guerreira na Vida



Notícias Frescas,...ESTADO PORTUGUÊS É PROCESSADO!

2009-04-06T16:54:46.827+01:00

Divulguem, ....divulguem, ....divulguem!

Estes políticos não se vão esquecer do nome Manuela Estanqueiro, que foi obrigada a trabalhar quase até morrer, sem lhe ser dada a aposentação por incapacidade, com uma Leucemia Mieloide Aguda, com um estado físico e psicológico altamente debilitado!
Há duas semanas o Sindicato de Professores da Zona Centro, entrou com o processo em Tribunal contra o Estado Português, a Caixa Geral de Aposentações e os elementos constituintes da Junta Médica (CARLOS MAIA, MARIA CARMO CRUZ E MANUEL AMADEU RÉ CASTRO).


RESERVO-ME AO DIREITO DE PENSAR QUE SE NÃO HOUVER JUSTIÇA, É PORQUE O PODER POLÍTICO SE SOBREPÕE A TUDO E A TODOS....

Teresa Silva - "A Verdadinha"

Conhecem algum caso? Não deixem passar em branco! Divulguem, denunciem !



Pedido de ajuda recebido por mail:

2009-03-20T15:03:09.133+00:00

AJUDEM-ME - Eu sou a Andreia, tenho 22 anos, sou Educadora de Infância

Reencaminhem ao maior numero de pessoas.. eu por ti faria o mesmo!
Eu sou a Andreia, tenho 22 anos, sou Educadora de Infância recém formada e
moro em Lisboa. Até há pouco tempo a minha vida decorria normalmente e feliz
até que me foi detectada Leucemia do tipo Mieloide Crónica. Poderei ficar
totalmente curada se receber uma transplantação de medula óssea. Constatamos
que tanto os meus pais como irmã não são compatíveis para o efeito,e... como
tal procuro um dador.Todos os esclarecimentos podem ser obtidos no site do
CEDACE - CENTRO DE HISTOCOMPATIBILIDADE DO SULb http://www.chsul.pt . O meu
nome é Andreia Margarida Morais e Mota.Poderá contactar-nos através do
966886302 ou motaandreia@hotmail.com .O
possível dador não correrá qq risco.
Ficar-lhe-ei eternamente grata se me puder ajudar! Caso não seja possível,
agradeço na mesma a sua atenção e desejo-lhe toda a felicidade que eu
gostaria de ter. Um beijinho, Andreia
Por Favor, Não ignorem a minha mensagem. Ler e reencaminhar não custa nada
e pode ajudar-me. Obrigada.



Urgente - TRANSPLANTE DE MEDULA - RASTREIO

2009-02-04T20:55:04.180+00:00

RECEBI ESTE EMAIL E TAMBÉM JÁ ESTÁ DIVULGADA A INFORMAÇÃO PELA ASSOCIAÇÃO DE PAIS DA ESCOLA DA CHAVE NA GAFANHA DA NAZARÉ; MESMO QUE ESTEJAM LONGE PODEM SEMPRE FAZER UMA REZA PARA QUE TUDO CORRA BEM!

Menina de 12 anos precisa de dador compatível para vencer a leucemia que combate há quatro anos! A Recolha de sangue é no Dia de S. Valentim Igreja Paroquial da Gafanha da Nazaré...aqui ao lado!!!! A menina de que vos falo tem agora 12 anos. Desde os 7 que luta contra o cancro, aqui, na Gafanha da Nazaré!
A menina precisa de um transplante de medula alogénico, ou seja, precisa de encontrar um dador compatível para substituir as células doentes por saudáveis, com o objectivo de reconstituir a medula e garantir a produção de mais células saudáveis.
Para tal, o Centro Nacional de Dadores de Células de Medula Óssea (CEDACE) promove, no próximo dia, 14 (Dia de S. Valentim), das 09 às 12.30 horas e das 14 às 17 horas, na Igreja Paroquial da Gafanha da Nazaré, uma recolha de sangue.
"Já está feito um pedido a nível internacional, mas, de acordo com os médicos, com um dador português, o processo é muito mais rápido", explica a mãe. "E como é por transfusão, não há quaisquer riscos".
Existem dois processos de colheita de células para a transplantação de medula: a colheita a partir da medula óssea (as células progenitoras são colhidas do interior dos ossos pélvicos; geralmente, requer anestesia geral e uma breve hospitalização), e a colheita de células progenitoras periféricas (feita no sangue periférico, através de um processo chamado aférese, em que o dador tem que tomar, previamente, um medicamento, que é um factor de crescimento que vai fazer aumentar a produção de células progenitoras no sangue). E será através deste método que decorrerá a colheita a favor de Rita. Ou seja, as pessoas que quiserem ajudar apenas têm que ser saudáveis e ter entre 18 e 45 anos. Entretanto, a menina encontra-se a frequentar o sexto ano.
Raramente vai à escola, mas as colegas trazem-lhe os apontamentos e não tem qualquer negativa. Tem feito muitas amizades com meninos que sofrem da mesma doença e quer ser arquitecta. "Gosto muito de desenhar plantas de casas", afirma.
Qual a probabilidade de Rita encontrar um dador compatível?
Aproximadamente 80 por cento de todos os doentes têm, pelo menos, um potencial dador compatível. Esta percentagem subiu significativamente após o esforço feito, mundialmente, no recrutamento de dadores.
A medula é um tecido que se regenera rapidamente, pelo que é possível fazer mais do que uma dádiva. Apelo a que repassem este e.mail, já que estou a redigi-lo de início só para os meus contactos!Acho que seria uma forma de dar ainda mais amor, nesse dia de São Valentim...não custa nada, pois nao???Se não puderem ir, já sabem, que pelo menos a vossa oração pode ajudar!
Obrigada eu também por divulgarem!
Mª Inês Ramos.



Mais um caso isolado

2008-11-29T14:10:05.304+00:00

Foi um escândalo nacional um grupo de alunos ter atirado ovos à ministra e seus fiéis seguidores. Que eu saiba nenhum deles saiu ferido, a não ser o orgulho, mas com o orgulho deles posso eu bem. Toda a gente opinou, atribuiram-se as culpas aos professores.
Pois agora pergunto: quem manipulou este aluno?


Professora agredida a murro e pontapé por aluno

E também respondo: quem retirou autoridade aos professores, quem desresponsabilizou os pais da educação dos seus filhos, quem diz que isto são "casos isolados". Os ovos mexidos também foram um caso isolado, mas com esses se preocupou todo um pais.

O ministério preocupa-se com ovos?

Deveria era preocupar-se com estes docentes, mas prefere vir para os OCS dizer que são casos isolados...

Tal como são casos isolados os professores com cancro em estado terminal que são obrigados a trabalhar?

Um caso isolado, Srª Ministra, foi, felizmente para si, a omeleta com que apanhou.

Goretti Moreira



Porquê, Porquê, Porquê, ... ???

2008-11-05T18:28:37.755+00:00

Subsistem-me ainda muitas dúvidas quanto ao tipo de tratamento dado à minha mãe, nos HUC, relativamente à Leucemia Mieloide Aguda (LMA), bem como o tipo de refeições que eram servidas a uma pessoa com esta doença que precisaria concerteza de variar os nutrientes ingeridos (sempre creme de cenoura!!!!, o que é que a nutricionista deste Hospital estava a fazer?)
Questionei várias vezes os Hematologistas responsáveis pelo caso clínico da minha mãe Manuela Estanqueiro), sobre as alternativas de tratamento. Perguntei porque não faziam transplante ou auto transplante, respondiam que devido à idade (63 anos) só o autotransplante sortiria efeito, caso os tratamentos de quimioterapia resultassem, o que se veio a verificar, pois a minha querida mãe ficou em remissão completa. Acontece, que quando houve a recidiva da doença, abordei de novo os médicos responsáveis e logo me foi dito se que a nova quimioterapia sortisse efeito, a esperança de vida da minha mãe seria de 1 a 2 anos.
Porquê???????? Porque não fizeram o autotransplante?
Porque é que quase durante 3 meses de internamento as refeições eram desprovidas de variedade?
Temos o direito de questionar!!!!
Se tiverem algum caso na família, não deixem de questinar e de exigir respostas concretas.
Verdadinha



Confirmação do diagnóstico

2008-10-26T11:54:12.342+00:00

Se há suspeitas duma leucemia, um exame à medula óssea e ao sangue é necessário. O exame sanguíneo permite determinar o número e a forma dos glóbulos. Nem todas as leucemias modificam a fórmula sanguínea, pelo que o médico examina, igualmente, a medula óssea.

A colheita é feita com uma agulha e seringa própria, na bacia ou no esterno. Segundo os casos, a colheita duma maior parte de tecido (biopsia) pode ser obrigatória.
Os exames de sangue e da medula óssea permitem, geralmente, confirmar o diagnóstico. Por outro lado, examina-se também a rata, o fígado e os gânglios linfáticos. No caso da LMC, um exame aos cromossomas (cromossoma Filadélfia) permite confirmar a suspeição.

A quimioterapia é o tratamento de primeira escolha para as leucemias crónicas. Faz-se apelo a diversos medicamentos que permitem travar a multiplicação das células na medula óssea e no sistema linfático.

Para a LMC, administra-se cada vez mais o “Interphéron Alpha” (uma substância mensageira do sistema imunitário). A boa terapêutica permite, por vezes, aos pacientes atingidos por leucemias crónicas, viver durante anos, longos períodos sem perturbações.

Hoje, a LMC tem uma hipótese de cura, graças ao transplante de medula óssea, na condição de encontrar um dador compatível (irmão e eventualmente pessoas não familiares). O objectivo deste tratamento é substituir a medula óssea atingida. O que significa que à partida as células doentes devem poder ser eliminadas da medula óssea por uma radioterapia.

Seguidamente, o transplante da medula sã dum dador compatível pode ter lugar.

As células sãs são, então, capazes de se desenvolver de novo e de proliferar no sangue e na medula óssea.

A intervenção deve, se possível, ser praticada num estádio precoce da doença. Em contrapartida, a LLC permite, frequentemente, sob controlo regular, pacientar com a ajuda duma quimioterapia.

As leucemias devem ser tratadas muito rapidamente. Todas as formas necessitam duma quimioterapia em doses elevadas, a fim de destruir se possível completamente, as células leucémicas.

Para tal, administra-se uma combinação de diferentes medicamentos. Segundo o tipo de leucemia em questão, o tratamento pode alargar-se por períodos mais ou menos longos. O que, à partida, impede o regresso ao trabalho, devendo o paciente ser aposentado, até porque em qualquer local pode encontrar-se a bactéria que desencadeie a fatal descompensação

As náuseas e a perda do cabelo são efeitos secundários destes tratamentos. Todavia, os vómitos podem hoje ser suprimidos com medicamentos adequados e o cabelo reaparece após o tratamento.



Os peixes também são nossos amigos no combate à leucemia !

2008-10-01T20:02:36.359+01:00

Ciência e Tecnologia

"Leucemia poderá ter cura com gene de peixes 03-03-2008 13:08:00 Um gene que controla a proliferação celular nos primórdios do olho dos vertebrados poderá ter a mesma função nas células sanguíneas, o que sugere novas terapias para a leucemia humana, segundo um estudo de investigadores portugueses.
O gene estudado neste trabalho, que utiliza como modelo o peixe-zebra, é o "meis1", o mesmo que em humanos parece estar envolvido em certos tipos de tumores, como as leucemias.
"Muitas leucemias são causadas pela manutenção inadequada desse gene", disse à agência Lusa Fernando Casares, investigador do Instituto de Biologia Molecular e Celular (IBMC), da Universidade do Porto, e coordenador da equipa responsável pelo estudo, que incluiu colegas em Espanha e na Noruega.
O peixe-zebra - um pequeno peixe de água doce de fácil manutenção, comum em aquários caseiros - foi escolhido como modelo para este trabalho devido à sua grande utilidade para os biólogos. Além de ter o genoma totalmente sequenciado e haver instrumentos para a sua manipulação genética, o embrião e a larva são transparentes, permitindo examinar directamente ao microscópio o seu desenvolvimento.
Neste animal, os investigadores incidiram a sua atenção no olho e em particular na retina, que é uma parte especializada do sistema nervoso, mas tem uma organização mais simples do que o cérebro, por exemplo, explicou o investigador. A formação das células do olho no peixe-zebra resulta da proliferação de células inicialmente indistintas que se vão diferenciando num processo controlado pelo gene meis1.
"Quando o meis1 é removido por meios genéticos, essas células do olho proliferam menos e o olho resultante fica muito reduzido", disse Fernando Casares, que faz também investigação no Centro Andaluz de Biologia do Desenvolvimento (CABD) da Universidade Pablo de Olavide, em Sevilha.
Curiosamente, o meis1 intervém nas fases iniciais do desenvolvimento normal do sangue e, tal como acontece com o olho, a sua expressão é desligada para permitir que as percursoras das células do sangue se diferenciem. Todavia, sublinhou o cientista, se o meis1 continuar "ligado", as células do sangue continuam a proliferar e tornam-se incapazes de desempenhar as suas funções normais.
Embora não exista ainda uma explicação clara da ligação do meis1 à leucemia, o estudo, embora realizado no olho, sugere que esse gene poderá controlar a proliferação dos percursores das células do sangue ao agir sobre duas proteínas que estimulam a divisão celular. Sendo assim, conclui Fernando Casares, "esta função poderá ser alvo de novas terapias". O estudo vem publicado na última edição da revista bimensal Development, especializada em biologia."



A Leucemia parece ver uma luz ao fundo do túnel

2008-09-26T16:48:00.781+01:00

"20 de Agosto de 2008
Metadona revela-se promissora no tratamento da leucemia resistente


A metadona, um fármaco utilizado para o tratamento de pessoas com adição à heroína e outras drogas opióides, mostrou-se promissora como um novo tratamento para a leucemia, especialmente para a leucemia resistente, segundo dados de um estudo.

Investigadores da Universidade de Ulm, na Alemanha, revelaram que testes de laboratório demonstraram que a metadona destrói as células da leucemia sem danificar as células sanguíneas saudáveis. Os resultados, publicados na edição de Agosto da "Cancer Research", revelaram que a metadona foi mesmo efectiva na destruição das células da leucemia resistente à quimioterapia e radiação.

Segundo a investigadora principal, a Dra. Claudia Friesen, as células da leucemia expressam receptores opióides, aos quais a metadona se liga.

Surpreendentemente, os investigadores descobriram que a metadona destrói as células da leucemia eficientemente, mas nunca esperavam isto, acrescentou a Dra. Friesen em declarações à Reuters Health.

Estes resultados fornecem as bases para novas estratégias para a utilização da metadona como um fármaco anti-cancerígeno adicional na terapia da leucemia, especialmente quando as terapias convencionais são menos efectivas.

Os investigadores ficaram muito entusiasmados com os resultados, pois quando os tratamentos convencionais falham, o que ocorre em pacientes idosos e também jovens, não há outras opções.

A Dra. Friesen prevê que a metadona terá efeitos semelhantes noutros cancros que expressam receptores opióides. No laboratório descobriram que também é possível destruir tumores sólidos.

A equipa de investigadores está a estudar a metadona isoladamente e em combinação com outros fármacos de quimioterapia em modelos animais de cancro.

Isabel Marques

Ler mais: Reuters "



Leucemia e aposentação

2008-09-04T14:53:23.153+01:00

Sabe-se ainda muito pouco sobre as causas das leucemias, como de muitos cancros. Faz-se uma ligação entre as leucemias e factores genéticos, as radiações ionisantes (radioactividade), substâncias químicas, mas também vírus.

As radiações podem aumentar o risco de leucemia, como foi demonstrado pelas explosões nucleares de Hiroshima e Nagasaki. Provaram que uma anomalia cromossomática, conhecida sob o nome de cromossoma Filadélfia, está na origem da leucemia mielóide crónica.

Outras anomalias cromossomáticas encontram-se noutras formas de leucemia.

As radiações podem estar na origem de tais mutações. Substâncias químicas podem, igualmente, favorecer o desenvolvimento de uma leucemia.

Entre elas, o benzeno, mas também certos medicamentos – citotásticos e os imunodepressores.

Para o que diz respeito aos vírus, conhece-se uma série de diferentes agentes patogénicos susceptíveis de provocar uma leucemia.

Pode, pois, supor-se que os vírus desempenham um importante papel no desenvolvimento da leucemia. Assim, o vírus HTL é conhecido por ser responsável por uma forma rara de leucemia no Japão.

Uma vez que se conhecem poucas coisas sobre as causas da leucemia, é difícil estabelecer regras de prevenção. Todavia, pode aconselhar-se evitar irradiações, a fim de não aumentar, inutilmente, o risco duma leucemia.

As pessoas que se expõem a elevadas taxas de radiações, por razões profissionais, devem proteger-se de maneira adequada e eficaz. O que também é válido para substâncias cancerígenas.

A despistagem precoce duma leucemia crónica é extremamente difícil. As pessoas de risco, são regularmente controladas. Ou devem sê-lo.

Um diagnóstico das leucemias agudas é quase impossível, devido ao desenvolvimento galopante da doença.

Apesar de tudo, em Portugal “cura-se” a leucemia e, por tal motivo, é negada a aposentação a todos os funcionários por ela afectados.

Uma verdadeira lástima da qual sofre o nosso país, esta sim e também “curável” com outras políticas de Saúde. Não financeiras.



Os desabafos de quem sofre como eu!

2008-07-09T11:49:11.715+01:00

Há de facto muita coisa que nos fica atravessada no coração e na garganta!
Este foi o espaço que encontrei para aliviar um pouco este sofrimento.
Se a Goreti quiser também participar directamente neste BLOG, está convidada.
Aqui sabemos que temos companheiros que nos compreendem, por isso a nossa alma abre-se.


goreti disse...
Que descanse em Paz! Uma grande SENHORA. Para a Teresa que é uma gerreira muita força. Infelizmente conheci esta senhora nos HUC quando estive internada no mesmo quarto,com ela. Muita força e tudo de BOM para a sua família que ela adorava.
Beijos.
Goreti de Anadia
5 de Julho de 2008 5:27


A VERDADE ACIMA DE TUDO disse...
Goreti...:)
Lembro-me perfeitamente de si e todas as pessoas que passaram pelo mesmo quarto da minha mãe,durante quase 3 meses.Todas as pessoas que ajudaram a minha mãe em muitas situações nos HUC. Se quiser pode escrever-me para: ter_kat@hotmail.com
Um grande beijinho e muita saúde para si e para os seus.
7 de Julho de 2008 11:14


goreti disse...
Lembro-me desta "GRANDE SENHORA" quando estou nos meus maus momentos...pois era uma senhora cheia de força apesar de tudo o que passou e estava a passar!Soube da sua morte à 1 ano atrás ,estava eu num jantar de família e quando me apercebi da notícia na televisão entrei em choque...estive uns dias para digerir a notícia, pois nunca imaginei que acontecesse tão rápido.E penso que as pessoas não imaginam a ligação que nós criamos quando vivemos de perto com estas pessoas(estive internada 15 dias com esta SENHORA)Bem já consegui falar daquilo que me estava cá no fundo à mais de 1 ano...desculpem mas sinto-me mais leve! Beijos e muita SAÙDE para toda a sua família e para os seus netinhos que adorava. Goreti
9 de Julho de 2008 4:50



1º Aniversário (02 de Junho de 2008)

2008-06-02T23:13:03.402+01:00

(image)
(image)
(image)

Para os interessados a Missa de Aniversario irá realizar-se no próximo dia 4 de Junho de 2008, na Igreja Matriz da Gafanha da Nazaré, pelas 19h.
Desde Já agradeço a todos os interessados a sua comparência.



COM SAUDADES DE TODA A FAMILIA!!

2008-06-02T22:48:12.951+01:00

(image)



Estudo sobre progressão na carreira:

2008-04-30T23:50:36.120+01:00




O que é o cancro?

2008-03-22T10:45:13.915+00:00

A leucemia evolui de diferentes maneiras, razão pela qual os médicos fazem a distinção entre as formas crónicas e agudas da doença.

As leucemias crónicas desenvolvem-se mais lentamente, enquanto as agudas provocam, em muito pouco tempo, o agravamento do estado do paciente.

Uma leucemia aguda não tratada pode ser mortal após alguns meses.

Em razão dos diversos tipos de células cancerígenas e da evolução da doença, as leucemias são definidas em quatro grandes categorias:

Leucemia mielóide crónica (LMC)
Leucemia linfática crónica (LLC)
Leucemia mielóide aguda (LMA)
Leucemia linfática aguda (LLA)

A leucemia afecta à volta de 700 pessoas por ano (em cem mil). No conjunto, os homens são um pouco mais afectados que as mulheres. Dois terços de todos os casos dizem respeito a pessoas idosas com mais de 60 anos. Em contrapartida, se distinguirmos os casos por categoria, cada uma afecta uma fatia de idade específica: a leucemia linfática aguda atinge sobretudo as crianças e adolescentes, então que o risco de ser afectado pela leucemia mielóide aumenta consideravelmente com a idade.

As leucemias crónicas iniciam-se discretamente e de modo insidioso. Sintomas atípicos, tais como a fadiga, perda de energia, de peso, febre ou transpirações nocturnas, podem ser os sinais duma leucemia crónica.

Uma tumefacção da rata pode também aparecer nos pacientes atingidos por uma LMC. A LLC pode provocar um aumento do tamanho dos gânglios linfáticos. Mais tardiamente, perturbações respiratórias, cardíacas e visuais podem também aparecer.

Quase não há glóbulos normais no sangue dos doentes afectados pelas leucemias agudas. O que resulta em que os sintomas da doença, que podem aparecer dum dia para o outro: palidez e fadiga, febre tenaz, infecções persistentes e hemorragias frequentes (nariz, gengivas, abdómen, pele)

Em certos casos, a afectação das células mãe, podem provocar dores ósseas. A fadiga, a perda do apetite e de peso, fazem frequentemente parte das características da doença.



Cordão Humano em Esgueira

2008-03-13T20:23:07.543+00:00

Primeiro Jornal
13-03-2008

Semana de luto na Educação na Escola Secundária de Esgueira (Dr.Jaime Magalhães Lima), em Aveiro, professores e alunos uniram-se no protesto.

http://sic.sapo.pt/online/video/informacao?p=2



Desabafo Desconhecido

2008-03-02T12:46:55.904+00:00

Trata-se de um PROFESSOR que não se identificou, nos comentários do BLOG "Movimento dos Professores Revoltados", mas que consegue através deste desabafo transmitir tudo o que fez pela escola, alunos, ensino e educação.É um texto que vem da alma e que muitos professores deste país se podem identificar, apesar de não o mostrarem publicamente. Pode por isso ser representativo de muitos pensamentos.Anónimo disse...Labor Omnia vincit improbusCurrriculum vitae gratuito de um Professor em Tempos LivresCom todo o tempo livre, dei liberdade a um percurso profissional, que escolhi por livre vontade, enquanto professor, a saber, profissional da Educação, um labor intelectual dedicado ao ensino-aprendizagem. Foi assim, que durante 20 anos de trabalho não lectivo vaguei por ai à procura de mim mesmo enquanto profissional, muitas vezes ausente da escola, mas sempre ao serviço (tal como me ensinou João de Deus: “à procura de me tornar cada vez melhor Professor”). Fiz o que me pareceu essencial, para me valorizar enquanto pessoa e enquanto profissional. Por isso registo, com mágoa e algum arrependimento (uma vez que não foi reconhecido) todo o tempo que estive ausente da Escola e/ou em tempo não lectivo a desenvolver as seguintes actividades:(Curriculum Laboral Gratuito)- Nos tempos livres, realizei reuniões com Pais e Encarregados de Educação, depois das aulas, em tempos que possibilitassem a presença dos Pais, normalmente depois das minhas aulas e em Horários compatíveis com os Horários laborais dos Pais;- Nos tempos livres, organizei mil e uma Visitas de Estudo, assumindo a responsabilidade pelos filhos de muitos Encarregados de Educação, mesmo sabendo que corria riscos, mesmo muitas vezes adiantando dinheiro a “fundo perdido” para que muitos visitassem Lisboa pela primeira vez, assistissem como espectadores estreantes a peças de Teatro, à Assembleia da República, a Filmes, a Reuniões/Encontros com outros alunos de outras Escolas e a outros e outros lugares que a minha memória já não consegue alcançar;- Nos tempos livres, inaugurei em conjunto com outros colegas um Clube de Cinema e Vídeo, que à custa de muitos telefonemas e de muitas viagens aqui e ali para angariar fundos, se concretizou com a conquista de um Equipamento de projecção caríssimo, que ficou ao serviço da Escola e dos alunos. Recordo-me de ter vagueado por ai à procura de apoios, junto das Empresas, das Autarquias, muitas das vezes a ouvir: “não”, “não pode ser”, “não é possível”;- Nos tempos livres, criei um Clube de Filosofia, iniciei o Projecto de Clube da Rádio e fiz parte do Jornal da Escola;- Nos tempos livres e durante 10 anos organizei, em conjunto com outros colegas intercâmbios com Escolas e Associações de Jovens de mais de cerca de 8 Países da União Europeia, entre eles, a Grécia, a Inglaterra, a França, a Holanda a Hungria, a Suécia, Alemanha, Espanha e Itália. Tudo isto planeado e concretizado em tempos livres, digo, em tempos não lectivos e à minha custa, digo, à custa do meu tempo e de algum do meu dinheiro;- Nos tempos livres, criei uma Unidade de Apoio (UNIVA) para consulta e aconselhamento Escolar e Profissional, o que foi feito nos meus tempos de Professor livre, sem obrigatoriedade de permanência na escola, muito à custa do meu dinheiro de viatura própria, sempre que se tratou de formalizar todo o Processo;- Nos tempos livres, fiz a Formação Contínua desejada, mesmo para além das necessidades estipuladas pelos Créditos obrigatórios. Apostei em mim e na[...]



Passa a palavra!!! Estamos de Luto pela Educação

2008-02-25T19:29:15.606+00:00

Passa já a palavra!!! Estamos de Luto pela Educação

Se és professor, educador ou te identificas com a causa defendida por esta classe de trabalhadores:

Coloca uma bandeira preta na janela da tua casa (pode ser pano de forro preto, leve para voar e sinalizar), como sinal de solidariedade e de união.
Passa a palavra por msg, sms, jornais locais ou até nacionais e também na blogosfera.

Não te esqueças…
Passa a palavra



Movimento dos Professores Revoltados

2008-02-13T00:31:44.275+00:00

"COLEGAS PROFESSORES!
De uma vez por todas VAMO-NOS UNIR!
O FUTURO não será cor-de-rosa e "estranhamente" temos consciência disso ... e estamos a ser coniventes.Sempre concordamos que os Sindicatos nada fazem ... e nós? Somos o MPR - Movimento Professores Revoltados, formado inicialmente por um pequeno grupo de professores INCONFORMADOS e a espalhar-se POR TODO O PAÍS com uma ENORME e galopante adesão.REENVIEM para TODOS os vossos contactos de professores os endereços do E-MAIL (movimentoprofesoresrevoltados@gmail.com) e do BLOG (http://movimentoprofessoresrevoltados.blogspot.com/) com o propósito de mobilizar TODO O CORPO DOCENTE para as iniciativas que nos propomos desenvolver.Consultem com regularidade o BLOG, comentem e/ou enviem artigos vossos para o nosso e-mail.Este BLOG pretende ser uma FORÇA ACTIVA!REENVIEM este e-mail, comentem com os vossos colegas na escola, COLABOREM por um OBJECTIVO ÚNICO!VAMOS LUTAR!Atenciosamente,
Movimento Professores Revoltados.
"Recebi este e-mail na última semana e confesso que por falta de tempo só agora estou a divulgar.Acredito que os nossos Blogs podem servir para alguma coisa, nomeadamente para sermos mais unidos e lutarmos pelos direitos de todos nós.Por onde passo, ouço os mesmos comentários,..."se me calhasse o euro milhões,largava a escola de um dia para o outro". Se calhar é mesmo isso que muitos de nós pensamos, pois actualmente não é nada gratificante desempenhar a função de professor. Somos meros bonecos que nos deixamos manipular, por falta de união.
Acreditem que a união faz a diferença! Já está marcado um encontro no dia 23 de Fevereiro nas Caldas da Raínha.
Verdadinha



Que é o cancro?

2008-01-27T11:50:11.304+00:00

A vida começa sempre no interior duma célula, que se divide e se multiplica antes de se especializar. As células normais funcionam entre elas de maneira sincronizada e harmoniosa. Unem-se para formar os tecidos, bem diferenciados, que formarão, eles próprios, os órgãos do corpo.

A doença cancerosa aparece quando uma parte das células normais começa a transformar-se e dividir-se de forma anárquica, para se tornarem malignas ou perigosas.

Se os mecanismos de defesa do corpo não são capazes de destruir estas células doentes, o seu número continua a aumentar para formar um tumor, de início bem delimitado.

Com o tempo, no entanto, o tumor vai invadir os tecidos vizinhos, para os destruir progressivamente.

As células cancerosas podem, igualmente, utilizar a via linfática ou sanguínea para atingir regiões do corpo muito afastadas do seu ponto de partida, onde formarão novos tumores chamados metásteses.

A palavra “cancro” é um termo genérico que designa perto de 150 tipos de tumores diferentes, afectando os diversos órgãos do corpo, tecido mielóide (ou medula óssea), que fabrica as células do sangue, assim como o sistema linfático.

Se o cancro é, talvez, a primeira causa de morte em Portugal, seguindo-o de perto as doenças cardiovasculares, nem sempre é mortal já que, mais da metade das cerca de 30 mil pessoas afectadas em cada ano, conseguem uma cura quase definitiva. Pelo menos em teoria.

É bom saber, por outro lado, que as hipóteses de cura aumentam em todos os casos em que o tumor está ainda bem delimitado. Razão pela qual é essencial detectá-lo precocemente, para que haja algumas hipóteses de remissão.

Passando á leucemia, trata-se duma doença grave das células do sangue. Em linguagem corrente, este cancro é também designado cancro do sangue.

O termo leucemia significa literalmente “sangue branco” e provém de que o número de glóbulos brancos se formam na medula óssea. Os leucócitos são um elemento importante do sistema imunitário.

Em função das suas diferentes vias de maturação, dividem-se em granulócitos e monócitos.

Uma parte dos linfócitos desenvolve-se no tecido linfático do corpo humano – “gânglios linfáticos, rata, amígdalas). Chegados á maturação, os leucócitos entram na via sanguínea e cumprem a sua função.

As leucemias estão divididas em duas categorias: as mielóides e a s linfáticas. Os granulócitos e seus estados percursores dizem respeito às leucemias mielóides. As células cancerosas proliferam de modo incontrolado e comprimem as células sãs na medula óssea. No caso da leucemia linfática, o sistema linfático pode também ser atingido. Neste caso, o sangue pode ser invadido por “glóbulos brancos” degenerados.



É deste tipo de ajuda que precisamos! Obrigada

2008-01-25T15:44:54.008+00:00

"Continua a bandalheira nacional


Orlando Costa
2008-01-24 16:49


Segundo o tipo de leucemia, uma segunda quimioterapia, dita de "consolidação", um pouco diferente da primeira, será encarada logo após a remissão. Pode ser feita de uma a três vezes, com, de cada vez, uma aplasia de três semanas.A fim de evitar uma recaída, gravíssima, da leucemia atacando o cérebro e o seu invólucro, uma quimioterapia local, chamada "profilaxia neuromníngica" será, sistematicamente feita para as leucemias linfoblásticas e algumas mieloblásticas, sob a forma de algumas punções lombares, acompanhada de uma sessão de "raios", mais convencionalmente chamados "radioterapia".A punção lombar é um acto que muitos pensam conhecer e sobretudo temer, pois pensam ser muito dolorosa. Não é verdade. Os médicos que as realizam têm uma grande experiência, já que as realizam diariamente sob anestesia local.Sempre com o fim de evitar uma recaída da leucemia, uma quimioterapia será continuada durante á volta de dois anos, sob a forma de medicamentos a tomar pela via oral, todos os dias, e também por curtos internamentos hospitalares regulares.A idade é o mais importante dos factores prognósticos; a possibilidade de remissão completa diminui com a idade. Além disso, o facto de estar presente uma mieoldisplasia antes da leucemia, reduz igualmente as hipóteses de remissão completa.É preciso saber que nos tratamentos das leucemias agudas, os progressos são regulares, e observa-se que apesar de as remissões completas atingirem uma boa percentagem, à volta de 70%, as pessoas afectadas não poderão nunca mais expor-se a determinados ambientes, um deles o escolar, dado não se saber onde pode surgir um factor desencadeante da recaída (bactéria) total e sem remissão possível.Todos os médicos sabem disto, o que leva a concluir que as Juntas (ditas) Médicas são dominadas por estranhos á medicina."

Todo este texto foi escrito nos comentários do PD do IOL, pelo Sr. que assina Orlando Costa.Aqui está a melhor forma traduzida nas palavras certas, as mais adequadas, para expressar que efectivamente a classe médica sabe o que está a fazer, quando indeferem uma aposentação por incapacidade, nomeadamente às pessoas que padecem de Leucemia.

Precisamos de pessoas que nos ajudem com este tipo de declarações, aparentemente ditas por alguém que é conhecedor do assunto, ou até mesmo, atrevo-me a arriscar que possa ter sido um médico o autor deste texto.

Obrigada ao Sr. Orlando Costa

Teresa Silva de http://www.averdadeacimadetudo.blogspot.com/ (verdadinha)




Ajudem-nos!

2008-01-24T10:41:14.218+00:00

Este é um espaço de excelência para que a verdade possa surgir.As injustiças vão-se revelando,pois os portugueses começam a perceber que a intimidação que tem invadido este país,por parte do grande poder político já não resulta.Os PORTUGUESES já não têm medo de represálias, pois o que está em jogo em todos estes casos, é a vida ou a morte.Quem se queixa, quem já não aguenta mais este sistema e esta engrenagem de injustiças,está finalmente a ter coragem e a ultrapassar estes medos e estas fobias.Quantos mais casos forem denunciados,mais pessoas terão a coragem de o fazer.Que este espaço do PD sirva para ajudar nos grandes problemas sociais,uma vez que da parte política tudo parece estar sempre muito bem resolvido ou que vivemos no país das maravilhas.Quando divulguei o 1ºcaso desta sequência,a minha mãe (Manuela Estanqueiro,professora),ex doente de leucemia,falecida em Junho de 2007,não era fingimento quando se queixava.Quando denunciamos a 1ªvez,estava a minha mãe viva,ninguém ligou...Foi preciso a minha mãe morrer,para este país acordar.Não me arrependo desta luta em que me envolvi.Posso ainda vir a ter alguns dissabores,mesmo assim não tenho medo.Divulgarei tudo de relevante que tenha conhecimento neste âmbito.Quanto à classe política,...é uma desilusão.Ainda estou a aguardar as promessas do Dr.Pedro Mota Soares (CDS-PP),para organizar uma audição pública,com debate aberto desta temática,para discutir sem tabus esta problemática.
Esta professora teve a coragem que ainda muita gente não teve.
Que se levantem todas as vozes que se sentem injustiçadas.
Foi criado um BLOG de ajuda à divulgação deste tipo de situações que já começa a dar frutos.

www.averdadeacimadetudo.blogspot.com
Ajudem esta luta a crescer.
Agradeço ao IOL, que através do PD tem conseguido abanar com os Srs. que se julgam intocáveis.
Estamos a falar de vidas humanas,...que merecem respeito e dignidade.
E os rendimentos atribuídos a saudáveis???Ninguém põe essa gente a trabalhar?
Vamos mudar o rumo das coisas,...se cada um desempenhar um papel activo na sociedade.
Teresa Silva (Verdadinha) de A VERDADE ACIMA DE TUDO

Este foi o texto que mandei para os comentários do IOL no PD, na publicação da noticia da deta (nossa colaboradora,doente de leucemia). Já deu a notícia na TVI e vamos ver se sai mais alguma coisa. Temos que ser unidos e lutar contra estas desumanidades.
Muita força DETA,assim alguém nos vai ouvir e saber que na prática as JUNTAS MÉDICAS continuam a negar aposentações a quem já não pode mais trabalhar.A sua idade não serve de desculpa,pois já foi dito pelo Sr.Ministro das Finanças que não está em causa a idade. Por isso....VAMOS LUTAR.
AJUDEM-NOS